Caminhada pela Paz

0comentário

sem comentário »

“Gorilas diplomados”: Sindicato dos Jornalistas diz que declaração de advogado destoa do seu dever

2comentários

Em nota divulgada no início da tarde de hoje, o Sindicato dos Jornalista Profissionais de São Luís reprovou as declarações publicadas em um blog pessoal pelo presidente da Comissão de Direitos Humanos da seccional maranhense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/MA), Antônio Pedrosa, contra a categoria, por ocasião do assassinato do jornalista Décio Sá. De acordo com a entidade, Pedrosa, “em momento provável de alguma dúvida, classificou os jornalistas que conquistaram formação superior como gorilas diplomados”.

O sindicato lamentou a posição externada pelo advogado, que ao enveredar pelo ódio vilipendiou a memória de um companheiro que agora não pode mais se manifestar. Segue a íntegra da nota:

SINDICATO DOS JORNALISTAS PROFISSIONAIS DE SÃO LUÍS/MA

NOTA

Esta entidade vem a público discordar, profundamente, das declarações do conceituado advogado Antônio Pedrosa, Presidente da Comissão dos Direitos Humanos da Seccional da OAB-MA, que, em momento provável de alguma dúvida, classificou os jornalistas que conquistaram formação superior, como “gorilas diplomados”.

Ditas palavras foram para classificar o trabalho daquele que em vida conquistou seu diploma de jornalista e exerceu a profissão dentro do seu estilo e liberdade: Nosso saudoso companheiro DÉCIO SÁ.

A classificação expressada pelo Advogado, destoa do seu dever, que plenamente respeitamos, em defender pessoas que cometem os mais bárbaros crimes, mas  são cobertos pelo manto e preceitos dos Direitos Humanos, representados na OAB-Maranhão pelo Dr. Antônio Pedrosa.

Lamentamos, portanto, que, ao emitir o seu conceito contra o nosso companheiro tão covardemente eliminado da vida, o respeitável profissional do Direito tenha enveredado pelo ódio a uma classe jornalística, e vilipendiado a memória de um companheiro que agora não mais pode se manifestar.

2 comentários »

Amarildo denuncia falta de segurança em São João Batista

0comentário

Amarildo denuncia violência em São João Batista

A Equipe de Reportagem do Blog de São João Batista, recebeu na última quarta-feira, 25, por e-mail ([email protected]) uma nota do bioquímico e pré-candidato a prefeito do município, Amarildo Pinheiro. Na nota, o pré-candidato fala sobre a onda de violência que tomou conta da cidade nos ultimos meses.
Amarildo Pinheiro

“Pelo amor do Pai Eterno: São João Batista está sangrando, socorra-nos Senhor! Mais uma vitima foi ceifada covardemente em nossa antes pacata, ordeira e extrovertida cidade Joanina. Já se foram tantos num curto espaço de tempo, “faltaria” espaço neste texto pra enumerá-los? São assassinatos de todas as ordens, quer seja pela morte matada ou morrida, na impiedosa forma de ser, chamada violência. Tenha esta, origem dentro do próprio lar, nas avenidas, nos ambientes de trabalho, nos vai e vem da vida cotidiana quer seja na zona urbana ou rural, e por fim, no mais cruel dos inimagináveis ambiente: A falta de respeito e dolo do gestor público como guardiã do seu povo.

Sabemos que a segurança do município, é de responsabilidade institucional do nosso estado, todavia se o gestor do município, não se sensibiliza por esta onda de terrorismo execrável em sua cidade, deveria sim, ser responsabilizada por improbidade administrativa.E em tudo ver acontecer às claras e escuras, das barbáries rotineiras ao seu redor e, em momento algum, tomou ou tomará uma decisão responsável como mandatária maior do município, mostrando pelo menos pra inglês ver, lógico, um absurdo, está preocupada com essa carnificina humana. Denunciando a toda imprensa falada, escrita e televisada, pra que o quarto poder (imprensa) tome conhecimento das atrocidades acontecidas em sua casa, qual seja seu município, estaria sim, fazendo sua parte.

