Deputado Wellington apresenta projeto que cria prêmio “Professor Nota Dez”

1comentário

Prêmio proposto por Wellington será concedido aos educadores que mais se destacarem na apresentação de um trabalho inovador, criativo e transformador

O deputado estadual Wellington do Curso (PP) apresentou, na Assembleia Legislativa do Maranhão, Projeto de Lei que cria prêmio para os educadores da Rede Pública de Ensino do Estado. A proposta tem por objetivo incentivar os professores e motiva-los a investir na pesquisa, a fim de contribuir para a melhoria do ensino.

A premiação “Professor Nota Dez” será concedida aos educadores que mais se destacarem na apresentação de um trabalho inovador, criativo e transformador que tenha repercussão no aprendizado seja como atividade complementar ou em sala de aula.

“Enquanto educador, eu sei dos desafios enfrentados por nossos professores diariamente. Sei também que embora eles ensinem porque possuem uma vocação, não são raras as vezes em que encontramos professores desestimulados devido à falta de condições infraestruturais. Por isso, apresentamos aqui esse projeto com o intuito de motivar nossos educadores a desenvolverem pesquisas. Quando colocamos educação como prioridade, professor passa a ser valorizado e respeitado por conceder a nossos jovens o bem mais precioso que o homem pode ter, isto é, o conhecimento.”, afirmou o professor e deputado Wellington.

ENTENDA O PROJETO:

A premiação será aberta a todos os professores em exercício, que deverão inscrever-se com um só trabalho, independentemente da área ou disciplina de atuação. O prêmio contemplará 10 (dez) premiações de primeiro ao décimo colocado a serem definidas pela Secretaria de Estado da Educação a cada ano letivo.

1 comentário »

Nota de esclarecimento – Conselho Tutelar Área Anil-Bequimão

1comentário

Nota do blog: sobre a pretendida exclusão da matéria, o titular reserva-se o direito de mantê-la, tendo em vista o interesse público do fato e a gravidade da denúncia, devidamente formalizada por órgão competente.

1 comentário »

Após reunião com deputado Wellington, aprovados em concurso de Barreirinhas desocupam prefeitura

1comentário

Wellington reafirmou sua disposição de intermediar um acordo entre aprovados e Prefeitura

O deputado estadual Wellington do Curso (PP) se reuniu, na tarde desta sexta-feira, 24, com os aprovados do concurso da Prefeitura de Barreirinhas, que aconteceu em 2016. A reunião é desdobramento do encontro de ontem quando, após a chegada do deputado Wellington à cidade, os aprovados que estavam acampados na sede da Prefeitura como forma de protesto há 03 dias, acataram a solicitação do parlamentar e desocuparam o espaço. Os aprovados fizeram isso após o deputado Wellington se comprometer em realizar audiência pública, a fim de discutir a convocação dos aprovados no último concurso por parte da Gestão Municipal.

“Nós estudamos, nos preparamos e, agora, vemos que o Prefeito quer contratar e não quer convocar quem foi aprovado.”, disse Irlana Mendonça, uma das 328 aprovadas que realizaram o concurso em abril de 2016 e foram nomeados no dia 27 de dezembro e, até o presente momento, não tomaram posse.

Sobre a situação, Wellington destacou que, enquanto deputado, não pode resolver o problema, mas que está à disposição para intermediar esse acordo entre aprovados e Prefeitura.

“Eu vim a Barreirinhas a pedido dos aprovados no último concurso que encaminharam a solicitação até o nosso gabinete. Como deputado estadual, eu não tenho a atribuição de dar posse a ninguém. Afinal, essa administração cabe ao prefeito. No entanto, coloco-me à disposição para intermediar esse diálogo entre aprovados e Prefeitura.”, disse Wellington.

Após duas reuniões com os aprovados, ficou agendada uma audiência pública para o dia 08 de março, às 16h, que deve contar com a presença do Prefeito, de vereadores, do Ministério Público, da Defensoria Pública, do Judiciário, de secretários e dos aprovados. Além disso, o deputado Wellington encaminhará a solicitação por meio de indicação, na Assembleia Legislativa, ao prefeito e secretários da cidade.

1 comentário »

Prefeitura de São Luís divulga alterações no trânsito para o Carnaval 2017

0comentário

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), considerando a necessidade de manter a ordem no que diz respeito ao tráfego de veículos e à oferta de transporte coletivo urbano durante o “Carnaval de Todos”, feito em parceria com o Governo do Estado, vai interditar as ruas e avenidas que recebem a programação momesca. A ação visa proporcionar segurança e conforto ao folião e aos moradores destas áreas.

