Vitória do Sampaio

6comentários

Nadson

O Sampaio venceu o Bragantino por 2 a 0, com dois gols de Nádson, nesta terça-feira, no Estádio Casteláo, em São Luís, na abertura da décima sétima rodada do Campeonato Brasileiro Série B.

O time maranhense vinha de duas derrotas consecutivas fora de casa e precisava mais do que nunca vencer para se manter na parte de cima da tabela.

Com a vitória, o Sampaio chegou a 28 pontos e por enquanto ocupa a quinta colocação. No outro resultado da noite, o América-MG bateu o Paraná por 2 a 0, assumindo a liderança da Série B com 31 pontos.

O Sampaio volta a jogar na terça-feira (11), às 19h, no Castelão contra o CRB-AL.

Foto: De Jesus/ O Estado

6 comentários »

Espancado por PM

0comentário

espancamento

Um rapaz identificado como Francisco de Carvalho afirma ter sido espancado por policiais militares e autuado como traficante de drogas em Bacabal, no Maranhão, após não ter parado em uma blitz, no último domingo (2).

Testemunhas afirmam que homens da Força Tática teriam praticado o espancamento quando o jovem voltava da igreja, na porta da casa dos avós dele. “Chegaram foi logo esmurrando ele, derrubando ele, sacudindo ele no chão. Aí nós gritando e ele sem dizer nada. Calado ele tava apanhando e calado ele ficou”, contou a avó Maria Deusimar Nascimento.

Os vizinhos teriam saído em defesa do jovem. “O menino já ia abrir a porta e eles mandaram que o rapaz sentasse na calçada. O menino sentou e ele já chutou a cara do rapaz. Pediram pra ele parar de bater, foi a hora que chegou mais polícia”, disse a vendedora Eulina Xavier, moradora do local.

Os vizinhos disseram que os policiais usaram spray de pimenta e dispararam tiros. Uma aposentada passou mal.

“Eu disse, ‘Rapaz, a mulher tá morrendo, sofre do coração, ela tá passando mal e tá é ruim’. E eles, ‘Pois eu não tô dizendo pra vocês? Se morrer, tem a Samu’. Ele falou isso pra mim bem aí”, contou o aposentado José Vieira de Carvalho, referindo-se a um PM.

O rapaz foi levado e passou cinco dias preso na Delegacia de Bacabal. Os policias disseram que encontraram papelotes com drogas com ele. “Foi encontrado comigo um celular, um pendrive, meu rosário e o valor de cento e dez reais. Isso foi encontrado comigo”, afirmou o jovem.

“Vou procurar os meus direitos, o que eu mereço, com certeza. Porque eu fui espancado. Me botaram como traficante, desmanchando a minha imagem sem eu ser uma coisa. É isso que eu vou atrás, com fé em Deus. Ser digno da minha honra”, garante a vítima.

Por meio de nota, o comando do 15º Batalhão da Polícia Militar informou que vai apurar as denúncias envolvendo a guarnição da Força Tática durante a ação policial em Bacabal. O comando disse ainda que repudia qualquer atitude que viole o respeito à dignidade humana. A Polícia Militar orienta que denúncias que envolvam a conduta de profissionais do Sistema de Segurança Pública sejam feitas diretamente na corregedoria da Secretaria de Segurança, que funciona na sede do órgão, na Vila Palmeira, em São Luís.

Leia mais

sem comentário »

Pagamento de convênios

0comentário

reiniaoFamem

Em reunião de trabalho realizada com prefeitos e prefeitas integrantes da diretoria da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem) nesta terça-feira (4), representantes do governo estadual garantiram que, ainda este mês, será iniciado o pagamento de convênios firmados, ano passado, entre Estado e Prefeituras.

O encontro foi proposto pelo presidente da entidade municipalista, prefeito Gil Cutrim (São José de Ribamar), e reuniu, além de gestores municipais, os secretários Márcio Jerry (Articulação Política), Jeferson Portela (Segurança Pública), Flávia Alexandrina (Cidades), Áurea Praseres (Educação), Marcos Pacheco (Saúde) e Clayton Noleto (Infraestrutura), titulares das pastas nas quais praticamente todos os convênios foram formalizados na gestão estadual passada.

