MUSEU A CÉU ABERTO

0comentário

São Luis, finalmente, ganha um museu a céu aberto. Um espaço que a cidade não tinha e dele precisava para incrementar o turismo.

Quem deu este presente à cidade foi uma empresa privada, o Grupo Mateus, e um órgão público, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional no Maranhão, por iniciativa da superintendente, Kátia Bogéa.

Ninguém podia imaginar que aquelas ruínas, escondidas no antigo Largo de Santiago, pudessem um dia ressurgir das cinzas e recuperadas para embelezar esta cidade, que muita gente teima em destruí-la.

ESPAÇO PARA EVENTOS

São Luis tem agora a sua disposição um espaço que certamente será bem visitado e usado para eventos. No passado, uma fábrica de renomado conceito, que produziu bens de consumo de boa qualidade. No presente, um ponto de referência e de estudo às novas gerações.

Ali, também, podem ser realizadas atividades artísticas e culturais, solenidades públicas e privadas, cerimônias ecumênicas e eventos sociais, como casamentos e aniversários, pois o cenário reconstruído é deslumbrante.

A apresentação, por exemplo, da Paixão de Cristo, em meio àquelas ruínas, será algo extraordinariamente belo e emocionante.

ALGODÃO HIDRÓFILO

A fábrica Martins Irmão, instalada naquele local, tinha uma linha de produção fantástica.

Dentre os produtos de maior consumo e de aceitação no mercado, dois se destacavam: o algodão hidrófilo e o sabão.

O toque de emoção da solenidade quem deu foi o professor João Martins Neto, representante da família no ato inaugural e de muita simbologia.

No auge de sua oração, apresentou ao público um autêntico pacote do algodão hidrófilo, produto que a Fábrica Martins vendia em larga escala para o exterior.

MUDANÇA NA TVE

Finalmente, a Televisão Educativa do Maranhão mudou de comando.

O novo diretor da emissora é Jonhes Braga, ex-prefeito do município de Nina Rodrigues.

A nomeação deve se creditar ao deputado federal Hildo Rocha, que faz parte do grupo que acompanha e apóia o presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha.

AMIZADE DE ALKMIM

Nenhum político maranhense tem hoje mais aproximação com o governador de São Paulo, Geraldo Alkmim, do que o deputado Fábio Braga.

A amizade entre o parlamentar maranhense e o governador paulista nasceu num encontro casual, mas fraternal.

A partir de então construíram uma forte amizade e todas as vezes que Fábio vai a São Paulo é recebido no Palácio Bandeirante.

O governador de São Paulo virá brevemente a São Luis, em viagem puramente particular e para prestigiá-lo.

CHORO NA CÂMARA

Foi bela e emocionante a homenagem que a Câmara Municipal de São Luis prestou a Kátia Bogéa, a quem concedeu o título de cidadã ludovicense.

O discurso da homenageada, recheado de amor à cidade que se dedicou como profissional, foi interrompido várias vezes pela emoção e pelas lágrimas que jorravam do seu rosto, dos vereadores e dos convidados.

Um fato inédito na sessão: todos os vereadores usaram a palavra para enaltecer o trabalho de Kátia à frente do IPHAN.

EFEITO ELIDIANE

A conduta, aliás, péssima de Elisiane Leite na prefeitura de Bom Jardim, quando cometeu deslizes e desviou recursos destinados à educação do município, para a curriola que a cercava, repercutiu no Congresso Nacional.

Para evitar que os prefeitos dos municípios brasileiros pratiquem atos semelhantes aos de Elisiane, um projeto foi apresentado na Câmara dos Deputados.

Pela proposta, os recursos do Fundeb- Fundo de Educação Básica serão repassados pela União com exigências maiores, de modo que os gestores municipais os apliquem com mais responsabilidade.

SARNEY LEMBRADO

Em novembro, haverá eleição na Academia Brasileira de Letras para a presidência da veneranda instituição.

Novamente, o nome do escritor José Sarney vem à cena acadêmica.

Um grupo de imortais assedia o intelectual maranhense para se candidatar ao posto de presidente da Casa de Machado de Assis.

Ele, contudo, resiste. Até quando, não se sabe.

MEDICINA EM BRASÍLIA

O Centro Universitário Euro-Americano, que integra a Universidade Ceuma, quer oferecer mais um curso de nível superior à juventude de Brasília.

Nesse sentido, espera a autorização do Ministério da Educação para o funcionamento do curso de Medicina, na capital da República.

Na proposta, a instituição mostra que está habilitada e pronta a promover o curso, pois preenche todos os requisitos exigidos pelo MEC.

VIDIGAL ABRAÇA SARNEY

O presidente José Sarney participava de uma solenidade em Brasília, quando foi tomado de enorme surpresa.

Era o jornalista Edson Vidigal que dele se aproximou e o abraçou fraternalmente, como nos bons tempos.

Sarney, homem educado e tolerante, acostumado a coisas que só a política é capaz de fazer, não esboçou nenhuma reação à atitude de Vidigal, ao contrário, como criador, retribuiu o abraço da criatura, que dele se distanciou por motivos inexplicáveis.

PARA BERZOINE SABER

O ex-deputado Gastão Vieira mantém um relacionamento bem cordial com o ministro das Relações Institucionais do Governo, Ricardo Berzoine.

Relacionamento esse que ensejou levar ao seu conhecimento da repercussão negativa da exoneração de Kátia Bogéa da superintendência do IPHAN no Maranhão.

Para o ministro ter idéia do desastroso ato praticado pelo governo federal, Gastão enviou-lhe cópia das notícias veiculadas pelos jornais de São Luis com relação à mudança de cargo no IPHAN.

LIVROS PARA TODOS

Nesta quinta-feira, a Universidade Federal do Maranhão e a Academia Maranhense de Letras realizam um evento estritamente literário.

A partir das 19 horas, os intelectuais Waldemiro Viana, Ceres Costa Fernandes, Antônio Augusto Brandão e Sebastião Jorge vão autografar e lançar livros editados pela EDUFMA.

De Waldemiro, os romances A vez da caça e A questionável amoralidade de Apolônio Proeza; de Ceres, O narrador plural na obra de José Saramago; de Antônio Augusto Brandão, Desafios à teoria econômica; de Sebastião Jorge, Cenas de Rua.

 

Sem comentário para "MUSEU A CÉU ABERTO"


deixe seu comentário