Prefeitura vacina cães e gatos em São Luís

3comentários
Vacinacao

Campanha de vacinação antirrábica animal está acontecendo todas as sextas, das 13h às 17h

A vacinação de cães e gatos contra a raiva, realizada pela Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), prosseguiu nesta sexta-feira (11), nos bairros e comunidades dos distritos do Coroadinho e Bequimão. A mobilização reúne cerca de 230 agentes que estão indo casa a casa para cumprir as metas da campanha.

A secretária municipal de Saúde, Helena Duailibe, disse que serão realizadas oito etapas da campanha para vacinar um total de 160 mil animais. “No início de novembro, somente nos bairros que compõem o Centro da cidade, foram vacinados 16.932 cães e gatos, e esperamos continuar contando com a colaboração da população, porque a vacinação é essencial para garantir o bem estar dos animais, e assegurar que continuemos sem registros de casos de raiva”, afirmou.

O coordenador da Unidade de Vigilância em Zoonoses, João Batista Pires, informa que para vacinar contra a raiva, o animal deve estar saudável e ter a partir de três meses de idade. Além disso, ele ressalta alguns cuidados necessários no ato da vacinação. “Todos os animais devem estar acompanhados por adultos e cães mais agitados devem portar coleira; isso facilita o trabalho do agente. O que não pode é ficar sem vacinar, pois a imunização só será completa se todos os animais forem imunizados”, disse.

A campanha de vacinação antirrábica animal está acontecendo todas as sextas-feiras, das 13h às 17h; e aos sábados, das 7h às 13h, obedecendo a um cronograma que continuará – neste mês de novembro – no Bequimão (dias 18, 19 e 25), seguindo para o distrito Cohab (dia 26).

Em dezembro, os agentes vacinadores finalizam a cobertura a área da Cohab (dia 2) e seguem para o Tirirical (dias 3,9,10,16 e 17). Nos distritos da Vila Esperança e Itaqui-Bacanga, a vacinação deve acontecer em janeiro do próximo ano.

A raiva é uma zoonose causada por um vírus presente principalmente na saliva dos animais infectados. É uma doença fatal tanto para os animais quanto para as pessoas. Qualquer mamífero, como cães, gatos e morcegos, quando infectado pelo vírus, pode transmitir a raiva através de mordedura, arranhadura ou lambedura.

3 comentários »

Lourival Serejo é Cidadão Ludovicence

1comentário
Título a Lourival Serejo foi proposto pela vereadora reeleita Bárbara Soeiro (PSC)

Título a Lourival Serejo foi proposto pela vereadora reeleita Bárbara Soeiro (PSC)

A Câmara de Vereadores de São Luís entregou nesta sexta-feira (11), no plenário Simão Estácio da Silveira, o título de Cidadão Ludovicense ao desembargador do Tribunal de Justiça do Maranhão e atual presidente do TRE, Lourival Serejo.

A cerimônia, presidida pelo vereador Astro de Ogum, presidente da Câmara, contou com a presença dos desembargadores Raimundo Barros (corregedor do TRE), Ricardo Duailibe (representando a Corregedoria Geral de Justiça), Jamil Gedeon (diretor da ESMAM) e Mario Lima Reis (desembargador aposentado); dos membros da Corte Daniel Leite e Eduardo Moreira, de advogados, servidores do Tribunal de Justiça e do Tribunal Eleitoral, confrades da Academia Maranhense de Letras, amigos e familiares.

Porposto pela vereadora Bárbara Soeiro (PSC), o título foi aprovado, por unanimidade, por todos os vereadores e entregue em solenidade bastante concorrida e com a presença da família do homenageado, além do presidente da Câmara Astro de Ogum e do vereador professor Lisboa.

Para Bárbara Soeiro, o desembargador Lourival Serejo que nasceu em Viana, no interior do Maranhão tem se destacado pelo relevantes serviços em defesa da família e da Justiça, além de ser defensor da participação feminina na política, daí o reconhecimento da parlamentar.

