Jogos da Juventude

0comentário

judo1

O Maranhão está pronto para a disputa dos Jogos Escolares da Juventude 2013, etapa para jovens de 12 a 14 anos, competição nacional que será disputada na cidade de Natal (RN). Ao todo, o Estado terá uma delegação com 183 pessoas, entre atletas, técnicos e dirigentes no maior evento estudantil do país, que será disputado de 5 a 14 de setembro.

E, nesta quarta-feira (4), os atletas maranhenses que irão competir nas modalidades individuais embarcam rumo à capital potiguar. O embarque da delegação, que é patrocinada pela Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel), está marcado para as 15h30 no Aeroporto Marechal Hugo da Cunha Machado.

Todos os atletas maranhenses que participarão desta edição dos Jogos Escolares da Juventude foram campeões em suas respectivas modalidades nos Jogos Escolares Maranhenses (JEMs), evento promovido pela Sedel. Este ano, o Maranhão terá representantes nas seguintes modalidades: atletismo, badminton, basquete, ciclismo, futsal, handebol, judô, natação, tênis de mesa, vôlei e xadrez.

Organizada pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), os Jogos Escolares da Juventude é o maior evento esportivo estudantil do país. Em 2013, a organização do evento anunciou a quebra do recorde do número de participantes: 6 mil no total. Além dos futuros talentos do esporte nacional, treinadores, oficiais, árbitros, embaixadores, voluntários, comitê organizador e comitê local, estarão envolvidos no evento que reunirá representantes de 26 Estados do Brasil, mais o Distrito Federal e uma delegação da cidade anfitriã.

Além das competições, os jovens atletas terão a sua disposição uma ampla gama de eventos paralelos às competições. O programa sócio-educativo e cultural abrange diversas atividades extras com o intuito de aproximar os jovens de todo o país aos Valores Olímpicos e ao exemplo positivo da prática esportiva.

sem comentário »

Hoje em Vitorino Freire

2comentários

A governadora Roseana Sarney iniciou visita a Vitorino Freire, o segundo município do roteiro desta terça-feira (3), inaugurando os 29,1 quilômetros da estrada que dá acesso a Altamira. Depois, acompanhada de comitiva e do prefeito José Leandro Maciel, Roseana cumpriu uma extensa agenda que incluiu participação na entrega de centro odontológico, escola e acompanhamento das ações do Governo Itinerante.

“É muito bom trazer benefícios, ouvir a população e garantir que vamos trabalhar para melhorar a qualidade de vida das pessoas”, declarou Roseana Sarney, ao dizer que estava feliz por entregar a estrada. “Nossa proposta é ligar todos os municípios por asfalto. A estrada proporciona progresso, emprego, educação e renda para todos”.

vitorino
A comitiva da governadora contou com a presença dos secretários de Estado Luis Fernando Silva (Infraestrutura), Clodomir Paz (Programas Especiais), Hildo Rocha (Cidades e Assuntos Políticos), Fábio Gondim (Gestão e Previdência), Rodrigo Comerciário (Assuntos Institucionais), Antonio Heluy (Trabalho e Economia Solidária); coronel José Ribamar Vieira (Casa Militar), Alberto Franco (Assuntos Estratégicos) e Dayvson Franklin (Pesca e Aquicultura).

Também participaram os deputados estaduais Edilásio Júnior, Léo Cunha, Stênio Resende, Roberto Costa e Raimundo Louro; além de vereadores, prefeitos da região e lideranças políticas e comunitárias.

Em Vitorino Freire, a governadora participou da inauguração do Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), ação que integra o programa federal Brasil Sorridente. O espaço, com seis gabinetes, garante 400 atendimentos especializados por mês.

roseana
Na área de educação, a governadora Roseana inaugurou a Unidade Integrada Oséas Castro, escola construída a partir de uma parceria entre prefeitura, governo estadual e federal.

