Pergentino Holanda lançará livro de crônicas e biografia autorizada

0comentário

Lançamento duplo acontece na próxima segunda-feira, às 17h, na residência da família Sarney, no bairro Calhau; obras têm o selo da editora Lua Azul Livros e Leitura, criada especialmente para essa finalidade

Colunista social Pergentino Holanda com as duas obras

São Luís – “Em busca de vultos perdidos” e “PH: Ícone e Grife da Sociedade” (biografia autorizada e escrita pelo jornalista Thiago Bastos) são os livros a serem lançados pelo colunista Pergentino Holanda, o PH, na próxima segunda-feira, 23, às 17h, durante coquetel para convidados na residência da família Sarney, no bairro Calhau. 

As duas obras a serem lançadas por PH na próxima segunda-feira, 23

Os dois livros foram editados pela Lua Azul Livros e Leitura, selo criado especialmente para essa finalidade. “Em busca de vultos perdidos”, com 287 páginas, por exemplo, é uma coletânea de crônicas publicadas no Caderno PH Revista, do jornal O Estado do Maranhão (Grupo Mirante). O minucioso trabalho de seleção dos textos para a composição da obra coube ao próprio autor, bem como ao escritor Joaquim Itapary, que assina o prefácio.

“Pergentino, há meio século, renova o fazer jornalístico maranhense, transformando o papel das páginas do diário O Estado do Maranhão no que Josué Montello conceitua, de maneira fidedigna, como o espelho de uma época à qual os historiadores, no futuro, terão de recorrer para fixar a imagem exata dessa mesma época”, frisa Itapary.

Cidades com Paris, Nova York e Lisboa são roteiros sempre presentes nas crônicas assinadas por Pergentino Holanda e cujas referências recheiam a obra. Ao longo da vida, ele delineou sua trajetória profissional cruzando oceanos, conquistando amizades e acumulando conhecimentos que o transformaram em um cidadão do mundo, o que muito contribuiu para o seu diário de colunista, sempre com uma pitada de poesia.

“A minha vida é pautada pelo prazer de descobrir, conhecer e amar. Sou apaixonado pelas pessoas, pelos lugares e pelo mundo. Sou grato a Deus por tudo o que ele tem me dado, principalmente pela minha saúde, pela minha família e pelos meus amigos, que são, sem dúvida, o melhor presente que terei recebido ao longo da existência”, diz Pergentino Holanda.

Biografia

A biografia traz apreciações críticas de nomes ilustres da literatura brasileira, entre eles, José Sarney, Josué Montello, José Saramago, José Chagas, Erasmo Dias e Napoleão Sabóia.   

Com 290 páginas e escrita pelo jornalista Thiago Bastos, integrante da equipe de redatores de O Estado do Maranhão, a obra sobre a história do mais famoso colunista maranhense tem despertado a curiosidade desde que foi anunciada. Logo na apresentação, o jornalista e blogueiro Ribamar Corrêa resume o amigo de longas datas como um jornalista excepcional, escritor refinado, arguto colunista, um ativo agitador cultural, competente repórter político, atento observador de fatos econômicos, ousado promotor de eventos e um antenado cronista de costumes.

“O jornalista tem sido o profissional exemplar, que briga pela informação de ponta e exclusiva, que está sempre provocado pela curiosidade, que aparece sempre insatisfeito, que cumpre com rigor e eficiência irrepreensíveis, de domingo a domingo, o exigente roteiro da leitura diária, que começa bem cedo e só termina em noite avançada, depois que o repórter curioso e obstinado, o redator inteligente e preciso e o editor cuidadoso e exigente concluem suas tarefas”, escreve Ribamar Corrêa.

O título da biografia é inspirada numa crônica de José Sarney, um admirador declarado de Pergentino Holanda. “Na história da imprensa maranhense, a presença de Pergentino Holanda no colunismo social foi renovadora e criativa. É que, à faina diária do fazer jornal, da pressão coercitiva da notícia e da angústia do tempo e do espaço, alia ao texto a sua sensibilidade de poeta e seu estilo claro, objetivo, enxuto, que engrandece e valoriza o seu trabalho. São justos o prestígio de que desfruta no país e o orgulho do Estado do Maranhão de tê-lo entre os seus melhores profissionais”, destaca o ex-presidente da República.

O livro, recheado de imagens, muitas ao lado de personalidades nacionais e internacionais, como Jorge Amado e Zélia Gattai, Roberto Carlos, Tancredo Neves, Fernando Henrique Cardoso, Dona Lily Marinho, Donna Summer e Richard Burton e Elizabeth Taylor, destaca a vitoriosa trajetória do maranhense natural de Presidente Dutra, com ênfase, entre outros elementos, ao seu tino para a realização de eventos sociais, que se tornaram sua marca registrada. 