Flávia Alexandrina informou que, este mês, será liberado o pagamento de um primeiro lote de convênios para 33 municípios. Ela encaminhará à entidade municipalista relatório completo detalhando a situação de todos os municípios, assim como um cronograma de pagamento do restante dos recursos.

“Recebemos um total de 600 convênios firmados, ano passado, entre Estado e Prefeituras nas áreas de implantação de novos equipamentos públicos e pavimentação, por exemplo. Juntos, eles somam mais de R$ 210 milhões. O problema é que deste total de convênios, mais de 80% não tiveram os seus recursos empenhados pelo governo passado. Ou seja, uma situação que inviabilizou o pagamento imediato e que necessitava de auditagem minuciosa. Já estamos finalizando a liberação de recursos para 33 municípios e iremos encaminhar à Famem um cronograma detalhado informando as datas para pagamento do restante [dos convênios]”, afirmou.

O estabelecimento de um cronograma para pagamento do restante dos recursos foi uma proposta apresentada pela Federação durante o encontro.

A direção da entidade municipalista também apresentou alternativas para outras problemáticas que estão afligindo as cidades.

Na área da segurança pública, por exemplo, foi solicitado do governo formalização de convênios com os municípios para execução de ações direcionadas ao setor (custeio de aluguéis de prédios, por exemplo), assim como aumento do efetivo policial e maior quantidade de viaturas. No transporte escolar, a proposta da entidade é estabelecer como valor de referência o km rodado para o Programa de Apoio ao Transporte Escolar, situação que aumentaria os repasses aos municípios por parte da administração estadual.

Na área da saúde, a Famem defendeu o retorno do repasse de R$ 100 mil para custeio dos hospitais de 20 leitos. Os representantes do governo estadual garantiram que todas as propostas serão analisadas e o objetivo é chegar a um consenso sobre as mesmas em um encontro que ocorrerá nas próximas semanas.

“O encontro foi proveitoso, uma vez que recebemos do governo uma sinalização positiva acerca de várias questões. Além disso, estabelecemos, a partir de agora, um canal permanente de diálogo e de entendimento visando beneficiar as cidades e suas populações”, avaliou Gil Cutrim.

Também participaram da reunião os prefeitos Filuca Mendes (Pinheiro), Fred Maia (Trizidela do Vale), Cristiane Damião (Bom Jesus das Selvas), José Leandro (Vitorino Freire), Omar Furtado (Brejo), Sebastião Madeira (Imperatriz), Djlama Melo (Arari), Dulce Maciel (Satubinha), Eunice Damasceno (Santa Luzia), Crisógno Rodrigues (Richão), Karla Batista (Vila Nova dos Martírios), Júnior Cascaria (Porção de Pedras), Júnior Otsuka (Grajaú), Sérgio Albuquerque (Primeira Cruz), Rafael Mesquita (Buriti), Rochinha (Balsas), Joel Dourado (Cajari), José Antônio Gordinho (Passagem Franca), Beto Pixuta (Matinha), Dulcilene Cordeiro (Chapadinha), Tancredo Lima (Paulo Ramos), Alan Linhares (Bacabeira) e Cícero Moraes (Estreito).

sem comentário »

TJ suspende greve

0comentário

grevepoliciais

O desembargador do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), Kleber Carvalho, determinou que o Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Maranhão (Sinpol) suspenda o movimento grevista, deixando de promover, divulgar ou incentivar qualquer medida que impeça ou embarace a regular e contínua prestação do serviço público inerente à atividade policial desempenhada pelos policiais civis do Estado do Maranhão.

De acordo com a decisão, o descumprimento da determinação judicial incide em pena de multa diária de R$ 20 mil, além do desconto salarial dos dias não trabalhados daqueles servidores que continuarem em greve após a declaração da ilegalidade. O Sinpol tem 15 dias para apresentar contestação.

A ação civil pública, com pedido de antecipação de tutela, foi ajuizada pelo Estado do Maranhão, após o Sinpol divulgar nos blogs que a categoria por ele representada pretende paralisar, por tempo indeterminado, as atividades da Polícia Civil do Estado do Maranhão, para reivindicar direitos que entendem possuir, como melhores condições de trabalho, ampliação do efetivo de oficiais da corporação e reestruturação do subsídio com base nas tabelas apresentadas pelo Governo do Estado.

