Parceria no futebol

9comentários

FlavioDInoSempre defendi a realização de parcerias entre o poder público e os clubes de futebol. Não acho correto, os governos destinarem verbas para os times sem uma contrapartida.

Os clubes de futebol são grandes marcas que podem ser exploradas tanto pela iniciativa privada quanto pelo poder público. Assim, os governos não precisariam falar mais em äjuda”e os clubes deixariam de viver eternamente com o “pires na mão”.

Acabo de tomar conhecimento de conversas no Palácio dos Leões no sentido de formalizar parcerias com os clubes que disputam o Campeonato Maranhense. Os clubes seriam canal de divulgação de campanhas do governo e receberiam certa quantia financeira. O governo tem órgãos como Detran, Procon e Caema, por exemplo que prestam serviços que podem ser muito bem explorados por meio de campanhas.

É este modelo que tenho defendido todos esses anos. Com a garantia desses recursos da parceria, os clubes poderão formar grandes elencos e os estádios estarão lotados, mais empregos sendo gerados. E nossas equipes poderão, assim enfrentar de igual para igual, os seus adversários em competições nacionais levando mais longe e melhor a nossa imagem.

O ex-secretário de Desporto e Lazer, Joaquim Haickel fez várias tentativas neste sentido no governo anterior, mas nunca obteve sucesso. Por duas ocasiões conversei sobre o assunto com o atual secretário, Márcio Jardim que se mostrou bastante sensível e preocupado com o future dos nossos times, mas sobretudo com o momento de grande dificuldade neste início de temporada. Clubes como o Moto, por exemplo que agoniza. Até o Sampaio que está em um patamar mais alto passa por grande dificuldade.

Espero realmente que o governador Flávio Dino entenda a necessidade dos nossos times e os primeiros sinais são neste sentido e faço até um desafio maior. Sugiro a exemplo do que foi feito no Carnaval que o Governo do Maranhão una forças com a Prefeitura de São Luís e que o prefeito Edivaldo Holanda Júnior também esteja junto neste jogo. Podem Governo e Prefeitura também trazer a iniciativa privada para reforçar o time em prol do futebol.

O governo tem falado muito em uma agenda positiva do Maranhão e não tenho a menor dúvida de que essa é a pauta mais fácil para se mostrar um Maranhão vencedor lá fora.

Ganha o futebol, ganha o Maranhão!!!

9 comentários para "Parceria no futebol"


  1. Erinaldo moraes

    Sou contra o governo destinar dinheiro a clubes, deveria sim era melhorar campanhas como o nota na mao, em que todos ganhavam, e nao simplesmente estampar o nome na camisa e derramar dinheiro publico em times que sao ou deveriam ser empresas privadas. Acho um absurdo o que a caixa faz destinando milhoes a dezenas de clubes no Brasil, uma coisa é vc fazer a divulgacao de uma acao do detran ou caema, etc na mídia e outra coisa totalmente diferente é divulgar a caema, detran, etc…

  2. César Bolivão

    Eu também discordo do comentário do Francisco Gaglione, pois o futebol pode ser usado com uma boa parceria para gerar emprego e renda, pois tem muitos profissionais em campo, quanto a dirigentes ladrões com que ele cita, tem que ter um órgão para fiscalizar, como exemplo no Sampaio, desde de 2012 vem tendo ótimas arrecadações e o Sérgio Frota só chora e ainda não construiu um campo decente para o time treinar, distribui em média 1.500 cortesias para apadrinhados e outras formas amadoras de se gerenciar um clube .

  3. Francisco Gaglianon

    DINHEIRO DOS IMPOSTOS DO CIDADÃO, É PA QUE RA SAUDE, EDUCAÇÃO, TRANSPORTE E SEGURANÇA, NÃO É PARA DAR A CLUBES DE FUTEBOL PROFISSIONAL, NA MAIORIA DAS VEZES ADMINISTRADORES POR DIRIGENTES LADRÕES, PERDULÁRIOS E IRRESPONSÁVEIS.

    • Zeca Soares

      Respeito a sua opinião, mas não concordo. Os clubes podem divulgar campanhas de interesse do governo.

  4. Jeorge Almeida

    Acho que de uma maneira geral o esporte deve ser uma das prioridades do governo , concordo quando vc fala em contrapartida , até pq o que vemos durante anos são clubes sucateados por diretores ladrões,os clubes devem aproveitar a ajuda e se estruturar fisicamente , devem ter compromissos em investir verdadeiramente em categorias de base.

  5. gojoba

    engraçado zr zeca soares você falar isso quando o viva nota foi pro futebol foi a maior luta pros dinheiro sair as equipes de esportes não ganharam nada so a mirante am que ganhou um bom contrato o privilégio foi so pra vocês isso na epoca se comentou muito

    • Zeca Soares

      Oliveira você não sabe mais ler. Disse que o governo anterior não acatou a sugestão do então secretário Joaquim Haickel. Você além de lam intencionado e revoltado ainda não sabe ler? O Viva Nota qe seria uma boa alternativa não foi bom para o futebol. Apenas o governo aumentou a sua arrecadação.

      • guerrilheiro

        Esse rapaz não se expressou corretamente,.-toda vez que o governo vai ajudar o futebol o dinheiro tem que vir pela AMA clubes,cujo o presidente não muda nunca desde que foi fundada .,em 2014Roberto Fernandes prometeu que ia candidatar-se dormiu no ponto,mas até parece que fez foi desisti,aliás ele como cartola uma negação,no,Moto é assim quem pode não quer, quem quer não tem poder de agregação e barganha e principalmente coragem,soube que terça feira antes do jogo contra o boa ele e Dr cursino foram apagar incêndio” ,porém digo que amigo é aquele que não quer tiver chorar e não o que divide choro depois,esse viva nota é uma mãe pra FMF,ACLEM,e AMA CLUBES,quem menos recebe são os clubes, porque o presidente da AMA CLUBES quer se perpetuar lá?

  6. Raimundo Nonato Lima Moraes

    Já tinha ouvido falar através do Sérgio Frota que o governo iria dar uma mão ao futebol maranhense através de patrocínio.Governo e clubes lado a lado e esperamos que seja a alavanca de Arquimedes para impulsionar o nosso futebol.Através do Esporte interativo na partida contra o time de Alagoas fiquei sabendo que a folha do Sampaio está em torno de R$500.000 e olha que o time não é isso tudo e sem ajuda dependendo só de renda e sócio torcedor que ainda é pouco para a sua gigantesca torcida fica difícil,mesmo assim o Sampaio vai levando aos trancos e barrancos.Situação delicada também do Moto que vai suspirar com novas verbas e todos os demais.Acreditamos que estamos entrando na era da ajuda mútua.Avante!

deixe seu comentário