Vida e Esporte

7comentários

criancasA Prefeitura de São Luís, através da Secretaria de Desporto e Lazer (Semdel), apoia o Projeto Vida e Esporte, iniciativa do Instituto de Desenvolvimento e Expansão Social (IDES) que propõe a crianças e adolescentes  um novo estilo de vida com ênfase no esporte. Uma das ações do projeto foi realizada na tarde desta terça-feira (01), no Vicente Fialho, com a apresentação de palestras e incentivo à prática esportiva.

A parceria oferece prática esportiva através do futebol para jovens do  Projeto Movimento e Resgate do Vicente Fialho em situação de vulnerabilidade, desenvolvendo o lado humano e social dos garotos. A intenção da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior é contribuir para a redução da marginalidade e fomentar qualidade de vida dos atletas. “A Prefeitura está trabalhando para que o índice de violência diminua em São Luís. Trabalhar estes jovens desde cedo para conscientizá-los dos riscos que as drogas proporcionam é importante, pois estamos trabalhando na prevenção desse problema” declarou o Secretário Municipal de Desporto e Lazer, Raimundo Penha.

“O objetivo é mostrar a esses garotos que a droga é responsável pela perda de muitas oportunidades na vida. A droga é ilusória e, na idade deles, isto é muito perigoso. Atividades como essa mostram que uma vida longe as drogas é bem mais produtiva. O futebol é uma maneira de reuni-los e afastá-los do caminho errado”, destacou o instrutor do Projeto Movimento e Resgate do bairro do Vicente Fialho, Sérgio Joves.

Os jovens atletas também assistiram à palestra da representante do Ides, Clarinda Freire. A profissional mostrou aos meninos os malefícios causados pelo uso das drogas e a importância da prática esportiva para fugir dos entorpecentes. Clarinda mostrou ainda exemplos de jogadores bem sucedidos e que viveram em ambientes adversos como o caso do zagueiro da Seleção Brasileira, David Luiz.

Além do Vicente Fialho, as escolinhas do Coqueiro, Areinha, São Francisco, Santa Cruz e Bequimão também já foram beneficiadas pelo projeto.

7 comentários »

Tema do dia na Assembleia

5comentários

robertocostaApós discursos ludibriados de parlamentares oposicionistas que utilizaram o dia 1º de abril para criticar o atual Governo do Estado, o deputado estadual Roberto Costa (PMDB) usou a tribuna da Assembleia Legislativa para rebater as acusações e elencar as mentiras prometidas durante a campanha do atual prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, que nunca foram cumpridas.

“É 1º de abril, dia da mentira. Começaram hoje elencando aqui várias mentiras ditas por vocês, dos outros, mas as mentiras que vocês pregaram, continuam pregando na questão da reforma, da mudança, tudo continua da mesma forma e com agravantes; piorando, diga-se de passagem, outro dia o deputado Neto Evangelista fez um discurso, onde dizia: ‘A única coisa que existe nessa cidade, foi o que administração passada deixou’, porque nada de novo, nenhuma mudança, nada de novo foi feito nessa cidade. Então, senhores deputados, no dia da mentira, eu lhes presenteio com as mentiras que vocês pregaram nesta cidade, e enganaram a população de São Luís”, argumentou Roberto Costa.

Segundo Costa, os governos de oposição, que tiveram a oportunidade de realizar a tão pregada ‘mudança’, nada fizeram, e tentaram enganar mais uma vez a população com os discursos de atual prefeito de São Luís. “Todos foram para a televisão enganar a população. E, aqui, para cada deputado de oposição, eu quero dar aqui umas mentiras em nome deles, porque eles esquecem a quantidade de mentiras que pregaram nesta cidade, inclusive pregando discurso da mudança com o prefeito atual, que foi a maior mentira existente hoje no nosso Estado”, pontuou.

