Canopus contruirá shopping em Ribamar

0comentário

canopusA construtora Canopus está com novidades para o mercado maranhense. No dia 16 de abril, os empresários Álvaro Carvalho e Parmênio Carvalho Jr, lançam o Pátio Norte Shopping, no Hotel Pestana. O futuro está acontecendo agora, e a visão de empresários e cidadãos voltada, cada vez, para essa realidade.

Pensando nesse crescimento econômico e nessa visão de futuro que a Canopus Construções lança uma proposta inovadora de shopping. O Pátio Norte Shopping foi criado para atender, com opções variadas e exclusivas, uma região que vive um crescente aumento populacional.

O Pátio Norte vai oferecer um mix completo e bem planejado para satisfazer esse grande e potencial mercado localizado . O shopping estará localizado entre as três principais regiões metropolitanas da ilha, na Estrada de Ribamar, MA 201, Km 5, nº 1000.

A área possui um grande fluxo de consumidores, alta visibilidade e movimentação constante de veículos. Além de ser favorecido pelo surgimento de 8 grandes lançamentos residenciais na localidade. Sucesso garantido.

sem comentário »

CPI da Mulher deve ser instalada segunda

0comentário

assembleiaA Assembleia Legislativa deve instalar na segunda-feira, dia 1° de abril, a Comissão Parlamentar de Inquérito de Combate à Violência contra a Mulher, criada ainda no ano passado após a aprovação de requerimento da deputada estadual Eliziane Gama (PPS). Uma reunião entre os sete membros da CPI aconteceu na quarta-feira, 27, último dia de sessões antes da Semana Santa, mas a falta de um acordo sobre o comando da comissão acabou adiando a instalação.

O Estado apurou que a deputada estadual Francisca Primo (PT) é a mais cotada para presidir a CPI. O líder do Bloco Parlamentar pelo Maranhão, deputado estadual Roberto Costa (PMDB), deve ser o relator. A escolha dos dois está marcada para acontecer à tarde, em nova reunião agendada para as 15h, na Sala das Comissões, antes da sessão plenária. Mas ainda deve haver discussões.

Há duas semanas, Eliziane Gama reclamou pa possibildiade de ela nem particpar da CPI que criou. Os colegas negaram a possibildiade e nomearam os membros com a presença da popular-socialista. Ela, então, reclamou que a base do governo, em maioria na comissão, não permitirá que ela seja presidente, ou relatora.

Líder do Blocão, Roberto Costa refutou qualquer envolvimento do governo nas decisões da bancada na Casa. Ele diz que os parlamentares tentarão instalar a CPI nesta segunda. Segundo o peemedebista, mais importante do que os deputados que dirigirão os trabalhos é a atuação concreta da CPI na apuração de denúncias de crimes contra as mulheres.

“Quem quer que dirija a CPI tem que ter em mente que precisamos trabalhar duro, apurar com afinco, todas as denúncias que cheguem. O avanço da nossa sociedade não permite mais que se cometa nenhum tipo de violência contra ninguém, muito menos contra uma companheira”, declarou.

Vereadores também discutem CPI na Câmara

Se conseguir apenas mais duas assinaturas, o líder do PRP na Câmara Municipal de São Luís, Francisco Chaguinhas, já poderá apresentar à Mesa Diretora o requerimento para criação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) por meio da qual pretende investigar as relações das terceirizadas com a Prefeitura de São Luís.

Inicialmente batizada de “CPI da Multicooper” – devido ao rompimento do contrato da cooperativa com o Município, deixando quase 1.400 cooperados sem salários por quase um ano -, a comissão foi rebatizada pelo autor como “CPI das Terceirizadas” e ampliará a apuração.

Atualmente, Chaguinhas já conta com nove assinaturas em seu requerimento. São necessárias 11 para conseguir a aprovação. “Precisamos saber desse contrato com o Executivo. É importante que se deixe bem claro que é necessário avaliar que existe uma cortina de fumaça entre o Executivo e esse contrato assinado com a Multicooper”, ressaltou Chaguinhas.

Ex-sócio da cooperativa, o vereador Ricardo Diniz (PHS), diz que não existe mais nenhum contrato com a Prefeitura de São Luís desde abril de 2012.

“A Multicoopper não ficou devendo nenhum cooperado, pois todos os meses trabalhados foram pagos”, completou.

sem comentário »

Prefeitura reforça alerta em áreas de risco

0comentário

BrenogaldinoAs lideranças dos Núcleos Comunitários da Defesa Civil Municipal (NUDECs) estão em alerta em suas comunidades, focadas nas áreas de riscos, neste período chuvoso. A solicitação partiu do secretário de Segurança com Cidadania (Semusc), Breno Galdino, durante reunião de trabalho.