“As interdições visam proporcionar maior tranquilidade aos brincantes nos trechos que correspondem ao circuito do Carnaval e no desfile das escolas de samba, em mais uma parceria celebrada entre a Prefeitura e o Governo do Estado, em favor da população ludovicense”, explicou o titular da SMTT, Canindé Barros.

No sentido Beira Mar/pontes São Francisco e Bandeira Tribuzi/Praça Maria Aragão, a interdição para ônibus e carros ocorre na subida do Palácio dos Leões, sentido Ponte do São Francisco e, da Ponte São Francisco, até a Bandeira Tribuzi, visto que terá eventos na Praça Maria Aragão e concentração de blocos em frente ao atual Viva Cidadão (antigo Casino). Na Beira-Mar, a SMTT irá restringir a circulação de veículos, a partir do sábado (25) até a terça-feira de carnaval (28), das 14h às 2h.

Sendo assim, quem vem de ônibus e carro do São Francisco para o Centro, atravessa a Beira-Mar para a Rua do Egito (mão dupla para carros, menos para ônibus), segue pela Avenida Magalhães de Almeida, Anel Viário, Mercado do Peixe, Terminal da Praia Grande; quem vem ônibus e carro do Jaracati, tem todo o sentido Praça Maria Aragão interditado, nesse caso, segue pela Camboa via Rua Venceslau Braz, seguindo para a Praça Deodoro, via Avenida Gomes de Castro e Rua da Paz.

As duas vias da Ponte Bandeira Tribuzi, sentido Jaracati e Avenida Quarto Centenário, no entanto, estão liberadas. Quem vem de ônibus ou carro da Avenida Vitorino Freire (Areinha) e de outras vias no sentido Jaracati e Beira-Mar, pode seguir direto pelas vias sentido Jaracati e Quarto Centenário ou fazer retorno debaixo da Ponte Bandeira Tribuzi, sentido Venceslau Braz (Camboa) -Praça Deodoro. Na Rua Barão de Itapary (Hospital Dutra) para a Praça Gonçalves Dias, está interditado.

Quem vem do Anel Viário pela Beira-Mar, sobe pela Praça Pedro II, Beco da Sé e sai para a Rua do Egito. Será Interditado o sentido Rua Rio Branco, desde o Ginásio Costa Rodrigues (Rua dos Veadeiros, que contorna o ginásio). Assim, quem vem dos bairros segue pela Praça Deodoro, via Avenida Gomes de Castro, segue pela Rua da Paz, sentido Avenida Magalhães de Almeida. Todas as vias paralelas da Praça Deodoro, que dão sentido à Beira-Mar, via Rua Rio Branco, estarão interditadas.

CIRCUITO MADRE DEUS

O trecho sofrerá interdições em todas as ruas ao longo da Rua das Cajazeiras no sentido do bairro Madre Deus. Sendo assim, ficarão interditadas as Ruas São Pantaleão, do Norte e Passeio e acesso de ruas laterais à Rua do Passeio até o Cemitério do Gavião. O Caminho da Boiada está liberado a partir do cruzamento coma Rua do Outeiro. A interdição será nos dias 25, 26, 27 e 28 de fevereiro no horário das 14h às 23h.

Do mesmo modo, o acesso à Rua São Pantaleão pelas ruas do lado do Anel Viário, Passarela do Samba e Avenida Vitorino Freire estarão interditadas, especificamente o final da própria Rua São Pantaleão, ruas Lúcio Mendonça, Avenida Rui Barbosa, ruas Lúcio Mendonça e Afonso Celso, Rua do Norte (à altura do Cemitério do Gavião), Avenida Ribamar Pinheiro, Rua do Burgo, Beco das Minas, Rua Santiago. A Rua das Cajazeiras está livre.

PASSARELA DO SAMBA

Está liberado o tráfego na via ao lado do Ceprama, seguindo o TRE, Anel Viário, sentido Rua das Cajazeiras, bem como a Rotatória do Anel Viário para veículos vindo da Beira-Mar ou Itaqui-Bacanga sentido Palácio dos Leões-Rua do Egito. A interdição do trânsito na Passarela do Samba, localizada na Avenida Vitorino Freire e Fonte do Bispo, para a realização do Carnaval de passarela em São Luís, ocorrerá também nos dias 24, 25, 26, 27 e 28 de fevereiro, no horário das 17h às 2h.

