O menu do Ataque Cardíaco

1comentário

garconete_enfermeira_bbc-407x305.jpg 

Uma lanchonete temática dos Estados Unidos está usando um menu insalubre rico em gordura e calorias e garçonetes “enfermeiras” como forma de atrair fregueses.

No Heart Attack Grill (“Grill do Ataque Cardíaco”, em tradução livre), em Chandler, no Arizona, a decoração lembra um hospital, as garçonetes se vestem como sensuais enfermeiras e os clientes são chamados de “pacientes”.

A estrela do cardápio é o Quadruple Bypass Burger (“Hambúrguer da Ponte de Safena Quádrupla”, em tradução livre), uma iguaria de cerca de 8 mil calorias.

1 comentário »

Arritmia Cardíaca

0comentário

195181post_foto.jpg

As mortes súbitas por distúrbios cardíacos são mais comuns do que parece. Elas ocorrem a cada cinco minutos e são a principal causa de mortes no mundo. Viram manchete de jornal quando afetam de forma fulminante jogadores de futebol e outros atletas durante as competições esportivas. As alterações no ritmo dos batimentos cardíacos, ou arritmias, estão por trás do problema. As pessoas mais propensas são as que já tiveram um problema cardiovascular, como um infarto, mas a arritmia pode ocorrer em qualquer indivíduo, de qualquer idade.

 O importante é o diagnóstico precoce, pois há tratamentos eficazes.

A lista não inclui apenas medicamentos, mas também tecnologias sofisticadas. Quando o coração bate bem devagar (braquicardia), é tratado com o implante de marcapasso, que estimula os batimentos cardíacos. Se está acelerado (taquicardia), indica-se o implante do cardiodesfibrilador. Esse aparelho é um tipo de marcapasso capaz de identificar a arritmia, quando ela acontece, e de aplicar choques diretamente no coração, para tratá-la. Outra opção é a ablação (cauterização) por cateter. Por meio de um cateter inserido pela virilha, o cardiologista localiza o defeito elétrico no coração e cauteriza a região, regulando o funcionamento do músculo cardíaco.

Quem deve se preocupar com a ocorrência de arritmias?

Existe uma arritmia bastante comum na população, a fibrilação atrial. Ela acomete principalmente pessoas com doenças cardíacas prévias, sendo um fator importante de piora dessas doenças. Então, pessoas com problemas cardíacos devem realizar exames periódicos para verificar os batimentos cardíacos.

Pessoas jovens também devem se preocupar com o distúrbio?

Lógico. Uma das principais causas da arritmia é a predisposição genética. Jovens com casos de morte súbita de pais ou irmãos devem realizar exames cardíacos periodicamente. Não devem esperar até os 40 anos. A prevenção deve começar cedo, antes dos 20 anos.

Qual o exame mais eficaz para detectar os batimentos irregulares?

Simples, prático e barato, o eletrocardiograma pode ser realizado no consultório. Em alguns casos, mesmo com resultado normal, o médico pode observar se existe algum tipo de anormalidade. Se a pessoa se sentir mal, detecta a arritmia de imediato. Para os casos mais complexos, há o holter, uma espécie de eletrocardiograma por 24 horas. Ele permite identificar muitas arritmias não visualizadas no eletrocardiograma normal, bem como relacionar a arritmia aos sintomas que o paciente apresenta.

sem comentário »

Distonia não é tique nervoso

0comentário

 195843post_foto3.jpg

Movimentos bruscos dos membros, espasmos no pescoço ou nos braços, tremores das mãos ou piscadas repetidas dos olhos. Muito confundida com tique, a distonia é uma doença neurológica que provoca contrações musculares involuntárias quase sempre acompanhadas de dor, resultando em movimentos e posturas anormais que afetam muito a qualidade de vida dos portadores. A Associação Brasileira de Portadores de Distonia chama a atenção da população sobre a doença e destaca a existência de tratamentos de reabilitação que permitem aos pacientes recuperar o bem-estar e amenizar os sintomas.

