CPI dos Combustíveis

0comentário

Até o início da tarde desta quinta-feira (20), 16 deputados estaduais assinaram o requerimento que pede a instalação, na Assembleia Legislativa, de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar denúncias de abuso nas cobranças de preços de combustíveis no Estado, principalmente em São Luís. Segundo regimento interno da Casa, são necessárias 14 assinaturas para que a comissão seja instalada.

Já assinaram o requerimento os deputados Othelino Neto (PCdoB), Eduardo Braide (PMN), Bira do Pindaré (PSB), Afonso Manoel (PMDB), Carlinhos Florêncio (PHS), Vianey Bringel (PMDB),  Carlinhos Amorim (PDT), Marcelo Tavares (PSB), Eliziane Gama (PPS), Magno Bacelar (PV), Camilo Figueiredo (PR), Valéria Macedo (PDT), Raimundo Cutrim (PCdoB), Raimundo Louro (PR), Max Barros (PMDB) e Rubens Jr (PCdoB).

Além de uma CPI, a comissão temática de Direitos Humanos vai realizar uma audiência pública na quarta-feira (26), para discutir o assunto. Já foram convidados a participar representantes do Sindicato dos Revendedores de Combustíveis do Estado do Maranhão (Sindcombustíveis-MA), da Agência Nacional de Petróleo (ANP), da Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor e outros órgãos de proteção ao consumidor.

sem comentário »

Mais benefícios

1comentário

Luis Fernando em Gov Luiz Rocha

Mais três municípios maranhenses serão beneficiados diretamente com obras de pavimentação de vias urbanas. O secretário de Estado de Infraestrutura, Luis Fernando Silva, esteve, nesta quarta-feira (19), em Graça Aranha, Santa Filomena e Governador Luiz Rocha para a assinatura das ordens de serviço para o asfaltamento de ruas.

Durante a solenidade, o secretário Luis Fernando, enfatizou a contribuição da pavimentação e recuperação das ruas para a qualidade de vida da população. “Nesse primeiro momento serão beneficiados os moradores das ruas castigadas pela poeira no verão e a lama no inverno, dificultando o deslocamento das crianças até as escolas, e muitas vezes causando problemas respiratórios. Nosso objetivo é beneficiar as cidades que mais precisam”, disse.

A notícia da chegada do asfalto nos municípios foi recebida com muita alegria pelos cidadãos. Dona Teresinha Borges, moradora de Graça Aranha comemorou. “É uma alegria receber essa notícia, essa obra vai melhorar nossa vida. É sempre muito complicado para quem mora em uma rua sem asfalto”.

Dona Mariana Silva, moradora de Santa Filomena agradeceu ao Governo do Estado pela iniciativa. “Nós todos agradecemos ao governo por dar mais atenção às necessidades dos moradores das pequenas cidades”.

Em Graça Aranha participaram da solenidade de autorização das obras o prefeito Nilton Damasceno; a vice-prefeita Nazide Avelino; a deputada estadual, Graça Paz; o prefeito de Presidente Dutra, Juran Carvalho, além de vereadores e lideranças comunitárias. Em Santa Filomena, além do prefeito Chico, a solenidade contou com a presença do deputado estadual Jota Pinto, vereadores e prefeitos de cidades vizinhas. Em Governador Luiz Rocha a deputada Graça Paz, vereadores e lideranças comunitárias prestigiaram a cerimônia.

Investimento
Em Graça Aranha serão investidos R$ 1.090.337,07 para asfaltamento das ruas Dom Pedro II, Matadouro, Humberto de Campos, Nacor Rolins I, Duque de Caixas, 7 de Setembro, Nacor Rolins II, Deputado José Machado; Travessas Machado de Assis, Tiradentes; Machado de Assis II; 21 de Abril; do Campo.