Se é que se julga impotente, bradaria em alto e bom tom, S.O. S Governo do Estado, caracterizaria ai, seu respeito pelo povo. A esta apatia, falta de atitude, desprezo por seus conterrâneos, que clama por segurança e apoio, a essa conivência com tudo isto, chamaríamos senão conivência, com certeza despreparo pro cargo! Pois tudo assisti e nada ver? O pior de tudo, omiti e colabora com a impunidade! E haja maus noticiários do nosso município a, envergonhar nossa geração.

Por isso mesmo, caros conterrâneos, no calor desta insegurança, dessas constantes atrocidades da qual estamos reféns hoje, quiçá por mais dias? Imploramos aos políticos deste lugar, que não comungam com esse triste momento de nossa historia, assumamos total responsabilidade pela libertação política total e irrestrita da era Zequinha e Surama Soares deste comando. Caso contrário, estaremos por diante, incompetentes, levianos, vulneráveis e incapazes de reabilitar a tranquilidade habitual de nossa terra.

Por que saber que somos: individualistas nesta terra de gente boa, onde há mais “espaço” entre o céu e a terra, do que a nossa vã filosofia possa imaginar! Deus seja louvado, e em nome de Jesus! Perdoai-vos, eles não “sabem” o que fazem! “Amarildo PinheiroBioquímico e Pré-candidato a prefeito de São João Batista

Fonte: Blog de São João Batista

sem comentário »

ONU denuncia assassinato de Décio Sá

1comentário

Site da rádio ONU publicou matéria denunciando assassinato de jornalista maranhense; em nota, organização se diz "alarmada"

A alta comissária da Organização das Nações Unidas (ONU) para os Direitos Humanos, Navi Pillay, divulgou nota em que denuncia o assassinato do jornalista Décio Sá, ocorrido na noite da última segunda-feira (23), em um bar na avenida Litorânea.

Na nota, a representante da ONU se disse alarmada com a execução de mais uma jornalista no Brasil, a quarta somente este ano. Ela condenou o crime e disse estar preocupada com o que “parece ser uma tendência de assassinatos de jornalistas, o que está atrapalhando o exercício da liberdade de expressão no país”.

Em entrevista à rádio ONU, sediada em Nova York, o autor deste blog voltou a conclamar os colegas a ficar vigilantes para que o caso não caia no esquecimento e cobrou novamente a elucidação de crime.

Segue a íntegra da nota:

Estamos alarmados com a morte de outro jornalista no Brasil, chegando a quatro o número de jornalistas assassinados no país até agora este ano. Décio Sá, repórter investigativo que escrevia sobre política, corrupção e crime organizado, foi morto em um bar na segunda-feira, 23 de abril.

Nós condenamos seu assassinato e estamos preocupados com o que parece ser uma tendência de assassinatos de jornalistas e que está atrapalhando o exercício da liberdade de expressão no Brasil. Há muito tempo temos nos preocupado com a necessidade de os defensores dos direitos humanos dos brasileiros, incluindo jornalistas, poderem desenvolver seu trabalhar sem medo de intimidação ou coisa pior.

Nós nos congratulamos com o fato de que as autoridades têm estado comprometidas com este e outros casos semelhantes, para que eles possam ser tratados como prioridades afim de que os agressores não sejam encorajados pela impunidade de tais crimes.

Ao mesmo tempo, nós instigamos o governo à implementação de medidas de proteção para prevenir outros incidentes.

Um projeto de lei introduzido no Congresso em 2011, o qual determina a investigação policial de crimes contra jornalistas pela instância federal, pode ser considerado um passo em direção aos direitos. Esperamos que estas e outras medidas de proteção a jornalistas sejam adotadas com urgência.

Ouça o áudio da matéria no site da Rádio ONU clicando aqui.