Diferente do tique nervoso, que é uma manifestação semivoluntária — ou seja, a pessoa tem controle sobre o gesto —, a distonia produz contrações musculares involuntárias em determinadas regiões do corpo. Como consequência, o portador pode ficar impossibilitado de andar, dirigir e realizar atividades básicas como tomar banho, escovar os dentes e comer, tornando-se, em alguns casos, dependente de alguém. Além das limitações físicas, a doença afeta a autoestima, podendo levar a exclusão social, ansiedade e depressão.

Os espasmos podem afetar uma pequena parte do corpo, como os olhos, o pescoço ou as mãos (distonias focais), duas partes vizinhas, como o pescoço e um braço (distonias segmentares), um lado inteiro do corpo (hemidistonia) ou todo o corpo (distonia generalizada).

Na maioria das vezes, a causa da disfunção não é conhecida, mas acredita-se que os movimentos anormais sejam resultado de uma disfunção de uma parte do cérebro, causando a contração excessiva e involuntária dos músculos.

Tratamento

A falta de conhecimento sobre a doença e o fato de ser, às vezes, considerada um tique, faz com que muitas pessoas não procurem orientação médica e vivam com sintomas tão debilitantes. Casos mais graves de distonia nos olhos (blefaroespasmo), por exemplo, podem levar à cegueira funcional.

Não existe cura para a distonia, mas há tratamentos disponíveis que auxiliam na melhora da qualidade de vida. As técnicas empregadas dependem do tipo de distonia: os pacientes podem fazer uso de medicamentos via oral e, em alguns casos, o médico pode considerar a indicação do tratamento cirúrgico.

Um dos tratamentos mais eficazes para a distonia em adultos é o uso da toxina botulínica tipo A, mais conhecido pelo nome comercial, Botox. Aprovado há 17 anos para o tratamento da distonia, o medicamento é injetado diretamente nos músculos, inibindo a liberação de um neurotransmissor (acetilcolina) que envia a mensagem do nervo para o músculo, promovendo a contração muscular. A aplicação da toxina botulínica atenua essas contrações e as dores e ajuda a corrigir a postura. O efeito é temporário, e o tratamento pode ser repetido aproximadamente a cada três ou quatro meses, de acordo com as necessidades de cada caso.

O tratamento com a toxina botulínica é disponibilizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em hospitais de todo o país, e o valor do medicamento é reembolsado pelos planos de saúde. A lei 9.656/98 assegura o uso terapêutico da toxina botulínica, mas grande parte das pessoas desconhece esse direito, o que sobrecarrega o sistema público.

sem comentário »

