Calote aplicado por músico em bloco de Carnaval vira caso de polícia

8comentários

Músico Lúcio Cordas recebeu cachê adiantado, mas faltou à apresentação

Um calote aplicado pelo músico Lúcio Cordas e Banda no bloco carnavalesco Os Amontes, realizado em 13 de fevereiro (Terça-Feira Gorda de Carnaval), no bairro Monte Castelo, virou caso de polícia. O organizador da brincadeira acusa o líder da banda de não ter comparecido à festa para se apresentar, apesar de ter recebido antecipadamente o cachê para realizar o show.

Em boletim de ocorrência registrado no último dia 10, no Plantão Central da Área Itaqui-Bacanga, o diretor do Bloco Os Amontes, José Carlos Martins dos Santos, comunicou que em 19 de janeiro, quase um mês antes da festa, entregou em mãos a João Lúcio Xavier Lima, conhecido artisticamente como Lúcio Cordas, a quantia de R$ 1.000,00 (HUM MIL REAIS), a título de adiantamento pela apresentação da festa, atendendo a solicitação feita pelo próprio músico, conforme registrado em recibo. O pagamento foi feito na própria casa do contratante, situada na Rua 1º de Janeiro, nº 215, Monte Castelo.

Pelo cronograma da festa, Lúcio Cordas e Banda deveriam ter se apresentado das 18h às 20h. Aguardado com grande expectativa pelo público presente ao evento, o artista e seus músicos simplesmente não apareceram, deixando o bloco sem uma de suas principais atrações musicais e causando insatisfação nos foliões e constrangimento aos organizadores.

Recibo que comprova o pagamento antecipado feito ao artista, na casa do contratante, em 19 de janeiro

A alegação de Lúcio Cordas para a ausência foi de que o veículo que transportava a banda do município do interior onde havia feito uma apresentação carnavalesca a São Luís não pode seguir viagem por causa de um defeito mecânico em plena estrada.

Relato feito em boletim de ocorrência registrado por Zé Carlos no Plantão Central da Área Itaqui-Bacanga

Lúcio Cordas se divertindo em Fortaleza, no Carnaval

Posteriormente, Zé Carlos, como é mais conhecido o diretor do bloco, foi informado que o músico se divertia com familiares e amigos em Fortaleza no dia e hora marcados para a apresentação no Bloco Os Amontes. Fotos postadas em redes sociais confirmam a presença de Lúcio na capital cearense na data da festa no Monte Castelo.

Zé Carlos diz que já manteve vários contatos com Lúcio Cordas, por telefone, e em todos o artista garantiu que vai ressarcir o bloco pelo transtorno causado. O músico já chegou até a enviar fotos, por celular, de um envelope bancário que supostamente havia utilizado para efetuar o depósito para compensar a ausência na festa, mas o valor jamais foi creditado na conta do credor.

O diretor do bloco afirma que resolveu levar o caso ao conhecimento das autoridades policiais após perceber que as promessas de ressarcirmento feitas por Lúcio Cordas não passam de embromação.

8 comentários para "Calote aplicado por músico em bloco de Carnaval vira caso de polícia"


  1. João Ferreira

    … “DELEGACIA DE DEFRAUDAÇÕES” NELE… SIMPLES ASSIM !!!

  2. Reynaldo Aragão Pinto Filho

    Quem paga adiantado,quer ser enganado

  3. Creso Filho

    Isso é normal pra ele. Em junho do ano passado, esse cara fez a mesma coisa com um grupo familiar do qual faço parte. Contratamos ele para tocar numa festa junina e ele foi tocar em outro lugar. Ele não é confiável, não o conyratem.

  4. Gentil

    Ele tbm me enganou com falsas promessas de que ia ressarcir o nosso prejuízo, mas até agora nada, entramos com um processo, mas justiça não consegue intimalo, vive mudando de endereço, inclusive nosso processo acho até que já foi arquivado porque juiz determinou um prazo de 15 dias pra fornecermos endereço desse 171, mas não cobseguimos.

  5. Gentil

    Esse cara não passa de um 171, já nos enganou, festa junina de família e ele recebeu 500,00 antecipado, é nesse mesmo dia e horário está no bar Salomé na lagoa tocando.

  6. Loja

    Esse cara já pegou umas roupas na minha loja, e sempre disse que ia pagar, e nunca pagou. Tive que pegar um bem material dele em troca.

  7. José Carlos Martins dos Santos

    Temos Que Parar Esse Rapaz Pilantra, Só Assim Vai Deixar de Encanar As Pessoas de Bem, Mande Para Todos Seus Amigos é Grupos, No Facebook, Instagram, Twiter é Outras, Rua Primeiro de Janeiro, 215 Monte Castelo

  8. José Carlos Martins dos Santos

    Temos Que Parar Esse Rapaz Pilantra, Só Assim Vai Deixar de Encanar As Pessoas de Bem, Mande Para Todos Seus Amigos é Grupos, No Facebook, Instagram, Twiter é Outras,

deixe seu comentário