Terra: CD com vários significados para Anna Torres

0comentário

A cantora Anna Torres, acompanhada de banda, faz show neste sábado, dia 11, a partir das 21h, no Teatro Artur Azevedo, com produção de Guilherme Frota. Será o show de lançamento do mais recente CD Terra, de comemoração dos 25 anos de convivência com a música, e terá como convidados os músicos Erasmo Dibell, Marco Duaillibe, Mano Borges, Célia Sampaio, Samuel Jafé e Alessandra Queiroz. Indagada sobre essas participações, Anna diz que são artistas com as quais têm ligação. “São pessoas que eu
conheço, tenho admiração e quero compartilhar esse momento no palco com todos eles”, complementou.

Anna Torres. Foto: Neilson Mendes/Mirante FM

Anna Torres. Foto: Neilson Mendes/Mirante FM

O disco

Anna Torres falou do CD “Terra” e da importância dele em sua trajetória de 25 anos. “O Terra é um disco
significativo, pois ele legitima a minha preocupação com o Meio Ambiente. É uma forma que encontrei para
falar da Terra como o chão que nos alimenta. A Terra como sinônimo de ser latina, brasileira e ter nascido em
Lago da Pedra, no Maranhão”. O Terra traz quinze faixas com destaque para “Ilha do Amor”, de autoria de Anna Torres, em que ela reverencia São Luís, a cidade em que ela diz ter um contato mais amplo com a música.

Tem ainda, “Terra”, de autoria dela e Humberto Pereira, além de “Mãe”, dela e Christophe Baterry. “Essa música é dedicada a minha mãe Maria, que morreu há três meses. Foi uma grande perda em minha vida. No processo da criação dessa música, ao ouvi e cantá-lo sempre me emociono. Tenho a certeza que a minha mãe está em um bom lugar”. A música “Mãe” tem a participação da sua filha, Mariana de cinco anos.

Versão

Outra canção, que virou ‘single’ do disco, é a “Feliz”, uma adaptação feita por Anna Torres, para a música “Chandelier”, da cantora e compositora australiana Sia, e já toca na programação da Mirante FM.

Questionada sobre a versão feita para a música da Sia, Anna Torres foi categórica em dizer que o seu disco “Terra” é pop, passeia por várias texturas sonoras e timbres.

– Ouvi essa música da Sia e me toca muito. Resolvi fazer uma adaptação em portugues..falando de um sentimento universal em que todos querem ser felizes e temos o direito de ser felizes”, ressalta.

Celebração

Anna Torres disse estar feliz em voltar à ilha e dividir esse seu momento com o público local.

– Nesse disco eu fiz uma radiografia da minha vida, da minha história com a música. Fui buscar minhas origens que me fortaleceram como ser humano. Me deu a certeza para onde eu quero ir. Eu tenho a noção exata quando olho para trás e percebo que andei muito. Fico orgulhosa de mim. Deixei Lago da Pedra, uma cidade do Maranhão em que não tinha acesso à música. Cheguei em São Luís onde aprendi a conviver com a música. Hoje, eu vejo que sou uma das artistas brasileiras mais conceituadas na França. Isso me deixa orgulhosa, o fato de ter conquistado esse espaço. Foi uma missão difícil. Mas, fui perseverante. É um privilégio ! – declarou.

Anna Torres prometeu um show de uma hora e meia, mas afirmou que tudo vai depender do público.

– Se o público estiver a fim de festa, a gente estende – brincou.

sem comentário »

Zeca Baleiro canta Zé Ramalho em CD e DVD

0comentário

Pra comemorar o lançamento do álbum “Zeca Baleiro Canta Zé Ra malho | Chão de Giz” no iTunes essa semana, Zeca Baleiro liberou o vídeo da faixa que dá nome ao trabalho, “Chão de Giz”, em seu canal oficial no YouTube.

baleiro640

Enquanto chega às lojas de todo o Brasil, “Zeca Baleiro Canta Zé Ramalho | Chão de Giz” está disponível para venda exclusivamente no iTunes. E a partir do dia 10 julho, os fãs poderão também adquirir o produto em outras plataformas digitais, como Spotify, Google Play, Rdio e Deezer. O álbum reúne faixas do DVD homônimo, que traz show dirigido por Monique Gardenberg.

