Apesar da vice-lanterna no Paulista, o Santo André não é um time fraco

1comentário

Jogo fácil que nada! Quem está pensando que o Sampaio encontrará moleza diante do Santo André está redondamente enganado, pois em borá o time do ABC paulista não esteja jogando uma bola redonda, pela sua estrutura é uma equipe que merece respeito. Tem muita ai dizendo que o Ramalhão é vice-lanterna do Campeonato Paulista, que foi rebaixado da Segunda para a Terceira Divisão e que na primeira fase da Copa do Brasil bateu o fraco Naviraense, mas estão esquecendo, que este mesmo clube já foi campeão desta competição e que há dois era da Série A.

Apesar do Santo André ter apenas 10 pontos no Campeonato Paulista conquistados em 13 jogos dos quais foram uma vitória, sete empates e cinco derrotas, não acredito que ele seja “cachorro morto”. Embora tenha marcado apenas 9 gols e sofrido 20 obtendo aproveitamento de pouco mais 25% dos pontos disputados no Paulista , a equipe do Ramalhão não é nenhum Nacional de Santa Inês.

O Santo André é vice-lanterna de uma campeonato que tem Corinthians, São Paulo, Palmeiras, Santos, quatro dos maiores times brasileiros, e sem falar que os times do interior paulista dão de pau em qualquer clube daqui. Para ter uma idéia, o Célio Codó, que era artilheiro no Sampaio, sequer é reserva no Ramalhão. Detalhe, além de Codó a equipe paulista tem outro maranhense no seu elenco, Rychelly, que é natural de Santa Luzia.

Realmente acredito na vitória do Sampaio sobre o Santo André e até na classificação do time maranhense para a terceira fase da Copa do Brasil, porém, não acho que a missão será tão fácil como muitos acreditam.

Foto – De Jesus

1 comentário para "Apesar da vice-lanterna no Paulista, o Santo André não é um time fraco"


  1. mauricio miguel

    como amante do futebol acabei passando esse gosto a meu filho e o levei para sua estréia dos campos assistindo a partida entre Iape e o Galo Mineiro, após 1 hora e 40 m de fila, com chances concretas de sermos pisoteados, conseguimos entrar no estádio já com o jogo em andamento.
    O bom espetáculo que assistimos e a magia do futebol fez com que deixássemos esses problemas de lado.
    Contudo ontem reparamos com a mesma cena no jogo do Sampaio, com a agravante de que não conseguimos entrar no estádio.
    Era muito desorganização, portões fechados, polícia militar totalmente despreparada, cambistas para todo lado, empurra empurra, venda de bebidas em garrafa na porta do estádio, ontem não conseguimos nem entrar no estádio.
    Depois de 2 horas de tentativa em vão, com medo de que ocorresse uma tragédia devido superlotação, voltamos frustrados com o prejuízo do ingresso e a certeza de que o código de defesa do consumidor e o estatuto do torcedor são apenas um pedaço de papel aqui no Maranhão.Onde estão nossos direitos e a vergonha na cara dos orgaizadores do nosso futebol?
    Mauricio Miguel
    [email protected]

deixe seu comentário