Castelão vai virar um caldeirão!

3comentários

 

A contar pelo termômetro do treino de ontem, no Castelão e pela loucura que foi a distribuição dos 32 mil ingressos dos 40 mil da capacidade máxima da praça esportiva, que acabam em 1h30, o Sampaio Corrêa deverá receber dos torcedores, na partida contra o Vilhena (RO), o apoio necessário para o time conseguir a vaga para a quarta de final do Campeonato Brasileiro da Série D. Afora a histeria do torcedor pelos ingressos que foram dados de graça pelo governo do estado em comemoração aos 400 anos de São Luís, o jogo tem tudo para ser um sucesso. O Castelão todo remodelado com poltronas confortáveis, banheiros e bares recuperados e dois telões de LED de última geração, é um atrativo a mais para o espetáculo.

 

Sem clubismo, a campanha do Sampaio na primeira fase do Brasileiro da Série D, com 100% de aproveitamento, mostrou mais uma vez que o time do Flávio Araújo, dois acessos nacionais na carreira, pelo Icasa (CE) e América-RN, ambos na Série C, está jogando o fino da bola quando se fala da parte tática. Impressionante! É verdade que não tem nenhum jogador individualmente primoroso, ou um goleador impiedoso, mas quando se fala em defender poucas equipes do mundo atualmente tem a mesma capacidade que o Tricolor. Aliás, a ocupação de espaço trabalhada pelo treinador pode ser o diferencial para as partidas do mata-mata do Campeonato Brasileiro da Série C.

 

O interessante é que o treinador conseguiu substituir as peças que perdeu. Ou seja, saiu o Edgar (que foi obrigado a voltar ao MAC por determinação judicial), mas entrou no lugar dele o Pimentinha, na reta final da primeira fase. O primeiro é mais técnico, mas não tem muitas diferenças. O Carlonho Rech, contundido, foi substituído por Johildo, e a zaga continuou com a mesma firmeza. Ainda tem o Weclei, ex-Atlético-PR, que mostrou ter muito potencial. Isso tudo somado com a boa fase do Clayton, a manutenção do Arlindo Maracanã e da maioria do elenco, faz do Tricolor uma equipe muito forte para a disputa de uma vaga na Série C de 2013. É claro que não pode amolecer nesse Brasileiro. Senão tudo vai por água abaixo.

 

É bom lembrar que está campanha excelente do Sampaio é fruto da perseverança do presidente Sérgio Frota, que sozinho e contra todos, está fazendo das tripas coração para manter o grupo nesta reta final rumo a Série C. O mínimo que o torcedor neste momento pode fazer é ir ao estádio em retribuição ao dirigente e a governadora Roseana Sarney, que entrou para o torcedor maranhense um dos estádios mais modernos do Brasil.  

 

3 comentários para "Castelão vai virar um caldeirão!"


  1. Júlio

    Não foi vc q disse q estragaram a festa de reinauguração do estádio castelão ao escolher o jogo do Sampaio? Tem q decidir o que vc escreve rapaz.

    • Márcio Henrique

      Meu amigo, me referi ao jogo de abertura. Hoje, o Sampaio estará jogando uma decisão e se passar pelo Vilhena jogará outra e em ambas acresdito que o torcedor boliviano deve dar total apoio aos seu time.
      Eclarecido?
      Obrigado.

  2. Felipe Abreu

    Não foi você que defendia e reinauguração com times de fora?
    falando que Vilhena pelas Oitavas de final não lotaria…calou-se hies?
    kkkkkkkkkk

deixe seu comentário