Acordo na UFMA

0comentário

natalino

O Ministério Público Federal no Maranhão (MPF/MA) realizou, na tarde desta quinta-feira (5), reunião com representantes da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e estudantes sobre a situação das residências estudantis. Por intermédio do MPF, as partes chegaram a um acordo no qual a universidade se comprometeu a atender às reivindicações dos estudantes e à implantar a residência universitária no prédio já construído dentro do campus para esta finalidade, caso haja manifestações favoráveis do Ministério da Educação (MEC) e da AGU e viabilidade financeira. Após o acordo ser firmado, os estudantes concordaram em encerrar os protestos.

A UFMA também concordou com a implantação de um sistema de inscrição para moradia estudantil, com inscrições abertas durante todo o ano e, também, a manter os serviços de conservação do local, em caráter permanente. O passo seguinte será a manifestação do Ministério da Educação (MEC) e da Procuradoria da UFMA sobre a viabilidade da ocupação do prédio do campus, e a realização de uma vistoria com a participação dos estudantes interessados e de engenheiro civil, a fim de apresentar os custos necessários à adaptação do imóvel para moradia.

Para o procurador da República Alexandre Soares “foi possível atender aos interesse dos estudantes e da universidade e o principal protagonista dessa conciliação foram os estudantes”, afirmou.

sem comentário »

Sampaio vence clássico

63comentários

classicoO favoritismo era enorme, mesmo sendo num clássico contra o seu maior rival e o Sampaio não deu mole, venceu o jogo por 3 a 1, no Castelão, deu férias antecipada ao Moto e segue absoluto rumo à conquista da vaga para a Copa do Brasil em 2014.  O Tricolor que já venceu o primeiro turno vai à semifinal do returno e se vencer será campeão direto.

14.518 torcedores foram ao Castelão. 3.595 pagaram ingresso. 10.556 com o ingresso do Viva Nota. A renda somou R$ 62.130,00.

Numa partida que teve dois tempos distintos, o Sampaio soube aproveitar muito bem as falhas individuais do Moto nos dois primeiros gols, abriu 2 a 0 no placar e a partir daí deixou por conta da sua torcida nas arquibancadas.

Airton num belo chute de fora da área fez 1 a 0 logo no início do primeiro tempo. O segundo gol saiu aos 36 minutos num vacilo do lateral-direito Ricardinho, Edgar ficou com a bola invadiu a área e chutou sem chance para o goleiro Pablo.

O Moto voltou do intervalo para o tudo ou nada. Com a entrada de Henrique, o time criou várias oportunidades. Numa delas, Henrique ganha a bola e passa para Felibe que bate sem chance para Raniere: 2 a 1.

Com o gol, o Moto se animou e foi com tudo para cima do Sampaio que continuava jogando em cima dos erros do time rubro-negro. Num lance incrível, Edgar sozinho, debaixo do gol conseguiu chutar para fora. Em seguida, o atacante Roni, livre perderia a chance de empatar para o Moto.

Quase no fim do jogo, o Sampaio ataca, Júnior Chicão divide com Bebeto, a bola sobra para Cleitinho que dribla três adversários antes de chutar e fazer um golaço: 3 a 1 para o Sampaio. E um gol digno dos grandes jogos.

Com o resultado, o Sampaio garantiu a primeira colocação no seu grupo e vai enfrentar Balsas. A outra semifinal será entre Bacabal e Maranhão. Os jogos de ida serão disputados no domingo, no interior.

Vandalismo

A nota triste da partida foi o ato de vandalismo praticado por um “torcedor” do Moto que arrancou uma cadeira no setor 1 e arremessou em direção aos jogadores do Sampaio que desciam para o vestiário. Ninguém foi atingido. Vale o registro do ato de vandalismo.