Em Santa Filomena o investimento de R$ 974.905,08 beneficiará as Ruas Fortunato Costa, Ademar Gomes, dos Anjos, Expedito Gomes, Roseno Gomes, Valeriano Pereira Costa; Travessas Belar Gomes, David Barbosa Rolins, Albiono Alves, Poço Canário, Leontina Gomes, Marcilene Costa Ramos, Dionísio Barbosa e Raimundo Gomes.

Em Governador Luiz Rocha R$ 988.243,08 serão destinados para a pavimentação das Ruas dos Caldeirões, João de Olino, Laurindo Nunes, Raimundo Café; Travessas7, 6 e 5.

1 comentário »

Monitoração eletrônica

0comentário

sebastiaouchoaPrimeiro estado a aderir e enviar o projeto no país para integrar a ferramenta ao sistema prisional, o Maranhão deve implantar em abril o Centro de Monitoração Eletrônica de presos na região metropolitana de São Luís. Inicialmente serão 200 internos beneficiados monitorados, mas o número poderá subir de acordo com a demanda.

Segundo o secretário de Estado da Justiça e da Administração Penitenciária, Sebastião Uchôa toda a documentação já está com o Departamento Penitenciário (Depen) e a previsão é que, após a conclusão do processo de avaliação e chegada do recurso, o sistema deverá ser logo implantado na região metropolitana. Estrutura física e demandas referentes ao processo já estão sendo verificadas pela Sejap.

O centro utiliza tornozeleiras eletrônicas que funcionam mediante mapa de controle localizado e a realização desse controle dependerá da decisão judicial e de acordo com a pena do detento. Em parceria com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a ideia é ter quatro bases de acompanhamento dentro da região metropolitana em locais estratégicos.

“Uma ferramenta a mais à disposição dos órgãos do estado para desafogar as unidades prisionais e que faz parte do projeto da criação de uma política de alternativas penais do Governo junto ao Comitê de Gestão de Crise, além das outras ações voltadas à melhoria do sistema”, pontuou o secretário.

Associado ao centro, o Núcleo de Monitoramento aos Egressos em Geral (Numeg) da Sejap aumentará sua capacidade para dez equipes de atendimento e ficará à disposição do poder judiciário, sob coordenação da 2ª Vara de Execução Penal, comandada pelo juiz Fernando Mendonça. O núcleo ajudará no acompanhamento dos egressos através de visitas e encaminhamentos do egresso e da família dele aos setores necessários. Só em 2013, o núcleo fez 947 acompanhamentos diretos a egressos do sistema. Uchôa ressalta que é importante manter o controle humano e eletrônico em sintonia, gerando o ciclo completo do monitoramento e resultados benéficos para a ressocialização dos egressos.

sem comentário »

Saneamento Básico

0comentário

conaci

Prefeitos, secretários e técnicos dos municípios de São Luís, Icatu, Santa Rita, Paço do Lumiar, Raposa, São José de Ribamar, Cachoeira Grande e Balsas debateram os problemas e as soluções de saneamento básico para as cidades que formam a região metropolitana de São Luís. Essa discussão, que teve a participação de técnicos especialistas na área, ocorreu no I Seminário Interfederativo sobre Saneamento Básico e Metropolização.

O evento foi promovido pelo Consórcio Intermunicipal Metropolitano de Políticas Articuladas (Cimpra) e apoiado pela Confederação Nacional de Consórcios Intermunicipais (Conaci/BR) para expor aos prefeitos e seus auxiliares a importância do trabalho desenvolvido por grupos de municípios como forma de buscar mais recursos voluntários para áreas como saúde e educação por exemplo.

Com essa ideia, o seminário foi promovido direcionando o debate para o problema de saneamento básico. Segundo o presidente da Conaci, Roberto Rocha – que também preside o Cimpra – São Luís e demais municípios da ilha ainda hoje discute o problema de falta d’água enquanto em outras cidades o debate passa pelo modelo mais adequado de saneamento básico que envolve a questão do abastecimento de água potável, a coleta e tratamento de esgoto e ainda a limpeza urbana.