No setor de saúde, as ações foram desenvolvidas no Centro de Saúde Isac Varão, onde foram realizadas consultas para diagnóstico e tratamento do glaucoma e Mutirão de Cirurgia de Catarata. E, ainda, ações de Vigilância Epidemiológica, com vacinação de crianças, adultos e idosos. Foi disponibilizada assistência em clínica médica e pediátrica, preventivo do câncer ginecológico (colpocitologia oncótica) e atendimento de laboratório de análise clínica, incluindo glicemia, colesterol total e PSA.

Também como parte das ações do Itinerante, a governadora Roseana Sarney, o diretor geral do Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran-MA), André Campos e o prefeito de Vitorino Freire, José Leandro Maciel assinaram convênio de municipalização do trânsito da cidade.

Fotos: Handson Chagas

2 comentários »

Aniversário de São Luís

2comentários

Muito legal o vídeo do aniversário de 401 anos de São Luís. Merece registro a parceria da Prefeitura de São Luís e Governo do Maranhão que assinam a peça publicitária.

Deveria ser sempre assim…

2 comentários »

Olhar do internauta

1comentário

É um risco ou não?

Esta obra está sendo feita no Renascença. O Artur Cruz postou foto no Facebook e diz não ter nenhuma placa da Prefeitura de São Luís autorizando a obra.

E pergunta… Cadê a Prefeitura?

obra

O secretário de Urbanismo, Antônio Araújo informou nesta terça-feira (3) que a obra na rua dos Bicudos, no Renascença foi embargada.

1 comentário »

Américo propõe trégua

27comentários

antonioamerico

A briga envolvendo o presidente do Sampaio, Sérgio Frota e o presidente da Federação Maranhense (FMF), Antônio Américo tomou repercussão enorme após a troca de acusações dos dois dirigentes em entrevista à Rádio Mirante AM. Lamentável que o nível tão baixo de discussão tenha chegado às ondas do rádio.

Américo chegou a afirmar que não queria mais diálogo com Frota que desafiou o dirigente da FMF a abrir as contas da entidade ao Ministério Público, além de anunciar que passa a ser oposição à gestão de Américo.

Desgaste enorme para os dois e preocupante para o momento do Sampaio no Campeonato Brasileiro.

Resultado: Antônio Américo em entrevista à Rádio Mirante AM, ao meio-dia, pediu trégua ao presidente do Sampaio: “Eu, Antônio Américo estou lhe estendendo a mão. Vamos sentar, vamos deizar este orgulho que não leva a nada. Vamos fazer um acordo. Esse acirramento não interessa a mim e nem ao futebol maranhense”, disse.

O que fez Américo mudar de opinião ninguém sabe. O certo é que o dirigente da FMF foi aconselhado a não levar a briga mais adiante.

E decidiu estender a mão a Frota….

Por telefone, o presidente do Sampaio aceitou conversar com o dirigente da FMF. Eu sei da importância que é a Federação apoiando o Sampaio para uma classificação que é muito difícil. Em nenhum momento eu disse que não conversava. Foi ele quem disse. Ele [Antônio Américo] que marque o local, o dia e o horário que eu sento com ele. Se ele estendeu a mão, ótimo. Vamos lavar a roupa suja para que a gente possa fortalecer o futebol maranhense”.

27 comentários »

Morre Pereira dos Santos

9comentários

Pereira-dos-Santos

Morreu vítima de pneumonia nesta manhã em Brasília, o advogado, general da reserva do Exército e ex-presidente do Moto Club na década de 70, José Pereira dos Santos. Aos 92 anos, Pereira dos Santos sofria de mal de parkinson.

A foto é do pesquisador Hugo Saraiva no lançamento do livro Memória Rubro-Negra em setembro do ano passado. Pereira dos Santos também é homenageado pelo Moto com o nome do Centro de Treinamento, no Paranã.

O corpo de Pereira dos Santos chega a São Luís nesta quarta-feira (3), à tarde e será velado na Pax União, na Rua Grande. O sepultamento será na quinta-feira (5), às 9h, no Cemitério do Gavião.

