Poluição de rios e praias

1comentário

AdrianoSarney

O deputado estadual Adriano Sarney (PV) destacou na sessão de hoje na Assembleia Legislativa, as discussões levantadas durante uma audiência pública realizada ontem no Legislativo, sob a sua coordenação, que tratou da poluição dos rios e das praias dos municípios que integram a Região Metropolitana de São Luís.

A audiência foi realizada de forma conjunta pelas comissões de Meio Ambiente e de Assuntos Econômicos.

Adriano avaliou como positiva a audiência e revelou ter saído do encontro satisfeito com as informações repassadas por pesquisadores e órgãos do Poder Público que têm atuação direcionada ao tema.

Um dos pontos observados nas discussões, segundo Adriano Sarney, diz respeito a explicação dada por pesquisadores da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), de que 50% dos problemas de poluição das praias da Ilha ocorre por falta de saneamento básico.

Outros 50% ocorrem em decorrência do despejo direto do lixo nos rios – que por consequência acabam chegando ao mar -, da ausência de drenagem urbana, falta de conscientização da população e o lançamento também de esgoto não tratado nos rios. O Rio Calhau, segundo estudos, é o mais poluído de São Luís.

“Fiquei feliz em saber que poderemos acabar com 50% do problema até o fim do próximo ano, quando serão concluídas as obras do PAC Saneamento Básico, que é gerenciado pela Caema. O programa contempla uma série de obras de saneamento básico dentro da Ilha e vai tratar cerca de 75% do esgoto”, disse.

Adriano afirmou que a partir de agora vai acompanhar e fiscalizar as obras do PAC Saneamento. “Vamos fiscalizar, acompanhar o andamento destas obras e dentro deste mesmo quesito, saber se estão utilizando a tecnologia correta, ou se é obsoleta. Vamos detalhar esses projetos junto a Universidade Federal do Maranhão até para saber se estamos seguindo um caminho certo”, finalizou.

Participaram da audiência representantes do Governo do Estado, da Prefeitura de São Luís, Ministério Público, Universidade Federal do Maranhão, órgãos de meio ambiente e representantes da sociedade civil.

1 comentário para "Poluição de rios e praias"


  1. Elane

    Bom saber que estão em busca de uma solução para essa questão.

deixe seu comentário