“Não podemos mais nos prender somente a discussão de falta d’água nos bairros. Isso é muito atrasado. Precisamos discutir alternativas viáveis de gestão consorciada”, afirmou

sem comentário »

Inclusão social

1comentário

edi

Resultado de parceria entre a Prefeitura de São Luís e os governos estadual e federal, foi inaugurado o Centro Dia de Referência Para Pessoas com Deficiência de São Luís, no bairro da Cidade Operária. O espaço possui estrutura completa para atender pessoas com deficiência e em situação de dependência.

O Centro-Dia é uma iniciativa do Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Governo do Estado do Maranhão e Prefeitura de São Luís, com investimento de recursos da ordem de R$ 80 mil, que serão repassados mensalmente à instituição.

“Não tenho palavras para expressar a minha alegria com o dia de hoje. Temos a oportunidade de melhorar a vida de pessoas com deficiência, de oferecer a elas dignidade, autoestima. Estamos mostrando, através das parcerias que é possível efetivar a cidadania para todos aqueles que mais precisam dessas políticas e é esta a missão da nossa gestão”, afirmou o prefeito Edivaldo Holanda Júnior.

A secretária nacional de Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Denise Colin, destacou a importância da parceria para resolução dos desafios sociais. “Unindo as mãos, acima de interesses políticos, nós conseguimos conquistas para toda a população, articulando a participação da sociedade civil. O Centro Dia aqui em São Luís é um instrumento indispensável para promover os direitos humanos e a cidadania”, salientou Denise Colin.

O prédio do Centro Dia integra as instalações do Centro Educacional São José Operário, instituição escolhida pelo Governo Federal para executar o serviço de proteção social à pessoa com deficiência em São Luís. Na antiga estrutura funcionavam sete salas de aula como escola de ensino profissionalizante. Agora, o novo prédio conta com salas de atendimento individualizado, refeitório, dormitórios feminino e masculino, banheiros ampliados e salas de atividade de vida diária, todos adaptados.

A secretária da Criança e Assistência Social (Semcas), Andréia Lauande, explicou que o Centro Dia irá acolher pessoas portadoras de deficiência em estado de dependência, abandono ou negligência, em condição de pobreza. “O sentimento que nós temos é de acolhimento dessas pessoas, com muito carinho, visando dar descanso aos familiares que têm se dedicado todos os dias para cuidar delas e garantir a independência que elas tanto precisam para viverem de forma plena e feliz”, enfatizou.

No local estão sendo atendidas até 30 usuários diariamente, de 18 a 60 anos de idade, em turno de quatro horas. O usuário pode frequentar o centro diariamente ou em dias alternados, em período integral (10 horas) ou parcial (mínimo de 4 horas), a partir da elaboração de um plano individual e/ou familiar de atendimento.

O Centro Dia de Referência Para Pessoas com Deficiência funciona das 8h às 18h, no Centro Educacional São José Operário, localizado na Cidade Operária.

1 comentário »

Títulos ameaçados

1comentário

Maior colégio eleitoral do Estado, São Luís corre o risco de quase 166 mil eleitores não poderem votar nas eleições de outubro. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MA), que homologou o resultado do processo de recadastramento biométrico na cidade, o sistema apontou que 165.961 eleitores podem ter o título cancelado.

Até o fim de dezembro de 2013, dos quase 677 mil eleitores aptos a votar na última eleição na capital, pouco mais de 490 mil fizeram o recadastramento biométrico e 185.401 ficaram em situação irregular.

De janeiro até ontem, 19.710 fizeram o recadastramento. O prazo para regularização vai até o dia 7 de maio.

Quem não atender ao chamado da Justiça Eleitoral terá o título cancelado, o que impede a solicitação de passaporte ou cartão do CPF, bem como inscrever-se em concurso público, renovar a matrícula em estabelecimentos oficiais de ensino e obter empréstimos em caixas econômicas federais e estaduais.