Nota de pesar

A governadora Roseana Sarney lamentou o falecimento do advogado e ex-presidente do Moto Club, José Pereira dos Santos, ocorrido nesta terça-feira (3).

“Pereira dos Santos dedicou a vida a incentivar o esporte do Maranhão, sendo um dos dirigentes de renome de um de nossos maiores times, que é o Moto, onde deixa um legado de paixão pelo futebol”, declarou.

A governadora se solidarizou com familiares e amigos de José Pereira dos Santos, que também era general da reserva do Exército.

9 comentários »

Investimentos em São Luís

0comentário

reuniao

O prefeito Edivaldo Holanda Júnior se reuniu na noite desta segunda-feira (2), no auditório Reis Perdigão, com toda a equipe de governo para tratar do lançamento oficial do Programa Avança São Luís que ocorrerá nesta quarta-feira (4), às 9h, na Associação Comercial do Maranhão (ACM). O programa contempla uma carta de investimentos com 41 projetos de grande relevância para a cidade para os anos de 2013 e 2014.

“Temos um momento importante que é o lançamento do Plano de Investimentos e chamamos vocês para que possamos discutir os últimos detalhes para apresentação do plano”, destacou o prefeito. Durante a reunião, foram repassados slides que serão utilizados durante a apresentação oficial e referendados o nome dos gerentes de cada um dos 41 projetos que serão desenvolvidos.

A presença de gestores para as ações propostas proporcionará maior controle e qualidade sobre o desenvolvimento dos trabalhos. Além disso, uma das características do Avança São Luís é a profundidade de monitoramento que os gestores municipais terão sobre o programa. O Avança São Luís foi construído com foco nos principais problemas existentes na cidade e nos anseios da população com obras de curto e médio prazo de execução.

Estiveram presentes na reunião os titulares das secretarias, adjuntos, assessores especiais e representantes da Macroplan. O líder do governo na Câmara Municipal, o vereador Honorato Fernandes (PT), foi convidado para acompanhar as discussões.

Foto: Honório Moreira

sem comentário »

Saída de Cutrim

4comentários

cutrimerubens

O deputado Raimundo Cutrim utilizou a Tribuna da Assembleia Legislativa, nesta terça-feira (3) para anunciar a saída da base de apoio da governadora Roseana Sarney.

Segue o deputado para o PCdoB e diz em seu discurso “Vou contribuir para a eleição de Flávio Dino candidato a governador do Maranhão”.

Veja o discurso na íntegra:

Vim de grandes dificuldades, onde trabalhei por vários anos em uma banca no mercado central, isso já faz muito tempo, mesmo assim, ainda tenho irmãos trabalhando na mesma banca que foi minha e do meu querido pai.

Essas dificuldades determinaram em mim, um sentimento de enfrentamento a todas as adversidades que eu teria que enfrentar na minha trajetória de vida. De agente de Polícia Federal a advogado e delegado de Polícia federal, procurei exercer a minha profissão de uma forma que fosse exemplar para meus pais, minha mulher, meus irmãos, meus filhos, meus amigos, para o Maranhão e o meu País. Lutei para que o meu pai, ainda em vida, se orgulhasse do sacrifício que enfrentou para criar e formar seus 13 (treze) filhos.

Exerci muitas funções importantes de confiança na Polícia Federal, foi através do meu desempenho, profissionalismo, transparência e responsabilidade, que contribuíram para que eu fosse convidado pela governadora Roseana Sarney para exercer, em momento de crise, o cargo de Secretario de Segurança do Estado do Maranhão no dia 03/07/1997.

À frente do Sistema de Segurança Pública e com o apoio irrestrito de todo o sistema e dos poderes constituídos do nosso Estado combatemos o crime em todas as suas modalidades.

Na secretaria de segurança, permaneci por longos anos e atendendo ao chamado do povo do meu Estado, entrei para vida pública, pensando eu, que não iria enfrentar as adversidades que enfrentei na secretaria de segurança.

