Cordino e Moto reabrem ‘nova decisão’

1comentário

Primeira partida está marcada para hoje, às 15h45, no Estádio Leandrão, em Barra do Corda

Cordino e Moto abrem neste sábado (6), a ‘nova decisão’ do segundo turno do Campeonato Maranhense depois que o Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-MA) cancelou a decisão iniciada na semana passada entre Cordino e Sampaio.

Muitos apostam que essa decisão não seguirá adiante ou até que nem aconteça, mas o fato é que a partida está marcada para às 15h45, no Estádio Leandrão.

Por ter melhor campanha do que o adversário, o Moto tem a vantagem e além de jogar a segunda partida em casa tem a vantagem dos dois resultados iguais.

Mas a vantagem neste confronto até aqui é do Cordino. Em dois jogos disputados na temporada, o Cordino venceu o primeiro em Barra do Corda por 2 a 1 e empatou no Castelão por 2 a 2.

O time do Moto fará a estreia do técnico Leston Júnior que fez experiências durante a semana e viajou cheio de mistério na escalação, mas com os desfalques de dois jogadores importantes Felipe Dias e Toni Galego.

O Cordino que fazer o resultado e inverter a vantagem do Moto na primeira partida e para isso aposta na boa fase do goleador Ulisses que sempre marca no Leandrão.

Você acompanha tudo sobre a decisão na Rádio Mirante AM.

1 comentário »

FMF confirma ‘nova decisão’ do returno

2comentários

Partida de ida está marcada para sábado (6), às 15h45, no Estádio Leandrão, em Barra do Corda

A Federação Maranhense de Futebol (FMF) confirmou as datas dos dois jogos entre Moto e Cordino pela nova decisão do segundo turno do Campeonato Maranhense, após decisão do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-MA) que cancelou a final entre Sampaio e Cordino.

Os dois jogos estão marcados para este sábado, às 15h45, no Estádio Leandrão, em Barra do Corda e na próxima quarta-feira, às 19h45, no Castelão, em São Luís.

Por ter melhor campanha em todo o segundo turno em relação ao Cordino, o Moto faz a segunda partida em São Luís e tem a vantagem de jogar por dois resultados iguais.

Mas tudo isso se os dois jogos ocorrerem mesmo e se o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) confirmar a decisão do tribunal local.

O que vai acontecer ninguém sabe…

Foto: Welliandrei Campelo

2 comentários »

TJD diz que final será entre Moto e Cordino

18comentários

Pleno do TJD do Maranhão julgou procedente pedido do Moto Club por cinco votos contra três

O Tribunal de Justiça Desportiva do Maranhão (TJD-MA) deferiu o por cinco votos contra três, o pedido do Moto Club e determinou que Federação Maranhense de Futebol (FMF) mude a final do segundo turno do Campeonato Maranhense.

Com a decisão, o Moto é quem vai decidir com o Cordino e não o Sampaio como determinou a FMF.

Além disso, o TJD impôs multa de R$ 10 mil em caso de descumprimento da decisão.

O advogado do Sampaio, Jorge Viveiros disse o clube vai recorrer ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

O vice de Competições da FMF, Antônio Henrique, disse que a FMF não vai recorrer no STJD. Ele adiantou que a FMF marcará os jogos do Moto com o Cordino para sábado, em Barra do Corda e na próxima quarta-feira, no Castelão.

Foto: Divulgação/ FMF

18 comentários »

Sampaio e Moto decidem vaga na final

17comentários

Sampaio e Moto voltam a se enfrentar nesta quinta-feira, às 20h15, pela semifinal do 2º turno

Os finalistas do segundo turno do Campeonato Maranhense serão conhecidos hoje (20).

No Castelão, o Sampaio enfrenta o Moto, às 20h15. precisando de um simples empate. Além da rivalidade, o confronto é visto como uma revanche para o Moto que perdeu para o rival no domingo por 1 a 0, e ainda ficou sem a vantagem nesta semifinal.

O Sampaio tem problemas para a decisão, pois Valderrama e Diego Silva terão que cumprir suspensão. O técnico Francisco Diá deverá escalar a seguinte equipe: Alex Alves; Roniery, Alex, Frdeson e Esquerdinha; Alessandro Paraná, Pedro Costa, Daniel Barros e Hiltinho; Pimentinha e Isaac.

No Moto, o técnico Marcinho Guerreiro faz três modificações para tentar vencer o jogo. Alex Cazumba faz a estreia na lateral-esquerda.

O meia Marcos Paulo que anda muito mal perde a posição para Válber que também ainda não mostrou o potencial que tem. E no ataque, Gênesis perde a posição para Paquetá.

O time do Moto deverá ser: Márcio Arantes; Tote, Laerte, Michel e Alex Cazumba; Felipe Dias, Jerson, Rafael Santos, Válber; Vinícius Paquetá e Toni Galego.

A outra semifinal será às 15h15, no Estádio Rodrigão, em Santa Quitéria. O Santinha que tem a melhor campanha no returno recebe o Cordino.