Com informações do G1 Maranhão

1 comentário »

Maior nadador brasileiro é flagrado em antidoping

3comentários

A menos de um mês do Mundial de Xangai, o maior nome da natação brasileira foi pego no antidoping. Cesar Cielo, campeão olímpico e mundial, teve resultado adverso para a substância proibida furosemida, geralmente encontrada em diuréticos, em um exame feito no Troféu Maria Lenk, em maio.

Além dele, outros três nadadores também foram flagrados: Nicholas Santos, Vinícius Waked e Henrique Barbosa, o único dos quatro que não faz parte do projeto P.R.O. 16, idealizado por Cielo.

Em painel realizado nesta sexta-feira, a Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA) levou em conta o “histórico dos atletas” e decidiu puni-los apenas com a perda dos resultados do Maria Lenk e uma advertência, alegando que eles explicaram como o diurético entrou no organismo e concluindo que não houve aumento de desempenho.

Leia mais no Globoesporte.com

3 comentários »

Esporte e solidariedade

0comentário

O Instituto Mirante realizou, na manhã desta quinta-feira (16), a entrega dos alimentos não perecíveis arrecadados durante as inscrições para a segunda edição da “Corrida Mirante AM”, realizada no mês de maio, na Avenida Litorânea, em São Luís, pelo Sistema Mirante.

Estiveram presentes, na solenidade de entrega das doações, o coordenador de Jornalismo e Programação da rádio Mirante AM, Zeca Soares; o diretor-geral de Mídias Eletrônicas do Sistema Mirante, Rômulo Barbosa; a coordenadora de ações sociais do Instituto Mirante, Adriana Sarney; e a presidente do Sistema Mirante, Teresa Sarney; além dos representantes instituições beneficiadas.

Ao todo, seis instituições da capital receberam as doações. São elas: Educandário Santo Antônio (Anil), Asilo de Mendicidade (São Francisco), Creche Cantinho da Criança (Radional), Fundação Antônio Jorge Dino (Monte Castelo), Casa Sonho de Criança (Fé em Deus) e Clube de Mães Teresa Murad (Ilhinha). Cada instituição foi beneficiada com cem latas de leite em pó.

Por Mayrício Araya/ Imirante Esporte

sem comentário »

Olympic Day difunde os ideais olímpicos no Maranhão

1comentário

As atividades do “Olympic Day” já estão sendo realizadas em São Luís. O evento, promovido pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), em parceria com a Secretaria de Esporte e Lazer (Sedel), teve início nests terça-feira (14), no Auditório Expedito Bacelar, no Centro Universitário do Maranhão (Uniceuma), no Renascença II. “O Olympic Day é uma forma de disseminar o espírito olímpico, que também vai fortalecer as bases do esporte maranhense”, declarou o secretário de Esporte e Lazer, Joaquim Haickel.

Segundo o secretário, o esporte é um fator importante para o lazer, saúde, segurança pública, além de superação. “O Maranhão tenta participar, mesmo que indiretamente, de dois momentos esportivos importantes em que vive o Brasil, a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016”, ressaltou Joaquim Haickel.

O “Olympic Day” será desenvolvido desta terça-feira (14) até quinta-feira (16), em São Luís, tendo como proposta difundir os ideais olímpicos, contribuir para a construção de uma sociedade mais justa e saudável, além de solidificar seus ideais norteadores: esporte, cultura e educação.

De acordo com Nira Lima, do Departamento Cultural do COB, nessa primeira ação no estado, a modalidade handebol será trabalhada com a realização de mini-curso com teoria e prática sobre Movimento Olímpico e Olimpismo, com o professor Sérgio Graciano, da Confederação Brasileira de Handebol. Na oportunidade, será realizado um seminário de esporte escolar e de base da modalidade de Handebol destinado a professores da Educação e Educação Física.

O “Olympic Day” também vai abrir espaço para a realização de um teatro de bonecos para estudantes da rede de ensino na faixa etária de 9 a 11 anos. “Vamos incentivar a prática esportiva usando um texto muito simples, que fala de valores olímpicos agregados a essa parte esportiva, como a amizade e o respeito”, explicou Nira.

