Costa Rodrigues

7comentários

CostaRodriguesUma das obras mais esperadas pelos esportistas maranhenses, o Ginásio Costa Rodrigues, foi entregue nesta terça-feira (30) pelo governador Arnaldo Melo. Ao lado dos secretários de Esporte, Joaquim Haickel, e de infraestrutura, Aparício Bandeira, o governador descerrou a placa de inauguração entregando para os maranhenses um espaço moderno que representa o resgate de um ícone da população ludovicense.

A obra foi dividida em duas etapas, a primeira foi de responsabilidade da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel). Já a segunda, da Secretaria de Infraestrutura (Sinfra), que ficou responsável pela parte do acabamento e a conclusão do ginásio, um investimento de R$ 2,5 milhões.

“Estamos entregando a maior praça esportiva de basquete, futebol de salão e voleibol, de tantos anos atrás. Nesta obra foi utilizada uma engenharia moderna e que qualquer time de outro estado se sentira confortável. E é sempre bom agradecer à nossa ex-governadora Roseana Sarney que fez um esforço grande no sentido da conclusão desta obra”, disse o Arnaldo Melo.

O secretário Joaquim Haickel disse que a entrega do ginásio é um marco deste governo. “Quando assumimos a Secretaria de Esporte, nos propusemos a realizar a reinauguração do estádio Castelão, que foi feita, e agora a reinauguração do Ginásio Costa Rodrigues”, disse o secretário que organizou uma partida com os veteranos do basquete maranhense para marcar o evento.

O Ginásio Costa Rodrigues possui, aproximadamente, 2.800 m² de área construída, distribuída entre os três pisos. O térreo abriga rampas – garantindo acessibilidade aos usuários -, áreas de bilheteria, alojamento, além da quadra esportiva e de um memorial, que visa manter viva a história do esporte amador no Estado.

ArnaldoMeloJá o 1º piso abriga a arquibancada, com capacidade para mil espectadores. No espaço, também ficam as salas para associações esportivas. E o 2º e último piso conta com auditório, com capacidade para cerca de 100 pessoas, salas administrativas e área para reunião. O Costa Rodrigues dispõe ainda de área para imprensa, tribuna de honra e salas destinada às federações esportivas.

O secretário de Infraestrutura, Aparício Bandeira, lembrou que o ginásio foi inaugurado há cerca de 50 anos, se tornando um ícone da população ludovicence. “Por aqui passou toda uma geração de esportistas maranhenses e hoje é entregue totalmente reconstruído”, observou o secretário lembrando ainda que a reconstrução do ginásio foi uma prioridade da ex-governadora Roseana Sarney.

Para quem é amador do esporte como o veterano jogador de basquete da seleção maranhense, Carlos Henrique Alves Costa, a entrega do ginásio é um momento de alegria. “Aqui era a nossa casa e ver ela reconstruída nos deixa felizes, pois agora teremos local para treinar, o que não tínhamos”, disse.

O também veterano do basquete, Mario Sampaio, disse que o retorno do Costa Rodrigues para os atletas que tiveram êxitos e vitórias no esporte e para os novos esportistas representa muito. “É um momento muito importante para o esporte maranhense”, completou.

Fotos: Handson Chagas

7 comentários para "Costa Rodrigues"


  1. Após abandono, Costa Rodrigues terá reforma – Zeca Soares

    […] A foto acima ilustra muito bem o abandono de um dos maiores símbolos do esporte amador no Maranhão. No dia 30 de dezembro de 2014, o ginásio foi entregue pelo então secretário Joaquim Haickel. […]

  2. jose carlos silva

    Meu caro Valdemar Neto, o Joaquim Haickel já deixou aprovado na Caixa Economica o projeto e recursos assegurados para todo o mobiliário do Costa Rodrigues, aí incluido as cadeiras. tenha um feliz ano novo.

  3. Rodovia-br226

    Um Ginásio com uma fachada “deste tamanho” só para 1 mil torcedores!!!!??? é brincadeira!!.

  4. VALDEMAR MORAIS NETO

    Ficou bonito demais, mas não foram colocadas cadeiras nas arquibancadas para conforto dos torcedores. Mas isso Marcio Jardim com certeza vai colocar.

  5. Cesar Bolivão

    Esse Joaquim Haicke pensa que é dono do CAstelão e desse Costa Rodrigues é impressionante como os políticos daqui têm um comportamento imperial,isso aí é do povo seu Joaquim e não de uma meia dúzia !

    • Zeca Soares

      Pode até parecer que ele querira ser o dono, mas não acredito. Só quem é apaixonado pelo esporte pode zelar tão bem ao ponto de ser confundido como dono de um espaço público. Joaquim zela por esses espaços públicos porque sabe a importância deles para o esporte. infelizmente quem critica é porque não conhece quanto esses espaõs são importantes para quem milita no esporte.

  6. guerrilheiro

    Acho que até eu vou bater uma bolinha por lá

deixe seu comentário