Matrículas abertas no Curso Wellington para turmas de fim de semana preparatórias ao concurso do TJMA

1comentário

O Curso Wellington continua com inscrições abertas para as turmas de semana preparatórias ao concurso do Tribunal de Justiça do Maranhão, que oferece salários de até R$ 8.230,35. As aulas começam neste sábado (10) e serão ministradas nas unidades do Monte Castelo e Cohab.

O período de inscrições teve início no último dia 5 e se estenderá até o próximo dia 28. O curso terá duração até o dia 27 de setembro, com material didático incluso. Para matrículas até 10 de agosto, o Curso Wellington concederá desconto especial.

Serão ministradas as seguintes matérias comuns a todos os cargos: português, raciocínio lógico matemático, informática, história e geografia do Maranhão e organização judiciária. Como complemento para o cargo de técnico judiciário, serão ministradas as disciplinas de administração e direito (constitucional administrativo).

Investimento

O investimento para ingresso nas turmas de fim de semana para o curso completo será de R$ 800 (pagamento à vista) e R$ 900 (em até seis vezes sem juros no cartão).

Matrículas

Ex-alunos do Curso Wellington, grupos de amigos (a partir de dois membros) e para pagamento até 10 de agosto, o valor da matrícula é de R$ 300. Para pagamento no cartão em até seis vezes sem juros a taxa é de R$ 350. Há ainda a opção de pagamento da matrícula em duas parcelas de R$ 180 em nota promissória.

Mais informações sobre o curso preparatório ao concurso do TJMA e outros seletivos, pelos telefones 3243-8030 (unidade Monte Castelo) e 3245-2112 (unidade Cohab) ou pelo site www.cursowellington.com.br.

Os candidatos podem se inscrever no concurso do Tribunal de Justiça do Maranhão pelo site www.concursosfcc.com.br.

1 comentário para "Matrículas abertas no Curso Wellington para turmas de fim de semana preparatórias ao concurso do TJMA"


  1. Matrículas abertas no Curso Wellington para turmas de fim de semana preparatórias ao concurso do TJMA – Blog da Riquinha

    […] Fonte: Daniel Matos […]

deixe seu comentário