Mas os interesses contrariados me surpreenderam, profundamente, diante do que eu esperava.

No meu segundo mandato, porque no primeiro, parte dele voltei a exercer o cargo de secretário de segurança, procurei trazer a esta Casa a experiência que eu adquirir, no que diz respeito, a segurança pública e nesta tribuna que hoje eu ocupo busquei, não competir, não enfrentar, mas ser útil a atual gestão da secretaria de segurança pública.

Ninguém pode esconder com a mão a fragilidade que convivemos hoje em relação à segurança pública do nosso Estado. As estatísticas de homicídios, de roubos, sequestros relâmpagos, arrombamentos através de explosivos de caixas eletrônicos, de furtos e roubos de veículos, centenas de assaltos a ônibus, de invasão à domicílios, de tráfico de drogas desenfreado e da volta do crime organizado no maranhão, nos deixam perplexos diante da falta de competência do atual secretário de Segurança Publica do Estado.

As minhas críticas, feitas nesta tribuna, não alcançaram o objetivo que busquei, ao contrário, despertei uma animosidade competitiva, desenfreada e criminosa que buscou atingir a minha história de vida.

Os caminhos possíveis no campo da justiça, eu percorri para me defender das acusações levianas de assassinato, de grilagem e de agiotagem.

Esta Casa é testemunha, e nos seus anais está registrado o pedido da criação da comissão parlamentar de Inquérito para investigar agiotagem em nosso estado, onde a imprensa comenta até a participação de membros da Assembléia na prática desse delito.

Solicitei a esta Casa através de documentos, que me convocasse para comparecer a comissão de ética para justificar as acusações. Fiz uma representação à Procuradoria-Geral de Justiça para que o Secretário de Segurança e 03 (três) delegados esclarecessem a armação que eles fizeram para me incriminar dentro do inquérito que ensejou o processo da morte do jornalista Décio Sá. O que eu pude fazer eu fiz.

Esperei que o grupo político que sempre fui leal se manifestasse em minha defesa. Não vi esse gesto, ao contrário, o Sistema Mirante de Comunicação, sem a investigação jornalística necessária, precipitadamente, divulgou as acusações contra mim. Não olhou o Sistema Mirante, para minha honra, para minha moral, para minha história. Não se preocupou em medir as conseqüências que poderia atingir a minha vida pública. Apenas 04 (quatro) Deputados da base aliada assinaram o requerimento da criação da CPI da agiotagem. Quem assinou foi à oposição.

Tenho recebido e-mails, mensagens, e telefonemas me cobrando a busca de um caminho para que eu possa continuar representando o povo do nosso Estado.

Conversei com as lideranças da capital e do interior, conversei com a minha família, conversei com os meus amigos buscando encontrar uma decisão, que não atendesse somente aos meus sentimentos. Senhor Presidente, o povo é sábio, o povo não admite injustiça e, por unanimidade, me aconselharam a percorrer a estrada que se abre de mudanças no país inteiro e, principalmente no Maranhão. Vou buscar não o que se diz oposição, eu vou buscar é a concretização de melhores dias para o nosso povo.

Águas passadas não movem moinhos, passado é passado, não olharei para traz. Vou procurar as lideranças que estão se colocando à disposição do povo para concretizar o sentimento de esperança, de mudanças de progresso que todos nós estamos cansados de esperar.

Senhor Presidente, a partir de hoje, me excluo da base aliada que fiz parte por todos esses anos.

Na semana passada visitei um povoado distante e isolado do município onde nasci, São João Batista. Conversei com a comunidade e me dirigi particularmente a uma senhora idosa que fazia parte da reunião e perguntei: com quem nós vamos votar para governador nessas próximas eleições? E ela respondeu: Dr Cutrim, aqui nós cansamos de esperar, tenho conversado com os meus filhos e meus netos e tenho recomendado para votarmos para governador num candidato que foi juiz.