“Um ser humano de grande virtude e importantes trabalhos desenvolvidos em nossa cidade, mediante sua consciência a respeito da responsabilidade com duas imprescindíveis bases da sociedade atual: à família e a justiça, além de se mostrar um exímio defensor da participação feminina na tomada de decisões na política e vida pública”, afirmou Bárbara Soeiro.

“Ao receber este título honorífico, sinto que ele está confirmando – botando no papel, como se diz – os sentimentos que construí por São Luís, ao longo de 47 anos”. Citando a obra “Azulejos do Tempo”, do poeta José Chagas, o desembargador Lourival Serejo expressou o sentimento e o orgulho de ter se tornado cidadão de São Luís.

Sem dúvida alguma uma justa homenagem!!!

1 comentário »

Adriano discute preservação do Rio Balsas

2comentários

AdrianoSarney
O deputado Adriano Sarney participou, na manhã de hoje (11), de uma reunião com vereadores de Balsas e representantes da ONG Iderber (Instituto de Defesa do Rio Balsas). A reunião serviu para tratar da conscientização e preservação do Rio Balsas.

Durante a reunião, um dos membros do Iderber, Miranda Neto, explicitou a situação alarmante na qual que se encontra o Rio Balsas, constatada em setembro de 2016, na segunda expedição realizada pelos membros da ONG.

Alguns vereadores também externaram preocupação com o tema. O presidente da Câmara municipal de Balsas, vereador Sebastião Saraiva, denunciou que as áreas das nascentes preservadas por Lei foram invadidas por produtores agrícolas. O vereador Gilson Pereira defendeu que as áreas de preservação ambiental, ao longo do Rio, sejam transformadas em parques ambientais.

A Consultora Legislativa do Meio Ambiente da Assembleia Legislativa do Maranhão, Luzenice Macedo, esclareceu algumas questões levantadas na reunião. Sobre as áreas de preservação estarem nas mãos de produtores, ela afirmou que a licença para uso e ocupação do solo no município é dada pela prefeitura. “O gestor tem que reconhecer o seu papel de proteção do solo de seu município e tudo que nele está”, explicou.

Após denúncias e relatos sobre a situação das nascentes do Rio Balsas, o deputado Adriano Sarney propôs um pacto pelo desenvolvimento sustentável. Para tanto, como primeira medida, o parlamentar irá solicitar, através da Comissão de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, as licenças ambientais de quatro propriedades que estão localizadas nas nascentes do Rio Balsas.

“Vamos verificar se essas fazendas no entorno da APA têm os licenciamentos ambientais e se existe uma área de amortecimento. Se o desmatamento estiver sendo feito dentro da APA é muita irresponsabilidade”, ressaltou.

Adriano Sarney também pediu aos vereadores que solicitassem da prefeitura municipal a autorização de uso e ocupação do solo das propriedade em questão. Além de sugerir a criação de um Conselho do Meio Ambiente.

“Faremos as cobranças necessárias e tomaremos atitudes corretas. Vamos tomar a responsabilidade para os legislativos Estadual e Municipal. E levar a problemática para o Congresso Nacional juntando esforços com nossos deputados federais e senadores porque os rios do Maranhão estão morrendo”, finalizou Adriano.

2 comentários »

‘Foi uma tramóia do governador’, diz Hildo

1comentário
HildoRochadeputadofederal

Deputado Hildo Rocha defendeu a ex-governadora Roseana Sarney na Câmara dos Deputados

O deputado federal Hildo Rocha (PMDB) disse em pronunciamento na Câmara dos Deputados que a acusação feita pelo promotor Paulo Ramos contra a ex-governadora Roseana Sarney não passou de uma “tramóia armada pelo governador Flávio Dino com o objetivo de prejudicar Roseana Sarney”.

“O Ministério Público é uma das instituições mais respeitadas do nosso país. Entretanto, todas as instituições são formadas por pessoas que são, obviamente, falíveis, erram ou são usadas. Mas, esse caso não foi apenas de um erro. Foi uma tramóia construída pelo governador do Maranhão para perseguir a ex-governadora Roseana Sarney”, destacou.