Além de exercitar o colunismo social diariamente, Pergentino Holanda tornou-se o mago das produções no Maranhão, sempre em parceria com a designer Cíntia Klamt Motta e a economista e promoter Teresa Martins. São elas, aliás, quem estão responsáveis pela recepção que ele dará na próxima segunda-feira, desta vez em clima literário e respeitando os protocolos de segurança para a Covid-19. Os convidados deverão usar máscaras e ocuparão os diversos ambientes da ampla residência, evitando aglomerações. 

Serviço

O quê

Lançamento de  “Em busca de vultos perdidos” e “PH: Ícone e Grife da Sociedade”

Quando

Nesta segunda-feira, 23, das 17h às 22h

Onde

Residência da família Sarney, no bairro Calhau

Evento para convidados 

sem comentário »

O candidato a vereador Ródson Nere, Duarte e Josimar de Maranhãozinho recebe adesão popular em grande evento.

0comentário
Ródson Neres com a esposa, Nábila Magalhães

manifestação popular de apoio ao candidato a vereador por São Luís Rodson Neres (PL), na segunda-feira (2), no Palazzo Eventos, no bairro Araçagi.
Acompanhado da esposa, Nábila Magalhães, Ródson Neres estava com o candidato a prefeito de São Luís, Duarte Júnior (com a vice, Fabiana Villar), e, também, com o deputado federal Josimar de Maranhãozinho.
O deputado federal Hildo Rocha compareceria ao ato, mas como testou positivo para a Covid-19, acabou tendo de enviar um vídeo, exibido durante o encontro, e no qual ele declara seu apoio ao candidato a vereador.

Josimar de Maranhãozinho, Ródson Neres com a esposa, Nábila Magalhães, e o candidato a prefeito de São Luís, Duarte Júnior

O evento reuniu moradores de vários bairros de São Luís, entre eles, Coroadinho e Santa Bárbara, além de comunidades residentes em áreas adjacentes, o que demonstrou o envolvimento do candidato com diversas localidades de São Luís. Ródson tem propostas nos segmentos da saúde, educação e esporte.
Ele disse que seu projeto político é abrangente e focado. “Agradeço a presença de todos que aqui vieram, principalmente as comunidades. São pessoas que precisam de uma voz que fale mais alto por elas, pois os problemas são inúmeros e nós estamos dispostos a fazer a nossa parte, ajudando ao próximo de forma mais abrangente”, disse Ródson Neres. Josimar de Maranhãozinho

O evento contou com a adesão de mais de 3 mil pessoas

Fotos : Paulo Soares e Juliana Chaves

sem comentário »

Marinha faz exercício militar em Belém com carros anfíbios e caças

0comentário

Ação fez parte das atividades da Operação Ágata Norte

Carros lagartas anfíbios da Marinha durante exercício militar em Belém

A Marinha realizou nesta sexta-feira (30) um exercício militar em Belém (PA) dentro da Operação Ágata Norte. Durante a ação, quatro carros lagartas anfíbios levaram fuzileiros navais em uma simulação para ocupação de território, com apoio aéreo de dois caças AF-1 Skyhawk. A ação ocorreu na praia do Amor, em Outeiro, na capital paraense.

Segundo o Primeiro-tenente dos fuzileiros navais Vitor Lourenço de Souza Santos esse tipo de ação seria usada se houvesse a necessidade de se tomar uma “cabeça de praia com proteção”. Os carros lagartas anfíbios são blindados e possuem metralhadoras .50 e lança-granadas 40 milímetros. Na água eles se deslocam com hidrojato. “Garante tanto poder de fogo quanto proteção”, disse.

Esse tipo de veículo blindado é considerado o principal vetor de poder sobre terra do Corpo de Fuzileiros Navais e pode transportar até 22 militares armados e equipados. Em terra, o carro-lagarta anfíbio chega a 70 km/h e na água a 13 km/h.

O exercício militar partiu do Navio Doca Multipropósito Bahia, que está prestando apoio logístico e serve de base para missões aéreas à Operação Ágata. A embarcação também contribui para a fiscalização do cumprimento de leis e regulamentos e repressão aos ilícitos transfronteiriços e ambientais nos rios do Pará.

O Navio Bahia, entre outras coisas, é capaz de transportar e controlar embarcações de desembarque e carros de combate, efetuar operações de buscas e salvamento e tem um complexo hospitalar com 49 leitos, dois centros cirúrgicos, laboratórios de análises clínicas e consultório odontológico.

Operação Ágata Norte

A Operação Ágata Norte está sendo realizada nos estados do Pará e do Amapá nos meses de outubro e novembro pelas Forças Armadas, em conjunto com a Polícia Federal, Receita Federal, Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), entre outros órgãos federais e estaduais. A operação tem entre seus objetivos principais estão ações preventivas e repressivas contra crimes transfronteiriços e ambientais, além de atuação de assistência hospitalar.

