Hamburgueria, hotel e fábrica de vidros vencem Prêmio Banco do Nordeste da MPE no Maranhão

0comentário

 “Tenho a convicção de que conseguimos crescer cinco anos em um com a união da nossa determinação de empreender e o financiamento do Banco do Nordeste”. Foi com esse depoimento que o empresário Felipe Oliveira reconheceu o desenvolvimento do seu empreendimento, o Bulldog Burguer, após obter recursos com o BNB. A empresa, gerida em parceria com o sócio Hamilton Macau, foi a vencedora do Prêmio Banco do Nordeste da Micro e Pequena Empresa 2019, na categoria Comércio.

A iniciativa da instituição em conceder o Prêmio MPE tem a finalidade de reconhecer e divulgar os casos de sucesso de empresas financiadas com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), e premia, ainda, as categorias de Indústria e Serviços.

Premiados

O Bulldog Burguer iniciou suas atividades em 2010, em São Luís, mas foi em 2016 que o negócio deslanchou, após conseguir condições financeiras para investir na padronização, modernização e ampliação dos negócios. Hoje a rede de lanchonetes emprega 100 funcionários diretamente, possui maquinário de ponta, com capacidade de produzir 2 mil hambúrgueres por hora, e já modelou o negócio como franquia, possuindo  três franqueados em atividades.

Na categoria Indústria, a empresa premiada foi a Vitralux, indústria de vidros da cidade de Açailândia, gerida pelo empreendedor Djalma Sousa Chaves. Com forte investimento em inovação e tecnologia no maquinário, o negócio de 10 anos de existência tornou-se referência na região, expandindo para outros cinco Estados do Nordeste. “Receber este reconhecimento do Banco do Nordeste é um privilégio, principalmente porque sei que só conseguimos chegar na estrutura que tempos hoje graças a esse parceiro, que acreditou no nosso negócio e na nossa vontade de empreender. Hoje geramos muitos empregos e apoiamos muitos pequenos empreendimentos comerciais que revendem nossos produtos”, afirmou Djalma.

Na categoria Serviços, o prêmio foi para a Baluarte Empreendimentos Turísticos, que atua no setor hoteleiro e de passeios em Tutóia, sob gestão dos turismólogos Patrick Pereira e Renata Tavares. Destacando-se na cidade pela infraestrutura que oferece aos turistas, a Baluarte preza pela preservação ambiental e uso consciente dos recursos naturais, utilizando 100% de energia solar no empreendimento. “O financiamento nos permitiu fortalecer a nossa marca de empreendimento sustentável. Com a instalação das placas solares, passamos a ter energia limpa e reduzimos nossos custos, ampliando nossa capacidade de reinvestimento. Então, ficamos felizes de ter essas oportunidades e o reconhecimento do Banco do Nordeste à nossa empresa”, destacou Patrick.

Para selecionar os vencedores, uma comissão técnica de representações empresariais consideram critérios como inovações empregadas no negócio, competitividade, adoção de práticas que visam à redução do impacto ambiental, número de empregos gerados e evolução das receitas após o financiamento. Esta é a quinta edição do Prêmio, que agracia empresas instaladas em toda a área de atuação do Banco do Nordeste.

“Com o Prêmio, o Banco do Nordeste tem demonstrado para a sociedade como o segmento das micro e pequenas empresas é relevante para a economia, especialmente na geração de empregos. Por isso, temos nos reinventado como banco de desenvolvimento, a fim de contribuir cada vez mais para o desenvolvimento das MPEs”, explicou o superintendente estadual do Maranhão, Hailton Fortes.

Durante a cerimônia, foram apresentadas, ainda, as linhas de crédito exclusivas para as MPEs oferecidas pela instituição financeira, com foco na aquisição de placas de geração de energia solar, equipamentos e máquinas para modernização, além de implantação e expansão dos empreendimentos.

Participaram da solenidade de premiação o diretor de Negócios do BNB, Rosendo Junior, o superintendente de Negócios com Varejo, Luiz Sérgio Farias, a vice-presidente da Associação Comercial do Maranhão, Edna Montenegro, o vice-presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Maranhão (Fecomércio/MA), Antonio de Sousa Freitas, o superintendente da Fecomércio, Max de Medeiros, além de representantes de entidades empresarias, parceiros institucionais e clientes do Banco do Nordeste.

Em toda a área de atuação do Banco do Nordeste , centenas de clientes foram indicados pelas diversas agências da instituição para concorrerem ao Prêmio Banco do Nordeste da Micro e Pequena Empresa 2019. Ao todo, serão premiados 33 clientes, três por Estado do Nordeste, além do norte de Minas Gerais e Espírito Santo.

Sem comentário para "Hamburgueria, hotel e fábrica de vidros vencem Prêmio Banco do Nordeste da MPE no Maranhão"


deixe seu comentário