A origem do caso

Há 30 anos o governo do Maranhão contraiu empréstimo junto ao Banco do Estado de São Paulo (Banespa) para adquirir maquinas rodoviárias. Como o empréstimo não foi pago, o Banespa decidiu recorrer à justiça. O Banespa ganhou a questão em todas as instancias do judiciário que a transformou em precatório (ordem judicial determinando o pagamento da dívida).

Para não quebrar o fluxo de caixa, com o pagamento de quase R$ 200 milhões, de uma só vez, o governo do Maranhão pediu para parcelar o débito. A proposta foi aceita pelo credor desde que fosse trocada por créditos tributários para encontro de contas por compensação tributária. O acordo foi vantajoso para o Estado. O governo parcelou o débito que seria pago só de uma vez; ficou isento de pagar juros de mora e a correção monetária. Portanto, não houve prejuízo ao erário, não há nenhuma improbidade administrativa.

Acusação

O promotor diz que os acusados contavam com o decisivo beneplácito de Roseana Sarney Murad em virtude de ter autorizado ‘acordo judiciais’ baseados em pareceres manifestamente ilegal dos procuradores-gerais do Estado. Ora, se ele (o promotor) diz que a governadora autorizou acordos judiciais esses acordos ocorreram no âmbito do judiciário e com o conhecimento e aprovação do próprio Ministério Público.

Provas inconsistentes

As provas contra a Roseana Sarney são vazias. Tudo não passa de uma invenção diabólica no intuito de incriminar a ex-governadora. O promotor não constituiu nenhuma prova que não tenham sido aquelas construídas por Flávio Dino, nos porões do palácio dos Leões.

Factó00ide

Não é correto afirmar que a ex-governadora Roseana Sarney tenha autorizado acordos judiciais e na denúncia não constar nenhum membro do judiciário e do Ministério Público. Por que não constam nomes do judiciário e do ministério publico na ação do promotor? Porque não houve prejuízos ao Poder Público; não houve crime; não houve ilegalidade nas compensações tributarias. A acusação é apenas um factoide criado por Flávio Dino que usou um membro do Ministério Público para legitimar o seu ato de perseguição.

O Ministério Público é fundamental para a vida em sociedade. Por isso, luto pelas prerrogativas do órgão. A essa importante instituição cabe à exigência do cumprimento das nossas leis. A partir da Constituição Federal de 1988, o Ministério Público vem transformou-se num instrumento de fortalecimento da democracia e do respeito aos direitos fundamentais dos cidadãos. Mas, infelizmente, um membro dessa valorosa instituição foi usado pelo governador. Flavio Dino costuma usar as pessoas e depois descartá-las, quando não precisa mais dele.

Foto: Lúcio Bernardes Jr.

1 comentário »

Maranhão Basquete leva ‘calote’ da Ambev

0comentário
IzianeSampaio1

Dirigente do Maranhão Basquete alega que levou calote da Ambev em R$ 1 milhão 750 mil

O Maranhão Basquete não disputará a Liga de Basquete Feminino (LBF) 2016/2017. O anúncio foi feito pelo presidente Betinho Lima. Ele alega um “calote” da Ambev que não repassou a cota de patrocínio referente às duas últimas temporadas.

O prejuízo do Maranhão Basquete é da ordem de R$ 1 milhão 750 mil reais. O dinheiro deveria ter sido utilizado para pagamento dos sala´rios de jogadores e comissão técnica.

Betinho Lima adiantou também que o Maranhão Basquete ingressou com ação na Justiça contra a Ambev cobrando o repasse.

“Eles estão nos devendo R$ 650 mil referentes duas últimas cotas da temporada 2015 e R$ 1,1 milhão deste ano. Eles deixaram de pagar as duas últimas cotas do ano passado e não pagaram nenhuma cota deste ano. Nós tentamos entrar em contato com a Ambev para mediar pelo menos um acordo, mas não conseguimos. Como estamos sendo cobrados e não temos como pagar, a gente foi obrigado a entrar na Justiça contra a empresa”, disse.

