Continuaremos juntos…

2comentários

557041_404682606273050_1297075257_n

2 comentários »

Secretário de Saúde faz um desabafo

3comentários

santiago

No último dia de 2012 e antes da posse do prefeito eleito Edivaldo Holanda Júnior, o ainda secretário de Saúde de São Luís, Santiago Servin  (Foto: A. Baeta) divulgou uma carta à imprensa.  O secretário considerou “período sofrido, difícil”, os sete meses que esteve à frente da Secretaria de Saúde na gestão do prefeito João Castelo.

Disse ter tabalhado com gente “subutilizadas por questões políticas, já outras despreparadas para os cargos que exerciam mais ocupando estes por exigência política de outros mais poderosos”.

Santiago disse que nunca pensou em ocupar o cargo, mas aceitou o desafio por acreditar em dias melhores para a saúde.  E garantiu que a parceria com a Secretaria de Estado da Saúde foi um pedido seu “um pedido de socorro”. Veja o documento na íntegra:

Socorro aos Soccorões

Amanhã completo quase sete meses como secreáario, período sofrido, difícil, mas com algumas conquistas, conheci muitas pessoas algumas muito preparadas, inteligentes e bem intencionadas, porém subutilizadas por questões políticas, já outras despreparadas para os cargos que exerciam mais ocupando estes por exigência política de outros mais poderosos, realmente uma pena, pois isto dificulta muito o andamento do sistema dentro da secretaria.

Na lista dos meus sonhos a serem realizados nunca esteve o de ser secretario municipal ou de qualquer cargo político, mas aconteceu por vários motivos e principalmente pelo desejo de querer fazer alguma coisa pela saúde, tentar deixar uma marca, algo quase que impossível quando as intenções são boas.

Entrei com vontade, querendo tudo para ontem, como bom cirurgião que sou, mas me deparei não com uma muralha e sim com várias de vários tamanhos, algumas muito altas e lógico com bendito período eleitoral, que não permite que se tome praticamente nenhuma medida política ou administrativa de grande porte. Descobri assim, que as coisas não são como eu imaginei e logo de inicio encontrei um longo e difícil caminho que em vários momentos me levaram a pensar em desistir, mas me mantive firme apesar das pressões que sofri, apesar da politicagem a qual a saúde é submetida, apesar dos políticos irresponsáveis que só pensam em manter o mandato e não se preocupam com a vida das pessoas. Alem de que eu tinha dado a minha palavra, de que me manteria firme ate o final.

A ajuda dada pela secretaria estadual de saúde foi uma decisão minha, foi um pedido de socorro, pois o risco que corríamos em prejudicar um inocente era grande, alem de levar a culpa por isto. Estávamos sozinhos apagando incêndios que estavam cada vez mais difíceis de serem controlados, os políticos não entendem e nunca vão entender isto, só quem é técnico e trabalha na ponta sabe do que estou falando. O estado demonstrou ser efetivo e preciso, ajudou muita gente necessitada, nós estávamos quase que impossibilitados de resolver os problemas destas pessoas, acredito que a única forma que o governo tem de fazer saúde sem misturar com a política é dar as mãos e trabalhar juntos.

Muitos falaram mal da minha pessoa por ser paraguaio ou por ser mais técnico do que político, político não sou mesmo, mas paraguaio sou e com orgulho, mas também sou brasileiro naturalizado há quase 10 anos, sou casado com uma maranhense e tenho uma filha maranhense (sou maranhense de coração, quem me conhece sabe muito bem disso), formei na UFMA há mais ou menos 18 anos, sou especialista em cirurgia geral pela UFMA e especialista em Coloproctologia, sou cria do Socorrão (adoro emergência); ando pelo socorrão há quase 22 anos, sei de todos os problemas destes hospitais, pena que não tive tempo e nem autonomia de pelo menos tentar resolver alguns deles. Estes problemas podem ter piorado no ultimo ano, mas sempre existiram e todos sabem quais são (superlotação, falta de autonomia da direção destas unidades, subfinanciamento, manipulação política da emergência, etc.), os políticos parecem não querer ou pode também não ser de interesse deles resolver estes problemas, talvez manter estes pacientes no fio da navalha, seja mais beneficioso politicamente, sinceramente não consigo entender; espero sinceramente que o novo prefeito e a nova equipe da secretaria de saúde (tenho Fé nesta nova equipe)tenham consciência e deixem a política de lado ao cuidar da saúde, elas duas não devem ser misturadas de forma alguma, talvez esta seja uma das soluções para o problema da saúde do município, negociar sem querer tirar vantagem e pensar nas pessoas que precisam destes serviços.

Finalizando queria agradecer as pessoas que me tiveram paciência me apresentaram e ensinaram sobre algumas coisas das quais realmente não tinha nem ideia da sua existência e muito menos como funcionava (SUS, política de saúde, gerenciamento de pessoal, ministério da saúde, conselho municipal de saúde, comissão intergestora regional, CIB, etc.), não é tão difícil quando se tem as pessoas certas do seu lado, praticamente me pegaram pela mão. Não vou citar nomes, pois posso esquecer injustamente alguns. Do fundo do meu coração agradeço a todos com quem trabalhei durante estes sete meses e peço desculpas a quem dei mais trabalho.

