Aftosa

0comentário


Gado está sendo vacinado, mas greve
impede emissão de atestados sanitários

O presidente do Sindicato dos Técnicos Agrícolas do Estado do Maranhão, Wennder Robert de Sousa, informou que apesar de pecuaristas maranhenses estarem providenciando a vacinação dos seus rebanhos contra a febre aftosa, a ausência de profissionais para fiscalizar a imunização compromete o andamento da campanha iniciada no último dia 1º.

Em greve desde o início da amanhã de hoje, os 450 técnicos da Agência Estadual de Defesa Agropecuária (Aged) se recusam a emitir o documento que atesta a vacinação do gado. Com isso, mesmo que os donos dos rebanhos estejam comprando a vacina e aplicando-a nos bovinos e bubalinos, não há comprovação oficial da imunização.

Wemmder Sousa comentou declaração do presidente da Aged, Sebastião Anchieta, que afirmou que a campanha de vacinação contra a febre aftosa está transcorrendo normalmente no Maranhão, apesar da greve dos técnicos agrícolas. “Com certeza, a campanha está prejudicada. Sem técnicos para fiscalizar a vacinação e emitir o atestado, não há como comprovar a imunização”, rebateu.

Hoje à tarde, representantes da categoria tiveram uma audiência com o chefe da Casa Civil, Aderson Lago, mas, segundo eles, a reunião não foi produtiva. Eles creditaram parte do fracasso à ausência do secretário de Planejamento, Aziz Santos, que alegou outros compromissos.

A pauta de reivindicações dos técnicos da Aged contém 14 itens, entre os quais adicional por insalubridade, por dedicação exclusiva e por interiorização, passe-livre em terminais de ferry-boat durante o deslocamento para exercício da função, auxílio-alimentação, segurança nas barreiras sanitárias, gratificação sobre a arrecadação de impostos que incidem sobre produtos agropecuários, concurso público e elevação da atividade à condição de serviço essencial.

Além do prejuízo à campanha de vacinação contra a aftosa, a greve dos técnicos da Aged provocou a suspensão da emissão das Guias de Transporte de Vegetais (GTV) e de Transporte Animal (GTA), o que impede a saída legal desses produtos do estado.

Sem comentário para "Aftosa"


deixe seu comentário