O dirigente afirmou que atletas como Iziane cobram na Justiça o pagamento dos salários referentes à temporada de 2015 quando atuou pelo Maranhão Basquete.

“Como não recebemos o patrocínio da Ambev não tivemos como honrar as duas últimas folhas da temporada 2015. Uma as atletas é a Iziane, que entrou na Justiça nos cobrando os salários não pagos.Além, delas estamos devendo membros da comissão técnica e fornecedores como hotel entre outros. A situação é constrangedora, porque trabalho com Basquete há mais de 18 anos e nunca fiquei devendo ninguém”.

Por conta da dívida, Betinho Lima confirmou que o Maranhão Basquete não disputará a Liga na qual ficou na terceira colocação na temporada passada.

“Achamos melhor organizar a casa primeiro e depois a gente volta a pensar em competição. Nessa temporada, apenas a Potiguar nos patrocinou e foi quem nos ajudou a participar da competição. Se não fosse pela Potiguar não teríamos participado. Entretanto, a empresa só poderá nos ajudar no próximo ano. Com isso, decidimos nos preparar melhor para a outra temporada”, finalizou.

Em nota encaminhada pela assessoria, “a Ambev afirma que o contrato de 2015 foi devidamente quitado e que, em 2016, não houve celebração de contrato com o clube.”

Foto: Biaman Prado

sem comentário »

Seduc suspende gratificações irregulares

0comentário
FelipeCamaraosecretario

Camarão diz que auditoria teve como objetivo sanar o déficit de professores da rede pública

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) suspendeu a gratificação por Condição Especial de Trabalho (CET) de 334 servidores integrantes do subgrupo Magistério da Educação Básica, que estavam recebendo irregularmente o benefício, conforme apontado pela auditoria realizada entre os meses de maio e julho deste ano.

A medida foi divulgada nesta quinta-feira (10), por meio de da Portaria nº 1.635, de 9 de novembro de 2016, assinada pelo secretário da Educação, Felipe Camarão, que regulamentou os procedimentos para regularização de todas as inconsistências verificadas na auditoria realizada no quadro de servidores da Seduc.

De acordo com o secretário Felipe Camarão, a auditoria foi realizada na Seduc com o objetivo de reorganizar o quadro de servidores das escolas, de modo a sanar o déficit de professores da rede pública de ensino.

“A Seduc está empenhada em aprimorar a gestão de pessoas, com o objetivo de garantir a moralidade e legalidade, que são fundamentais ao serviço público. O governador Flávio Dino assumiu o compromisso de alavancar os índices educacionais de nosso Estado e nós estamos aqui para trabalhar em prol de uma educação pública de qualidade, valorizando os professores que estão em exercício de sala de aula”, afirmou o secretário.

A portaria estabelece, ainda, que dentro de 90 dias será procedida a revisão das inconsistências relativas a desvio de função e carga horária abaixo da prevista pelo estatuto do magistério. E em 60 dias a adequação do quadro de servidores do subgrupo Magistério da Educação Básica à disposição do núcleo pedagógico das 19 Unidades Regionais de Educação do Estado.

Realizada entre os meses de maio e julho deste ano, a auditoria detectou que aproximadamente 2.500 professores da Rede Estadual de Ensino estão fora das salas de aula das escolas do Estado, com desvio de função, e outros 3 mil professores têm carga horária muito baixa, ou seja, com jornada semanal bem abaixo do número de horas praticados na rede.

Foto: Lauro Vasconcelos

sem comentário »

MA está no azul, mas pede ajuda ao governo

0comentário

PalaciodosLeoes

O G1 publica hoje um especial sobre a crise nos estados brasileiros. No raio-x da crise, 19 esatdos e o Distrito Federal estão com as contas no vermelho. O Maranhão está no azul, mas pediu ajuda ao governo federal.