63 comentários »

Jucema é premiada

0comentário

suelinefernandesA Junta Comercial do Estado do Maranhão (Jucema) está entre as melhores organizações públicas do Maranhão. O título de “Melhor Instituição Pública do Maranhão no ciclo 2013” (categoria Adesa Bronze) foi dado durante o prêmio “Melhores do Maranhão” realizado nesta quinta-feira (5) pelo Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização (GesPública), em parceria com o Núcleo de Excelência Pública do Maranhão (NEP-MA).

Para a presidente da Jucema, Sueline Moraes Fernandes, o reconhecimento comprova o cuidado e o esforço permanentes da Junta Comercial com uma gestão de qualidade, destacando a importância do órgão para a sociedade maranhense e sua contribuição para transformar a sociedade por meio de uma cultura de excelência.

“Imensa é a nossa alegria em receber este reconhecimento pelo programa GesPública. Satisfação maior ainda é comprovar que a conquista de hoje confirma que estamos no caminho certo, pois a adesão da Junta Comercial do Estado do Maranhão ao Programa de Excelência na Gestão Pública é um referencial que possibilita otimizar recursos, obter melhores resultados, atender bem os clientes, ou seja, estabelecer um círculo virtuoso onde todos se beneficiam”, reforçou a presidente.

sem comentário »

Noite de bolero

0comentário

trio

Para  relembrar os bons e velhos momentos dourados dos anos 60, 70 e 80 a Pororoca Produções criou o Projeto Música de Época que trará para São Luís grandes nomes da Música Romântica Brasileira.

No dia 14 de dezembro, inaugurando o Espaço Noir (antiga Flamingo) a atração será o Trio Irakitan, um conjunto vocal e instrumental, criado em 1950 por Edson Reis de França, o Edinho, Paulo Gilvan e por João da Costa Neto, o Joãozinho. interpretando os melhores boleros dos anos dourados.

Uma festa para reunir os amantes a moda antiga até porque o amor nunca saiu de moda e dançar faz um bem danado.

sem comentário »

Lisboa deixa UTI

1comentário

lisboa051213

1 comentário »

Futebol em debate

2comentários

audiencia

A comissão especial que analisa o projeto de lei do Programa de Fortalecimento dos Esportes Olímpicos (Proforte – PL 6753/13) realizou nesta quarta-feira (4) audiência pública com representantes dos clubes de futebol das séries B, C e D. Para os deputados integrantes da comissão, esses clubes são os principais prejudicados com a má gestão financeira de entidades desportivas.

O Proforte prevê incentivos para entidades esportivas atuarem na formação de atletas olímpicos. Entre as medidas previstas estão a recuperação de créditos tributários com a União e o parcelamento em até 240 prestações das dívidas tributárias federais das entidades que aderirem ao programa, com redução de multas e encargos.

Oficialmente, a dívida tributária dos clubes chega a R$ 3,5 bilhões, a maior parte com o INSS e a Receita Federal. Quando incluídos outros passivos trabalhistas, como FGTS, a estimativa é de que a dívida total suba para quase R$ 5 bilhões.

A troca de 90% de parte da dívida dos clubes de futebol pela formação de atletas foi um dos destaques da reunião. Depois de consolidada a dívida, a proposta concede um desconto de 40% sobre multas e juros. O restante poderá ser parcelado da seguinte forma: 10% deverão ser pagos em dinheiro, em 240 meses; e os demais 90% pagos com certificados do Tesouro. São esses certificados que os clubes podem obter por meio do oferecimento de bolsas de formação de atletas ou por meio de investimentos em infraestrutura.

romarioO deputado Romário (PSB/RJ) discorda dessa troca da dívida por formação de atletas e sugeriu que a comissão encontre outros caminhos para ajudar os clubes.

“Eu sou totalmente contra qualquer tipo de anistia, de perdão. Eu acredito que nós aqui dessa comissão, junto com o governo federal, temos que encontrar fórmulas. Por exemplo, Timemania e, quem sabe, também a própria Mega-Sena, e que eles possam cumprir aquilo que está dentro da lei em relação aos seus clubes e através desse recebimento possa a vir a ser uma forma de esses clubes pagarem 100% das suas dívidas.”