1 comentário »

À espera de um acordo

0comentário

Ônibus permaneceram em garagem de empresa durante paralisação de rodoviários, na última terça-feira

A falta de acordo entre os sindicatos das empresas e dos trabalhadores em transporte rodoviário de São Luís pode resultar, nas próximas semanas, em mais uma greve de motoristas, cobradores e fiscais de ônibus. Apesar das sucessivas reuniões já realizadas, as duas partes ainda não fecharam o tão esperado acordo, que além de representar melhoria salarial e outros ganhos à categoria, afastará o risco de a população ser novamente penalizada por uma paralisação por tempo indeterminado.

Todos os anos, em abril, mês que antecede a data-base dos rodoviários, patrões e empregados do setor de transporte urbano da capital se envolvem em uma exaustiva negociação salarial, sempre marcada pela resistência das duas partes em ceder em praticamente todos os itens da pauta apresentada. Devido à intransigência, o Ministério Público do Trabalho não raro é acionado para mediar as discussões, o que novamente acontecerá, a partir de hoje, devido a mais um impasse.

Em nota divulgada no início da noite de ontem, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de São Luís (SET) informa que “houve um avanço nas negociações de certas cláusulas de cunho social”. A expressão, no entanto, é tão vaga que não é possível dimensionar até que ponto as discussões evoluíram. Por isso, arriscar qualquer prognóstico, pelo menos neste momento, seria precipitado. O certo é aguardar os próximos lances e torcer para que o bom senso prevaleça de parte a parte.

Nas ruas é possível perceber o receio da população diante da ameaça de mais uma greve no transporte rodoviário, sempre sinônimo de atrasos e faltas ao trabalho, quebra-quebra de ônibus e até prisões. Por conhecer bem os transtornos causados por esse tipo de movimento, os usuários acompanham com expectativa o noticiário sobre a negociação. A possibilidade de greve também agita os demais meios de transporte, principalmente os clandestinos, que faturam mais à custa do desespero dos cidadãos, obrigados a se locomover em veículos sem o mínimo de conforto e segurança. 

Por ser a detentora das concessões, a Prefeitura de São Luís deve agir com determinação para evitar a greve. E, se for preciso, terá que impor sua autoridade. Neste momento de incerteza, a administração municipal não pode assumir postura vacilante, pois sua intervenção pode ser decisiva para que os dois lados ora em conflito encontrem uma solução sem precisar recorrer a radicalismos.       

O Estado reconhece o direito legal de qualquer trabalhador à greve, mas entende que este deve ser o último dos recursos. Mesmo com o acordo ainda distante, o melhor caminho continua sendo o do diálogo, até que se esgotem todas as possibilidades de negociação. É o que a sociedade espera.

Editorial publicado nesta sexta-feira em O Estado do Maranhão

Foto: Flora Dolores/O Estado do Maranhão

sem comentário »

Bia Venâncio confirma que é pré-candidata à reeleição

1comentário

Bia entre Thiago Aroso e Alderico, durante a coletiva

Em entrevista concedida na manhã desta quinta-feira, em seu gabinente, a prefeita de Paço do Lumiar, Bia Venâncio, que foi reconduzida ao cargo na última segunda-feira (23) por decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), confirmou que é pré-candidata à reeleição. Ela acusou o vice-prefeito Raimundo Filho e aliados de terem saqueado vários órgãos municipais nos cinco dias em que esteve afastada do comando da prefeitura.

Bia acusou Raimundo Filho de ter cometido atos de vandalismo nos dias em que ele ocupou o cargo de prefeito. Alguns dos ilícitos cometidos pelo vice, segundo a prefeita, foram a violação de diversos documentos da administração municipal, tais como processos de licitação e pagamentos. Segundo a prefeita, nos dias em que Raimundo Filho esteve à frente da prefeitura foram furtados vários equipamentos de informática. “Desconfio que alguém ligado a ele seja proprietário de alguma loja de informática, pois sumiram muitos componentes de computador de órgãos municipais”, revelou Bia.  

Durante a coletiva, a gestora agradeceu o apoio que recebeu de correligionários políticos e da população de Paço do Lumiar. Sobre seu futuro político, a prefeita externou o desejo de concorrer à reeleição. “Por causa dos problemas de saúde que enfrento, eu já havia decidido que não disputaria uma nova eleição, mas repensei e estou disposta a encarar as urnas novamente”, afirmou.