O parlamentar enumerou diversas promessas feitas por Edivaldo Holanda Junior durante sua campanha eleitoral, em 2012, que até o momento, nada foi cumprindo e nem sequer incluídas nas ações a serem desenvolvidas pela prefeitura de São Luís.

“E aí eu pergunto, deputados de oposição, cadê aquela mentira que vocês pregaram com prefeito do bilhete único? O bilhete único que, até hoje, a população espera, os estudantes dessa cidade clamam. O novo hospital que tanto se pregou na campanha do prefeito. Cadê a recuperação das nossas ruas, das nossas avenidas? Porque o que se vê, até hoje, é só buraco. Cadê a merenda escolar de qualidade, deputados? Porque o que pregaram, naquele espetáculo que fizeram, era dizendo que as crianças de São Luís teriam merenda de qualidade e o que tiveram foi café com farinha. Cadê a continuidade do VLT? Diziam que iam acabar com as filas nos Socorrões. E o que vocês estão vendo hoje e eu convido a todos vocês para que a gente saia daqui e visite o Socorrão, e veja a situação trágica que se encontra a população da cidade sendo atendido naquele hospital. Meus amigos a área Itaqui Bacanga, a Cohab até hoje esperam pelas sub prefeituras prometidas na Campanha Cadê?”, apontou Roberto Costa.

5 comentários »

Ônibus voltam a circular à noite

2comentários

onibus2

Os ônibus voltam a circular normalmente hoje à noite em São Luís. O anúncio da suspensão do movimento iniciado na última sexta-feira foi feito agora há pouco pelo Sindicato dos Rodoviários, após reunião com o Comando da Polícia Militar do Maranhão.

Segundo os rodoviários, a Polícia Militar apresentou garantias de segurança aos trabalhadores no sistema de coletivos.

Por determinação do Comando Geral da Polícia Militar do Maranhão, desde o último sábado, a Ronda Ostensiva Tático Móvel (Rotam), que atua no combate a assaltos a ônibus, sequestros relâmpagos e “saidinhas bancárias”, passou a dar segurança também aos usuários dos Terminais de Integração de São Luís.

Além dos Terminais de Integração, os 80 policiais da Rotam atuam nas principais avenidas da cidade, como Holandeses, Guajajaras, Africanos, Portugueses, Getúlio Vargas, Daniel de La Touche, Marechal Castelo Branco, entre outras, como também nos bairros.

2 comentários »

O efeito da incoerência do coronel Melo

0comentário

cel_meloO coronel Francisco Melo, se usasse de coerência e seguisse o pensamento que tinha em janeiro de 2009, quando era comandante da Polícia Militar do Maranhão (PMMA), jamais teria sido preso por indisciplina, como ocorreu nesta terça-feira (1º), na Câmara Municipal, onde um pequeno grupo de PMs segue paralisado.

Seis anos atrás, em 16 de janeiro de 2009, quando havia ameaça de os policiais sob seu comando deflagrarem greve, Melo declarou ao jornal Meio Norte: “A Constituição proíbe a greve e a sindicalização dos militares. Inclusive, isso está no próprio Estatuto da Polícia Militar”. A íntegra do texto pode ser conferida aqui.

Ao site PortalAZ, também em 16 de janeiro de 2009, Melo descartou a possibilidade. O texto (disponível em http://www.portalaz.com.br/noticia/maranhao/128352) afirma:

“O coronel Melo foi enfático ao frisar que não há descontentamento na corporação nem motivo para greve na Polícia Militar. ‘Até porque a Polícia Militar é formada por homens e mulheres profissionais, que têm consciência de suas responsabilidades, dos deveres e do compromisso que assumiram antes de vir para cá’, declarou o comandante geral da PM”.

Nessa época, a visão de Melo era bem outra sobre o movimento de seus subordinados. O coronel também era visto com outros olhos pela tropa. Os policiais o consideravam arbitrário, com rejeição de 90% dos homens. Um dos motivos era que não cumpria o direito garantido em lei de 48 horas de folga.