Já o presidente do Botafogo de Ribeirão Preto, Gustavo Assed, defende a manutenção do abatimento de 90% da dívida.

“Para que o clube invista o dinheiro dele, que já é parco, que já é restrito, em formação de atletas olímpicos, ele precisa de uma contrapartida. Pelo menos conseguindo abater um débito que ele agora tem. Então, se você deixar 100% de refinanciamento para o clube pagar, o clube não vai ter saúde financeira alguma para poder investir em esporte olímpico.”

Além da reestruturação das dívidas, os representantes dos clubes da séries B, C e D defenderam a discussão de pontos como a revisão da Timemania que, conforme sustentam, não cumpriu seu papel de ajudar o futebol. Os dirigentes também sugeriram uma regulamentação para a atuação dos empresários dos atletas e reclamaram das ações trabalhistas e do calendário.

Segundo o representante do Paraná Clube, Giovani Linke, muitos times do interior do estado têm calendário de apenas três meses, deixando a estrutura ociosa durante o resto do ano.

O deputado Vicente Cândido (PT/SP) participou ativamente da elaboração do Proforte e é autor do requerimento para a audiência. Ele observa que novos encontros com dirigentes dos clubes estão previstos e avalia que o País não pode perder o momento de reformular o futebol.

“Passar pela Copa do Mundo, passar pelas Olimpíadas e não deixar legados e materiais, nós podemos pagar muito caro por isso depois. Essa é uma primeira etapa do debate, tem que entrar televisão, tem que entrar Lei Pelé e um monte de outros debates, mas vamos aqui um por vez para que a gente possa dar conta de pelos menos algumas tarefas que, neste momento, são mais prioritárias.”

A Comissão Especial do Proforte tem nova reunião marcada para a próxima terça-feira (10). Foram convidados para o debate representantes do movimento Bom Senso FC, que conta com a participação de mais de mil jogadores e defende, entre outras coisas, a diminuição da quantidade de jogos por temporada.

Gardênia Maciel, com informações da Agência Câmara

2 comentários »

Expansão do INSS

0comentário

gastaovieiraOs municípios maranhenses de Itapecuru-Mirim e São João dos Patos foram contemplados com o Plano de Expansão da Rede do Atendimento da Previdência Social. A instalação das Agências do INSS nas duas cidades, anunciada esta semana pelo ministro da Previdência Social Garibaldi Alves, é o resultado de emendas parlamentares do então Deputado Federal, Gastão Vieira (PMDB).

“Temos trabalhado em diversas frentes para levar benefícios ao Maranhão. Como ministro, tenho mantido contato constante com representantes dos ministérios da Educação e do Esporte, por exemplo, para ampliar a rede de creches e construir centros poliesportivos”, comentou Vieira.

A instalação das novas agências dará mais comodidade para a população dos municípios, que não terá de se deslocar para outras cidades para conseguir os benefícios que tem direito. Agora cabe às prefeituras adotar as medidas necessárias como a liberação do terreno para a implantação das agências. Em agosto deste ano, o INSS inaugurou uma Agência em Barreirinhas.

sem comentário »

Sem definição

1comentário

rubensjrO líder da oposição na Assembleia Legislativa, deputado Rubens Pereira Júnior (PCdoB), ampliou a polêmica que envolve o seu partido e o PDT – presidido no Maranhão pelo deputado federal Weverton Rocha – em torno da vaga de candidato a vice-governador na chapa do comunista Flávio Dino, em 2014. Ele afirmou que nada está definido em relação ao espaço, oferecido pelo próprio Dino aos pedetistas, ainda em 2012 – em acordo já confirmado pelos líderes dos partidos que compuseram a coligação que elegeu Edivaldo Holanda Júnior (PTC) prefeito de São Luís no ano passado.

