Papinhas – Você esta recorrendo a que tipo de praticidade?

2comentários

 

Boa tarde mamães e papais!

Os bebes de vocês já começaram a comer papinha? Nos dias que é praticamente impossível preparar uma refeição fresquinha vocês estão recorrendo as industrializadas?

Evite essa praticidade da alimentação “artificial”, deixe-as somente para último caso, como viagens, passeios…

Aposte nas papinhas caseiras congeladas! Sei que muita gente tem preconceito com alimentos congelados, mas é garantido que se a papinha for feita e congelada imediatamente ela continuará com todo seu valor nutritivo. dieta-papinha-bebe

Vem ver algumas dicas bem simples e práticas que irão facilitar a sua vida e garantir que a papinha se mantenha rica em nutrientes mesmo depois de congelada.

– Depois de preparada, não deixe a papinha esfriando na panela. Coloque-a ainda quente em potinhos e leve-a direto ao freezer (só tome cuidado para não colocar alimentos quentes sobre alimentos já congelados).

– Use etiquetas para identificar as papinhas preparadas. Anote em cada embalagem quais os ingredientes utilizados e a data do preparo/congelamento.

– Para garantir que se mantenham nutritivas e saborosas, papinhas podem ser congeladas por, no máximo, um mês. (Tente fazer uma vez na semana, no domingo por exemplo, um mês congeladas não acho legal!)

– O descongelamento deve ser feito no forno microondas ou banho-maria, pois descongelar em temperatura ambiente oferece maior risco de contaminação do alimento.

celebridades_aderem_a_dieta_da_papinha_bebe– Quando for descongelar ou aquecer a papinha, acrescente uma colher de sopa de água para garantir uma melhor consistência.

– Se utilizar recipientes plásticos para congelar a papinha, escolha os que não contém Bisfenol A em sua composição, uma substância prejudicial à saúde. Os recipientes plásticos que são livres dessa substância são identificados com a inscrição BPA Free (existem no mercado recipientes próprios para o congelamento de papinha, já vi em várias lojas de bebê)

– A papinha, depois de descongelada, pode ser guardado na geladeira por até 24h, no máximo. Mas lembre-se: se o bebê começar a comer e não terminar, o resto deverá ser descartado para evitar que o contato com a saliva leve à contaminação da comida.

– Nunca congele nada que já tenha sido descongelado.

– Diferentemente do que se acredita, levar alimentos quentes para o freezer ou geladeira não causam danos aos mesmos.

– Papinha fresca é ainda mais gostosa que papinha congelada. Assim, sempre que possível, prepare e ofereça no mesmo dia.

 

2 comentários para "Papinhas – Você esta recorrendo a que tipo de praticidade?"


  1. Marduque Falcão

    Mas, o uso do microondas é prejudicial a saúde! Comida congelada mais o calor artificial das ondas. Melhor fazer todo dia a sopa!

  2. sobretudo

    De fato Marduque! Quanto mais pudermos evitar o micro melhor é! Existe a opção do banho maria!! Dá super certo tbm! bjo!

deixe seu comentário