Campeonato do Servidor

0comentário

A Secretaria Municipal de Desporto e Lazer (Semdel) visando garantir o maior número de participantes no 1º Campeonato de Futebol Society do Servidor Público Municipal prorrogou as inscrições até o dia 10 de julho. A abertura da competição acontece no dia 20 de julho, a partir das 9h na Associação do IPAM (Olho d’Água) e término previsto para o dia 28 de outubro, em comemoração ao Dia do Funcionário Público.

Campeonato

O campeonato será disputado por equipes compostas por servidores municipais de São Luís, que jogarão em duas chaves. Os jogos serão realizados aos sábados e feriados, nos turnos matutino e vespertino,  podendo, se necessários, haver jogos noturnos, em qualquer dia. A competição terá fase classificatória com rodízio simples em cada chave.

Premiação

As premiações do Campeonato serão: troféu, medalha e um crédito de consumo na Associação Recreativa do Ipam para o 1º e 2º lugares; troféu e medalha para o 3º lugar; além de troféus para o atleta artilheiro; para o goleiro menos vazado e; para o melhor jogador.

Inscrições

As inscrições das equipes são gratuitas e podem ser feitas na Semdel (Avenida Getúlio Vargas, nº 2016 – Monte Castelo) e no Ipam (Rua do Sol, nº 265, Centro). Os servidores também poderão se inscrever pela internet através do link (http://semdelsl.wordpress.com/editas-e-regulamentos/). Para isso basta fazer o download da ficha de inscrição e encaminhá-la pelo email ([email protected]). Além de preencher a ficha de inscrição, os servidores que participarão das competições  deverão apresentar documento de identidade e cópia do contracheque, para que seja comprovado o exercício. Informações: (98) 3212-3250.

sem comentário »

Meta alcançada

0comentário

POLIO

Balanço divulgado nesta terça-feira (2), pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), revelou que o Maranhão cumpriu a meta de imunização estipulada para a vacinação de crianças com idade entre seis meses e 5 anos incompletos. Apesar de já ter atingido a meta recomendada pelo Ministério da Saúde, a mobilização continua até a próxima sexta-feira (5), e o objetivo é imunizar 12,2 milhões de crianças na faixa etária definida em todo o Brasil.

Segundo os dados divulgados, mais de meio milhão de crianças foram vacinadas no Maranhão. Ao todo, 556.649 crianças com idade entre seis meses e cinco anos incompletos já foram imunizadas contra a doença representando 95,37% da meta.

De acordo com dados da SES, apenas alguns municípios ainda não atingiram a meta, mas a chefe do Departamento de Imunização da SES, Maria Helena Carreiro, considera os números satisfatórios e acredita que até o final da campanha todos os 217 municípios maranhenses conseguirão atingir a meta de 95% de cobertura.

Segundo Maria Helena Carreiro, além da vacina contra a poliomielite, os pais que levarem as crianças aos postos de vacinação, poderão aproveitar para atualizar as vacinas em atraso. “É fundamental que os responsáveis não se esqueçam de levar a carteirinha de vacinação de seus filhos para que os profissionais possam avaliar a situação vacinal da criança”, destacou.

sem comentário »

Nem começou …

0comentário

megbel_abdalla

A Série B do Campeonato Maranhense está prevista para começar no dia 4 de agosto, com duas partidas, uma na capital e outra no interior. São cinco times na tabela e duas vagas em jogo para o acesso á Série A de 2014. Contudo, tudo isso voltará a ser a ser discutido no tribunal. Tudo foi parar nas mãos do

Expressinho e Moto Club ingressaram, respectivamente, no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) pleiteando mudanças com base em decisões anteriores da própria Federação Maranhense de Futebol (FMF) que mudaram ao passar de alguns dias. No caso do Moto, o clube ganhou reforço de Sabiá e Itapecuruense. Os três clubes pleiteiam o mesmo objetivo.

O Expressinho deu entrada no pedido de liminar na sexta-feira da semana passada exigindo a sua participação na divisão de acesso e a exclusão de Araioses e Itapecuruense.

Tudo foi parar nas mãos do Presidente do TJD (MA), Megbel Abdalla.

Leia mais

sem comentário »

Mau exemplo

8comentários

dolores-pt-13222

O Ministério Público do Maranhão ajuizou Ação Civil Pública por Ato de Improbidade contra a vereadora do município de Nina Rodrigues (a 176km de São Luís), Maria Dolores Farias Menezes (PT), pelo recebimento ilegal de Bolsa Família durante os três primeiros meses deste ano, mesmo não figurando na faixa de renda exigida para receber o benefício.

A ação, assinada pelo titular da Promotoria de Justiça da Comarca de Vargem Grande (da qual o município é termo judiciário), Benedito de Jesus Nascimento Neto, foi motivada por denúncias do Conselho Municipal de Assistência Social de Nina Rodrigues indicando beneficiários ilegais do programa federal, dentre os quais está a vereadora. As denúncias são reforçadas por uma reportagem publicada no dia 20 de junho por um jornal ludovicense de grande circulação.