Para Rubens Júnior, a composição política que agora se desenha não permite que haja uma questão fechada na oposição em torno do partido que formará a chapa majoritária com Dino.

“Quem decidirá a respeito da vaga de vice será a oposição como um todo, de forma conjunta. Não será nem Flávio Dino nem o PCdoB isoladamente. Por enquanto nada está definido, esta é uma discussão que deve acontecer somente em 2014”, afirmou.

De acordo com o comunista, o fato de ter ocorrido um indicativo em 2012 de que o espaço poderia ser ocupado pelo PDT, não necessariamente garante ao partido a vaga. “Acho legítimo o PDT reivindicar espaço para indicar o vice. No entanto, a conjuntura deverá ser levada em consideração. Em 2012, o cenário era um e abrangia apenas quatro partidos no apoio a Flávio [PCdoB, PDT, PTC e PSB]. Hoje a conjuntura é um pouco maior: já são sete. Outros partidos como o PSDB e o Solidariedade (SDD), por exemplo, que têm tempo de televisão e legenda, estão chegando e também dispõem de legitimidade para reivindicar os seus espaços. Faz parte do jogo político e da democracia com a qual as coisas são tratadas na oposição”, afirmou.

O posicionamento de Rubens Júnior, que já envolve até questões técnicas em relação ao processo de composição de chapa, mostra claramente que o PCdoB não pretende mesmo ceder espaço de vice para o PDT na chapa majoritária.

wevertonrochaAcordo – No início do ano, o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, afirmou em São Luís que não aceitaria ficar de fora da composição da chapa de Flávio Dino. Num encontro regional da legenda, ele disse que caso o acordo firmado ainda em 2012 fosse quebrado, o PDT lançaria candidatura própria.

O presidente estadual da sigla, Weverton Rocha, também já se manifestou no mesmo sentido. Weverton, no entanto, evita entrar em conflito com Flávio.

O acordo de Flávio Dino com o PDT também já foi confirmado pelo vice-prefeito de São Luís, Roberto Rocha (PSB) – que, à época, teve a garantia de ser o candidato a senador – e pelo próprio prefeito Edivaldo Júnior.

No último fim de semana, Edivaldo Holanda Júnior (PTC) voltou a falar sobre o acordo que garante o vice ao PDT. Ele participava de um evento do seu partido político, quando citou o acordo com Flávio e assegurou que apoiará o PDT para a indicação do candidato a vice-governador na chapa dinista.

Dois dias depois, o próprio presidnete regional do PCdoB, Márcio Jerry, também referiu-se ao acordo com o PDT, mas tentou justificar que tal acordo valeu apenas para 2012.

No mesmo dia, a deputada Gardenia Castelo (PSDB) revelou, em entrevista à imprensa, que a vaga já havia sido oferecida pelo próprio Dino ao seu partido, o PSDB.

Flávio Dino jamais admitiu publicamente o acordo com o PDT em 2012.

O Estado

1 comentário »

Ladrão no Castelão

0comentário

ladrão-castelão

Muita coisa ainda precisa ser feita no Castelão até o estádio ficar totalmente 100%. Mas muito que já foi feito precisa ser preservado.

Infelizmente, tem muita gente que não quer nem saber do patrimônio público e tenta se aproveitar de tudo como este homem que foi preso pela Força Nacional, na segunda-feira roubando fios de cobres nas marquises.

É necessário o reforço na segurança no Castelão ou do contrário o que é feito hoje precisa logo ser reparado no dia seguinte.

Foto: Biaman Prado

sem comentário »

Novo modelo

13comentários

O secretário de Saúde, Ricardo Murad confirmou que a empresa maranhense vai assumir a gestão de todos os hospitais do estado.

A empresa será a Hospitalar. Um concurso no Facebook para escolha da logomarca já foi lançado.

 
ricardomurad

marcas

13 comentários »