Adib Jatene: ícone da medicina comemora 80 anos de idade

2comentários

dr_adib.jpg

O professor Adib Domingos Jatene completou 80 anos no último dia 4 de junho. Dr Adib é o exemplo pelo qual se guiam os cardiologistas do Brasil inteiro. Nascido no Acre, na cidade de Xapuri, em 1929, Jatene graduou-se em Medicina pela USP em 1923, onde também fez a pós-graduação, sob orientação do professor Zerbini. É autor de quase 300 trabalhos científicos publicados em revistas indexadas.Jatene é membro de mais de 30 sociedades científicas de vários países e recebeu mais de uma centena de homenagens em uma dezenas de países, entre as quais a Ordem Nacional do Mérito Científico. Foi fundador do Hospital do Coração e Diretor do Instituto do Coração.Um dos mais votados no concurso de “Brasileiro do Século”, Jatene tem mais mérito ainda por ter chegado a secretário de Estado e por duas vezes ao Ministério da Saúde, tendo nascido em berço pobre. Seu pai, seringueiro libanês, morreu de malária quando Adib tinha apenas dois anos e ele afirma sempre que deve muito à mãe que, com os proventos de uma loja de armarinhos, o mandou a São Paulo fazer o segundo grau.O professor Jatene não conta as cirurgias que realizou, mas já operou quase 20 mil corações e as cirurgias realizadas por equipes que chefiou passam de 100 mil. Curiosamente, o professor Jatene sempre achou que seria melhor engenheiro do que médico, tanto que chegou ao último ano da Faculdade de Engenharia antes de desistir e entrar na Faculdade de Medicina, “sem fazer cursinho”. Sem papas na língua, deixou o ministério no governo Collor, afirmando que não dava para ficar, pois “meia dúzia de empreiteiras mandam neste País”. E cansado de responder à pergunta repetitiva sobre “qual sua receita para o coração”, abandonou a resposta ligada aos fatores de risco e partiu para uma recomendação espiritual: “Inveja, vaidade excessiva e nervosismo fazem mal ao coração”. E complementa: “o ser humano precisa aprender a lidar com as tensões do dia-a-dia e a não sofrer com o sucesso alheio”.Com 1,86 m e 86 k, Jatene continua praticando esportes e, com freqüência, é visto no “fitness” do Esporte Clube Pinheiros. Mas já não gasta tanta energia como quando corria e forçava os companheiros a tomarem um copo de leite com sal, para repor o que perdiam na transpiração. Lembra, porém, rindo agora, de uma competição de remo, no mar, quando um rebocador partiu em dois seu barco. “Tive que ser rápido, alcancei uma corda do enorme navio e fui pendurado até o cais – parecia cena de filme”.Com 15 minutos apenas para cada refeição, às vezes em pé, confessa, e fazendo até sete cirurgias diárias, ainda é leitor de gibi (tio Patinhas). Casado com Aurice Biscegli Jatene, tem quatro filhos, dois cirurgiões, uma cardiologista clínica e uma arquiteta, e vários netos. A família se reúne numa fazenda no Interior de São Paulo, onde mantém uma creche.

2 comentários »

10 Piores refeições de fast-food

0comentário

A revista americana TIME na edição de hoje publica pesquisa das 10 piores refeições de fast-food nos Estados Unidos.

mcdonalds.jpg

McDonald Shake  – 1160 calorias

starbucks.jpg

Starburcks Chocolate quente – 600 calorias

outback_fries.jpg

Steakhouse Outback – 2140 calorias

taco_bell1.jpg

Taco Salada  -960 calorias

dunkin_doughnuts.jpg

Cheese Omelet .Dunkin Donuts – 690 calorias

applebees.jpg

 Quesadilla Burger – 1440 calorias

chicken_bowl1.jpg

KFC Chicken – 700 calorias

five_guys_fries.jpg

French Fries – 1464 calorias

Burger Sundae – 980 calorias

sem comentário »

Terapias naturais contra artrite

0comentário

artrite2.jpg 

Segundo uma matéria publicada no The Guardian, quase metade da população do Reino Unido já experimentou algum tipo de terapia natural ao longo da vida. Além disso, mais de 450 milhões de libras são movimentadas, a cada ano, no consumo de homeopatia, osteopatia, acupuntura e tratamentos similares. No entanto, um estudo realizado recentemente pela Arthritis Research Campaign analisou mais de 50 remédios vendidos como tratamento contra artrite, osteoartrte e fibriomlagia e concluiu que a maioria deles são completamente inefetivos. Por outro lado, entre os tratamentos que confirmaram vocação terapêutica, os pesquisadores destacam o óleo de peixe.

sem comentário »

A musculação é aliada da boa postura

1comentário

192610post_foto.jpg 

Movimento do corpo e o perfeito equilíbrio da coluna seriam impossíveis sem a ajuda dos músculos. Eles são o sustentáculo da coluna, os responsáveis pelo bom funcionamento do aparelho locomotor. Boa parte das queixas de dores nas costas é resultado de problemas musculares, decorrentes de cansaço e tensão muscular. E a principal causa está no sedentarismo.

 A falta de exercícios leva à flacidez dos músculos, causando problemas posturais, envelhecimento e desgaste precoce dessas estruturas.

Para manter a saúde da coluna, é importante a prática de exercícios regulares.

Eles servem para alongar e fortalecer. — detalha o ortopedista. A boa pedida é a musculação, que permite o trabalho de todos os grupos musculares. A principal vantagem é a possibilidade de realizar um trabalho personalizado.

 De acordo com o nível de estresse, a rotina de trabalho e as queixas,é montada a série para cada pessoa.