O representante do MPMA apurou que, mesmo tendo patrimônio no valor total de R$ 28 mil, formado por duas casas e uma motocicleta, Maria Dolores Farias Menezes recebeu do governo federal R$ 352 nos meses de janeiro, fevereiro e março deste ano, a título do programa federal, que tem foco em pessoas com renda familiar per capita inferior a R$ 70 mensais.

“A vereadora nunca esteve em situação de pobreza ou de extrema pobreza, que justificasse o recebimento do benefício”, destaca ele. “Em vez de agir honestamente, ela praticou conduta incompatível com a boa-fé, a honestidade, a ética e o próprio decoro parlamentar”.

Na ação, o promotor de justiça Benedito de Jesus Nascimento Neto requer que a vereadora seja condenada à perda do cargo de vereadora de Nina Rodrigues, à suspensão de seus direitos políticos por cinco anos, ao pagamento de multa no valor de 100 vezes o valor da remuneração recebida em junho de 2013. Outra sanção solicitada pelo MPMA é a proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais por três anos.

8 comentários »

Ficha Limpa

0comentário

0958202-1819673222foto4

Quase um ano após ser proposto, a Assembleia Legislativa do Maranhão (AL-MA) aprovou, nesta quarta-feira (3), o Projeto Ficha Limpa, que disciplina as nomeações para cargos de comissão em órgãos dos poderes Executivo e Legislativo estaduais. A proposta foi aprovada na íntegra e por unanimidade, seis dias após ser apreciada e aprovada em primeiro turno.

O texto do projeto impede a nomeação para cargos em comissão e funções gratificadas, nos dois poderes, de pessoas que tenham, contra si, representações julgadas procedentes pela Justiça Eleitoral sobre abuso do poder econômico ou político, em um prazo de oito anos.

A proposta impede, também, a nomeação de pessoas que tenham sido condenadas em um prazo de oito anos, por crimes contra a economia popular, a fé pública, administração e patrimônio público; contra o patrimônio privado, o sistema financeiro, o mercado de capitais; contra o meio ambiente e a saúde pública; eleitorais; de abuso de autoridade [nos casos em que houver condenação à perda do cargo ou à inabilitação para o exercício de função pública]; lavagem ou ocultação de bens, direitos e valores; de tráfico de entorpecentes, racismo, tortura, terrorismo e hediondos e equiparados; de redução à condição análoga à de escravo; contra a vida e a dignidade sexual; e praticados por organização criminosa, quadrilha ou bando.

Assim que for sancionado pelo governo do Estado e promulgado, o texto estabelece que as autoridades competentes, dentro do prazo de 90 dias, contados da publicação desta Lei, terão que exonerar os ocupantes de cargos em comissão ou função gratificada que se enquadrem nas situações previstas projeto Ficha Limpa.

Foto: JR Lisboa/Agência AL

sem comentário »

JEMs em Barreirinhas

2comentários

jems

A cidade de Barreirinhas sedia até 9 de julho uma das seis etapas regionais dos Jogos Escolares Maranhenses (JEMs), maior competição estudantil do Maranhão promovida pela Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel). E o clima no município não poderia ser melhor por estar sediando uma etapa dos JEMs. Na solenidade de abertura da etapa regional, realizada na noite dessa terça-feira (2) o Ginásio de Esportes Valdir Soares recebeu um grande público que prestigiou o desfile das delegações que estão participando da etapa regional de Barreirinhas.

O prefeito de Barreirinhas, Léo Costa, e o secretário de Esporte do município, Charles Brall, participaram da solenidade. Durante a abertura da etapa, o prefeito Léo Costa declarou estar satisfeito com a realização dos JEMs na cidade e garantiu total apoio às ações do governo do Estado.

“Estamos trabalhando para que os JEMs cresça a cada ano. É importante o apoio das prefeituras para que consigamos realizar uma grande competição. Ficamos satisfeitos com o apoio que a Prefeitura de Barreirinhas nos deu para realizar esta etapa regional”, disse o diretor-geral-adjunto dos JEMs 2013, Sandow Feques que representou a Sedel.

Na cidade de Barreirinhas, serão realizadas as disputas de três modalidades: beach soccer, futebol de campo e futsal. Vale destacar que todas as equipes campeãs destas regionais se classificam para a Etapa Inter-regional, que será realizada em São Luís, e que irá definir os últimos classificados para a Etapa Estadual dos JEMs 2013.

Além de Barreirinhas, a cidade de São João dos Patos também está sediando uma das seis etapa regionais até o próximo dia 9 de julho.  As disputas ocorrem nas categorias Infantil (de 12 a 14 anos) e Infanto (de 15 a 17 anos). Entre os dias 12 e 19, as disputas ocorrerão nas cidades de Caxias e Presidente Dutra. E, de 21 a 28, Imperatriz e Santa Inês sediam as duas últimas etapas regionais dos JEMs 2013.