Vale lembrar que, às vésperas da eleição de 2012, ele também tentou angariar votos liderando um movimento grevista dos policiais, com o mesmo discurso e as mesmas práticas. Não deu muito certo.

Candidato a prefeito de Imperatriz pelo PSOL, Melo teve um desempenho pífio e obteve nas urnas míseros 691 votos, segundo dados da Justiça Eleitoral.

A história se repete agora. Na tentativa de ganhar holofotes, Melo lidera um movimento ilegítimo, que é político e não obtém a adesão esperada nem de militares nem da população.

sem comentário »

CCJ aprova plebiscito em municípios

0comentário

jotapinto

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) aprovou, na manhã desta terça-feira (1º), o Projeto de Decreto Legislativo nº 002/2014, de autoria da deputada Valéria Macedo (PDT), que dispõe sobre consulta plebiscitária aos municípios de João Lisboa, Senador La Rocque e Buritirana, acerca de desmembramento e anexação de povoados e assentamentos e dá outras providências.

O Projeto de Decreto Legislativo, que teve como relator o deputado Manoel Ribeiro (PTB), prevê no Artigo 1º que o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Maranhão realizará consulta plebiscitária aos eleitores dos municípios de Senador La Rocque e Buritirana, no sentido de saber se estes aceitam ou não o desmembramento legal dos territórios dos povoados Tabuleirão I, Centro dos Machados, Açaizal Grande, Cajá Branca, Olho d´Água, Jenipapo, Novo Horizonte e Parsonda do município de Buritirana, e a anexação legal destes ao município de Senador La Rocque.

O projeto aprovado pela CCJ prevê, no Artigo 2º, que o Tribunal Regional Eleitoral realizará consulta plebiscitária aos eleitores dos municípios de Senador La Rocque e João Lisboa, no sentido de saber se estes aceitam ou não o desmembramento legal dos territórios dos povoados Arapari, Centro do Zezinho, Centro do Toinho, e dos projetos de assentamento Pingo de Ouro, Lagoa da Cigana, Alvorada I e Alvorada III de João Lisboa e a anexação legal destes ao município de Senador La Rocque.

A reunião da manhã desta terça-feira contou com a presença do presidente da CCJ, deputado Jota Pinto (PEN), e dos deputados Manoel Ribeiro (PTB), Othelino Neto (PCdoB), Rigo Teles (PV), Stênio Rezende (PRTB) e Francisca Primo (PT).

sem comentário »

Coronel Melo é preso por indisciplina

0comentário

coronel-meloO coronel da Polícia Militar do Maranhão Francisco Melo foi detido por indisciplina na manhã desta terça-feira (1°), em São Luís, segundo o Comando da PM. Ele foi levado para o Quartel da Polícia Militar, onde deve ficar detido por três dias em pronta interdição.

Melo foi detido durante uma manifestação realizada por um grupo de policiais militares na Avenida Beira-Mar, próximo ao Terminal da Praia Grande. Os manifestantes deram as mãos e impediram a passagem dos carros durante alguns minutos.

Ex-comandante da PM, o coronel é apontado como um dos organizadores do movimento paredista que ocupa o estacionamento da Câmera Municipal de São Luís desde o dia 26 de março. O grupo reivindica reajuste salarial de 12%, carga horária de 40 horas semanais, aplicação do código de ética e livre promoção.

Leia mais

sem comentário »

Final para aquecer a rivalidade

1comentário

sampaioemotoO assunto de agora em diante é o clássico entre Moto e Sampaio que vai decidir o segundo turno do Campeonato Maranhense. Serão dois jogos com expectativa de grande público para aliviar o caixa dos dois clubes. A tão esperada final entre os dois times de maior torcida no futebol maranhense tem tudo para fechar a competição com chave de ouro e esquentar ainda mais a tivalidade entre rubro-negros e tricolores.