Dessa forma, é possível fazer um trabalho voltado ao fortalecimento muscular e, consequentemente, ao melhor posicionamento da coluna. O empenho e a disciplina são fundamentais para que você veja os resultados. Quem malha cinco vezes por semana consegue perceber a melhora em menos de um mês.

Se você for sedentário e começar a malhar, os resultados serão vistos ainda mais rapidamente.

Cuidados prévios

Antes de começar a prática de qualquer exercício físico, não se esqueça de fazer uma avaliação médica.

 Todos devem ser bem orientados para que os exercícios surtam os efeitos desejados.

É importante consultar vários especialistas, como ortopedistas, fisioterapeutas e cardiologistas. Esse cuidado deve ser tomado, especialmente, por aqueles que sentem dores nas costas. Isso porque, a causa desse sofrimento pode ser não apenas muscular, mas óssea, o que exige tratamento médico prévio.

1 comentário »

Acidente Vascular Cerebral

1comentário

avc_74365516_xgkpk5.jpg 

A doença que mais mata e causa sequelas no Brasil, o acidente vascular cerebral (AVC) necessita de atendimento rápido, realizado por uma equipe especializada. Sua forma de apresentação mais comum, o AVC isquêmico, é causado pela interrupção do fluxo sanguíneo em uma região do cérebro, causando morte do tecido cerebral. Isso pode deixar sequelas graves.


Se o paciente for rapidamente atendido, as chances de recuperação completa aumentam muito. O tratamento chama-se trombólise e consiste na administração de uma medicação na veia, o rtPA, que desobstrui a circulação sanguínea, normalizando o fluxo cerebral. Até maio de 2008, apenas 14 hospitais públicos e 19 privados estavam preparados para tratar o AVC em todo o território nacional. 


Quais os sintomas
– Início repentino de perda de força em um dos lados do corpo
– Desvio da boca

– Dificuldade para falar ou compreender a fala

– Dificuldade para caminhar

– Desequilíbrio ou dificuldade de enxergar

1 comentário »

Advertência para embalagens de ovos

0comentário

Embalagens de ovos deverão trazer advertências sobre consumo e preparo deste alimento. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou uma norma que determina a obrigatoriedade, nos rótulos de todos os ovos comercializados no país, das seguintes advertências: “O consumo deste alimento cru ou mal cozido pode causar danos à saúde” e “Manter os ovos preferencialmente refrigerados”.

Depois de publicada a regra, as empresas terão 180 dias para se adaptar.

Pretende-se alertar a população sobre procedimentos que podem ajudar a evitar a transmissão da salmonela pelo ovo. Essa bactéria é muito comum na casca e no interior desse alimento cru e pode causar infecções alimentares.

A decisão da Anvisa é fundamentada em estudo do Ministério da Saúde que aponta o ovo como principal alimento envolvido em surtos de doenças transmitidas por alimentos no país se considerado como agente causador a salmonela. Dados apontam que, entre 1999 e 2007, o consumo de ovos crus ou mal cozidos foi responsável por 22,6% dos 5.699 casos da doença notificados ao ministério.

O levantamento demonstra, ainda, que as residências são os locais com maior ocorrência desses surtos, com 48,5% do total de casos, seguidas de restaurantes (18,8%) e escolas (11,6%).

As mudanças na rotulagem não deverão provocar uma redução no consumo.

O ovo é um alimento muito importante do ponto de vista nutriciona. Não é preciso diminuir o consumo do alimento, apenas alguns cuidados devem ser tomados.

As advertências de rotulagem deverão ser expressas em destaque, de forma legível e com tamanho mínimo de 1mm. As empresas poderão complementar as informações com ilustrações que facilitem a compreensão do consumidor.

Salmonela

A salmonelose é uma infecção alimentar causada pela bactéria Salmonela sp. Os sintomas mais comuns são dores abdominais, diarreia, calafrios, náusea e vômito.