Para o professor de Handebol, Eduardo Telles, que trabalha a modalidade em duas escolas públicas estaduais, o evento é fundamental para os profissionais que trabalham com o desporto escolar. “O esporte escolar tem melhorado muito e qualquer evento que incentivar a melhoria da prática esportiva na escola é fundamental para crianças e, principalmente, os técnicos e professores de educação física, que precisam sair da sala de aula e partir para a prática”, destacou.

As atividades do Olympic Day serão encerradas com a realização de uma clínica com o atleta olímpico, Robson Caetano, para alunos da rede estadual de ensino. Embaixador do esporte no país, Robson Caetano visitará escolas da rede pública e os jovens beneficiados pelos projetos “Esporte sem Drogas” e “Jovens Construindo Cidadania” da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP) para a realização de uma clínica e palestras.

As informações são da Secom (Fotos/Handson Chagas)

1 comentário »

COB promove “Olympic Day” em São Luís

0comentário

São Luis será o palco das primeiras atividades da Semana Olímpica 2011. Entre os dias 14 e 16 de junho, a cidade receberá atividades promovidas pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), em parceria com a Secretaria de Estado de Esporte e Lazer para promover os Valores Olímpicos, através de cursos, palestras, clínicas, esporte e cultura. O ponto alto será a presença do medalhista olímpico Robson Caetano, do atletismo, que visitará escolas da rede pública e jovens de projetos sociais, onde contará um pouco de sua experiência como atleta. A realização da Semana Olímpica integra as comemorações pelo Dia Olímpico, em 23 de junho, data em que se celebra o aniversário de fundação do Comitê Olímpico Internacional (COI).

As ações do COB têm como objetivo difundir os ideais olímpicos, contribuir para a construção de uma sociedade mais justa e saudável, bem como solidificar conceitos positivos como esporte, cultura e educação. Na programação do evento estão confirmadas palestras e cursos sobre o Movimento Olímpico e o Olimpismo. Também será realizado um seminário de esporte escolar e outro sobre o handebol, destinado a professores de Educação Física. Haverá ainda uma apresentação de um teatro de bonecos com a história olímpica para estudantes da rede estadual de ensino. O ex-atleta Robson Caetano visitará escolas e jovens beneficiados pelos projetos “Esporte sem Drogas” e “Jovens Construindo Cidadania” para a realização de clínicas e palestras.

A Semana Olímpica será realizada ainda em outras seis cidades do país até o mês de julho.  Rio de Janeiro (RJ), Teresina (PI), Belo Horizonte (MG), Maceió (AL) e Curitiba (PR) integrarão a programação de atividades para celebrar a Semana Olímpica, com palestras, seminários, apresentações culturais e clínicas, entre outras ações desenvolvidas pelo COB. Evento mais tradicional nas comemorações da Semana Olímpica, a Corrida do Dia Olímpico, acontecerá em São José do Rio Preto, no dia 26 de junho. “A realização da Semana Olímpica é uma forma de celebrar todo o bem estar que o esporte nos proporciona. É importante propagarmos o teor educacional do esporte, seu poder de integrar, incluir e mobilizar as pessoas a partir da prática e dos valores do esporte. O Ideal Olímpico está diretamente ligado aos valores éticos do homem em prol de uma sociedade mais justa e solidária”, define Carlos Arthur Nuzman, presidente do COB.

O “Dia Olímpico” foi celebrado pela primeira vez em 1948, no dia 23 de junho, data que marca a fundação do Comitê Olímpico Internacional (COI) pelo Barão Pierre de Cubertin, em 1894. No Brasil, a data coincide com o Dia Nacional do Esporte. “A Semana Olímpica funciona como um justo prolongamento das comemorações em torno do Dia Olímpico”, completa Nuzman.

As informações são do COB

sem comentário »