O delegado da Polícia Federal, Alexandre Brabo, que participa da operação, explicou que, se for identificado um crime durante uma operação, a polícia já pode lavrar os procedimentos e encaminhar os responsáveis para responder perante a Justiça. Segundo Prado, os crimes mais comuns identificados durante a Operação Ágata Norte envolvem contrabando, escaminho, tráfico de drogas e crimes ambientais. Nos últimos oito dias, por exemplo, houve apreensão de 159 metros cúbicos de madeira ilegal e de 159 mil toneladas de manganês contrabandeado, com prisões nos dois casos.

“A Amazônia possui uma vastidão, uma área muito grande e nós temos o conhecimento e vários crimes. Crimes ambientais, contrabando, escaminho, por isso que é importante dessa atuação inter-agências efetivamente para tentar reprimir a criminalidade na região”, disse.

Carros lagartas anfíbios da Marinha durante exercício militar em Belém

Fotos : Fabio Massalli /Agência Brasil

Fonte : Agencia Brasil

sem comentário »

Vice-líder do governo Bolsonaro, Deputado Aluísio Mendes comemora chegada de energia elétrica a povoados dos Lençóis

0comentário
Após pedido de Aluísio, ministro Ricardo Sales exigiu velocidade na liberação das licenças para energia em povoados
Foto:Divulgação
sem comentário »

Alunos da Escola Reino Infantil visitam redação de O ESTADO

0comentário

Durante toda essa semana, alunos da escola Reino Infantil realizaram visitas na redação de O ESTADO , eu na redação tive uma papel importante em mostrar o fotojornalismo. Encantados os alunos com  tudo,  mostrei  a câmera fotográfica  o computador e as imagens produzidas.

Hoje foi um dia diferente foi surpreendido com uma criança em minha direção com um Buquê de rosas do campo e uma bilhete com palavras de agradecimento e gratidão por ter feito as visitas dos alunos bastante interessante .

 

” Querido Paulo ,

O Carinho e a alegria com que você nos acolheu na redação foram inesquecíveis! Os olhinhos , que são de fato , as janelas da alma , revelam o encantamento que suas palavras e se carisma despertaram em nossos ávidos aprendizes !A cada aparição sua eles brilhavam!

Gratidão por ter feito parte deste novo mundo que eles descortinaram com tamanha felicidades!

Receba esta singela homenagem e , gentilmente ,partilhe -a com seus colegas de trabalho, que com tamanha delicadeza também se tornaram parte de nossa história!

Gratidão com carinho Família Reino ”

sem comentário »

0comentário

LENÇOIS MARANHENSE , SANTO AMARO ,MARANHÃO BRASIL

Camera usada Fuji XT1 objetiva Summilux 35mm

sem comentário »

O Maranhão com um passado presente

0comentário

 

Camera Fuji XT1 objetiva 14mm 2.8

 

 

Camera Fuji XT1 objetiva 14mm 2.8

sem comentário »

Festa para quem faz a festa São Marçal

0comentário

Foto 1

Foto 2

Foto 3

Foto 4

Foto 5

Foto 6

Foto 7

Foto 8

Foto 9

Foto 10

Foto 11

 

Camera FujiXT1 -objetiva 14mm fujinon / sem flash

sem comentário »

Pescares de uma cidade Raposa -MA

0comentário

Camera Leica M8 objetiva Summilux 35mm – 1/2000 f5.6 iso 160 sem flash

 

A cidade de Raposa MA fica a 28 quilômetros do centro da capital , a capital São Luís, Paço do Lumiar e São José de Ribamar são os quatro municípios da Ilha de São Luís.  Possui cerca de 22 mil habitantes e abriga a maior colônia de pesca do Maranhão.

Cidade que atualmente escolhi para residir e começar meu projeto Pescadores da Raposa ,acompanho o cotidiano dos pescadores além de viver o dia a dia dessa cidade com seus encantos e belas paisagens .

 

Camera Leica M8 objetiva Summilux 35mm – 1/250  f5.6 iso 160 sem flash


Camera Leica M8 objetiva Summilux 35mm – 1/1000  f5.6 iso 160 sem flash

Camera Leica M8 objetiva Summilux 35mm – 1/2000 f8.0 iso 160 sem flash

Camera Leica M8 objetiva Summilux 35mm – 1/2000  f8.0 iso 160 sem flash

Camera Leica M8 objetiva Summilux 35mm – 1/2000  f8.0 iso 160 sem flash

Camera Leica M8 objetiva Summilux 35mm – 1/2000  f8.0 iso 160 sem flash

  Camera Leica M8 objetiva Summilux 35mm – 1/2000 f5.6 iso 160 sem flash

  Camera Leica M8 objetiva Summilux 35mm – 1/2000 f5.6 iso 160 sem flash

Camera Leica M8 objetiva Summilux 35mm – 1/2000 f5.6 iso 160 sem flash

sem comentário »

Relembrar a infância no retrato de hoje

0comentário

                                                      Alegria e a maior riqueza de uma infância

sem comentário »
https://www.blogsoestado.com/paulosoares/wp-admin/
Twitter Facebook RSS