A SMTT ressalta que no disciplinamento do trânsito vai dispor de várias equipes, motos e viaturas, com um total de 260 agentes, que vão atuar nos principais circuitos de Carnaval e em alguns pontos de grande movimento da folia em bairros, todos agindo conforme o CTB. Em relação ao atendimento de transportes, a frota de ônibus circulará regularmente, sem alteração, igual aos dias úteis.

Nesta temporada carnavalesca, a Prefeitura alerta aos condutores e comunidade em geral, quanto ao valor da vida, aliada ao respeito às leis de trânsito. Obedecer às interdições, a sinalização e as ordens do agente de trânsito, assim como, se caso ingerir bebida alcoólica, não dirigir, são algumas práticas que geram segurança, evitando acidentes lesivos ou até mesmo fatais envolvendo os usuários do trânsito em geral.

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação (Secom)

sem comentário »

Márcio Jerry em campanha antecipada?

0comentário

Mirando uma vaga na Câmara Federal, em 2018, o secretário de Estado da Comunicação Social e Assuntos Políticos e presidente estadual do PCdoB, Márcio Jerry, parece disposto a turbinar sua popularidade e até mesmo a desfazer a má fama e a antipatia que sua figura desperta no povo e em grande parcela da classe política. Para tanto, investe pesado em patrocínio de festas de Carnaval no interior, com a providencial inclusão do seu nome entre os apoiadores.

É o caso de Esperantinópolis, onde a folia será bancada pelo governo, em parceria com a prefeitura local. O material de divulgação do Carnaval do município, cuja programação se estenderá de sábado a terça-feira, traz estampado, além das atrações, o nome de Márcio Jerry (logo abaixo da logomarca do Governo do Estado), um caso inequívoco de personalismo e um claro indício de oportunismo eleitoreiro.

Em meio à tentativa do comunista de reposicionar sua imagem, surge um questionamento: não estaria ele cometendo ato de improbidade ao promover o seu nome à custa do cargo que exerce e dos recursos do Estado, abusando do poder supremo que lhe é confiado pelo governador e amigo Flávio Dino?

sem comentário »

Título suprimido em cumprimento a decisão judicial

3comentários

Uma denúncia de abuso sexual de uma adolescente de 15 anos, feita em nível nacional, envolve o Conselho Tutelar da Área Anil/Bequimão. O caso, segundo o relato da suposta vítima, aconteceu em dezembro do ano passado e já é de conhecimento de órgãos de defesa da criança e do adolescente de São Luís. O blog obteve com exclusividade cópia da ocorrência, registrada pelo Disque Direitos Humanos (Disque 100), unidade do Departamento de Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos, vinculado à Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República.

Conforme consta em denúncia formulada ao Disque 100, o conselheiro tutelar suplente identificado apenas como Neto “passou as mãos nas partes íntimas da vítima”, que é interna do Abrigo Lar Dom Calábria, na Cidade Operária. O abuso teria acontecido na noite de 9 de dezembro de 2016, dentro de um carro que o suspeito dirigia quando fazia o transporte da menor para a referida unidade, mesmo não estando apto a desempenhar tal função.

Férias do titular

O titular do Conselho Tutelar da Área Anil/Bequimão entrou de férias, mas o impasse causado pela denúncia impediu que o mesmo fosse substituído por um dos suplentes. Quem assumir terá que executar todas as tarefas e fazer uso de todas as prerrogativas que o cargo confere, como receber, apurar e comunicar às autoridades casos de pedofilia, maus tratos, abandono, falta de vagas em escolas, de leitos em hospitais, dentre tantos outros danos à infância e à adolescência.

Fonte com atuação na defesa dos direitos de crianças e adolescentes ouvida pelo blog lamentou o episódio e argumentou que o ato denunciado põe em descrédito a escolha de conselheiros tutelares. Ele explica que para se candidatar à vaga, qualquer indivíduo precisa comprovar tão somente a prestação de serviços comunitários. “Não é feita uma investigação social ou mesmo criminal do interessado”, observou.