Neste lançamento da Som Livre, Zeca Baleiro canta músicas de Zé Ramalho e representa no palco todo universo épico e apocalíptico do bardo paraibano. O álbum traz canções como “Admirável Gado Novo”, “A Dança das Borboletas”, “Chão de Giz”, “Avôhai” e muito mais. O DVD traz 17 faixas, enquanto o CD reúne 14 e a edição digital conta com a faixa-bônus “Garoto de Aluguel (Taxi Boy)”, gravada em estúdio.

sem comentário »

Reencontro: Baby e Pepeu no Rock In Rio 2015

0comentário

Baby do Brasil e Pepeu Gomes juntos de novo! Depois de 27 anos sem dividirem o palco, a dupla, que marcou a história da música brasileira, vai se reencontrar no Rock in Rio. A nova parceria só será possível por causa de Pedro Baby, filho dos músicos.

Foto: Carolina Caldas / Gshow

Foto: Carolina Caldas / Gshow

O show será no Palco Sunset, no dia 20 de setembro.

sem comentário »

Pão com Ovo na cidade de Mossoró (RN), em julho

0comentário

Entre os dias 16 e 18 de julho, tem Pão com Ovo, na cidade de Mossoró, no Rio Grande do Norte.

A peça conta a história de duas personagens, Dijé (vivida por Adeilson Santos), moradora de bairro de periferia, e Clarissa (interpretada por César Boaes) uma emergente alpinista social. A narrativa, conta, ainda, com o ator Charles Júnior, revezando-se em vários personagens. O espetáculo é sucesso de público em São Luís.

Olha ai o outdoor de Pão com Ovo em Mossoró RN avisando os amigos de lá !!!

paocomovo640

sem comentário »

“Estado e Poesia”: novo disco de Chico César

0comentário

Depois de seis anos imerso na política, o músico paraibano Chico César retoma a música e lança “Estado de Poesia”, nome do seu primeiro disco em sete anos. O trabalho foi lançado em junho, e faz parte do projeto Natura Musical. Das 14 músicas do disco, apenas duas não são assinadas por Chico. É o caso de “Reis do agronegócio”, que teve a participação de Carlos Rennó, e a parceria-póstuma com o poeta Torquato Neto, “Quero viver”.

chicocesar640

Como gestor, foi presidente da Fundação Cultural de João Pessoa em 2009 e Secretário de Estado de Cultura da Paraíba em 2010, no governo de Ricardo Coutinho. Saiu enfraquecido, segundo os críticos, principalmente, depois de disparar contra o que chamou de “bandas de forró de plástico”.

Sempre lúcido, ácido e político na essência, Chico César afirmou, em entrevista ao UOL, que a corrupção é uma prática inerente ao sistema, inclusive no meio artístico. “Há uma associação entre empresários de bandas, secretários de cultura, mulheres de prefeito. É uma clientela, diz ele”. “Essa coisa da corrupção, que está em todos os lugares hoje, nas empreiteiras, nos bancos, está em todos os níveis de administração. O mercado quer dizer ao governo como eles devem se comportar. O mercado da coleta de lixo, de quem constrói prédios, asfaltam ruas, eles querem dizer: “Sempre foi assim, você entraram dizendo que vão mudar, mas vai ser desse jeito. O mercado da indústria da música é a mesma coisa. O Estado tem que fazer o que o mercado não faz”, completou Chico César.

