Sousa cobra promessas de Dino a militares

0comentário
Deputado Sousa Neto cobra promessas do Governo Flávio Dino para os militares

Deputado Sousa Neto cobra promessas do governo Flávio Dino para os policiais militares

O deputado Sousa Neto (PROS) cobrou, em discurso, nesta quinta-feira (24), na Assembleia Legislativa, o cumprimento, por parte do governo Flávio Dino, do acordo e das promessas feitas aos policiais e bombeiros militares do Maranhão.

Na oportunidade, Sousa Neto leu um ofício assinado pelas Associações Unidas das Praças da PM do Estado do Maranhão, encaminhado ao governador Flávio Dino, no último dia 23. “Estou aqui, mais uma vez, mostrando o quanto esse governador do Estado do Maranhão, Flávio Dino, mentiu e enganou a população e os militares. Esse documento é o grito de revolta, decepção e indignação das categorias de militares com esse Governador, que, em 2014, em campanha, disse que trataria os policiais de forma honesta e digna. E que faria uma revolução na Polícia Militar. Realmente ele fez uma revolução de ditadura”.

Segundo o parlamentar, as entidades cobram do Governo Comunista a retomada das conversações sobre o cumprimento do acordo estabelecido em abril de 2015, que previa uma série de melhorias para os militares, como a LOB da PM, a lei de promoções, a transformação do auxílio de alimentação em ticket alimentação, o Programa Habitacional, dentre outros avanços. “Infelizmente, nada disso foi cumprido. Estamos chegando ao fim do segundo ano da gestão Flávio Dino, e até agora só promessa. Flávio Dino enganou os militares”, indagou, lembrando do anúncio feito pelo Governo de que a LOB da PM entraria em vigor em julho de 2015, e até agora o projeto sequer foi concluído.

“Os policiais e bombeiros militares querem um diálogo com o Governador e com o comando da Segurança Pública, coisa que eu acho muito difícil. A situação que estamos vivenciando hoje na Segurança do Estado é vergonhosa. A Polícia Militar do Maranhão está jogada, está abandonada, mas vocês não podem recuar. O secretário de Segurança Pública não trata a PM de forma honrada. E o governador está pouco se lixando para as promessas de campanha porque ele já está eleito, já está no Palácio dos Leões”, criticou o deputado.

O documento é assinado pela Associação de Policiais Militares de Timon (ASPOM); União Militar Independente (UMI); Associação Atlética Tiradentes de Pindaré Mirim (AAT); Associação dos Policiais Militares do Médio Mearim (ASPOMMEM); Associação dos Militares Ativos e Inativos de Caxias (AMAIC); Associação Regional dos Cabos e Soldados da PM e Bombeiro de Imperatriz, Açailândia e Região Tocantina (ASCSPMIA); Associação das Esposas e Familiares e Amigos Policiais Bombeiros do Maranhão (ASSEFAPBM) Associação dos Policiais Militares de Itapecuru (ASPMIM); e Associação de Cabo e Soldado de Pinheiro (CRCASOL).

sem comentário »

Roseana Sarney fora da Lava Jato

4comentários
RoseanaSarney

A Polícia Federal já havia pedido, por duas vezes, o arquivamento do processo contra Roseana

A Procuradoria Geral da República pediu o arquivamento do inquérito em que a ex-governadora Roseana Sarney foi acusada de fazer parte de um esquema de desvio de verbas da Petrobras, no caso Lava Jato.

No final de 2014, quando foram iniciadas as investigações, Paulo Roberto Costa, que era diretor da Petrobrás, afirmou em depoimento que teria tido “um monólogo” com a então governadora Roseana e que havia mandado entregar 2 milhões de reais para campanha eleitoral  no estado, no ano de 2010, a pedido da ex-governadora do Maranhão. Porém, o doleiro Alberto Youssef, também investigado na Operação Lava Jato, negou que tivesse feito qualquer entrega.

Durante as investigações, Roseana Sarney, assim que foi citada, estava com a família fora do Brasil e retornou para colaborar com a polícia federal e com o Ministério Público Federal. Roseana ofereceu a quebra dos sigilos bancário e telefônico, sempre se colocando à disposição da Justiça.