As áreas mapeadas são Salinas do Sacavém, Vila Bacanga, Vila Isabel, Quinta dos Machado, Vila Embratel, Itapera, Quebra-Pote, Sacavém, Geniparana, Residencial José Reinaldo Tavares, Vila Lobão, Sá Viana, Vila Ayrton Senna, Recanto Canaã e Vila Funil.

No primeiro encontro com as lideranças comunitárias, o secretário enfatizou que, em caso de possíveis anormalidades, como enchentes, alagamentos, desmoronamento de barreiras, entre outras intempéries, os líderes comunitários devem contactar imediatamente com a Superintendência de Defesa Civil Municipal (Sudec), órgão vinculado à Semusc, para a tomada das medidas legais que as anormalidades requeiram.

Breno Galdino reforçou que a Semusc está de portas abertas para receber as lideranças comunitárias e que parcerias com órgãos públicos e privados são bem-vindas.

sem comentário »

Causando inveja

0comentário

Da coluna do Efrém Ribeiro, do jornal Meio-Norte

Já que os políticos do Piauí fizeram campanha contra a reforma e expansão do aeroporto de Teresina, o Maranhão está aproveitando os recursos do governo Federal. Vai construir um novo aeroporto, de grande porte, em Caxias, no Maranhão. Não tarda muito, piauienses desembarcarão em Caxias quando quiserem chegar em Teresina.

sem comentário »

Moto terá dois meses de preparação

21comentários

robertofernandesDois meses. Este será o tempo de preparação do Moto Club para a estreia na 2ª divisão do Campeonato Maranhense que tem início previsto para o dia 4 de agosto.

Segundo o presidente do Moto, Roberto Fernandes, o clube fará a sua preparação nos meses de junho e julho. “Acho que é impossível um time de futebol pensar em fazer uma boa campanha em qualquer que seja a competição se não tiver um bom planejamento e seguí-lo à risca. Vamos iniciar a nossa preparação em junho e até a estreia em agosto serão dois meses de muito trabalho”, adiantou.

Roberto Fernandes destacou que o diretor de futebol, Waldemir Rosa (Dadá) já vem observando vários campeonatos regionais para acompanhar o rendimento de alguns atletas que poderão vir para o Moto, além do próprio Campeonato Maranhense da 1ª divisão que está em andamento.

O presidente do Moto não quis falar sobre nomes, mas adiantou que montará um time forte e à altura das tradições rubro-negras. “O Moto tem sempre que pensar grande. O Moto é um time vencedor e por isso temos que montar um grande time como espera o torcedor. Estamos viabilizando algumas parcerias e projetos que possibilitarão a formação de um grande time”, garante.

21 comentários »

Câmara vai cobrar agilidade do prefeito Edivaldo

1comentário

pavaofilhoO Estado

O 2º vice-presidente da Câmara de São Luís, vereador Pavão Filho (PDT), disse que na próxima semana dará entrada na Casa com um requerimento cobrando do prefeito Edivaldo Holanda Jr. (PTC) mais agilidade no encaminhamento do projeto que trata da licitação dos transportes coletivos no município. Segundo ele, a discussão já vem se arrastando há bastante tempo e precisa de um desfecho urgente, mediante a situação de caos por que passa o setor.

“O povo de São Luís não aceita e também não aguenta mais essa crise que se arrasta ao longo dos anos, sempre sendo feito um remendo aqui, outro ali, uma linha nova ali, outra linha aqui e nesse meio-termo a comunidade tendo um serviço que deixa muito a desejar no transporte coletivo de nossa cidade. Portanto, já protocolamos na Câmara um requerimento, solicitando que o prefeito Edivaldo Holanda Jr. autorize uma comissão do próprio governo municipal para avaliar o caso, a exemplo do que fez o prefeito de São Paulo, Fernando Hadad, para criação do projeto de licitação”, ressaltou.

Pavão Filho declarou que o ex-prefeito João Castelo (PSDB) encaminhou para a Câmara de São Luís o projeto de licitação nos transportes coletivos, no ano passado. “Parece-me que o atual prefeito pediu a devolução da matéria para fazer o aperfeiçoamento e para fazer uma nova estruturação do projeto. Mas eu estou oficializando que o gestor municipal devolva esse projeto o mais rápido possível para que esta Casa possa analisar a proposta de licitação para nossa cidade”, frisou.

