Andrea defende Ricardo na Assembleia

3comentários

AndreaMurad

A deputada Andrea Murad (PMDB) fez um pronunciamento hoje (23) em defesa do pai e ex-secretário Ricardo Murad.  Foi a primeira vez que a parlamentar fala na tribuna sobre a operação da Polícia Federal “Sermão aos Peixes”, desencadeada há uma semana em São Luís e outras capitais (clique aqui ).

“O legado do Programa Saúde é Vida, idealizado e colocado em prática por Ricardo Murad é tão forte que não importa o que digam. Ele existe, tem resultados para mostrar e a tentativa de apaga-lo da história da saúde pública do maranhão não vai subsistir. Hoje nos restam o desmantelo, a péssima qualidade e o descaso de Flávio Dino com a saúde do estado e por isso o povo lamenta a ausência daquele que soube colocar em prática uma saúde digna e de qualidade. Não há na história política desse Maranhão e talvez em todo o Brasil, um estadista que tenha feito pela saúde do seu povo como ele fez, pensou e manteve com a mais alta qualidade em se tratando de assistência médica hospitalar”, disse.

No seu discurso, ela relembrou as auditorias produzidas pela Secretaria de Transparência, órgão criado apenas para perseguir os adversários do governo Flávio Dino.

“Estou confiante de que a justiça se fará presente a todo custo sem permitir que nada acima de nossa constituição, de nossa legislação, venha prevalecer por capricho dos motivados pelo ódio, e muito menos, por fatos falseados pelo governo Flávio Dino, dados produzidos, inexatos e entregues para compor investigações manipuladas, acusando injustamente os que foram privados do mínimo direito ao contraditório e à ampla defesa, dados que logo, Ricardo Murad e sua equipe na SES, contestarão assim que tiver acesso às auditorias e inquérito”, afirmou.

Ela ainda repercutiu um fato novo revelado pelos blogs nesta segunda de que o inquérito da Polícia Federal também cita escuta telefônica do atual governo de Flávio Dino.

Foto: Agência Assembleia

3 comentários »

Edilázio destaca eleição da OAB

0comentário

EdilazioJunior

O deputado Edilázio Júnior  (PV) destacou na Assembleia Legislativa a vitória expressiva do advogado Thiago Diaz, para a eleição da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional Maranhão, que ocorreu na última sexta-feira. Diaz derrotou a candidata Valéria Lauande, que era apoiada pelo atual presidente, Mário Macieira.

“O doutor Thiago Diaz foi eleito o presidente mais jovem do país. Foi uma eleição dura e que merece o nosso reconhecimento”, disse.

O parlamentar também parabenizou Valéria Lauande e reconheceu o trabalho de Mário Macieira à frente da entidade.

“A doutora Valéria, segunda colocada, valorizou muito essa eleição, uma vez que ela é uma advogada reconhecida em todo o estado do Maranhão pelo trabalho desempenhado, pela sua conduta à frente também da Ordem. Também temos de destacar o legado que vai deixar o atual presidente. Esse triênio que ele passou a frente da entidade foi de realizações como a sede da OAB, os eventos festivos, as festas carnavalescas. Foi uma gestão exitosa”, reconheceu.

Edilázio também chamou a atenção para o fato de o governador Flávio Dino (PCdoB), advogado inscrito na Ordem, não ter emitido sequer uma nota de congratulações ao novo presidente da OAB. “Ele é useiro e vezeiro do twitter, poderia desejar boa sorte e parabenizar o novo presidente da OAB. Aí me questiono: se fosse a doutora Valéria Lauande que tivesse ganhado, será que ele não emitira uma nota, não iria para o twitter? Creio que até decretaria ponto facultativo”, finalizou.

Foto: Agência Assembleia

sem comentário »

Moto trabalha em silêncio no novo time

24comentários

RodrigoRamos

Após anunciar as contratações do técnico Ruy Scarpino e do goleiro Rodrigo Ramos, a diretoria do Moto trabalha silenciosamente na montagem do elenco para a temporada 2016.

Alguns nomes começam a ser especulados nos bastidores, mas nem o presidente Hans Nina, nem o diretor de futebol Waldemir Rosa confirmam as novas contratações. Os dois só reforçam o discurso que o Moto está formando um time forte e capaz de brigar pelo título de campeão maranhense.

Segundo Hans Nina, o técnico Ruy Scarpino trabalha em São Paulo na observação de alguns atletas que serão indicados. Por aqui, o diretor Waldemir Rosa conversa com atletas maranhenses que vão compor a base da equipe.

A contratação do ex-goleiro do Sampaio, Rodrigo Ramos provocou uma grande agitação nos bastidores do futebol maranhense. O atleta que estava no Nacional-AM onde foi campeão amazonense foi o primeiro nome anunciado pelo Mo para 2016.

