Classe política repercute cardápio gourmet na saúde do governo Flávio Dino em plena pandemia

1comentário

Conforme noticiou este blog, em primeira mão, a gestão comunista fez pregão eletrônico com a intenção de contratar, por R$ 1,2 milhão, empresa para fornecer iguarias como salmão, bacalhau, queijos finos, trufas de chocolate, tábuas de frios e coqueteis de frutas

Representantes da classe política do Maranhão vêm dando ampla repercussão à notícia publicada em primeira mão por este blog, na última terça-feira (23), revelando a intenção da Secretaria de Saúde do governo Flávio Dino (PCdoB) de contratar, por mais de R$ 1,2 milhão, em plena pandemia, um cardápio gourmet, com salmão, bacalhau, queijos finos, trufas de chocolate, coqueteis de frutas e outras iguarias de alto requinte. Válida por 12 meses, a ata de registro de preços discriminando todos os itens a serem fornecidos à SES e os respectivos valores foi publicada em 7 de agosto de 2029 no Diário Oficial do Estado (aba Terceiros, página 7.

O primeiro a abordar o que classificou como absurdo foi o senador Roberto Rocha (PSDB). Em postagem nas suas redes sociais, o tucano condenou o banquete palaciano, fazendo um alerta ao povo maranhense. “Quem paga a conta é você”, advertiu.

Outro que não poupou críticas ao ato da gestão de Flávio Dino, a quem apelidou de “comunista gourmet“, foi o deputado federal Edilazio (PSD). O parlamentar também replicou o caso em suas mídias sociais, posicionando-se contra a farra gastronômica durante a grave crise sanitária e de saúde, com direito a foto do governador de bandeja e prato na mão, servindo-se em um restaurante.

Em contato direto com o autor deste blog, outros políticos solicitaram mais informações sobre o fato, o que sinaliza que a polêmica tende a render ainda mais e ter consequências imprevisíveis.

Subterfúgio

A propósito, quanto à tentativa do governo de desqualificar a notícia, afirmando que não passa de fake news, trata-se de mero subterfúgio, de um artifício covarde de quem não tem como explicar tamanho escárnio, já que o ato foi publicado no Diário Oficial do Estado, como informado acima.

1 comentário para "Classe política repercute cardápio gourmet na saúde do governo Flávio Dino em plena pandemia"


  1. Antonio Oliveira

    Enquanto isso, nos servidores, estamos a quase 8 anos em reajuste, tendo nosso salário perdido o poder de compra e as causas ganha na justiça, tendo seu pagamento suspenso por decreto desse comunista. Cadê o dinheiro do nosso fundo de aposentadoria Dino?

deixe seu comentário

Twitter Facebook RSS