RicoChoro com Vida: projeto que reverência a Música

2comentários

Um momento de realização pessoal e profissional. Assim defino o convite feito pelo produtor Ricarte de Almeida Santos, idealizador do RicoChoro Com Vida, realizado mensalmente, no Barulhinho Bom, na Praia Grande, para participar da segunda edição do projeto, no último sábado (5/9).

Célia Maria: uma das atrações da segunda versão do RicoChoro Com Vida". Foto: Divulgação

Célia Maria: uma das atrações da segunda versão do RicoChoro Com Vida”. Foto: Divulgação

O “RicoChoro com Vida” é uma extensão do Clube do Choro Recebe, um dos projetos musicais de vida longa existente em São Luís, entre os anos de 2007 e 2010. Ricarte retomou a ideia de divulgar o choro em espaço fechado da cidade. O RicoChoro com Vida surgiu com uma proposta mais aberta. O de não ficar só no chorinho, mas de mostrar a música como uma arte inesgotável e universal.

Além da música orgânica, concebida por um artista ou uma banda, foi aberto um espaço para o DJ, com perfil de pesquisador. Embora haja resistência de alguns puristas em achar que o DJ não seja artista, mas cada de um nós militantes que abraçamos a causa, acreditamos que temos um papel significativo em festinhas, festivais e projetos da grandeza do RicoChoro Com Vida.

Apertamos o “play” em cedejotas, pick ups, controladoras, baseados em pesquisa musical. Às vezes, elas vêm em formato original, às vezes em formato de remix. Enfim, o que gostamos e queremos é contribuir com a festa. Celebrar a vida com música.

Decisão acertada do RicoChoro com Vida, de Ricarte, como uma criatura visionária, que enxerga longe e vê a música como uma arte que agrega gerações, todos aqueles que trabalham com a beleza e os desafios que essa arte milenar proporciona.

Foi enriquecedor para mim comungar com o Trítono, a cantora Célia Maria, Alberto Trabulsi e o mineiro Paulinho Pedra Azul, festejando os 30 anos de carreira e passagem por São Luís, que aproveitou para dar uma canja, numa atmosfera “chorística” de canções dele, parceiros, tais como, Godofredo Guedes, pai de Beto Guedes, e, assim, legitimando que o Maranhão tem uma cena musical ímpar. E o “RicoChoro com Vida” faz o elo de celebração entre o artista e a platéia. E que venha a terceira e outras “zilhões” de edições…

2 comentários para "RicoChoro com Vida: projeto que reverência a Música"


  1. RicoChoro ComVida se consolida no calendário cultural de São Luís « zema ribeiro

    […] DJ Pedro Sobrinho registrou a emoção com o convite. Jornalista de formação, escreveu em seu blogue, dois dias após a segunda edição de RicoChoro ComVida (sábado, 5 de setembro): “um momento de […]

    • Pedro Sobrinho

      Obrigado..amigo e profissional Zema Ribeiro…por destacar a minha publicação em seu Blog.

deixe seu comentário