Ao deferir o pedido do Estado, o desembargador Kleber Carvalho ressaltou que, mesmo sendo possível atender a pauta reivindicatória do sindicato, haveria de se considerar que, exercendo carreira de Estado, os policiais civis têm a missão de zelar pela manutenção da ordem e segurança pública.

Sendo assim, afirmou o desembargador, as atividades desenvolvidas por seus filiados são marcadas pela essencialidade e, por isso, não são passíveis de paralisação por meio de greve, uma vez que tal direito seria vedado pela Constituição Federal da República.

sem comentário »

Sucateamento da PRF

0comentário

PRF

Assim que assumiu o cargo de deputado federal, Hildo Rocha fez um pronunciamento em defesa da Polícia Rodoviária Federal e formalizou a crítica, com pedidos de providências, ao ministério da Justiça. Insatisfeito com a falta de ações, por parte do governo federal, Rocha, voltou a denunciar o processo de sucateamento da Polícia Rodoviária Federal.

Para ilustrar o estado de abandono dos postos de fiscalização da PRF o parlamentar publicou, na sua página no Facebook, um vídeo gravado em frente ao posto localizado no município de Vargem Grande.

Segundo o deputado, o fechamento dos postos de fiscalização da PRF contribui para o aumento da criminalidade. “Armas, drogas e assaltantes de banco passam aqui livremente. A BR-222 está totalmente desassistida pelo poder público. Não há nenhuma segurança pública aqui. Isso é um absurdo. A presidenta Dilma tem que fazer concurso para botar mais policiais rodoviários aqui no estado do Maranhão”, enfatizou.

Segurança pública

Além de se empenhar para melhorar as condições de trabalho da Polícia Rodoviária Federal, Rocha é o autor de Projeto de Lei que contribuirá para o fortalecimento das guardas municipais (PL_2505/2000) e propôs normas para regulamentar o uso de câmaras de vídeo nas operações policiais, iniciativa que contribuirá para inibir eventuais abusos de poder.

O parlamentar tem sido um dos mais ferrenhos críticos à incapacidade do governo estadual no que se refere ao combate à criminalidade e denunciou casos de violação dos direitos humanos praticados pelo aparelho de segurança pública comandado pelo governador Flávio Dino.

Infraestrutura

Na condição de membro titular da Comissão Desenvolvimento Urbano fez vários requerimentos solicitando audiências públicas para esclarecer sobre os entraves que contribuíram para o atraso e paralisação temporária das obras duplicação do primeiro trecho da BR-135 e apresentou emendas à LDO – Lei de Diretrizes Orçamentárias, garantindo recursos para a continuidade da obra; para implantação do Trem Regional de Passageiros, no trecho São Luis/Itapecuru-Mirim/Coroatá; perfuração de poços e implantação de sistemas de abastecimento de água em diversos municípios; solicitou esclarecimentos acerca de obras de adequação urbana em rodovias federais; cobrou a conclusão da nova adutora do Sistema Italuis; convocou o secretário do Tesouro Nacional, Marcelo Barbosa Saintve, para explicar os atrasos e paralisações do Programa Minha Casa Minha Vida; além de outras ações em benefício dos municípios maranhenses.

sem comentário »

Camarão na Cultura

1comentário

FelipeCamarao

O governador Flávio Dino (PCdoB) confirmou no twitter a tão esperada saída de Ester Marques da secretaria de Cultura. A mudança foi anunciada uma semana após o protesto realizado pela classe artistica em São Luís por políticas públicas na Cultura.

Em seu lugar assume Felipe Camarão que estava na secretaria de Gestão e Previdência.

Para o lugar de Camarão, o governador confirmou o nome de Lilian Gonçalves Guimarães que era secretária adjunta de Gestão e Previdência.

Mesmo deixando a Secretaria de Cultura, Ester Marques continuará no governo e passa a integrar a assessoria especial do governo do Estado. Ela vai cuidar da execução do PAC Cidades Históricas.

1 comentário »

Fila Zero

0comentário

WellingtondoCurso

O deputado Wellington do Curso (PPS) apresentou dois projetos em defesa das pessoas com câncer no Maranhão, na Assembleia Legislativa. O parlamentar apresentou o Estatuto da Pessoa com Câncer e o Projeto “Fila Zero”, de sua autoria, que institui prioridade no atendimento aos pacientes que necessitem de exames de radioterapia, ressonância magnética e tratamento de quimioterapia nos hospitais públicos estaduais e dos conveniados com o Sistema Único de Saúde (SUS), no Maranhão.