Pelo que conseguimos apurar, além do goleiro Rodrigo Ramos, o Moto deverá trazer de fora aproximadamente entre 10 a 12 jogadores, o restante do elenco deverá ser formado atletas que disputaram as duas últimas temporadas no time rubro-negro, além de jogadores que se destacaram em outras equipes.

Não é novidade que o Moto tem interesse em repatriar o zagueiro Luís Fernando, o volante Curuca e o meia Kléo, mas nem esses nomes a diretoria rubro-negra confirmou.

“Já conversei com vários jogadores daqui e mostramos o interesse do Moto. Até a próxima semana fecharemos com alguns desses nomes e assinaremos contrato. O que posso garantir é que teremos um excelente elenco. “, disse Dadá que não quis adiantar nenhum nome.

Foto: Flora Dolores/ O Estado

24 comentários »

Ribamar recebe Festival de Jazz e Blues

0comentário

JazzRibamar

Pelo segundo ano consecutivo, o município de São José de Ribamar, localizado na Região Metropolitana de São Luís, vai receber grandes nomes da música, dentre eles os cariocas Leny Andrade e Flávio Guimarães (Blues Etílicos); o gaúcho Renato Borghetti; e a americana Cris Delanno.

Trata-se do II São José de Ribamar Jazz e Blues Festival, que será realizado esta semana – dias 25, 26, 27, 28 e 29 – na cidade do santo padroeiro do Maranhão e que conta com o apoio da Prefeitura Municipal.

A programação, composta por oficinas de música (workshops) e nove shows musicais, está disponível no www.sjrjazzfestival.com.br

Uma das novidades dessa edição do Festival é o circuito do Choro-Instrumental Pixinguinha, que será realizado sexta-feira (27), às 16h, no Parque da Cidade (Av. Clodomir Cardoso, bairro Moropoia).

O festival terá início na quarta-feira (25) com as oficinas de música. O primeiro workshop será “Concerto Didático”, ministrado pela banda maranhense Jazzencontros, às 16h, no Cursinho Pré-Vestibular Municipal (Avenida Gonçalves Dias, quase em frente à Defensoria Pública). O segundo workshop será o de “Oficina de Contrabaixo”.

A programação de shows musicais será iniciada na sexta-feira, às 20h, na Praça da Matriz, também na sede da cidade. A banda ribamarense “Fênix” abrirá os trabalhos e, em seguida, subirá ao palco o baixista paraense Ney Conceição e banda (21h15).

O carioca e vocalista da banda Blues Etílicos, Flávio Guimarâes, encerrará a programação da primeira noite.

Veja a programação completa aqui

sem comentário »

MP propõe ação civil contra a Caema

0comentário

MPImperatriz

O Ministério Público do Maranhão (MPMA), por meio da 2ª Promotoria de Justiça Especializada em Direito do Consumidor de Imperatriz, ajuizou, em 18 de novembro, uma Ação Civil Pública contra a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema), requerendo, liminarmente, a condenação da empresa por cobrança indevida e dano moral coletivo, pela interrupção no fornecimento de água em 2013 e 2014.

O MPMA pede que a Justiça obrigue a Caema a restituir os dias sem abastecimento, em forma de abatimento nas contas de água, sob pena de multa diária de R$ 100 mil.

Autor da ação, o promotor de justiça Sandro Bíscaro destaca que o MPMA tentou negociar com a Caema, para reparar os danos causados à população, mas não obteve resposta. “Apesar dos esforços em resolver os impasses, a empresa não quis negociar”, afirmou. “A Caema efetuou o faturamento e a cobrança pelo consumo sem considerar os dias de interrupção”.

A primeira interrupção foi ocasionada pelo defeito de um dos conjuntos motobomba, nos meses de setembro e outubro de 2013. A falha resultou em 49 dias de desabastecimento em, pelo menos, 13 bairros de Imperatriz.

No mesmo ano, houve o rompimento da adutora, deixando toda a cidade sem água por cinco dias. Em 2014, foi reduzido o fornecimento de água em toda a área urbana de Imperatriz, durante os meses de setembro e dezembro.

Apesar da paralisação no abastecimento, a companhia confirmou que a cobrança foi efetuada normalmente, sem desconto ou abatimento na fatura.

Foto: Divulgação/ MP

sem comentário »

A nova missão de Flávio Araújo

4comentários

Flavioaraujo

O cara que comandou dois acessos consecutidos do Sampaio e o acesso do Ríver-PI à Série C é o novo treinador do Fortaleza.

Flávio Araújo chega ao Picci com a missão de acabar com a sina do acesso do Tricolor. São pelo menos cinco anos morrendo na praia e já chegou a hora do Fortaleza voltar ao seu devido lugar.

Mas para que o Fortaleza tenha sucesso ao final da temporada 2016 é necessário que a diretoria do Fortaleza entanda que Flávio Araújo não é um “salvador da pátria”.

De imediato, a diretoria deve manter a boa base do elenco. O que tiver de bom tem que continuar. A partir daí deve dotar o time dos reforços indicados por Flávio Araújo e formar um elenco grande, mas vencedor.