No site da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel) está a lista atualizada de todas as instituições de ensino garantidas na Etapa Estadual dos Jogos Escolares. O endereço é o www.esporteelazer.ma.gov.br.

2 comentários »

Visita ao Carlos Macieira

3comentários

visita2

Membros da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa visitaram nesta terça-feira (02) o Hospital Carlos Macieira, em São Luís. A visita começou com uma conversa entre os parlamentares e a direção técnica da unidade hospitalar. A comissão recebeu denúncias de dificuldade no atendimento, vagas para internação e também que o hospital, considerado de alta complexidade, não possui centro cirúrgico, o que foi constatado pelos deputados.

A dificuldade para internar pacientes também foi um dos questionamentos feitos pelos deputados ao longo da visita. O hospital possui 134 leitos de internação, entre enfermaria, UTIs e semi-UTIs. Mas não possui serviço de emergência. “Nós temos porta aberta para emergência. Nós recebemos pacientes do centro de regulação vindo das UPAs e de outros hospitais da rede estadual. A maior demanda, segundo a direção do hospital, é com pacientes tanto da capital quanto do interior que precisam fazer a diálise”, explicou a diretora técnica do HCM, Gisele Bauman.

Para a deputada Cleide Coutinho, a visita da Comissão de Saúde foi bastante positiva, onde a comissão pôde conhecer o que realmente foi feito nos últimos anos, desde que o hospital entrou em obras. A deputada criticou a falta de um centro cirúrgico e de um centro de hemodiálise num hospital do porte do HCM. Apesar das criticas, a parlamentar admitiu a qualidade das instalações e elogiou as alas que estão em operação.

1100303-1403639743foto6
A expectativa é a de que, após as obras, 235 leitos funcionem na unidade hospitalar. Um centro cirúrgico e um centro de diálise estão em construção, com prazo para entrega entre agosto e setembro, com previsão de operação em outubro deste ano. O problema é que as reformas na unidade já duram mais de três anos.

A deputada Eliziane Gama, presidente da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e das Minorias, também elogiou a estrutura do HCM, mas criticou o grande atraso para entrega total do hospital, em reforma há quase quatro anos. Para ela, é inadmissível que um hospital esteja a tanto tempo em reforma quando já se gastou um enorme volume de dinheiro.

A presidente da Comissão de Saúde, deputada Valeria Macedo, disse que ficou constatado o bom funcionamento e atendimento do hospital. Assim como as demais deputadas, a pedetista lamentou a falta de um centro cirúrgico e de hemodiálise, ambos com previsão de entrar em operação em outubro.

Para o deputado Raimundo Louro, presidente da Comissão de Obras e que também participou da visita,  é preciso celeridade na conclusão das obras para que o HCM possa operar em sua totalidade. O parlamentar elogiou o Carlos Macieira, que segundo ele, tem estrutura de primeiro mundo.

Além da Comissão de Saúde, representantes das Comissões de Obras e também de Direitos Humanos da Casa participaram da visita. Após esse primeiro momento, os parlamentares conheceram as instalações do hospital.

Os esclarecimentos prestados pela direção médica aos deputados, assim como as observações feitas pelos parlamentares farão parte de um relatório que será encaminhado com urgência à secretaria de saúde e demais órgãos competentes.

Fotos: JR Lisboa

3 comentários »

Protesto dos médicos

3comentários

protestodosmedicos

Os médicos realizam hoje (3) protestos em todo o país contra a importação de médicos, melhor remuneração do SUS e condições de trabalho.

Em São Luís, a concentração foi Praça Deodoro, às 9 horas. De lá, médicos e estudantes seguiram em caminhada pelo Centro da cidade até a Praça D.Pedro II.

Esta é a segunda manifestação dos médicos em São Luís nesta semana. No domingo, os médicos firam protesto na avenida Litorânea.

3 comentários »

Bilhete Único

11comentários

12442626-261535945foto5

O deputado estadual Eduardo Braide (PMN) conseguiu aprovação na Assembleia Legislativa, de requerimento que envia ao prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PTC), solicitação de informações a respeito da implantação do Bilhete Único na capital, uma das principais promessas da campanha petecista.

Braide quer saber quando, como e quanto custará a implantação do sistema. Quer saber também se a promessa de fato chegará a ser cumprida. “Precisamos saber se há e como está o planejamento de implantação do bilhete único. O prefeito deve informar não só a Assembleia, mas à população de São Luís o início de vigência. Precisamos de uma previsão”, disse.

A cobrança do parlamentar em relação ao bilhete único é uma das principais reivindicações da população, que realiza desde a semana passada protestos na capital. É também um dos principais temas abordados pela oposição na Câmara Municipal de São Luís. Na verdade, tema levantado apenas pelo vereador Fábio Câmara (PMDB), que criou o “belhetômetro” em seu perfil no Facebook, para acompanhar a promessa do prefeito.

Edivaldo agora será cobrado pela Assembleia. E terá de dar explicações.

Leia mais

11 comentários »