Em São Luís, existem, atualmente, 10 conselhos tutelares: Cohab-Cohatrac, Anil-Bequimão, São Francisco-Cohama, Itaqui-Bacanga, Coroadinho-João Paulo, Centro-Alemanha, São Cristóvão – São Raimundo, Vila Luizão-Turu, Rural e Cidade Operária-Cidade Olímpica. Todos são vinculados ao Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (CMDCA) e mantidos pela prefeitura, por meio da Secretaria Municipal da Criança e do Adolescente e Assistência Social (SEMCAS).

Abaixo, cópia da denúncia formulada ao Disque 100 (o registro apresenta trechos apagados e é preciso ampliar para ler):

3 comentários »

Governo do Estado acata solicitação do deputado Wellington e reforma CAIC de São José de Ribamar

0comentário

Wellington pediu também implantação de uma unidade do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) no município

Na manhã desta quinta-feira (23), ocorreu a solenidade de entrega da reforma do CAIC de São José de Ribamar e, também, a inauguração do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia. Tais obras são resultados de solicitações feitas pelo deputado Wellington do Curso (PP) que foram encaminhadas ao Governo do Estado.

Trata-se da Indicação N° 955/2015, que foi apresentada pelo deputado Wellington no dia 03 de dezembro de 2015, que solicitava a reforma geral do Centro de Ensino São José de Ribamar (CAIC), no bairro São Raimundo do Saco.

“É com alegria que vemos mais uma de nossas solicitações ser acatada e transformada em realidade. Temos um posicionamento independente, em defesa do povo e, por isso, todas as solicitações aqui apresentadas não são minhas, mas da população. Ficamos contentes por saber que o Centro de Ensino foi reformado. Os estudantes agradecem.”, disse Wellington.

Além da solicitação da reforma do CAIC, Wellington pediu, ainda em 2016, a implantação de uma unidade do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) em São José de Ribamar, solicitação que também foi acatada.

“Em 2016, apresentamos a indicação N.º 147/2016, solicitando a implantação de um IEMA em São José de Ribamar. Fizemos uma solicitação específica para o bairro Parque Vitória, já que foi de lá que a solicitação dos moradores surgiu. Nosso compromisso é em defesa da educação e continuaremos dando voz às solicitações de cada habitante. Esse é o nosso jeito de fazer política: ouvindo a população, encaminhando as solicitações a quem pode efetivar e, então, ter o que nos motiva mais ainda a ter uma postura coerente e independente, isto é, um mandato popular”, afirmou o professor e deputado Wellington.

sem comentário »

Carnaval na Casa das Dunas

0comentário

Espaço vai virar território da folia e editará quatro animados bailes, de sábado a terça-feira; uma das programações terá Bicho Terra

Quatro motivos para prender o folião na Ilha de São Luís neste Carnaval quem tem é a Casa das Dunas. O espaço musical mais divertido da Avenida Litorânea montou uma programação diversificada, com os melhores bailes da temporada. A festa terá início no Sábado Gordo, às 20h, com o Baile da Bermuda.

O Baile da Bermuda terá Marabloco, Vamu di Samba, e Carlos Berg. No domingo, no Baile do Leblon, a festa será animada por Vamu di Samba, Mix in Brazil e Negro Som. A programação terá continuidade na segunda-feira, com o Baile do Bicho Terra e a participação da banda Mix in Brazil. E na terça-feira, hora de se despedir da folia, será a vez do Baile da Saudade, com Sambaceuma, Bicicletinha e Marabloco.

Segundo Ricardo Fernandes, sócio-proprietário do espaço de entretenimento, para subir ao palco e convidar os foliões a entrar na dança, um time animado de artistas foi escalado e garantirá a mistura de ritmos típica do entrudo brasileiro.

“Iremos oferecer bailes temáticos em clima de Carnaval com a nossa marca e eles embalarão a todos que escolherem a Casa das Dunas para aproveitar a festa mais popular do Brasil”, disse Ricardo Fernandes.

Um dos pontos altos da programação será o Baile do Bicho Terra, recebendo um dos projetos mais esfuziantes da Companhia Barrica. Comandado por José Pereira Godão, o bloco do Bicho Terra está no clima da primavera, nome do mais nome integrante da trupe.