Apesar da crise econômica que se instalou no Brasil nos últimos meses, o governo do Maranhão afirma que as contas do estado estão em dia. O estado tem superávit primário de R$ 438 milhões no primeiro semestre deste ano, quase o mesmo valor registrado no mesmo período do ano passado, segundo dados do Siconfi/Tesouro. Mesmo assim, o estado foi um dos signatários de uma carta enviada ao governo federal em setembro relatando calamidade financeira e pedindo ajuda à União.

Segundo a assessoria do governo, o estado não cortou investimentos ou atrasou salários este ano. O atraso em algumas obras no território maranhense foi decorrente de fatores jurídicos e também técnicos.

O governo do Maranhão revela que há alguns atrasos no pagamento de fornecedores derivados do alto volume do restante a pagar que foi recebido da administração anterior.

Governo não comenta

O G1 enviou um email à Secretaria de Comunicação e Articulação Política com algumas questões relativas às finanças do estado, mas o governo do estado não respondeu.

Oposição em alerta

De acordo com a deputada Andrea Murad (PMDB), que faz parte da Comissão de Orçamento, Finanças, Fiscalização e Controle da Assembleia Legislativa do Maranhão, a crise financeira pode causar reflexos no Maranhão.

“A situação do Maranhão não é tão agradável como ele (Flávio Dino) diz. Na peça (orçamentária) está tudo ótimo, mas se nós deputados não tivermos cautela a tendência é o estado virar um Rio Grande do Sul. Todo dia é um empréstimo que chega a Assembleia Legislativa e as dividas vão aumentando. A tendência é o estado parar” revelou.

“Está enxuto”

Na análise do deputado estadual Adriano Sarney (PV), que também é membro da Comissão de Orçamento, Finanças, Fiscalização e Controle da Assembleia Legislativa do Maranhão, o estado não corre o risco de vivenciar uma crise como acontece com outras unidades federativas do país como o Rio de Janeiro. Segundo ele, apenas um erro na Lei de Responsabilidade Fiscal poderia reverter esse quadro.

“Apesar da crise, as contas do Maranhão estão em ordem. De 2014 a 2015, a ex-governadora deixou as contas bem abaixo do limite orçamentário permitido e a atual gestão aumentou as receitas tributárias, aumentando a receita total. Está enxuto. Não vejo possibilidade de o estado viver uma crise, a não ser que o governador cometa algum erro na Lei de Responsabilidade Fiscal, ou seja, que haja aumento desordenado de despesas” destacou.

O deputado enumerou razões que autenticam seu diagnóstico, destacando o recebimento de R$ 285 milhões, recurso advindo do pagamento de imposto de renda referente à regularização de bens e ativos no exterior – a repatriação de recursos.

“O Maranhão vai receber o segundo maior volume de recursos de repatriação e estes recursos que vão para o Tesouro Estadual. Além disso, existem recursos do BNDS de R$ 2 bilhões prontos para serem investidos. Tem dois empréstimos de mais ou menos R$ 200 milhões, um de um banco internacional e outro da Caixa Econômica Federal para mobilidade urbana. Amanhã deve chegar autorização de mais um empréstimo de milhões, mas ainda preciso confirmar essa informação”, afirmou o deputado.

Foto: Jonas Alves Júnior / VC no G1

Leia mais

sem comentário »

Brasil atropela a Argentina no Mineirão

0comentário
Brasil

Trio Phelipe Coutinho, Neymar e Gabriel Jesus foi destaque na goleada sobre os hermanos

Num jogão digno dos maiores clássicos do futebol mundial, o Brasil bateu a Argentina por 3 a 0, no Mineirão e manteve a liderança das Eliminatórias Sul-Americanas com 24 pontos.

Os gols do Brasil foram marcados por Philipe Coutinho, Neymar e Paulinho. Foi o 5º jogo do Brasil sob o comando de Tite e a quinta vitória.

A Seleção Brasileira volta a jogar na quarta-feira (16) às 23h15 (horário local) contra o Peru, em Lima.

Eliminatorias

Clique aqui para ver o passeio do Brasil no Mineirão.

Foto: AFP

sem comentário »