Jackson chega atrasado em encontro com ministro da Educação

0comentário

O governador Jackson Lago cometeu uma gafe esta manhã, durante o encontro de prefeitos no Ministério da Educação, em Brasília, para adesão ao Plano de Metas Compromisso Todos pela Educação. Depois de chegar atrasado à so­lenidade, o governador do Maranhão teve que ser conduzido por assessores à me­sa, onde já se encontrava o ministro Fernando Hadad e outras au­to­ri­da­des. Acompanharam o governador ao encontro com o ministro o prefeito de São Luís, Tadeu Palácio, o secretário estadual de Educação, Lourenço Vieira da Silva, o secretário municipal de Educação da capital, Moacir Feitosa, e o deputado federal Julião Amin (PDT).  Em uma ação aparentemente orquestrada, membros da Assessoria aos Municípios para o Desenvolvimento da Educação (Amde) exibiram, nos fundos do auditório onde foi realizada a solenidade, uma faixa com os dizeres “Governador Jackson: os municípios maranhenses agradecem o apoio dado à educação. Amde conosco”. A Amde tem como assessora chefe Anny Kristen Pires Mendes, ex-adjunta do secretário Lourenço Vieira da Silva.    A adesão ao compromisso é o primeiro passo para que estados e municípios recebam recursos e assistência técnica de 40 tipos de ações previstas no Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE), lançado em abril de 2007. A adesão é voluntária.Os 26 estados e o Distrito Federal aderiram. E dos 5.563 municípios brasileiros, 5.445 já aderiram. Todos os 217 municípios do Maranhão aderiram ao compromisso.O MEC também deu atendimento prioritário a 1.242 municípios que não têm condições técnicas para fazer o diagnóstico da sua realidade. Desses, 84 estão no Maranhão. Esses municípios são considerados prioritários para receber apoio técnico e/ou financeiro do MEC e apresentam Índice de Desempenho da Educação Básica (Ideb) menor que a média nacional (3,8).         

Sem comentário para "Jackson chega atrasado em encontro com ministro da Educação"


deixe seu comentário