Senhor presidente, senhores deputados, jornalistas presentes, senhores servidores desta casa, meus amigos, vou seguir os conselhos da idosa de nome Dona Maria, vou contribuir para a eleição de Flávio Dino candidato a governador do Maranhão.

Vou atrás da esperança, das mudanças que o povo do nosso Estado está cansado de esperar. Encerro meu pronunciamento com uma citação de Dante Alighieri.

“Vou lutar para ficar fora dos lugares mais sombrios do inferno porque não vou me omitir em tempos de crise moral que presenciamos”.

4 comentários »

Troca de acusações

50comentários

americo

No começo era assim . Igual na fotografia. Hoje é melhor não chamar o presidente do Sampaio, Sérgio Frota e o presidente da FMF, Antônio Américo para a mesma mesa. O relacionamento que já não era bom entre os dois dirigentes e que neste momento é totalmente prejudicial ao Sampaio e ao futebol maranhense só tende a piorar.

Em entrevista à Rádio Mirante AM, Américo descartou qualquer tipo de diálogo e acusa o presidente do Sampaio de truculência. “Não tem como ter diálogo. Sérgio Frota é truculento e não há possibilidade nenhuma de conversar com ele. A coisa passou para o lado pessoa. Tenho notícias das coisas que o Sérgio Frota fala por aí e que me atinge. Não posso deixar de sentar com um representante do Sampaio, desde que não seja Sérgio Frota.”.

Américo voltou a questionar vários aspectos do borderô apresentado pelo Sampaio. “O regulamento Geral das Competições da CBF diz que a administração desses jogos é em conjunto do mandante do jogo e a federação. Desde a confecção do ingresso até a emissão do borderô a federação tem que acompanhando. O quadro móvel tem que aparecer com o nome, o valor pago a cada um e o número do PIS e assinatura e isso é o que exige o INSS para poder estabelecer os valores e no borderô não consta. E tenho visto o borderô e não retrata a realidade.

O presidente da FMF questionou o número de ingressos de cadeira que aparece no borderô. “Nesse jogo contra o Águia está no borderô dizendo que nas cadeiras cobertas só tinham 300 pessoas (356 entre preço normal e meia-entrada). Ele copiou não sei de onde, pois não passei a ele (borderô com a marca da Federação Maranhense de Futebol ). Está assinado pelo Sérgio Frota e ei não assino borderô dessa qualidade. Enquanto não obedecer a legislação eu não vou assinar e nem a CBF me obriga a tanto”.

Américo disse que já comunicou o fato à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e evitou que o Sampaio fosse punido pela entidade. “Comuniquei a CBF dessas coisas que estão acontecendo aqui, a CBF quis punir o Sampaio e eu não deixei. Venho lutando desde o ano passado para que o Sampaio não seja punido, pois para mim é nefasto para o futebol maranhense como um todo. Eu evitei até agora que ele fosse punido”.

O presidente da Federação também afirmou que Sérgio Frota tentou atrapalhar que o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PTC) desse apoio à Copa que a FMF vai realizar após a 2ª divisão. “O patrocínio que fomos solicitar do prefeito (de São Luís) Edivaldo Holanda e o prefeito deu, mas ele (Sérgio Frota) foi lá, mas ainda bem que o prefeito é um homem independente e integro e não aceitou a chantagem e vai atender ao patrocínio. Mas olha a mentalidade do Sérgio Frota em fazer um negócio desses: ir até o prefeito para pedir que não faça o patrocínio e prejudicar todas as outras equipes. Isso é um absurdo, é inaceitável”.

O presidente do Sampaio, Sérgio Frota rebateu as críticas do presidente da FMF. “Defendo minhas causas com firmeza e não truculência. Se ele me acha truculento, eu o acho vaidoso, prepotente e egocêntrico”.