O presidente em exercício da Câmara, Astro de Ogum (PMN), disse que, por ser um problema que vem sendo colocado em segundo plano, não dá mais para adiar. “Acho que está mais do que na hora de ser tomada uma decisão com relação à questão da licitação pública para o setor. No momento, esse projeto se encontra nas mãos do Executivo para avaliação. O prefeito mandou buscar a mensagem e ainda não devolveu a esta Casa. Segundo o que sei, seriam análises para eventuais reajustes de tarifa e entendimento com os empresários do setor”, observou o vereador.

Para o líder do DEM, Sebastião Albuquerque, essa proposta de licitação nos transportes coletivos em São Luís vem desde a gestão do então prefeito Jackson Lago (PDT). “De lá pra cá, muito tem se falado sobre o assunto, mas ao mesmo tempo não tem havido uma definição sobre o assunto. Já se passaram outras gestões como a de Conceição Andrade, Tadeu Palácio, João Castelo e a expectativa se volta para a administração do atual prefeito Edivaldo Holanda Jr.”, disse.

Comissão de Transportes também cobra licitação

fabiocamaraO presidente da Comissão de Transportes da Câmara de São Luís, vereador Fábio Câmara (PMDB), também solicita que a Prefeitura possa reenviar o projeto de licitação dos transportes coletivos o mais rápido possível para o parlamento municipal. “Temos que cobrar do prefeito Edivaldo Holanda Jr. que não deixe a população ficar à mercê de um sistema de transporte que só maltrata os seus usuários, cobrando uma tarifa que não condiz com a realidade”, disse.

Fábio Câmara foi o primeiro oarlamentar nesta legislatura a puxar a discussão, sempre mostrando que o sistema de transporte está um verdadeiro caos. “O prefeito Edivaldo Holanda Jr. quando esteve em campanha eleitoral afirmou que iria fazer uma revolução no setor, com a implantação do Bilhete Único e a melhoria dos terminais de integração. Mas o que a gente tem observado é que a discussão sobre Bilhete Único e as melhorias no setor ainda estão longe da realidade. A própria secretária Myriam Aguiar (Trânsito e Transportes) ainda não disse para que veio. Portanto, estaremos nesta Casa fazendo o nosso papel de cobrar do prefeito mais celeridade na efetivação do projeto de licitação dos transportes coletivos”, afirmou.

O ex-secretário municipal de Trânsito e Transportes, Canindé Barros, alerta que a discussão é salutar, mas garante que não será do dia para a noite que o projeto de licitação para o setor vai sair do papel.

“Temos hoje um sistema de transporte coletivo que opera de forma desordenada. São Luís conta com 180 linhas de transportes, na grande maioria uma se sobrepondo a outras. Para que possamos colocar em prática esse projeto de licitação, teremos primeiro que reorganizar o sistema de bilhetagem eletrônica, que está defasado. Vale ressaltar que, além disso, a maioria das empresas de transportes que operam em São Luís está em débito com seus tributos e não poderiam participar de um processo licitatório”, observou.

1 comentário »

Hemomar realiza coleta de sangue

0comentário

hemomarO Centro de Hematologia e Hemoterapia do Maranhão (Hemomar) realiza, no sábado (30), em parceria com a entidade religiosa “Missão Maranhense”, coleta de bolsas de sangue por doação voluntária nas dependências do Colégio Adventista, na Cohama. A coleta externa ocorrerá das 8h às 17h.

Para a ação será montada estrutura nas dependências da escola Adventista e será destacada uma equipe multiprofissional que realizará os procedimentos necessários à coleta de bolsas sanguíneas contendo 450 ml de sangue.  A iniciativa visa aumentar o estoque de sangue do Hemomar e suprir a demanda transfusional no estado, ajudando a salvar vidas.

Os interessados em fazer a doação deverão comparecer ao local portando documento de identificação com foto, e devem atender aos critérios exigidos. Quem deseja doar sangue deve ter entre 16 e 67 anos de idade, ter doado pelo menos uma vez nos casos em que a idade ultrapasse 60 anos, e quando o doador for menor deve comparecer ao local na companhia de um responsável, e com autorização formal de consentimento.

É preciso ainda que o indivíduo goze de boa saúde, tenha peso acima de 50 quilos, esteja devidamente alimentado, não tenha tomado bebida alcoólica por um período de até 12 horas antes da coleta, nem fumado pelo menos duas horas antes. Para as gestantes ou mães amamentando a doação não é recomendada.

sem comentário »