Moto e Sampaio repetem a semifinal

7comentários

Sampaio foi superior ao Moto e venceu o clássico no Castelão por 1 a 0 com gol de Hiltinho

Definidos os semifinalistas do segundo turno do Campeonato Maranhense. Moto e Sampaio, Santa Quitéria e Cordino farão os dois jogos.

No Castelão, o Sampaio foi sempre superior e merecidamente conquistou a vitória por 1 a 0, sobre o Moto e beneficiado pelo empate entre MAC e São José avançou à semifinal.

Desde o primeiro minuto de jogo, o Sampaio mostrou que queria a vitória. O Moto foi uma equipe com medo do adversário e apática por toda a partida.

O Sampaio ainda teve um jogador expulso na metade do segundo tempo e mesmo assim, o Moto não ameaçou e foi o tempo todo inoperante.

O Tricolor ainda perdeu um pênalti cobrado por Daniel Barros e que Márcio Arantes defendeu, mas depois o goleiro rubro-negro sairia jogando errado e o Sampaio aproveitou para abrir o placar com Hiltinho. Uma falha bizonha do goleiro Márcio Arantes e que pode custar muito caro ao Moto.

Foi o resultado que fez justiça ao time que foi melhor e que não teve medo de decidir.

No Nhozinho Santos, MAC e São José empataram por 1 a 1. O resultado eliminou as duas equipes do Campeonato Maranhense.

Em Santa Quitéria, o Santinha venceu o Americano por 2 a 1 e garantiu a primeira colocação no Grupo A. O Imperatriz venceu o Cordino por 3 a 1, mas está desclassificado e sem calendário no restante da temporada.

As semifinais serão na quinta-feira (20). O Santa Quitéria enfrenta o Cordino, às 15h45, no Rodrigão, em Santa Quitéria. Moto e Sampaio se enfrentam às 20h15, no Estádio Castelão.

7 comentários »

Vereador é morto a tiros em Anajatuba

0comentário

O vereador Miguel Sampaio Soares (PCdoB), também conhecido como “Miguel Gogó”, foi morto a tiros na noite de sábado (15), no município de Santa Rita, a 81 km de São Luís. Ele tinha 53 anos e era vereador da cidade de Anajatuba, distante a 130 km da capital.

Segundo o delegado titular da 1ª Regional da Delegacia de Rosário, Guilherme Campelo, o crime que ocorreu por volta das 20h30, no povoado Outeiro dos Pires, foi executado por dois homens, ainda não identificados, que estavam em uma motocicleta. O delegado acrescenta que no momento do crime o político, que foi morto com três tiros na cabeça, estava em uma festa em companhia de amigos e familiares. “O mesmo estava em um ambiente comemorando o aniversário de um sobrinho seu na localidade Outeiro dos Pires, no município de Santa Rita, quando um desceu, o garupa, e desferiu três tiros bem próximo mesmo, por trás, na cabeça da vítima e a mesma veio a óbito instantaneamente. O autor dos disparos subiu de volta na motocicleta e se evadiu do local”, contou.

O delegado Guilherme disse ainda que o vereador Miguel estava sendo ameaçado de morte nos últimos meses, de acordo com o relato dos próprios amigos e familiares dele. “De acordo com os depoimentos dos próprios amigos e familiares, ele nos últimos meses andou recebendo umas ameaças e por isso procurou as autoridades para relatar essas ameaças que vinha sofrendo, o que de fato já vem em apuração e o que já, inclusive, norteia a nossa linha de investigação para esclarecer tanto os executores quanto os mandantes deste crime”, afirmou.

O titular da 1ª Regional da Delegacia de Rosário pontuou que foi um crime de execução e que o inquérito policial já foi iniciado a fim de identificar os autores da morte do vereador de Anajatuba. “Foi um crime de execução mesmo. Os suspeitos já foram neste ímpeto. Planejaram para executar a vítima. Já ouvimos várias pessoas e, inclusive, o corpo foi encaminhado para o IML para que possa ser feita a devida perícia médica legal, retirada dos projeteis e tudo isso vai interessar para o inquérito policial para podermos identificar a autoria desse crime”, finalizou.

Leia mais

sem comentário »

Audiência debeterá poluição por navios

0comentário

A Comissão de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa vai fazer uma audiência pública para debater a poluição provocada por navios que atracam no Porto do Itaqui, por conta do despejo no litoral da Ilha da chamada água de lastro, após a lavagem dos porões.

Presidida pelo deputado Léo Cunha (PSC), a Comissão de Meio Ambiente atendeu à proposta feita pelo deputado Sousa Neto (PTN) e a data ainda vai ser definida. Na reunião desta terça-feira (11), os deputados receberam os estudos apresentados por dois especialistas, Paulo Fábio Almeida e Gustavo Duailibe, mostrando a gravidade e a extensão da poluição, por conta da poluição deixada nas águas maranhenses pelos navios que jogam  vários tipos de dejetos.

Por conta da importância do tema, Sousa Neto disse que resolveu ampliar o debate para a realização da audiência pública para permitir a participação das autoridades ligadas à área no âmbito do Estado e da União.

Um dos especialistas revelou que cada navio joga em média, 19 milhões de metros cúbicos por ano de água de lastro, na Bahia da Ilha. Sousa Neto enfatizou que a situação é grave e a poluição pode prejudicar o litoral até mais dos prédios e indústrias da capital.

Foto: JR Lisboa / Agência Assembleia

sem comentário »

PPA é destaque na gestão de Edivaldo

6comentários

Programas da Prefeitura combatem de forma efetiva a insegurança alimentar em São Luís

“Para quem não tem, esta cesta de alimentos é tudo. E é tudo fresquinho, natural”, disse a dona de casa Raimunda Teixeira, 54 anos, durante mais uma entrega do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), no bairro do Maracanã. A ação é um importante apoio às pessoas carentes e em situação de insegurança alimentar. Para José Raimundo, 38 anos, a iniciativa da Prefeitura representa um grande apoio para as pessoas mais carentes. “Com esse programa, o prefeito Edivaldo mostra que tem compromisso com quem mais necessita”.

Já o aposentado Antônio Fernando Santos Bezerra, 71 anos, enfatizou que os alimentos “chegaram na hora certa”. Ele diz que o programa é de grande ajuda para quem é menos favorecido e que mais pessoas devem ser incluídas. “Tem muita gente que precisa e todos agradecem esse alimento”, disse.

Os programas sociais na área da Segurança Alimentar, desenvolvidos pela Prefeitura de São Luís, têm garantido alimentação saudável a quem precisa, estimulado a produção na zona rural e contribuído para diminuir os índices de insegurança alimentar. O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), Programa Peixe Solidário e do feijão estão na lista das principais iniciativas em curso, que promovem o acesso ao alimento. Juntas, as ações já garantiram, ano passado, a distribuição de mais de 820 toneladas de alimentos a milhares de pessoas na capital.

“Desde a nossa primeira gestão, implantamos diversas iniciativas na área de segurança alimentar em São Luís. Algumas, como é o caso do PAA, foram desenvolvidas pela primeira vez em nosso município. É motivo de grande alegria poder desenvolver estes programas que garantem alimentação saudável e de qualidade para pessoas em situação de vulnerabilidade social, devolvendo dignidade para a população da nossa cidade”, disse o prefeito Edivaldo.

Foto: A. Baeta

6 comentários »