Frota lamentou que Américo tenha encaminhado documento entregando o Sampaio À CBF. “Em vez de ele falar comigo, mandou um documento para a CBF dizendo que o Sampaio não recolheu os impostos e que a federação não estava sendo permitida fiscalizar os jogos do Sampaio. Ele faltou com a verdade mais uma vez quando falou do Regulamento Geral das Competições. A confecção dos ingressos e a administração dos jogos cabem ao clube mandante podendo a federação local fiscalizar se assim entender. Em relação ao documento que ele mandou a CBF, não foi ele que não pediu que não punisse o Sampaio, foi Fernando Sarney (vice-presidente da CBF), que me chamou e eu fui conversar com ele.”.

O presidente do Sampaio acusou Américo de encher a Federação de parentes. “No Sampaio não tem parente meu, nem na Amaclube, enquanto que na federação tá cheio de parente dele. Eu tenho competência, estou a 77 meses a frente do Sampaio e esse time já foi campeão brasileiro mesmo sendo do futebol maranhense. Não sei o que lhe levou à federação. Não sei qual seu trabalho pelo futebol. Até lhe apoiei no primeiro momento pensando que você fosse outra pessoa e que o poder não fosse lhe subir a cabeça”.

Sérgio Frota desafiou o presidente da FMF a abrir as contas da entidade ao Ministério Público e disse que vai pedir na Justiça que a Federação comprove que está recolhendo o INSS dos clubes e efetivando os pagamentos. Frota desafiou Américo a mostrar também quem tem direito a voto na FMF, numa espécie de antecipação das eleições.

“Já que ele está falando em compromisso, fiz o pedido há três meses e agora vou pedir na justiça os recolhimentos de INSS da Justiça do Trabalho, que o diretor financeiro dele não me entrega por ordem dele. Se ele pagou está lá, então que ele me dê. Sou vereador e tenho responsabilidade. Tenho um mandato conquistado nas urnas, não fui colocado por juiz na federação. Faço um desafio nessas eleições. Diga quem tem direito a voto e dê oportunidade aos clubes em disputar a eleição”, finalizou.

Foto: Diego Chaves

50 comentários »

Bastidores políticos

1comentário

raimundocutrim

Por Jorge Aragão

Durante os próximos 30 dias deveremos ter algumas mudanças significativas na política, isto pelo fato de que os políticos que queiram disputar as eleições de 2014 devem até o início de outubro, estarem filiados na legenda que irão concorrer ao pleito eleitoral.

O deputado estadual Raimundo Cutrim, atualmente sem partido, deve oficialmente deixar a base de apoio do governo Roseana Sarney (PMDB) e se filiar no PCdoB. O principal motivo da saída de Cutrim são as sucessivas “brigas” com o seu substituto na Secretária de Segurança do Maranhão, Aluísio Mendes.

Será a terceira legenda de Cutrim somente neste atual mandato. O parlamentar foi eleito pelo DEM, posteriormente trocou o Democratas pelo PSD e deixou a legenda em junho.

A filiação de Cutrim no PCdoB deve acontecer na semana que vem, muito provavelmente na segunda-feira (9).

yglesioeeliziane

Já o médico, professor universitário e ex-diretor do Hospital Socorrão I, Yglesio Moyses, deve trocar de legenda. A tendência é que ele troque o PT, seu atual partido, pelo PPS.

Yglesio Moyses recebeu o convite para ingressar no PPS da própria presidente da legenda no Maranhão, a deputada estadual Eliziane Gama. Os dois estiveram reunidos na última segunda-feira (02) na Assembleia Legislativa.

Como Eliziane já confirmou que não disputará mais a reeleição para deputada estadual e deve ser candidata ao Governo do Maranhão, a ideia é reforçar o partido para que possa permanecer com a mesma representatividade no legislativo estadual.

Yglesio Moyses ainda não aceitou oficialmente o convite, mas assegurou que vê com muito bons olhos a candidatura de Eliziane Gama, pois seria uma 3ª via para o Maranhão, saindo assim da dicotomia Sarney e Anti-Sarney.

E as mudanças fatalmente não param por ai.

1 comentário »