A salmonela é encontrada principalmente em alimentos de origem animal, como ovos, leite e carnes, e é uma bactéria que oferece sérios riscos à saúde. Esse microorganismo pode ser de vários tipos e espécies, responsáveis por quadros clínicos bem diferentes. A maioria dos surtos é causada especificamente pelo consumo de ovos ou maionese caseira contaminados, principais meios de veiculação da bactéria.

Cuidados

— Lavar bem os utensílios e as mãos depois de manipular carne de aves e ovos crus.

— Cozinhar bem os alimentos.

— Evitar consumo de produtos preparados com ovos crus, como maionese caseira e gemada.

— Não utilizar os mesmos utensílios para preparar alimentos crus e cozidos.

— Guardar na geladeira os alimentos preparados no fogão, mesmo que ainda estejam quentes.

— Proteger os alimentos do contato com animais, como aves, insetos e roedores, que podem transmitir a bactéria.

sem comentário »

Ciência e os canhotos

0comentário

143256post_foto.jpg

estabeleceram relações entre canhotos e as mais variadas características e habilidades. Conheça alguns deles:

Memória

Canhotos e membros de uma família com grande incidência de canhotos tendem a se sair melhor lembrando eventos (detalhes de uma festa de aniversário ou de um jogo de futebol ocorridos há muito tempo, por exemplo), as chamadas memórias episódicas, do que fatos simples (memórias incidentais, coisas que você aprendeu ao acaso, como o nome do diretor de um filme assistido na semana anterior, a moeda do Japão, onde fica a Torre Eiffel), conhecidas como não-episódicas. O estudo da Universidade de Toledo, em Ohio (EUA), foi publicado na revista Neuropsychology.

Inibição

De acordo com pesquisa da Universidade de Abertay Dundee, na Grã-Bretanha, divulgada na revista New Scientist, canhotos estão mais propensos à ansiedade e à inibição. Quando prestes a fazer algo, tendem a hesitar — ao contrário dos destros, que se entregam à tarefa prontamente. Os resultados poderiam estar associados a diferenças nos hemisférios cerebrais. No caso dos canhotos, a metade direita do órgão é a dominante, e é este lado o responsável pelo controle dos aspectos negativos das emoções. Nos destros, o hemisfério esquerdo é o que comanda.

Câncer de mama

Mulheres canhotas estariam sob risco duas vezes maior de desenvolver câncer de mama em comparação com as destras, de acordo com um estudo da Universidade Medical Center Utrecht, na Holanda, publicado pelo British Medical Journal. Os pesquisadores avaliaram a doença em 12 mil pacientes de meia-idade, observando também medidas corporais e fatores de risco como classe econômica, tabagismo e histórico familiar. Cientistas que não participaram do estudo argumentaram que a amostragem analisada foi pequena, sendo necessário um levantamento maior para determinar as probabilidades de as mulheres com essa característica desenvolverem tumores.

Esportes

Se alguém chamá-lo para uma briga, diga que é canhoto — e o adversário pode repensar a proposta para o embate. Cientistas da Universidade de Montpellier, na França, em artigo divulgado na revista Proceedings of the Royal Society B, acreditam que canhotos são ótimos combatentes. Esses indivíduos, de acordo com a pesquisa, levariam vantagem em esportes como esgrima, tênis e beisebol. O passo seguinte foi especular que o melhor desempenho se manteria em contextos mais agressivos, como em uma guerra. Em uma fácil e rápida associação, poderia-se dizer que sociedades mais violentas, portanto, teriam um número maior de canhotos.

Cabelos

O hábito de reparar na cabeça dos outros em aeroportos e shopping centers inspirou Amar Klar, do Instituto Nacional do Câncer em Maryland (EUA), a dar contornos científicos ao passatempo despretensioso. De acordo com o pesquisador, é possível dizer se alguém é destro ou canhoto observando para que lado o cabelo cresce a partir do topo da cabeça. No caso dos destros, o sentido é horário, ou seja, para a direita, em 95% dos casos. Considerando-se os canhotos e os ambidestros (capazes de escrever com as duas mãos), não há um padrão definido, e os fios podem ir para qualquer direção. Klar ignorou os cabeludos e os carecas durante o levantamento.

sem comentário »