Em contrapartida, se diz otimista: “A política é uma atividade muito nobre. Não acho que seja o esgoto da sociedade”. Ao relembrar da série “Sex and the City”, [em que uma consome sapatos, outra consome homens — a Samantha consumia homens], que adorava assistir na TV, diz que a classe média vai precisar ser menos consumista no futuro, e sentencia: “Acho inevitável a volta de Lula”.

Embora critica em música a atitude conservadora em São Paulo, Chico César diz que Sampa é a sua preferida no mundo.

– São Paulo é a minha cidade preferida no mundo. Sempre que me encontra, o Djavan diz: “Pare de brincar de ser alternativo, venha para o Rio”. (risos). Sempre digo que Catolé do Rocha (cidade paraibana onde nasceu) é minha mãe, João Pessoa é minha namorada, e São Paulo, minha amante. É como os imigrantes europeus em Nova York, eles chegam e veem a Estátua da Liberdade. Aqui você chega e vê o rio Tietê, poluidaço, e diz: “Nego, a barra aqui vai ser pesada”. Tem que ter bom pulmão, boas pernas e bom coração. Essas contradições que explodem no país se manifestam de maneira mais radical aqui, mas se você pensar, São Paulo elegeu Luiza Erundina como prefeita, uma mulher paraibana, quando ela não seria eleita nem a vereadora em João Pessoa. Celso Pitta, preto e carioca –tudo bem que o Maluf elegeria até um poste. Mesmo com desgaste do PT, elegeu o [Fernando] Haddad, que faz uma administração interessante. Eu acho que as pessoas podem fazer seus panelaços, porque ao mesmo tempo aqui tem uma das maiores paradas gays do mundo. O panelão aqui ferve para todos os lados. E uma coisa interessante é a cultura na periferia. Tem sarau, teatro. A cidade transbordou, a periferia virou o próprio centro. Tem o pessoal do [selo musical] Laboratório Fantasma, lá na zona leste, com o Fiote e o Emicida, que reorganiza a cultura. As pessoas que pensam na redistribuição da música, hoje, olham para a periferia. Isso, para mim, é São Paulo – define.

sem comentário »

Encontro: Annita, Arlindo Cruz e Arnaldo Antunes

0comentário

Os cantores Annita, Arnaldo Antunes e Arlindo Cruz dividirão o palco em dois shows nos dias 7 e 8 deste mês, na Cidade das Artes, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

O concerto será a terceira apresentação da série “Inusitado”, que mistura artistas de diferentes estilos.

Segundo a organização, os músicos apresentarão canções de suas discografias, além de faixas com forte apelo afetivo para os três e escolhidas em comum acordo. O projeto tem como criador André Midani.

Anitta definiu o encontro com Arnaldo Antunes e Arlindo Cruz da seguinte maneira: “será um show livre de preconceitos, rótulos e expectativas comuns”. Eis a questão: será que não existe música ruim. Mas, sim, mal lapidada ?

sem comentário »

Teatrodança representa o MA em Festival no CE

0comentário

O grupo Teatrodança vai representar o Maranhão com o espetáculo “Ilhadas”, no 22º Festival Nordestino de Teatro de Guaramiranga, que vai ocorrer entre os dias 5 e 12 de setembro, na cidade de Guaramiranga, no Ceará. Outro grupo teatral maranhense a fazer parte do festival é o “DRÃO Teatro da (IN)Constância (MA)” com o espetáculo “As dez coisas que meu pai deveria ter ouvido antes de ter ido para a guerra”, na categoria Suplentes.

Ilhadas - Grupo Teatrodança

Ilhadas – Grupo Teatrodança

Pluralidade, abrangência regional, diversidade estética e qualidade cênica foram alguns dos aspectos considerados pela comissão de seleção para a escolha dos espetáculos da MOSTRA NORDESTE do 22° FNT – Festival Nordestino de Teatro de Guaramiranga. Companhias de sete estados estão entre os nove selecionados, sendo três do Ceará e um da Bahia, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Paraíba, Maranhão e Sergipe. A Mostra Nordeste não é competitiva, mas o Melhor Espetáculo eleito pelo público ganha o Troféu Beija-Flor.

