Washington confiante

0comentário

tituloO vice-governador Washington Luiz Oliveira recebeu, nesta sexta-feira (8), da Câmara de Vereadores de Trizidela do Vale o título de cidadão honorário do município.

Em entrevista ao Blog do Robert Lobato, o líder petista deu duas declarações importantes sobre o momento político atual.

A primeira foi em relação ao Processo de Eleição Direta do PT (PED/PT), que acontece no próximo domingo (10). Washington garante que o seu grupo está animado e motivado para vencer o PED já no primeiro turno.

Segundo o vice-governador, o clima é muito bom e favorável para que o seu candidato a presidente, Raimundo Monteiro, seja reeleito já neste final de semana.

“Estou usando toda a minha capacidade política, intelectual e de articulação para mobilizar o nosso exército de militantes e vencer o PED no primeiro turno e reeleger o companheiro Monteiro neste domingo. O clima de animação é grande e muito favorável à nossa chapa. Estamos caminhado para repactuar o nosso partido e superar este quadro de guerra interna que por vinte anos tem enfraquecido o PT no Maranhão”, disse o vice-governador.

A outra declaração relevante de Washington dada ao blog foi em relação ao seu futuro político.

O petista afirmou que após o resultado do PED irá reunir com os seus companheiros, com a nova direção do partido, com o presidente nacional Rui Falcão e avaliar qual será o melhor caminho a ser seguido, ou seja, ficar no cargo de vice-governador até o final do mandato ou ser candidato a algum cargo eletivo em 2014.

“Após a nossa vitória no PED irei me reunir com os meus companheiros, com a nova direção estadual e com o presidente Rui Falcão, que será reeleito no domingo, e definir qual será a melhor decisão sobre o nosso futuro político, se permanecer no cargo de vice-governador até o fim do mandato ou se uma candidatura a cargo eletivo em 2014. Estou à disposição do partido para aquile projeto que melhor para o conjunto do PT”, disse.

Sobre o TCE, o vice-governador foi curto e direto: “Nunca fui procurado pela governadora ou qualquer agente do governo para tratar sobre TCE”.

Leia mais

Sem comentário para "Washington confiante"


deixe seu comentário