Sem aval de Lula, Flávio Dino já se auto-intitula “candidato do PT no Maranhão”

4comentários

dino2Mesmo sem uma decisão definitiva sobre a aliança a ser firmada pelo PT para a eleição de outubro no Maranhão, o deputado federal Flávio Dino (PC do B) já se auto-intitula o “candidato apoiado pelos petistas no Maranhão”. O comunista tem participado de uma série de eventos em São Luís e no interior e na intenção de angariar apoio político e popular à sua pretensa candidatura, faz de tudo para atrelar sua imagem à do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.  

Pelas movimentações que vem fazendo nas últimas semanas, Dino parece já ter mergulhado de vez na campanha, apesar de o período de caça aos votos só começar oficialmente em julho. Um dos eventos em que apresentou-se claramente como postulante ao Palácio dos Leões foi uma reunião plenária realizada no último dia 23, no Sindicato dos Bancários. Para uma platéia formada por sindicalistas, líderes partidários, movimentos populares e representantes de outros segmentos, ele declarou, em um discurso inflamado, com batucada eufórica ao fundo: “o candidato do PT sou eu”, frase que foi usada como título de matéria jornalística distribuída à imprensa local por aliados do comunista.

No último fim de semana, o deputado federal esteve nos municípios de Vargem Grande, São Benedito do Rio Preto, Urbano Santos e Chapadinha para novamente divulgar sua candidatura. Nessa peregrinação, esteve acompanhado dos deputados federais Domingos Dutra (PT) e Ribamar Alves (PSB), pelo deputado estadual Rubens Pereira Júnior (PSB) e por representates de entidades de trabalhadores rurais, entre outros aliados. A cada discurso, reforçava os laços – não tão bem amarrados – com Lula, enfatizando a participação do PC do B em todas as campanhas presidenciais do petista, mas ignorando totalmente a nova conjuntura política nacional, pela qual o presidente tem preferencialmente se guiado. 

A insistência de Flávio Dino em associar sua imagem à do presidente é uma iniciativa política acertada, tendo em vista a elevada popularidade do chefe máximo da República, sobretudo nos estados do Nordeste. Por outro lado, tal estratégia pode se converter em ato precipitado, pois, levando em conta manifestações públicas do próprio Lula, o rumo partidário do PT no Maranhão pode ser mudado a qualquer momento, o que deverá arrefecer o entusiasmo do comunista e daqueles que apoiam seu ambicioso  projeto de poder.

4 comentários para "Sem aval de Lula, Flávio Dino já se auto-intitula “candidato do PT no Maranhão”"


  1. MONTEIRO

    DANIEL, ISSO É UM LOUCO,
    ESTA QUERENDO DAR UM PASSO MAIOR QUE A PERNA,
    VAI TERMINAR NO OSTRACISMO POLÍTICO.
    É POR ISSO QUE ESSA OPOSIÇÃO NÃO GANHA NADA HONESTAMENTE, SÃO MUITO AFOITOS E BURROS.
    NO TJ ESSE DINO JÁ NÃO ESTA COM A BOLA TODA.
    QUE MERDA SER CANDIDATO DE DUTRA, ALVES, JUNIOR E ETC…QUE MORAL ELES TEM?
    DINO, TE PREPARA MELHOR E APRENDE POLÍTICA, TU ERAS BOM DE JUSTIÇA.
    ESSA FOTO DIZ TUDO,
    ARROGÂNCIA + PREPOTÊNCIA = IGNORÂNCIA.

  2. aloberto antunes

    O Flávio Dino sempre esteve nesta margem do rio, diferentemente da Roseana que foi aliada de primeira hora de FHC em 1994 e 1998. Mesmo que haja a violenta e anti-democrática intervenção daquels que já estão acostamados com golpes,, ainda assim aposto contigo o que quizeres se os militantes e movimentos sociais estarão aí nesta outra margem do embate.Ele tem todo o direito de proclamar-se candidato do PT, afinal é o legítimo vencedor da disputa do dia 27 de março.Se existem recursos e possibilidade de golpe, são outros quinhentos. sobre o fato de estar em pré-campanha é legal e absolutamente legítimo ,pior é estar em campanha na televisão com mentiras.

  3. Carlos André

    Na verdade essa auto-intitulação é legitima, pois foi voto da maioria no próprio partido dos trabalhadores.
    Agora uma observação que queria fazer é a falta de coerência do seu post acerca de mandos e obediências de tais.
    Pois como você falou que Flavio Dino mesmo sem o aval de Lula diz que é candidato do PT, coloco que o Lula apesar
    de sua popularidade não é dono do PT e não conhece a história de luta que o Maranhão atravessa, por isso seria injusto
    vetar essa escolha democrática do PT estadual e colocar o PMDB como aliado,

    abraços

  4. Francisco José

    Jornalista é preso e algemado em pleno exercício da profissão

    confira matéria – http://www.portaltimonfm.com.br/?pagina=noticia&id=2425

    confira video – http://www.youtube.com/watch?v=9e4IiEMnzD0&feature=player_embedded

deixe seu comentário