Os selecionados para a Mostra Nordeste:

Joelma. Grupo Território Sirius (BA)
Frei Tito. Grupo Formosura (CE)
A Casatória C’a Defunta. Cia Pão Doce (RN)
A Dona da História. Duas Companhias (PE)
Projeto Achados e Perdidos. Projeto Achados & Perdidos (CE)
Quincas. Grupo de Teatro Osfodidário (PB)
Ilhadas. Grupo Teatrodança (MA)
Saluba.Medeia. Grupo Teatral Caixa Cênica (SE)
Diga que você está de acordo! MÁQUINAFATZER. Teatro Máquina (CE)

O FNT também anuncia os selecionados para a MOSTRA NORDESTE UNIVERSITÁRIA. Esta mostra foi criada com a proposta de fomentar a produção artística no meio universitário da região Nordeste e apresentar o que nele é produzido teatralmente.

Os selecionados para a Mostra Nordeste Universitária:

Bando de Pássaros Gordos. Bando de Pássaros Gordos / UFC (CE)
Velho Retrato. Teatro Ateliê / IFCE (CE)
Como ela mentiu para o marido dela. Estudantes de Teatro – Licenciatura / UFC (CE)
Jó. EMA – Experimentos Multi Artísticos / URCA (CE)

SUPLENTES

Para a MOSTRA NORDESTE, além dos nove selecionados, a comissão indicou seis espetáculos suplentes:
Os Malefícios do Fumo. Cia Jazztual de Teatro (PB)
Margem Ribeira. Bololô Cia. Cênica (RN)
Três Mulheres e um bordado de sol. Compassos Cia. de Dança (PE)
Tic Tac – A televisão encantada. Associação Tropa Trupe (RN)
As dez coisas que meu pai deveria ter ouvido antes de ter ido para a guerra. DRÃO Teatro da (IN)Constância (MA)
Obscena, um encontro com Hilda Hilst. Duas Companhias (PE)

A MOSTRA NORDESTE UNIVERSITÁRIA tem como suplentes:
Tudo para falar sobre 2 + 1. Teatro Par / IFCE (CE)
Um Lampejo de Realidade. Lampejo / UFC
Obrigado Senhores. George Udson Silva Santiago / IFCE (CE)
Lampião e Maria Bonita: Em busca da química do amor. Teatro Seara da Ciência / UFC (CE)

A COMISSÃO DE SELEÇÃO

A comissão de seleção da Mostra Nordeste foi composta por: Abimaelson Santos (Diretor Teatral, Iluminador e Ator. Mestre em Cultura e Sociedade. Professor do Curso de Teatro Licenciatura da Universidade Federal do Ceará), Magela Lima (Jornalista. Mestre em Teatro pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Doutorando em Teatro, na Universidade Federal da Bahia. É Secretário de Cultura da Prefeitura Municipal de Fortaleza) e Selma Santiago (Socióloga, atriz, diretora teatral, dramaturga e gestora cultural. É diretora do Theatro José de Alencar).

A seleção da Mostra Nordeste Universitária ficou a cargo de Abimaelson Santos.

A 22ª EDIÇÃO DO FNT

“O lugar do teatro” é o tema do 22° FNT, que convida os participantes e o público a uma reflexão sobre o potencial do teatro para o desenvolvimento das cidades. Ao longo dos oito dias o FNT realiza mostras, debates, oficinas, cortejos, entre outras atividades, todas com acesso gratuito. Os palcos são diversos: Teatro Rachel de Queiroz (teatro pequeno), praças, escolas e outros locais da cidade.

Além da Mostra Nordeste e Mostra Nordeste Universitária, outros espetáculos vão compor as mostras Palco Ceará, FNT para Crianças, Ceará Convida – esta com a participação de companhias convidadas do Nordeste ou outra região do país -, Palco Giratório no FNT e Intercâmbio Regional – com grupos do interior do Estado.