Sempre em defesa dos direitos das minorias, o parlamentar ressaltou a importância dos projetos apresentados, além de enfatizar o direito à saúde e o zelo com a dignidade humana.

“Hoje é o início da Campanha Educativa do Combate ao Câncer e ressalto dois projetos de minha autoria. Um deles institui o Estatuto da Pessoa com Câncer, que objetiva garantir a inclusão social e cidadania participativa plena e efetiva das pessoas com câncer, além de garantir alguns benefícios, como atendimento prioritário e o passe livre intermunicipal aos que comprovarem carência. O outro projeto, por sua vez, institui o programa “Fila Zero” para realização de exames de radioterapia, ressonância magnética e tratamento de quimioterapia no atendimento aos pacientes dos hospitais públicos estaduais e dos conveniados com o Sistema Único de Saúde (SUS), Maranhão. Ressalta-se, mais uma vez, o zelo para com a dignidade humana e, ainda, com aquilo que é direito de todos e dever do Estado: a saúde”, explicou.

Entenda os Projetos

Estatuto da Pessoa com Câncer: O principal objetivo do Estatuto é reunir e estabelecer as diretrizes, normas e critérios básicos para assegurar, promover, proteger e resguardar o exercício pleno e em condições de igualdade de todos os direitos humanos e liberdades fundamentais pelas pessoas com câncer, visando sua inclusão social e cidadania participativa plena e efetiva. O Estatuto prevê alguns “benefícios” para as pessoas com câncer, dentre eles a preferência no atendimento, direito ao atendimento especial em unidades de saúde e, ainda, o direito ao transporte da pessoa com câncer, comprovadamente carente, no sistema de transporte público coletivo intermunicipal por meio do passe livre, concedido e utilizado de acordo com condições descritas.

Programa “Fila Zero”: O projeto consiste na obrigatoriedade dos hospitais públicos estaduais e dos conveniados com o Sistema Único de Saúde (SUS) em priorizar o atendimento aos pacientes que necessitem dos exames de radioterapia, ressonância magnética e tratamento de quimioterapia, no prazo máximo de 72 horas.

sem comentário »

Copa do Brasil

0comentário

copa-do-brasil

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) definiu através de sorteio os confrontos pelas oitavas-de-final da Copa do Brasil. o sorteio definiu dois clássicos regionais no Rio de Janeiro e São Paulo. O Vasco enfrentará o Flamengo, enquanto o Corinthians pega o Santos.

Jogos de ida

Quarta-feira, 19
19h30 Coritiba x Grêmio, no Couto Pereira
19h30 Atlético-MG x Figueirense, no Independência
22h Palmeiras x Cruzeiro, na Arena Palmeiras
22h Flamengo x Vasco, no Maracanã
22h Santos x Corinthians, na Vila Belmiro

Quinta-feira, 20
19h Fluminense x Paysandu, no Maracanã
19h Internacional x Ituano, no Beira-Rio
21h30 São Paulo x Ceará, no Morumbi

Jogos de volta

Quarta-feira, 26
19h30 Paysandu x Fluminense, no Mangueirão
19h30 Ceará x São Paulo, no Castelão
19h30 Figueirense x Atlético-MG, no Orlando Scarpelli
22h Corinthians x Santos, na Arena Corinthians
22h Vasco x Flamengo, no Maracanã
22h Cruzeiro x Palmeiras, no Mineirão

Quinta-feira, 27
21h Ituano x Internacional, no Novelli Júnior
21h Grêmio x Coritiba, na Arena Grêmio

 

sem comentário »

Fim de linha

0comentário

PF

A Força-Tarefa Previdenciária, integrada pelo Departamento de Polícia Federal, Ministério da Previdência Social e Ministério Público Federal, deflagrou na manhã desta terça-feira (4), em São Luis, Paço do Lumiar e São José de Ribamar, a Operação Fim de Linha com a finalidade de reprimir crimes previdenciários,

As investigações, iniciadas em fevereiro deste ano, levaram à identificação de um esquema criminoso no qual eram falsificados documentos públicos para fins de concessão de benefícios de Amparo Social ao Idoso e de Pensão por Morte. Muitos dos titulares e instituidores eram pessoas criadas virtualmente. O grupo criminoso atuava desde 2006 e contava, ainda, com a participação de uma servidora do INSS, já investigada em outra Operação da Força-Tarefa Previdenciária (Operação Duas Caras), deflagrada em setembro de 2011.