Dr. Santiago Servin
Secretário Municipal de Saúde de São Luis
São Luis, 31 de dezembro de 2012.

3 comentários »

O homem forte do governo Holandinha…

9comentários

rocha2Nenhum outro aliado do prefeito eleito Edivaldo Holanda Júnior (PTC) emplacou tantas indicações quanto o deputado federal Weverton Rocha (PDT) na futura administração.

São indicações de Rocha os secretários do Trabalho, Jerry Abrantes; da Juventude, Olímpio Cruz; e dos Esportes, Raimundo Penha.

Além disso, o próprio Weverton foi beneficiado com o mandato de deputado federal após a eleição de Holandinha.

Foi Weverton Rocha o principal articulador da candidatura de Edivaldo Júnior, ainda em junho de 2011. Ele tentou, inclusive, filiar o então deputado no PDT para viabilizar sua candidatura.

Coube a Weverton garantir o apoio pedetista – sem o qual, o candidato não teria tempo suficiente de televisão.

Também conseguiu convencer a maioria do PDT a seguir com Holanda e não com Castelo.

Com o apoio pedetista, Edivaldo Júnior garantiu, além do tempo de TV, também estrutura de campanha e militância nas ruas.

Coisas que nem um outro partido – nem o PCdoB de Flávio Dino e muito menos o PSB de Roberto Rocha- garantiriam de forma conjunta.

Como recompensa, além do mandato na Câmara Federal, Weverton Rocha garante espaço de poder no futuro governo.

E passa a ser o homem forte da adminsitração…

Blog de Marco D’Eça

9 comentários »

Osmar Filho será secretário de Edivaldo

4comentários

osmar-filho110510Definidos mais dois secretários do prefeito Edivaldo Holanda Júnior.

Os nomes serão divulgados numa lista completa (a 4ª lista), incluíndo inclusive o nome do secretário de Cultura, Francisco Gonçalves que está confirmado, mas não foi anunciado oficialmente em nenhuma das listas anteriores.

Os dois novos secretários são os do vereador Osmar Filho que não conseguiu se reeleger oara a CÂmara Municipal e será o titular da Secretaria de Articulação Política

O outro nome é José Luís Lago, que assume a Secretaria de Orçamento Participativo.

Os nomes de Osmar Filho e José Luís Lago foram confirmados pela assessoria de comunicação do prefeito.

4 comentários »

Governo fará grandes shows no Carnaval

0comentário

capag1
Vejam só o resultado que se alcança com os grandes shows que o governo do Maranhão vem oferecendo à população de São Luís.

As atenções da grande mídia nacional se voltam para cá o que demonstra que o governo acertou em cheio.

Desde ontem, o portal G1, da Globo destaca em sua capa principal a grande festa da Virada do Ano na Lagoa da Jansen que terá a dupla Victor e Leo.

Shows como Roberto Carlos e Zeca Pagodinho, na festa dos 400 anos de Aniversário de São Luís levaram mais de 100 mil pessoas à Lagoa da Jansen. A dose se repetiu no último sábado, quando das apresentações de Paralamas do Sucesso e Roupa Nova.

E como o show não pode parar, a festa vai continuar em 2013.

O governo prepara uma grande surpresa ao público e deverá anunciar hoje à noite, no telão da Lagoa da Jansen uma grande festa que será feita durante o periodo carnavalesco.

Teremos todas as principais brincadeiras do Carnaval Maranhense tocando com grandes nomes nacionais.

Vamos aguardar!!!!

Leia mais

sem comentário »

Victor e Leo animam Virada em São Luís

1comentário

victor-e-leoA chegada de 2013 será celebrada com grandes shows em São Luís. A dupla sertaneja Victor e Leo é a principal atração do Show da Virada do dia 31, quando também se apresentam a Banda A5, Bicho Terra e Arlindo Cruz. A programação começa às 21h, na Lagoa da Jansen, e tem entrada franca.

Victor & Leo devem apresentar os grandes sucessos da carreira, além das novidades do DVD “Ao Vivo em Floripa”. Uma verdadeira multidão é aguardada para o último dia dos Shows da Virada, promovidos pelo Governo do Estado como forma de encerramento das comemorações pelos 400 anos de fundação de São Luís.

Os irmãos têm 10 cd’s, três dvd’s ao vivo e um Blu-ray lançados, além de dois dvd’s documentários: “Nada Es Normal”, em espanhol, lançado em 2008, e “Victor & Leo – A História”, lançado em dezembro de 2010. Eles representam a continuidade renovada da música sertaneja, com um estilo que mescla folk, pop, romantismo e sertanejo de raiz.

Antes da dupla sertaneja, sobem ao palco os maranhenses Mano Borges, Chiquinho França, Betto Pereira, Carlinhos Veloz e Erasmo Dibell, do grupo A5. A alegria do Bicho Terra também vai contagiar o público. Para quem gosta de samba, Arlindo Cruz é a garantia de diversão.

Os Shows da Virada foram realizados durante quatro noites, que começaram no dia 21 de dezembro, com o Padre Fábio de Melo, seguido da cantora gospel Aline Barros, na sexta-feira (28), pelos grupos Paralamas do Sucesso e Roupa Nova, no sábado (29). O encerramento será nesta segunda-feira (31), com Victor e Léo e Arlindo Cruz.

Leia mais

1 comentário »