O FNT 2015 é realizado pela AGUA – Associação dos Amigos da Arte de Guaramiranga, com apoio cultural da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará/Secult – Lei Estadual de Incentivo a Cultura. Patrocínio da Oi. Apoio cultural do Oi Futuro e apoio institucional da Prefeitura Municipal de Guaramiranga, via Secretaria da Cultura e Turismo.

SERVIÇO

22º FNT – Festival Nordestino de Teatro de Guaramiranga – De 05 a 12 de setembro de 2015 em Guaramiranga, Ceará. Informações: (85)3321-1405, fnt@agua.art.br. Sites: www.agua.art.br.

sem comentário »

Abertas inscrições para projeto de férias

0comentário

As férias da criançada podem ser divertidas e também uma oportunidade de aprendizagem. O Sesc aproveita o início das férias para transformar diversão em conhecimento com o Projeto Férias com Leitura e Cinema. A programação acontece de 7 a 10 de julho, sempre a tarde, das 14 às 17 horas, na Galeria de Arte do Sesc e na Biblioteca Rosa Castro. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas de 1º a 6 de julho, em horário comercial na Galeria de Arte do Sesc.

As atividades têm como temática “Arte e Cultura Maranhense”. Ao todo 20 crianças de 7 a 12 anos, dependentes de comerciários, usuários e estudantes da rede pública de ensino, devem participar dos quatro tardes de lazer cultural a partir de ações educativas sobre o rico universo dos livros, como por exemplo, rodas de leitura, contação de histórias e brincadeiras educativas.

Além de apreciar o fantástico mundo da leitura, as crianças poderão viajar pelo maravilhoso universo do cinema, desvendando os mistérios da sétima arte por meio da exibição de curtas metragens da Programadora Brasil, em parceria com o Cine Sesc.

Projeto

Com uma programação diferenciada para as crianças e adolescentes, o projeto reúne diversas linguagens artísticas, com foco no lazer e no conhecimento. O objetivo é entreter as crianças, durante as férias escolares, com atividades culturais e lúdicas, unindo leitura e diversão. Para isso, a programação compreende: cantinho da leitura, cinema, dinâmicas e oficinas que, além de contribuir para a formação da subjetividade, visa desenvolver o hábito da leitura dos participantes, dissociando das obrigações escolares.

sem comentário »

São Luís sedia Seminário Rede de Rádio e TV Digital

0comentário

Será realizado nesta sexta-feira, dia 3/7, o seminário Rede Legislativa de Rádio e TV Digital no Interior do Brasil, a partir das 14h, no auditório Fernando Falcão, do Complexo de Comunicação da Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão (Av. Jerônimo de Albuquerque, Sítio do Rangedor, Calhau, em São Luís. O evento é uma iniciativa da Câmara dos Deputados, em parceria com a Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão, visa divulgar a Rede Legislativa e orientar as assembleias estaduais e as câmaras municipais sobre a criação de suas próprias emissoras de rádio e televisão, de forma a aproximar os parlamentares dos cidadãos.

alma640

A abertura do evento contará com as presenças dos presidentes da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha; da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado estadual Humberto Coutinho; e da Câmara Municipal de São Luís, vereador Astro de Ogum; além do ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini; do governador do Maranhão, Flávio Dino; e do secretário de Comunicação Social da Câmara dos Deputados, deputado federal Cleber Verde.

Rede Legislativa

A Rede Legislativa de TV é resultado de parceria entre a Câmara dos Deputados, o Senado Federal, assembleias e câmaras municipais, por meio de acordos de cooperação, com o objetivo de viabilizar e ampliar a transmissão do sinal de TV digital aberto e gratuito das emissoras legislativas por todo o País. O acordo prevê que Câmara e Senado instalem as operações das emissoras das duas casas em 13 capitais cada, dividindo o canal e, por consequência, os custos de transmissão.

