Núbia pede interdição de Domingos Dutra e reforça suspeita de que AVC deixou graves sequelas

0comentário
Prefeito Domingos Dutra em solenidade pública com a primeira-dama, Núbia Dutra

A primeira-dama e ex-super secretária municipal de Paço do Lumiar, Núbia Dutra, segue com a intenção de controlar com mão de ferro os destinos do marido Domingos Dutra, que encontra-se em estado de invalidez (momentânea) após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC), no dia 23 de julho. Depois de proibir a divulgação do boletim médico com informações sobre o estado clínico do prefeito luminense e impedir o acesso dos filhos ao pai enfermo, ela agora deu entrada na Justiça em um pedido de interdição do esposo.

Núbia formulou o pedido à 2ª Promotoria de Justiça do Ministério Público, no último dia 19. Caberá à promotora titular Raquel Pires de Castro analisar a solicitação e emitir a resposta.

Ao pedir a interdição de Dutra, Núbia dá a entender que o AVC deixou graves sequelas em Domingos Dutra, impedindo que ele possa responder por seus atos. Esta semana, o prefeito foi submetido a um novo procedimento cirúrgico. Desta vez, os médicos recolocaram a cobertura da caixa craniana, removida, de início, para facilitar a diminuição do edema causado pelo derrame no cérebro do paciente.

Se Núbia Dutra conseguir o que pretende, ela estará autorizada a responder por todos os atos administrativos e financeiros do prefeito. Só não poderá, logicamente, assumir a a cadeira de prefeita de Paço do Lumiar, uma vez que a vice, Paula da Pindoba, já está no pleno exercício do cargo, conforme prevê a legislação.

Veja o pedido formulado por Núbia Dutra ao Ministério Público:

Sem comentário para "Núbia pede interdição de Domingos Dutra e reforça suspeita de que AVC deixou graves sequelas"


deixe seu comentário