A prefeita prevê que continuará sendo alvo de ataques por parte de adversários e de ações na Justiça. “Ainda vou levar muita porrada, mas me manterei firme, pois fui eleita pelo povo”, assinalou. O procurador-geral do Município de Paço do Lumiar, Carlos Luna, afirmou que todas as decisões que determinaram o afastamento de Bia Venâncio foram ilegais   

Mais

A prefeita Bia Venâncio foi afastada do cargo por força de uma liminar expedida no último dia 17 pelo desembargador Raimundo Melo. Mesmo cassado pela Câmara Municipal, o vice, Raimundo Filho, foi empossado por três vereadores aliados e depois obteve uma decisão da juíza substituta da Comarca de Paço do Lumiar, Vanessa Clementino, autorizando-o a assumir o comando da administração municipal. Na última segunda-feira (23), o presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministro Ari Pargendler, deferiu mandado de segurança impetrado pela defesa de Bia, devolvendo-lhe o mandato.

1 comentário »

Quanto vale uma vida?

3comentários

Do blog de Ricardo Fonseca

Acordei estarrecido com a triste noticia do assassinato do jornalista Decio Sa. Uma pessoa de personalidade forte, inteligente, sagaz e que incomodava muita gente com seus textos polemicos. Eh inadmissivel que nos dias de hoje atos de tamanha covardia sejam praticados a luz de uma possivel impunidade latente. Calou-se  uma daz vozes se nao a MAIS FERINA, uma das mais importantes do jornalismo maranhense da atualidade.

Seu blog era um costume adquirido ao longo de muito tempo por centenas de pessoas que buscavam a informacao CRUA e NUA dos fatos mais controversos possiveis, mas sobretudo, dos acontecimentos politicos locais e nacionais.

Suas palavras eram contundentes, as vezes agressivas outras confortantes e esperancosas. DECIO era o que era, um genio de estilo forte que desafiava os malfeitores para levar a noticia as pessoas de bem, uma especie de ROBIN HOOD do jornalismo brasileiro, onde  suas notas muitas vezes tiveram repercussao nacional.

Diante de tantos absurdos denunciados por ele, fica uma pergunta : _ Quanto vale uma vida?

Dizer a verdade incomdoda muita gente, incomoda tanto que confundiram o profissional dedicado, que amava o que fazia, com o ser humano que desfrutava um momento de lazer para covardemente calarem sua voz.

Va confrade Decio, que Deus conforte seu coracao brutalmente arrancado da terra e tambem conforte o coracao de seus amigos e familiares que estao sentindo a sua falta nesse momento tao dificil.

NOTA DO BLOG: O ULTIMO ENCONTRO QUE TIVE COM DECIO, FOI HA DUAS SEMANAS NA COLETIVA DE IMPRENSA DO PRE CANDIDATO A PREFEITO DE SLZ ROBERTO ROCHA, NO PLENARINHO DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO MARANHAO.

3 comentários »

Infraero apresenta plano de obras no aeroporto a deputados e a entidades de classe maranhenses

0comentário

A Infraero, representantes da bancada maranhense na Câmara dos Deputados, da Assembleia Legislativa do Estado e de entidades de classe como a Federação das Indústrias do Maranhão (Fiema) se reuniram nesta terça-feira (24/4) para avaliar o andamento das obras de recuperação do terminal de passageiros do Aeroporto Internacional de São Luís. O objetivo foi buscar alternativas para dar mais agilidade aos serviços.

Durante o encontro, realizado na sede da Infraero, em Brasília, o presidente da empresa, Gustavo do Vale, apresentou o histórico do incidente que causou a interdição do terminal, as ações que tiverem de ser tomadas desde então, as dificuldades em encontrar uma empresa que realizasse as obras, entre outros pontos.

O diretor de Engenharia, Jaime Parreira, e o assessor especial da Presidência, José Clóvis Dattoli, detalharam o plano de execução à bancada maranhense. Entre as ações estão o reforço da equipe de engenharia da Infraero, que enviou 14 especialistas para dar suporte à obra, além de reuniões periódicas com a empresa contratada para buscar mais rapidez nos serviços. “Eles se comprometeram a implantar o turno de trabalho da madrugada, o que agilizaria o trabalho”, disse Jaime Parreira.