A proposta também contempla parceria com as assembleias legislativas e câmaras municipais, que, por sua vez, se comprometem a arcar com os custos de infraestrutura e custeio, tais como aluguel da torre e manutenção dos equipamentos. O compartilhamento de custos e de responsabilidades é viável porque a TV digital oferece o recurso da multiprogramação, permitindo que um único canal seja dividido em quatro, com cada emissora transmitindo, durante 24 horas, sua programação individual/independente, com alta qualidade de imagem e áudio.

Atualmente, existem 30 emissoras de TV no ar, com previsão de chegar a 60 em breve. Mais de 400 câmaras municipais já solicitaram adesão à Rede Legislativa e aguardam a liberação de novos canais pelo Ministério das Comunicações.

No caso das rádios, a Câmara dos Deputados assina acordos de cooperação técnica com câmaras municipais e assembleias legislativas para possibilitar a transmissão da programação da Rádio Câmara de Brasília em parceria com as rádios dessas casas legislativas. Assim, a Rede barateia seus custos e se multiplica para oferecer aos cidadãos a oportunidade de conhecer o legislativo brasileiro no veículo mais popular do País, o rádio.

O Ministério das Comunicações já liberou a consignação para canais em frequência modulada (FM) para 21 municípios, incluindo Cuiabá (MT), onde as transmissões foram inauguradas no dia 23 de junho, e Bauru (SP), onde a Rádio Câmara já opera em caráter experimental.

Programação do seminário

14h – Abertura com o governador Flávio Dino; o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha; o presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado estadual Humberto Coutinho; o presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Astro de Ogum; o ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini; o secretário de Comunicação da Câmara dos Deputados, deputado federal Cleber Verde; e autoridades convidadas.

15h – Palestra “Rede Legislativa de Rádio e TV”, com Evelin Maciel, diretora da Coordenação da Rede Legislativa de Rádio e TV, Secom, Câmara dos Deputados.

16h – Palestra “Como montar emissoras legislativas de rádio e TV”, com Flavio Menezes, diretor da Coordenação de Infraestrutura, Secom, Câmara dos Deputados.

17h – Palestra “Grades de programação e troca de conteúdos em emissoras legislativas de rádio e TV”, com Alessandra Anselmo, diretora da Coordenação de Conteúdo, Secom, Câmara dos Deputados.

Encerramento: coquetel com apresentação de grupo folclórico local.

SERVIÇO

Seminário Rede Legislativa de Rádio e TV Digital no Interior do Brasil

Data: 3 de julho (sexta-feira)

Horário: 14h

Local: Auditório Fernando Falcão, do Complexo de Comunicação da Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão (Av. Jerônimo de Albuquerque, Sítio do Rangedor, Calhau, São Luís)

sem comentário »

África, Cinema – Um Olhar Contemporâneo

0comentário

A mostra “África, Cinema – Um Olhar Contemporâneo” vai apresentar ao público carioca os principais nomes do cinema contemporâneo africano! Começou nesta terça-feira, 30 de junho, e vai até 12 de julho, domingo, na Caixa Cultural do Rio! Clique aqui e confira a programação.

Grigris, filme de Mahamat-Saleh Haroun, na Mostra África, Cinema.

Grigris, filme de Mahamat-Saleh Haroun, na Mostra África, Cinema.

O evento contém 17 filmes, entre médias e longas. Além disso, promove uma oficina gratuita com o cineasta e pesquisador Joel Zito Araújo, que tem como foco as aproximações e diferenças entre as quatro escolas de cinema africano, cada uma representada por uma região.

A retrospectiva abrange um debate com o curador João Juarez Guimarães, o coordenador de conteúdo Leonardo Luiz Ferreira e o ator Milton Gonçalves.  Com retrospectivas de Mahamat Saleh Haroun e de Abderrahmane Sissako – indicado ao Oscar de filme estrangeiro em 2015 por “Timbuktu” (2014).

sem comentário »