Para o Moto Club, o clássico vale o título do segundo turno e mais dois jogos contra o próprio Sampaio na grande decisão do título Estadual. Para uma equipe cheia de incertezas no início da temporada, chegar a final para o Moto significa a coroação de um trabalho que está no caminho certo.

Para o Sampaio, o título do returno significará a conquista do Estadual 2014. O Tricolor ganhou o primeiro turno na decisão contra o próprio Moto com dois empates. O Sampaio quer liquidar logo a fatura e pensar apenas na Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro Série B.

Embora não gostem de falar em favoritismo, pela estrutura e elenco que possui, o Sampaio tem tudo para conquistar o título do Estadual.

Sampaio e Moto já realizaram três clássicos na temporada e a vantagem aqui é do Moto. Foram dois empates ( 1 a 1 e 2 a 2) e uma vitória do Moto por 1 a 0. O Sampaio ainda não venceu o Moto na temporada. Agora, motenses e bolivianos prometem repetir a dose e devemos ter pelo menos mais dois grandes espetáculos.

O primeiro jogo será nesta quinta-feira, às 20h25, no Estádio Castelão. O segundo jogo será no domingo, às 17h. O Moto tem a melhor campanha neste segundo turno, por isto joga a decisão com a vantagem de dois resultados iguais.

1 comentário »

Pedro Fernandes deixa a Seduc

0comentário

pedrofernandes

Os avanços registrados na Secretaria de Estado de Educação (Seduc) durante 510 dias da gestão do secretário Pedro Fernandes Ribeiro foram apresentados, nesta segunda- feira (31), pelos secretários adjuntos durante um encontro no auditório da Fundação da Memória Republicana Brasileira (FMRB), com sede no Convento das Mercês. Durante o encontro, que teve a participação de técnicos e servidores da administração central da Seduc, gestores das unidades regionais e professores, o secretário foi homenageado por servidores, professores e alunos da rede estadual de ensino em reconhecimento as ações por ele desenvolvidas.

Pedro Fernandes, que deverá deixar o comando da Seduc, nesta quarta-feira (2), para reassumir sua cadeira na Câmara Federal, disse que deixa a secretaria com a sensação do dever cumprido. Segundo ele, o maior legado a ser deixado foi transformar a educação numa política de Estado.

Disse que um dos principais objetivos da política de educação do Estado é a valorização dos profissionais de educação com a aprovação do novo Estatuto do Educador. Frisou que, em respeito aos direitos dos servidores, a superintendência de recursos humanos, somente sua gestão, analisou 261.183 processos.

Durante o encontro, prestigiado pelo presidente do Conselho Estadual de Educação (CEE), José Ribamar Bastos Ramos, e o reitor da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), José Augusto Silva Oliveira, Pedro Fernandes destacou a parceria com as duas instituições na realização de 28 conferências intermunicipais que serviram com alicerce para a construção do Plano Estadual de Educação.

O plano, construído pela Seduc e o Fórum Estadual de Educação, foi reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC), que destacou o trabalho realizado pela secretaria como exemplo para outros Estados. “O plano está pronto para ser analisado pela Assembleia Legislativa e os municípios estão recebendo apoio do Governo do Estado, por meio da Seduc, para a construção de seus planos,” lembrou Fernandes.

Pedro Fernandes citou, também, a implantação das diretrizes curriculares, que está em fase de análise pelos conselheiros do CEE, e que aproxima a administração central da Seduc das escolas para promover educação de qualidade em todos os colégios do Maranhão.

Além do plano, que colocou o Maranhão na vanguarda, outros focos de sua gestão foi melhorar o nível de aprendizagem, universalizar o acesso ao ensino médio, combater o analfabetismo e trabalhar em regime de colaboração entre União, Estado e municípios, que resulte na melhoria dos indicadores educacionais do Estado.

