Polêmica do Réveillon

13comentários

O músico Luiz Júnior abriu uma discussão interessante em rede social.

Ele classificou de “porcaria” a programação do Réveillon divulgada pelo governo do Estado.

saoluis
E exclui apenas o Bicho Terra e a cantora Alcione, representantes maranhenses na programação. A crítica é pelo fato da presença de Latino e da dupla sertaneja César Menotti e Fabiano.

Júnior cita a programação do Réveillon, em Belém com artistas paraenses… Tem até forrozão na terra do calipso.

belem

E o de Recife, onde o Titãs será atração…

recife

Ora bolas, Recife pode levar Titãs e o Maranhão não pode ter nenhum outro artista de fora, seja ele qual for?

O exemplo de Recife só reforça o modelo daqui. Se num cenário multicultural, o rock tem vez na terra do frevo, porque outros ritmos não teriam lugar aqui também?

Fica a discussão no ar…

13 comentários para "Polêmica do Réveillon"


  1. Pedrão

    Mas esse Zeca Soares não tem noção do ridículo mesmo. O cara faz de tudo pra puxar o saco e defender a famiglia… Até tentar justificar a contratação de LATINO e CESAR MENOTTI E FABIANO como atrações principais do nosso reveillon. Atrações de baixo nível, uma supervalorização da música ruim, mas que VENDE. E assim se perpetua a enganação no Maranhão. O povão se diverte de graça com a música ridícula dessas duas atrações e o governo leva o crédito e ainda leva um “por fora” também.
    Nojo dessa corja que governa esse Estado e dessa cambada de puxa saco. Esse estado não vai sair dessa miséria enquanto essa geração podre não morrer.

    • Zeca Soares

      Não defendi ninguém, apenas acho que todo artista merece respeito. O internauta também desde que respeite. Senão posso lhe tratar e dizer as mesmas coisas de você, mas não vou baixar o nível.

  2. Ubiratan Sousa

    A INFORMAÇÃO SOBRE O RÉVEILLON DE RECIFE ESTÁ INCOMPLETA. DOS 24 PARTICIPANTES , SÓ O TITÃS É DE FORA , OS 23 RESTANTES SÃO PERNAMBUCANOS , E ESTE FATO MUDA A CONOTAÇÃO DE AVALIAÇÃO.SUGIRO AO INFORMANTE E AO BLOGUEIRO UMA MELHOR CAPACITAÇÃO NA BUSCA E PRECISÃO DA INFORMAÇÃO PARA DIGNIFICAR ESTA TERRA TÃO RICA CULTURALMENTE ,APESAR DOS PESARES…

    • Jailton Sodré

      Rapaz, no post do Luiz Jr. no face, tem todas as atrações das duas cidades, portanto, é bom observar bem o assunto e ler os post`s por inteiro antes de afirmar alguma coisa!
      não adianta pegar só um trecho de uma postagem no face pra poder argumentar, já diz o ditado, texto sem contexto é pretexto!!
      volto a dizer!
      Sou a favor de que haja investimento na cultura local independente do estilo musical, mas, que seja um investimento em que traga agregação de valores para a sociedade.
      Temos uma cultura rica e diferenciada!!

  3. Violonista Luiz Júnior

    Pode ter certeza Marcos, que já assisti muitos reveillons acontecerem como mero espectador e admirador da música produzida no maranhão. E ficaria muito feliz em ver meus amigos trabalhando e mostrando seus trabalhos dignamente sem minha presença no palco. Até porque, temos grandes arranjadores e intrumentistas que precisam de oportunidade para mostrar seus trabalhos. Meto minha cara a tapa, sem medo de ser limado e falo o que penso. E repito a classe artística clama por projetos que realmente valorizem seus trabalhos e faça com que nossa cultura seja respeitada. Um feliz 2014 e que nossos sonhos se concretizem e não passem mais por mera ilusão!!!

  4. Francisco Batalha

    Zeca concordo com o mestre Luis Junior, trazer Lantindo, me compre um Bode, e me dê o troco de Cabra.

  5. Marcelo

    Quer comparar a qualidade de Titãs e Latino? Programação ridícula mesmo.

    • Zeca Soares

      Não fiz comparação nenhuma. Apenas acho que se o rock por rolar solto na terra do frevo porque aqui é diferente só para criticar quem está realizando a festa.

  6. Marcos

    ISSO AÍ É DOR DE COTOVELO PORQUE NÃO VAI TOCAR E GANHAR A GRANA DO GGOVERNO.

    • Sebastiao Maia

      Quanto a gosto musical eu não falo nada, o gosto musical da Governadora do Estado Roseana Sarney Murad assim como seu governo j se demonstraram de muito mal gosto, porém, isso respeito… Agora eu queria que tu divulgasse quanto o Governo do Estado está gastando com essas atrações “alienígenas”? Isso pra mim sempre cheirou lavagem de d… A empresa produtora não é a Bacanga, Marafolia?

    • LCF

      Ninguem está errado a meu ver. O Governo e a Prefeitura podem escolher quem eles quiserem para tocar no Reveillon, Carnaval, etc. O problema é outro: Historicamente os artistas (existem exceções) do Maranhão e de vários outros estados (todas as artes, não só a musica) se acomodaram e ainda se acomodam a esperar pelo poder público cuidarem de suas carreiras. Uns vestem a camisa e defendem publicamente o governo e a prefeitura, outros não defendem e nem participam do bolo, e existem aquele que as vezes estão a favor, outras vezes estão brigados com as autoridades, a ‘nigrinhagem de sempre da cultura maranhense’. Eu defendo aqueles que procuram uma forma independente e sustentável de fazer sua arte, se organizando em grupos ou cooperativas artísticas, mas sem aquele viés de apadrinhagem ou assistencialismo ou panelinhas, modelos perniciosos comuns por aqui. Se todos os cantores maranhenses se mobilizassem com bastante antecedencia, criassem um projeto sustentável que contemplasse shows em vários locais da cidade. com musicos de várias vertentes e gerações e incluindo também a cultura popular, e que culminasse em um grande show neste dia de hoje, com certeza este projeto seria aprovado pelas Leis e passaria com facilidade nos Editais de Cultura locais e consequentemente seriam apoiados financeiramente, à exemplo do que a Cemar fez neste ano de 2013 com alguma produções locais. Mas o que acontece é ao contrário, várias vezes testemunhei o governo e a prefeitura chamar sempre os mesmos diretores e produtores musicais e estes contratarem os mesmos musicos de sua panela de preferencia, deixando de fora muita gente boa, por não serem amigos ou pertencerem ao esquema deles. Não adianta criticar então um modelo que eles mesmos cultivam, o de exclusão e de preferencia pessoal. Tambem sou a favor que se contratassem mais atrações locais do que nacionais, mas de forma mais criteriosa e inclusiva. Feliz Ano Novo e vamos tocar e produzir gente, ao invés de só criticar!

    • Jailton Sodré

      RAPAH!! acho que a grana que estão usando pra trazer gente de fora, seria melhor se fosse investida nos artistas locais.
      e se tiver de gastar com atrações de fora, que seja com artistas que possuam uma bagagem musical que contribua para nossa cidade de maneira a agregar valores!
      independente do estilo musical.
      mas… Latino??? ahh, como disse meu brother acima, me compre um bode…
      temos melhores músicos e artistas aki no MA!
      O lixo cultural tá mesmo dominando a sociedade!!

  7. ele ta certo mesmo, sertanojo e latino é ridículo

deixe seu comentário