A Polícia Federal já havia  pedido, por duas vezes,  o arquivamento do processo considerando que não havia mais o que ser investigado. Agora, o inquérito segue para o despacho final do Ministro Teori Zawaski.

“Foi um período de 2 anos de investigações e com várias diligências expondo Roseana a um constrangimento desnecessário. Nada foi provado porque era uma mentira deslavada do delator (Paulo Roberto Costa). Esse arquivamento, embora tardio, resgata, nesse ponto de vista, a verdade. Para Roseana que ficou sendo investigada desnecessariamente, é uma vitória. Este era o único inquérito em que Roseana era investigada. Embora a demora nas investigações tenha causado um enorme prejuízo pessoal e político, para Roseana a Lava-Jato é uma página do passado”, conclui o advogado Antônio Carlos de Almeida Castro.

Foto: Biaman Prado/ O Estado

4 comentários »

Governo convoca professores no Maranhão

0comentário
FelipeCamaraosecretario

Secretário Felipe Camarão diz que convocação mostra compromisso do governo com a Educação

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) convocou, nesta quinta-feira (23), os aprovados, dentro do número de vagas, no seletivo simplificado para contratação temporária de professores para atuarem nos cursos do Ensino Fundamental e Médio, na modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA), das Unidades Prisionais de Açailândia, Caxias, Coroatá, Davinópolis, Imperatriz, Itapecuru e São Luís.

“Essa convocação demonstra o compromisso do Governo Flávio Dino com a Educação do Maranhão e com a valorização dos professores de nosso Estado”, destaca o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão.

Os convocados deverão entregar a documentação prevista no edital e assinar os contratos nas próximas segunda (28) e terça-feira (29), nos locais especificados abaixo:

Aprovados para São Luís – Centro de Educação de Jovens e Adultos (Ceja), localizado na Rua Barão de Itapary, s/nº, bairro Camboa.

Aprovados nos demais municípios – na sede da Unidade Regional de Educação (URE) à qual pertence o município de sua aprovação (Confira o endereço e a jurisdição das URE’s).

Ao todo, foram ofertadas 34 vagas para a contratação temporária de professores que atuarão em Unidades Prisionais de sete municípios maranhenses.

Os locais para entrega de documentos podem ser consultados no link: http://www.educacao.ma.gov.br/unidades-regionais-de-educacao/

sem comentário »

FMF deve antecipar início do Estadual

5comentários
Presidente da Federação Maranhense de Futebol, Antônio Américo e o diretor de competições Antônio Henrique

Presidente da FMF, Antônio Américo quer antecipação do início do Campeonato Maranhense

A Federação Maranhense de Futebol (FMF) deve antecipar o início do Campeonato Maranhense 2017 por conta da disputa da Copa do Nordeste. A competição deve iniciar uma semana antes do previsto.

É que a tabela da Copa do Nordeste divulgada nesta quarta-feira (23) pela CBF prevê o início da competição para 26 de fevereiro e a FMF estuda antecipar o início do Estadual previsto para 29 de janeiro para 22 de janeiro. Américo defende o início pelo menos no dia 22 de janeiro.

“Nós temos que respeitar os 30 dias de férias e os 25 dias da pré-temporada como determina a CBF, mas vamos ter que modificar o início do estadual em virtude da Copa do Nordeste e estamos estudando esta mudança até para que Moto e Sampaio possam ter feito pelo menos uma partida antes do início da Copa do Nordeste”.

Levando em consideração ao que afirma Antonio Américo, os 55 dias entre o último jogo do Sampaio e o prazo estipulado pelas normas da CBF vai terminar no dia 17 de janeiro, portanto, se a FMF quiser o Campeonato Maranhense poderá começar a partir de 18 de fevereiro.

Mas Américo deve optar pela data de 22 de janeiro (domingo), neste caso, Sampaio e Moto fariam pelo menos uma partida oficial antes da estreia na Copa do Nordeste.

A estreia dos maranhenses na Copa do Nordeste será no dia 26 de janeiro. O Moto recebe o Altos, em São Luís. O Sampaio enfrenta o Sport, em Recife.