Os secretários adjuntos também apresentaram um balanço de suas ações. Luís Fernando Silva, secretário adjunto de Gestão Institucional da Seduc que deixa o posto atendendo a legislação eleitoral, homenageou a secretária adjunta de Projetos Especiais, Conceição Andrade após lembrar os 50 anos do golpe militar que deu início à ditadura no Brasil, em 1964.

Pedro Barbosa, da Unidade Gestora de Atividade Meio (Ugam), destacou o projeto encaminhado à governadora Roseana Sarney para a realização de concurso público até o final do ano para a contratação de professores e a formação de mais de 13 mil servidores.Também apresentaram suas ações Tadeu Fernando Lima (Regionais de Educação), Consuelo Barbosa (Suporte ao Ensino), Lívio Mendonça (Planejamento) e Leuzinete Pereira (Ensino).

Foto: Lauro Vasconcelos

sem comentário »

Lixão em via pública

5comentários

lixao

Essa imagem do lixão em frente à Unidade Integrada Sagarana II foi feita pelo internauta Antônio Meneses e postada no Facebook.

A cada dia mais lixo é colocado na calçada da Avenida Dom José Delgado, no Caratatiua (entre João Paulo e Alemanha).

Moradores, alunos e pedestres já não suportam mais a situação. E esperam uma resposta da Prefeitura de São Luís.

Nota da Prefeitura

A Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp) informou por meio de nota que não tem conhecimento do acúmulo de lixo na área e que vai enviar um fiscal para averiguar a denúncia. Caso seja constatado o acúmulo de lixo, serão tomadas as providências necessárias para a retirada do material.

5 comentários »

Luis Fernando em São Domingos

0comentário

luisfernando
O secretário de Estado de Infraestrutura, Luis Fernando Silva, assinou ordem de serviço autorizando o início da obra de pavimentação de 4 km de vias urbanas em São Domingos do Maranhão, a 380 km de São Luís. O investimento é da ordem de R$ 1.320.444,20 e contempla os bairros Sombra, Cajueiro, Trizidela, Centro e Alto da Cruz. O ato ocorreu neste domingo (30).

“O Programa de Pavimentação de Vias Urbanas foi criado para melhorar a vida dos maranhenses, facilitando o acesso aos serviços de saúde, educação e segurança. Com a pavimentação o agricultor escoa a produção mais facilmente e o patrimônio dos cidadãos fica mais valorizado”, afirmou o secretário.

Em São Domingos, Luis Fernando Silva detalhou o valor dos recursos que serão investidos no município e fez um pedido para que a população ajude a fiscalizar a obra. “Os engenheiros da Sinfra vão vistoriar a obra, mas quero que os cidadãos exerçam o seu direito de fiscalizar e acompanhar os trabalhos feitos com o dinheiro público”, complementou.

O deputado federal e ex-ministro do Turismo, Gastão Vieira, elogiou a maneira transparente adotada pelo secretário de apresentar os recursos públicos investidos nas cidades. “Parabéns por pedir que o povo fiscalize a obra, isso mostra o compromisso com a população, pois em toda obra pública o dinheiro é do povo. E parabéns aos moradores, que vão ganhar qualidade de vida e dignidade”, ressaltou Gastão Vieira.

“O governo tem contemplado todas as cidades com obras, como esses 4 km em São Domingos, inclusive serviços que eram sonhos antigos da população, como a Estrada do Arroz e a da soja, e a que liga São João do Caru a Bom Jardim, todas já iniciadas”, ressaltou o deputado estadual Antônio Pereira.

Também presentes o deputado estadual Rogério Cafeteira; os prefeitos José Carneiro Filho, o Carneirinho (de Senador Alexandre Costa), Nilton Damasceno (de Graça Aranha) e Juran Carvalho (de Presidente Dutra), além de ex-prefeitos da região.

Foto: Jorge Ribeiro

sem comentário »