As prioridades de Joaquim Haickel

0comentário

O secretário de Estado de Esportes, Joaquim Haickel, disse em entrevista ao jornalista Roberto Fernandes, no programa Ponto Final, na Rádio Mirante AM que a solenidade de posse, nesta sexta-feira, (7), no Estádio Castelão, tem como finalidade chamar atenção para o processo judicial licitatório confuso, até certo ponto tumultuado que não pode engessar o esporte do Maranhão, principalmente, o futebol.

– Essa é uma demonstração que a nossa gestão será voltada para urgência das coisas importantes e necessárias, entre elas, as reformas do ginásio Costa Rodrigues e do estádio Castelão – destacou.

O secretário Joaquim Haickel citou como uma das prioridades o convite da Fifa em colocar o Maranhão como um Centro de Treinamento de Seleções na Copa do Mundo de 2014 no Brasil. Para que São Luís pudese de fato vir a se potencializar como um dos possíveis Centros de Treinamentos é preciso destacar também o trabalho realizado pelo ex-secretário Souza Neto e do Adjunto Alim Neto que trabalharam muito para vencer todas as etapas anteriores.

– Temos que dar uma resposta positiva do estado do Maranhão ao caderno de encargos da Fifa que nos convida a participar e sermos uma possível sede de treinamento. Nós estamos numa situação confortável muito privilegiada por estarmos situados próximos as cidades-sedes como Brasília, Manaus e Fortaleza. Podemos tranquilamente nos candidatar a essa possibilidade. É uma possibilidade que nós queremos agarrar com unhas e dentes. Nós, não só a secretaria de Esportes e Lazer, mas tenho certeza que todas as outras secretarias envolvidas nesse processo. Eu posso citar aqui a Secretaria de Turismo, Secretaria de Segurança, Secretaria de Saúde. Porque tudo isso precisa. Precisamos responder um caderno que nos exigem coisas que temos que oferecer a uma seleção que venha treinar, passar quinze, vinte dias, o que para nós seria muito interessante. Lógico, que nós gostaríamos de ser uma sede do campeonato mundial. Não dá para ter sede em todas as cidades. Alguém tinha de ficar de fora, ficamos nós. Nós não nos candidatamos. Nós não nos habilitamos para isso. Mas, não deixaremos de nos habilitar para ser uma sede de treinamento. E já que é uma sede de treinamento um lugar para jogar. Nada melhor do que aproveitar a oportunidade de reformarmos o nosso templo maior do futebol que é o estádio do Castelão. Tenho certeza que a governadora também está imbuída desse propósito, não apenas de reformar o Castelão, mas de reconstruir o ginásio Costa Rodrigues – assegurou.

A solenidade de posse de Joaquim Haickel (PMDB) no cargo de Secretário de Esportes está marcada para as 17h, no Estádio Castelão e contará com as presenças de autoridades políticas e pessoas ligadas ao desporto maranhense.

Ouça, na íntegra, a entrevista com o secretário Joaquim Haickel: 

Foto: Aluízio Ribeiro

Sem comentário para "As prioridades de Joaquim Haickel"


deixe seu comentário