Mas é preciso muito cuidado no Campeonato Cearense. Torcedores e dirigentes não devem se preocupar apenas com bons resultados e título, mas sobretudo na preparação de uma grande equipe para o desafio maior que é Brasileirão. Se condicionar a manutenção do técnico a resultados pode estar perdendo ainda mais tempo.

Acredito que os tricolores cearenses terão muito motivo para sorrir e chorar no fim do ano. Boa sorte ao Flávio Araújo e ao Fortaleza…

4 comentários »

Incêndio no prédio da Seplan em São Luís

2comentários

Seplan

Incêndio no prédio onde funciona a Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento, na Rua do Sol, Centro de São Luís.

Pelas primeiras informações apuradas, o incêndio teria sido provocado por um curto-circuito na parte superior do prédio que ficou totalmente comprometica. Todo o telhado desabou e a área foi isolada pelo Corpo de Bombeiros.

O secretário de Governo, Lula Fylho disse que as causas do incêndio ainda são desconhecidas. Ele acompanhou no local a operação de combate ao incêndio pelos Bombeiros.

O secretário de Planejamento e Desenvolvimento, José Cursino Raposo Moreira, disse que os dados da Seplan estão em backup e que o que sobrou será transferido para uma unidade no Renascença.

Não houve informações de vítimas.

Foto: Regina Sousa/ TV Mirante

2 comentários »

Obra está quase parada na BR-135, diz Braide

1comentário

EduardoBraide

O deputado Eduardo Braide (PMN) advertiu, na Assembleia Legislativa, que as obras de duplicação da BR-135 estão praticamente paralisadas. Em discurso na semana passada, Braide fez um relato da audiência pública realizada nesta semana, no Plenarinho, pela Comissão de Obras e Serviços Públicos da Assembleia Legislativa, com a participação de representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT).

“Fico triste com esta notícia que vou dar agora: de forma oficial, a duplicação da BR-135 não será mais entregue em dezembro deste ano como havia sido afirmado pelo DNIT. E o mais preocupante, perguntado ao superintendente sobre o novo prazo de entrega, ele nem quis mais estabelecer uma data. Ele simplesmente disse o seguinte ‘precisa de mais 180 dias’. Ou seja, seis meses após o reinício das obras, as obras estão praticamente paralisadas. E o porquê disso?”, questionou.

Eduardo Braide afirmou que a empresa que ganhou a licitação para executar o trecho, que se chama de primeiro trecho da duplicação da BR-135, está há quatro meses com pagamento atrasado por parte do Governo Federal. A obra, que já chegou a ter 800 trabalhadores no seu canteiro, agora tem tão somente 20 operários.

“Este fato praticamente atesta que a obra está paralisada”, afirmou o deputado, frisando que o superintendente do DNIT no Maranhão, Gerardo Fernandes, foi muito categórico ao dizer que não se sabe ainda quando a obra será oficialmente reiniciada.

“Repito então que fica a tristeza em saber que mais uma vez essa obra não será entregue no prazo que foi estipulado, que constaria, inclusive, no calendário de inaugurações da Presidente da República agora em dezembro, e terá esse prazo de seis meses, a contar do reinício das obras, que só acontecerá depois que houver a liberação de recursos por parte do Governo Federal”, acrescentou Eduardo Braide.

Ele frisou que o DNIT deu a informação de que recursos financeiros em torno de R$ 60 milhões estão empenhados, mas que, além da liberação destes R$ 60 milhões que estão já estão assegurados, ainda falta conseguir assegurar mais R$ 40 milhões. Portanto, são necessários R$ 100 milhões ainda, para que a obra do primeiro trecho da duplicação da BR-135 possa ser finalizada.

Após conceder apartes aos deputados Vinícius Louro (PR), Júnior Verde (PRB) e Wellington do Curso (PPS), o deputado Eduardo Braide encerrou seu discurso acrescentando a informação de que a segunda etapa da obra, que agora foi unificada e está em um lote só, indo de Bacabeira até Miranda, está com um custo estimado em torno de R$ 200 a 250 milhões.

“Fica, portanto, a nossa lamentação pelo descaso com que o Governo Federal trata a nossa capital e o nosso Estado. É inadmissível essa obra de duplicação da BR-135 se arrastar da forma como vem acontecendo. Vários maranhenses já perderam as suas vidas, além dos problemas de congestionamento ali, principalmente nos períodos de finais de semana e de feriados. É inadmissível, portanto, o Governo Federal tratar o nosso Estado e a nossa capital como vem tratando no que diz respeito à BR-135. E somente para finalizar, diga-se de passagem, a duplicação da BR-135 é tida como uma das 15 obras que foram priorizadas pelo Governo Federal em todo o Brasil”, ressaltou Eduardo Braide.

Foto: Kristiano Simas/Agência AL

1 comentário »