Após a exposição, o presidente da Fiema, Edilson Baldez, entregou uma carta assinada por diversas entidades de classe do Maranhão pedindo a conclusão das obras e a expansão do aeroporto. Ele também destacou a necessidade de se somar esforços em prol do aeroporto. “Nos colocamos à disposição para fazer o que for necessário pelo aeroporto de São Luís”, disse Baldez. Sobre a ampliação do terminal, o presidente da Infraero se comprometeu a avaliar as perspectivas para São Luís para dar uma resposta o mais rápido possível.

Controle externo

A participação dos órgãos de controle externo também foi abordada no encontro. O presidente da Infraero destacou que todo o processo tem sido acompanhado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) e pelo Ministério Público Federal (MPF). “Além disso, a Justiça Federal mediou um acordo entre a Infraero e o consórcio para a correta execução da obra”, afirmou o presidente.

Ao todo, a reforma de recuperação do terminal de passageiros de São Luís vem recebendo investimentos que somarão R$ 12,7 milhões. Sobre o prazo de conclusão, a Infraero continua trabalhando com o cronograma apresentado à Justiça Federal pela própria construtora responsável pela obra, ou seja, 26 de maio.

Ao final foi acordado que os representantes da Fiema promoverão um encontro, em São Luís, o mais breve possível, entre os participantes desta reunião e a empresa responsável pela obra, EP Engenharia, Comércio e Representações Ltda. O objetivo é acelerar o andamento da obra o máximo possível.

Fonte: www.infraero.gov.br

sem comentário »

Recompensa: Disque-Denúncia oferece R$ 100 mil por informações sobre assassinos de Décio Sá

0comentário

O Disque Denúncia do Maranhão lançou, nesta terça-feira (24), uma campanha para a identificação e localização do assassino do jornalista e blogueiro Décio Sá. O Instituto Brasileiro de Combate ao Crime (IBCC), responsável pelo gerenciamento da Central Disque Denúncia no Brasil, recebeu doações privadas no total de R$ 100 mil para pagamento de recompensa, por informações que levem a elucidação do caso.

O crime aconteceu na noite da última segunda-feira (23). O jornalista estava em um bar e restaurante localizado na Praia de São Marcos, Avenida Litorânea, quando foi atingido por seis tiros, sendo quatro na cabeça e dois nas costas.

O atirador, que segundo informações teria características indígenas, após ter cometido o crime, fugiu em uma motocicleta. O Disque Denúncia do Maranhão já recebeu dez informações sobre o fato. Todas as denúncias estão sendo encaminhadas à Delegacia de Homicídios, que está à frente das investigações do caso.

Quem tiver informações que ajudem a polícia no esclarecimento da morte do jornalista, ligue para os números do Disque-Denúncia: (98) 3223 5800 – capital (MA) e 0300 313 5800 – interior (MA), ou ainda 0300 253 1177 – custo de uma ligação local para todo o Brasil.

O serviço garante o total anonimato no momento da ligação e o funcionamento 24 horas. Ajude a polícia esclarecer este caso. Ligue e denuncie, o anonimato é garantido.

Fonte: Disque-Denúncia

sem comentário »

Sarney tem alta do Sírio Libanês; senador comemora 82 anos hoje

0comentário

José Sarney teve alta no dia em que comemora 82 anos

O presidente José Sarney recebeu na manhã de hoje alta médica do Hospital Sírio Libanês. A previsão é de que permaneça na capital paulista nos próximos 7 dias.

Sarney, que nesta terça-feira completa 82 anos, estava internado no hospital desde o último dia 14, quando deu entrada para fazer exames após sentir um mal estar.

Após ser submetido a um cateterismo, que detectou o entupimento de uma das artérias do coração, e a uma angioplastia, ele foi internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Dois dias depois, foi encaminhado a um apartamento, onde permaneceu até esta manhã.

sem comentário »