5 comentários »

Luis Fernando é Cidadão Imperatizense

2comentários
LuisFernandoSilva

Título ao prefeito Luís Fernando Silva foi uma iniciativa do vereador Hamilton Miranda (PP)

Numa concorrida solenidade realizada nesta quarta-feira (23), o prefeito eleito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva (PSDB), foi agraciado com o título de “Cidadão Imperatrizense”. A homenagem, concedida pela Câmara Municipal, foi uma iniciativa do vereador Hamilton Miranda (PP).

A cerimônia de entrega do título contou com a presença dos vereadores, do prefeito Sebastião Madeira (PSDB), de prefeitos, vereadores e empresário da região e de lideranças comunitárias.

Hamilton Miranda não poupou elogios ao agraciado. “Pelo currículo do homenageado e pela larga lista de serviços prestados em favor da nossa cidade, Luis Fernando é mais do que merecedor. É a melhor pessoa que já conheci na minha vida política”, declarou o vereador.

Além de também realçar a capacidade técnica de Luis Fernando, o prefeito Sebastião Madeira (PSDB) fez um breve relato da relação do mais novo cidadão de Imperatriz com a cidade.

“Num dos momentos mais difíceis da nossa administração, ele estendeu as mãos para o nosso município. Só na área da infraestrutura foram cerca de 100 quilômetros de pavimentação, isso sem falar de outras ações articuladas por ele no Governo do Estado, como por exemplo, a regularização fundiária na vila Cafeteira”, lembrou Madeira.

Dezenas de moradores da Vila Cafeteira, a propósito, fizeram questão de marcar presença na solenidade, numa clara demonstração de reconhecimento pelo esforço e articulação de Luis Fernando no trabalho que culminou na emissão de mais mil títulos de posses definitivas das moradias da Vila Cafeteira.

“No nosso bairro todos sabem da importância de Luis Fernando para nossa cidade. Eu e meus amigos não poderíamos deixar de vir aqui prestigiar essa grande iniciativa da Câmara Municipal de Imperatriz”, disse o líder comunitário Raimundo Bezerra, mais conhecido como Pipoca.

O prefeito eleito de São José de Ribamar e mais novo cidadão imperatrizense, por sua vez, se disse muito grato e honrado com a concessão do título. “O meu sentimento agora não é mais só de amizade, mas de fraternidade e de obrigação como filho adotivo. Imperatriz sempre foi e vai continuar sendo uma cidade muito querida”, comentou Luis Fernando.

Foto: Divulgação

2 comentários »

Justiça nega pedido de prisão no caso Sefaz

1comentário
PauloRamospromotor

Juíza Cristina Ferraz indeferiu pedido feito pelo promotor Paulo Roberto Barbosa Ramos

O pedido de prisão de seis dos dez réus da denúncia do Ministério Público sobre esquema fraudulento de concessão de isenções fiscais pela Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), que causou um prejuízo de R$ 410 milhões aos cofres públicos, foi indeferido pela juíza Cristiana Ferraz, que responde por hora pela 8ª vara Criminal de São Luís, segundo o órgão ministerial.

O promotor Paulo Roberto Barbosa Ramos, titular da 2ª Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Tributária e Econômica de São Luís,  pediu a prisão preventiva de dos ex-secretários da Fazenda do Estado Cláudio Trinchão e Akio Valente, do ex-secretário de Fazenda de São Luís Raimundo José Rodrigues, de Edmilson Santos Anid Neto, do advogado Jorge Arturo – que já entregou o documento em juízo – e de Euda Maria Lacerda.

No entanto, a magistrada Cristiana Ferraz entendeu que os réus não ofereciam risco para obstrução do processo e substituiu a prisão pelo recolhimento dos passaportes dos réus apontados pelo promotor por entender que não há “fatos concretos que realmente justifiquem a necessidade da segregação cautelar do réu, e de sua manutenção ao cárcere”.

Ao todo, ele acusa dez pessoas – dentre elas a ex-governadora Roseana Sarney – de fraudes fiscais e pede, no mérito, a condenação criminal dos denunciados, bem como a devolução, em conjunto, de R$ 1,6 bilhão.

No entanto, a magistrada Cristiana Ferraz substituiu a prisão pelo recolhimento dos passaportes dos réus apontados pelo promotor por entender que não há “fatos concretos que realmente justifiquem a necessidade da segregação cautelar do réu, e de sua manutenção ao cárcere”.

Não há decisão pelo recolhimento de passaporte da ex-governadora.

Leia mais

1 comentário »