Alinhamento no PMDB

2comentários

AndreaMuradDeputados eleitos do PMDB devem alinhar os pensamentos em torno do assunto ‘presidência da AL’. Muitas opiniões vieram à tona após as declarações da eleita Andrea Murad de que o partido precisa ter mais pulso e se opor a candidatura imposta de Humberto Coutinho. “Esta imposição vai deixar de bandeja dois poderes nas mãos de Flávio Dino, o Executivo e o Legislativo”, disse Andrea Murad.

O posicionamento da deputada eleita manifestou opiniões dividas e que precisam ser alinhadas entre os membros do partido. Andrea defende que os deputados devem conversar a respeito, estar mais unidos e decididos quanto o rumo que o PMDB deve tomar a partir de 2015.

“Acredito no diálogo, na união do nosso grupo e percebo que, no momento, está desalinhado. Mas ainda acredito nas relações entre as pessoas como forma de chegar a um entendimento, dando voz e vez a todos, o que é mais justo e correto e não apenas ouvindo uma minoria. Essa desarmonia dentro do próprio grupo foi um dos fatores de termos perdido as eleições”.

Andrea Murad reforçou que não é candidata a presidente da Assembleia Legislativa. “Sei muito bem que os momentos são outros, o governador é outro e as circunstâncias também são outras.  Mas temos uma nova geração na política prestes a assumir, com novos e diferentes pensamentos, que dá mais valor aos seus deputados e não pensa por si só, até porque político não é politico sozinho”.

A deputada eleita disse que não quer ser uma oposição pra ficar calada, “se for assim, eu terei que rever minha situação”. Andrea continua destacando que os partidos que apoiaram Lobão Filho elegeram 29 deputados, que unidos podem conseguir uma Assembleia independente, beneficiando mais o povo do Maranhão. Ao tratar do PMDB, Andrea destacou que “o que acontece em nosso grupo é que poucos são ouvidos, por isso estamos assim tão desalinhados, precisamos nos valorizar mais, valorizar nossa capacidade de realmente fazer uma política diferente e todos precisam ser ouvidos, inclusive os novatos também merecem voz e vez”.

Se votar em Humberto Coutinho para presidente será passar os próximos dois anos atendendo às orientações de Flávio Dino, o PMDB precisa mesmo discutir o assunto. É o que deve acontecer nas próximas semanas.

2 comentários para "Alinhamento no PMDB"


  1. carlos sousa

    Vdd cesar, só foi eleita com voto de cabresto !!!!!!!!!!!!!!!!!

  2. Cesar do Vinhais

    Essa aí não é nem ovo e já quer ser pinto é muita audácia !

deixe seu comentário