O prejuízo, inicialmente identificado, aproxima-se de R$ 950.000,00 (novecentos e cinquenta mil reais), enquanto que o prejuízo evitado com a consequente suspensão desses benefícios, levando-se em consideração a expectativa de vida média da população brasileira, aproxima-se de R$ 4.780.000,00 (quatro milhões e setecentos e oitenta mil reais).

A Polícia Federal cumpriu dez Mandados Judiciais, sendo dois de prisão preventiva, cinco de busca e apreensão e três de condução coercitiva, além da quebra do sigilo bancário e fiscal, do sequestro de valores, da suspensão e bloqueio do pagamento de alguns benefícios e a determinação da realização de imediata auditoria pelo INSS em outros, bem como, com relação a servidora do INSS, a determinação do imediato afastamento das funções públicas e proibição de frequentar o ambiente de trabalho pelo prazo de 90 dias.

Ao longo das investigações também foram apreendidos dois veículos no valor total de quase R$ 200.000,00 (duzentos mil reais), incompatíveis com os rendimentos do principal operador do esquema.

A Operação contou com a participação de 26 Policiais Federais e 2 servidores do Ministério da Previdência Social, sendo denominada Fim de Linha em alusão ao término de um esquema criminoso que estava em andamento há alguns anos e, ainda, pelo fato de que 4 membros da mesma família serem titulares de benefícios de pensão por morte fraudulentos.

sem comentário »

Racha no basquete

7comentários

BetinhoeBarbosa

O presidente do Maranhão Basquete, Betinho Lima garantiu que o clube vai continuar disputando a Liga de Basquete Feminino (LBF) mesmo com o racha provocado no basquete maranhense com o surgimento do time de basquete do Sampaio que também disputará a competição nacional, missão que não será nada fácil para o MB.

“A nossa equipe continua e vamos disputar a Liga nem que seja apenas com atletas locais. Eu não sou a favor de um racha no basquete, mas não podemos evitar que surjam novas equipes aqui embora entenda ser difícil montar em São Luís duas equipes de alto nível, pois isso não é possível no próprio basquete brasileiro que só consegue no máximo três ou quatro equipes de alto nível”, explicou.

Betinho Lima se disse surpreso com a saída da principal estrela do Maranhão Basquete, a ala Iziane que foi anunciada como a primeira contratação do Sampaio.

“A saída dela [Iziane] foi uma grande surpresa para todos nós. Até ontem 11 horas da manhã ela que está na Seleção Brasileira estava procurando atletas para a nossa equipe, mas acabou sendo anunciada pelo Sampaio e isso causou surpresa e decepção para mim, pois fomos os últimos a saber da decisão tomada por ela”, afirmou.

Com o surgimento do Sampaio, o presidente do Maranhão Basquete disse ter sido procurado pelo presidente do Moto, Hans Nina.

“Eu sou contra esse racha no basquete, mas com o surgimento do Sampaio fui procurado pelo presidente do Moto (Hans Nina) que é meu amigo e ele fez a proposta para uma fusão com o Maranhão Basquete. Já que existe uma nova equipe eu disse a ele que vou estudar a proposta e quem sabe essa conversa por ir adiante”, finalizou.

Numa coisa Betinho Lima está certo, pois não cabem duas equipes de basquete no Maranhão. Vejamos o que aconteceu em Recife. Com o racha que houve no Sport surgiu o América. O resultado foi que o Sport montou uma equipe inferior e quem brilhou por lá foi o América. Sem falar na queda de público que vem sendo registrada em Recife. E aqui no Maranhão a queda de público já vinha preocupando, mas ao surgir o Sampaio, quem sabe ai esteja o apelo de público.

Além disso, Betinho fala com propriedade quando diz que no basquete brasileiro poucas são as equipes de alto nível no feminino devido ao baixo número de atletas de alto rendimento. O resultado desse racha a gente já sabe qual será. Não creio muito na possibilidade de duas equipes, mas se isto ocorrer não deve durar uma temporada.

Quem sabe a saída para o Maranhão Basquete seja mesmo a parceria com o Moto para esquentar a rivalidade entre Sampaio e Moto dos estádios de futebol para as quadras.

7 comentários »