Foto: Welliandrei Campelo

17 comentários »

Candidatos votam pela manhã

0comentário
Candidatos Edivaldo Holanda Júnior (PDT) e Eduardo Braide (PMN) votam na manhã deste domingo em São Luís

Edivaldo Holanda Júnior (PDT) e Eduardo Braide (PMN) votam na manhã deste domingo

Os candidatos Edivaldo Holanda Junior (PDT) e Eduardo Braide (PMN) que estão disputando a vaga de prefeito da cidade de São Luís votam o segundo turno das eleições 2016 na manhã deste domingo (30).

Segundo a assessoria, o atual prefeito e candidato a reeleição, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), vota às 9h, na escola UEB Oliveira Roma, no bairro Vinhais Velho. Ele estará acompanhado da esposa, da filha e também do candidato a vice-prefeito, Júlio Pinheiro, do PCdoB. Formado em direito, ele foi vereador em São Luís e era deputado federal quando decidiu concorrer a prefeito em 2012 pelo PTC.

O advogado Eduardo Braide (PMN) vota às 10h, no Colégio Santa Tereza, na Rua do Egito, situado na área central de São Luís, conforme a sua assessoria. Ele exerce o segundo mandato como deputado estadual e disputa a eleição tendo como candidato a vice-prefeito o professor Gilmar dos Anjos.

No primeiro turno das eleições, o candidato à reeleição, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), ficou com 45,66% dos votos válidos (239.737). Ele vai enfrentar o candidato do PMN, o advogado Eduardo Braide que obteve 21,34% (112.041).

sem comentário »

Eleitores escolhem prefeito de São Luís

0comentário
EdivaldoeEduardo

Candidatos Edivaldo Holanda Júnior (PDT) e Eduardo Braide (PMN) disputam o segundo turno

Eleitores de São Luís voltam às urnas neste domingo, 30 de outubro, para, no 2º turno, decidirem quem será o prefeito a partir do dia 1º de janeiro de 2017. Concorrem à vaga Edvaldo Holanda Júnior, candidato à reeleição pelo PDT, e Eduardo Braide, do PMN. São 659 mil 778 eleitores aptos a votar. Deste total, 298 mil 250 são homens e 361 mil 529 mulheres que votarão distribuídos em 260 locais de votação, onde funcionam 1.968 seções e irão trabalhar 7.872 mesários.

Na manhã deste sábado (29), duas urnas foram sorteadas para passarem por auditoria durante a votação do domingo. A primeira é da seção 337 da 2ª zona eleitoral, que fica no Centro de Ensino Médio Fernando Perdigão do bairro Monte Castelo; e a segunda é a seção 271 da 76ª zona, que fica no Colégio Dom Bosco do bairro Renascença.

Em seguida, o desembargador Lourival Serejo, presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão, oficializou o sistema de gerenciamento do 2º turno, procedimento que garante o sigilo do voto e a segurança do resultado do pleito, em cerimônia que demonstra o compromisso da Justiça Eleitoral com a realização de eleições limpas e transparentes.

O segundo turno das eleições só ocorre nos municípios com mais de 200 mil eleitores, quando nenhum candidato obtém a maioria dos votos válidos (50% mais 1 voto) no primeiro turno. Haverá segunda eleição em 18 capitais e em outros 39 municípios de 11 estados.

Foto: O Estado

sem comentário »

Bancada maranhense vota na PEC 241

0comentário
CamaradosDeputados

A votação na Câmara dos Deputados durou 14 horas e teve 359 votos a favor 116., no 2º turno

Acabou na madrugada de hoje (26), em Brasília, a votação em 2º turno da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 241, que limita os gastos públicos no país próximos 20 anos.

A votação durou 14 horas e teve 359 votos a favor 116.  A PEC teve 7 votos favoráveis a menos no segundo turno – no primeiro foram 366 votos a favor, e agora, 359. Já os votos contrários aumentaram – foram 111 no primeiro turno, e 116 no segundo.

Agora, a matéria será analisada pelo no Senado e a expectativa é que seja votada em dezembro.

Dos 18 deputados maranhnense, 14 votaram a favor e quatro contra.

Votaram contra a PEC 241, os deputados Weverton Rocha PDT, Zé Carlos (PT), Eliziane Gama (PPS) e Rubens Júnior (PCdoB)

Votaram a favor: Waldir Maranhão (PP), Aluisio Mendes (PTN), Hildo Rocha (PMDB), Juscelino Filho (DEM), João Castelo (PSDB), João Marcelo Souza (PMDB),  Alberto Filho (PMDB), Pedro Fernandes (PTB) e Victor Mendes (PSD), Cleber Verde (PRB), Davi Alves Silva Júnior (PR), Ildon Marques (PSB), José Reinaldo (PSB) e Júnior Marreca (PEN).

Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

sem comentário »

Wellington declara apoio a Braide

0comentário
Deputado estadual Wellington do Curso (PP)

Deputado estadual Wellington do Curso (PP)

O deputado Wellington do Curso (PPS) que foi o quarto colocado na disputa do 1º turno da eleição para a Prefeitura de São Luís e obteve 103.951 votos (19,80%) , anunciou na Tribuna da Assesmbleia Legislativa, nesta segunda-feira (24), apoio ao candidato Eduardo Braide (PMN).

Em seu pronunciamento, Wellington do Curso disse que se decidisse apoiar Edivaldo Holanda Júnior estaria traíndo a sua consciência. Se ficasse neutro, estaria ajudando o atual prefeito em sua reeleição.

“Meu compromisso é com o povo! Em nome da coerência e da alternância de poder, anuncio meu voto em favor de Eduardo Braide. Desejo que São Luís tenha um futuro melhor pelos próximos quatro anos. Vou me manter atuante, vigilante e cobrando melhorias para o nosso povo. Continuarei em defesa da população e de São Luís. Desejo sucesso a Eduardo Braide e se depender do meu voto, Edivaldo Holanda Júnior não será mais prefeito de São Luís a partir de 1º de janeiro de 2017”, anunciou.

Na prática, o anúncio de apoio de Welligton a Eduardo Braide poderá não ter efeito algum. É que as primeiras pesquisas realizadas no segundo turno já mostraram que a maioria do eleitorado que votou no candidato do PP, já havia migrado para o candidato do PMN.

Em contato com o candidato Wellington do Curso ontem à noite, ele garantiu que vinha conversando com os dois candidatos.

Foto: Assembleia Legislativa

sem comentário »

Apoios agora não vão influenciar nada

5comentários
Wellington do Curso e Eliziane Gama ainda negociam apoio neste segundo turno

Wellington do Curso e Eliziane Gama ainda negociam apoio neste segundo turno das eleições

Chegamos à última semana da campanha eleitoral neste segundo turno da disputa pela Prefeitura de São Luís entre os candidatos Edivaldo Holanda Júnior (PDT) e Eduardo Braide (PMN).

A expectativa toda, além do dia da votação é para o debate na sexta-feira (28), na TV Mirante e para os possíveis anúncios de apoio por parte do governador Flávio Dino (PCdoB) e de Wellington do Curso (PP) e Eliziane Gama (PPS) que foram candidatos no primeiro turno.

Na minha opinião, Wellington e Eliziane demoraram muito definir o apoio neste segundo turno, de modo que os votos que receberam no primeiro turno já migraram para um ou outro candidato e agora nada influenciarão no pleito e certamente serão vistos como puro “oportunismo eleitoral”.

Nos bastidores, o comentário é que a pedida de Wellington e Eliziane teria sido alta demais a Edivaldo e Eduardo. Para piorar a situação, Braide ainda chegou a afirmar que não trocaria “apoios por cargos ou secretarias”. E pelo que sabemos é exatamente essa a pedida, tanto de Welllington quanto de Eliziane.

Em resposta a mensagem que enviamos sobre possível apoio, Wellington do Curso respondeu: “conversando com os dois candidatos”. Eliziane não respondeu.

Quanto a Flávio Dino, o seu apoio a Edivaldo Holanda júnior já estaria gravado em um vídeo que deve ser divulgado a essa semana. Também em cima da eleição, a sua participação poderá não ter efeito algum. Principalmente se demorar mais alguns dias.

Vamos aguardar!!!

5 comentários »

Adriano rebate afirmação de Braide

1comentário
Deputado estadual Adriano Sarney (PV)

Deputado estadual Adriano Sarney (PV)

O deputado estadual Adriano Sarney (PV) divulgou nota esclarecendo o seu posicionamento político em relação ao segundo turno da eleição para a Prefeitura de São Luís em resposta a afirmação feita pelo candidato a prefeito de São Luís Eduardo Braide (PMN).

Ontem, em nota encaminhada à imprensa, o candidato Eduardo Braide que afirmou que Adriano Sarney estava apoiando o atual prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT).

“O deputado estadual Adriano Sarney poderia ter usado a mesma verdade para declarar seu apoio ao meu adversário, fato já conhecido no meio político”, disse Braide.

Adriano Sarney afirmou que Edivaldo e Eduardo Braide são candidatos apoiados pelo governador Flávio Dino (PCdoB) e que se considera um dos maiores opositores do atual governo.

Veja a nota na íntegra:

“É de amplo conhecimento que eu sou um dos maiores opositores ao governo comunista e que Edivaldo Holanda Júnior e Eduardo Braide são candidatos do Flávio Dino (PCdoB).

Neste segundo turno ds eleições municipais de São luís, mantenho-me neutro no que diz respeito a apoios políticos.

O meu compromisso teve dois únicos propósito: contribuir para dar mais transparência à corrida eleitoral e defender o meu nome. O objetivo foi cumprido”.

Foto: JR Lisboa/Agência AL

1 comentário »