“Faremos uma apresentação tal e qual costumamos fazer nas ruas do circuito, na Madre Deus, contagiando a todos com o nosso repertório, as nossas coreografias e, claro, com a nossa alegria”, garantiu José Pereira Godão.

sem comentário »

“Professores não querem só gratificação, e sim reajuste”, afirma Wellington em audiência

0comentário

Wellington reafirmou seu compromisso incondicional com a classe e anunciou que apresentarás alterações à Medida Provisória

Em defesa dos professores da Rede Pública do Estado do Maranhão, o deputado estadual Wellington do Curso (PP) participou, na tarde desta terça-feira (22), de audiência pública que abordou a Medida Provisória n º 230/17, de autoria do Executivo. A audiência é resultado de várias solicitações de professores, que estão revoltados com a Medida Provisória que, dentre outras coisas, congela vencimentos dos professores ao violar o art.32 do atual Estatuto do Magistério, que impõe obrigatoriamente o reajuste dos vencimentos.

Durante a audiência, vários professores desabafaram e mostraram a insatisfação que permeia a categoria. “O atual governo nos desrespeita. Quem padece somos nós. Nosso Sindicato? Esse não nos representa. Representa o Governo, mas não os professores. E essa Assembleia aqui está mais uma vez sendo posta a teste: se é do lado do povo ou é apenas um puxadinho do Governo. Se nossa juventude está perdida no mundo das drogas a culpa é dos governantes”, desabafou o professor Rezzo Junior.

Indo ao encontro do desabafo do professor Rezzo, o próprio diretor do Sinproesemma, Euges Lima, concordou com a “politização do Sindicato”. “Houve discussão sobre o tema no Sindicato, mas é com tristeza que vemos que a vontade política predominou. Sem discutir coisa alguma com a categoria dos professores. Essa Medida é nociva aos interesses da nossa categoria”, afirmou Euges.

Os professores abordaram ainda o congelamento dos vencimentos e a tentativa do governo em reduzir o percentual de reposição salarial. “Querem congelar nossos vencimentos. Desde 2016, não tivemos o reajuste conforme o art 32 da 9.860/13 assegura. Não queremos só gratificação, mas sim reposição salarial de 19,87%. Qual a desculpa deles para retirar nossos direitos? Eles dizem que não há recursos. Para a Secretaria de Comunicação eles aumentam orçamento, e nós, professores, ficamos como?”, falou o professor Marcelo Pinto.

“Devem ter pensado ‘Vou dar uma esmola e o professor vai se calar. Nós somos profissionais. Tem que respeitar. Não estamos pedindo esmola. Só queremos que se cumpra a lei”, disse a professora Katia Pinheiro.

Na audiência, vários professores desabafaram e mostraram a insatisfação que permeia a categoria

Ao ouvir os desabafos dos professores, o deputado Wellington reafirmou seu compromisso incondicional com a classe e disse que irá apresentar as alterações à Medida Provisória, impondo um reajuste justo e de acordo com a lei para os educadores.

“Enquanto educador, eu não poderia me omitir. Não posso ver os vencimentos de professores sendo congelados e não fazer coisa alguma. Isso seria contraditório. Não somos contra o aumento da gratificação. Defendemos também o reajuste dos vencimentos de 11,36% retroativo a janeiro de 2016 e 7,64% referente a janeiro de 2017. Os nossos professores não estão pedindo favor algum: o Estatuto do Magistério impõe a obrigatoriedade desse reajuste. Iremos apresentar as alterações por meio de emenda à Medida Provisória, além de solicitar ao governo o reajuste de 19,87%. Tais pedidos refletem, tão somente, a vontade do professor, que merece ser respeitado e valorizado”, afirmou o professor deputado Wellington.

Além do deputado Wellington, estiveram presentes o deputado Eduardo Braide (PMN), o deputado Max Barros (PRP), o vereador Professor Sá Marques (PHS), além do professor da UEMA Saturnino e o professor do Estado Antonisio Furtado , representando a categoria.

sem comentário »

Carnaval invade academias de ginástica em São Luís

0comentário

Carnaval invade as academias
de ginástica em São Luís e uma forma de forma de confraternização entre alunos, pais e professores

A alegria não tem endereço fixo e tudo vale para entrar na folia. Na verdade, o que conta mesmo é a criatividade. Até as academias de ginástica entraram na dança em São Luís. Um exemplo é a Viva Água, no Renascença II, onde a festa invadiu todos os espaços de atividades.

Os alunos usaram fantasias até dentro da piscina e coloriram os setores de musculação, crossfit, hidroginástica e assim por diante. A professora Denise Araújo, diretora geral, adisse que o Carnaval na Viva Água é uma tradição. “É uma forma de confraternização entre alunos, pais e professores. Tudo em nome do bom humor e da alegria”.

sem comentário »