Tiro, porrada e bomba: repressão policial a servidores sem salários em Bacuri

0comentário

Sem salários há três meses, servidores públicos do município de Bacuri sofreram violenta repressão policial, no início da noite desta segunda-feira, quando protestavam, pelo segundo dia consecutivo, por seus direitos. Enquanto um trator destruía uma barricada em chamas e avançava sobre os trabalhadores, bombas de efeito moral eram lançadas sobre os manifestantes, com o objetivo de desmobilizá-los.

O pânico tomou conta de dezenas de pais e mães de família, que, posicionados à margem da rodovia estadual que liga Bacuri a Serrano do Maranhão, e entoando o hino nacional, apenas reivindicavam o seu ganha-pão, não repassado pela prefeitura local desde o ano passado. Assista:

Sem comentário para "Tiro, porrada e bomba: repressão policial a servidores sem salários em Bacuri"


deixe seu comentário