Andrea Murad repercute avanços no IDH

0comentário
Andrea Murad repercute avanços no IDH e Selo UNICEF na Assembleia Legislativa

Deputada Andrea Murad repercute avanços no IDH e Selo UNICEF na Assembleia Legislativa

A deputada Andrea Murad destacou na sessão desta segunda-feira (5) os avanços que o Maranhão obteve no IDH e o reconhecimento do Selo UNICEF. A parlamentar repercutiu o importante trabalho realizado na gestão do ex-secretário Ricardo Murad, grandiosamente reconhecido por conta das melhorias promovidas na rede estadual de saúde, fator preponderante para os avanços divulgados na última semana.

“Eu não posso falar do IDH sem falar da saúde do Maranhão, a saúde como o próprio presidente do IMESC disse: “A saúde foi a grande responsável pelo aumento do índice”. Isso prova que o Programa Saúde é Vida deu certo. Embora o Índice de Desenvolvimento Humano também meça os critérios de educação e renda, esqueceu-se de falar que ele mede também a longevidade, que é a esperança de vida para nascer. Isso depende do quê? Da saúde. Se hoje temos isso, nós devemos a quê? A termos hospitais, a termos uma rede de saúde eficiente, a termos uma rede de saúde que atenda. Então não adianta discutirmos determinadas situações, porque eles não trabalham em cima de simpatia, eles trabalham em cima de dados e indicadores. Então o crescimento do IDH e o reconhecimento do Selo Unicef foram duas importantes constatações de que o Programa Saúde é Vida foi a melhor coisa que aconteceu no estado do Maranhão nos últimos tempos. São dados concretos, levantamentos reais de melhorias e de avanços, porque a Rede Estadual de Saúde funcionava eficazmente na gestão de Ricardo Murad. E fiquei imensamente feliz, repito, quando o próprio Presidente do Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (IMESC), ao explicar o que justifica o avanço no IDH, reconhece que a ampliação da cobertura dos serviços de saúde foi o maior responsável pela melhora dos índices. Como eu disse, ele não fala isso por simpatia, ele fala por dados”, disse Andrea Murad.

Andrea explicou que o Programa Saúde É Vida foi um dos maiores projetos de saúde pública já realizado no país, que deu padrão de atendimento igual ou melhor que os mais bem avaliados serviços públicos ou privados do país. Destacou que a construção e reformas de hospitais, ampliação do número de leitos, modernização da rede estadual com a compra de equipamentos, construção de postos de saúde, fundo a fundo para medicamentos, gestão e recursos humanos, foram ações que garantiram esses avanços no IDH e o reconhecimento do UNICEF.

“Na gestão de Ricardo Murad registrou-se que a taxa de mortalidade caiu, o acesso ao pré-natal avançou mais que a média nacional, assim como também avançaram os índices de nascidos vivos e o registro de bebês até 01 ano de idade. Tudo isso é reflexo da gestão da então governadora Roseana Sarney e do ex-secretário Ricardo Murad. Nunca na história maranhense um gestor em tão pouco tempo conseguiu que os indicadores que medem os índices de desenvolvimento humano e social refletissem o resultado de um trabalho extraordinário. E o gigante da saúde fez isso acontecer em apenas 5 anos com o Programa Saúde é Vida, um projeto fruto de sua vontade férrea de sempre obter resultados com as ações que executa. Quando todos falavam que isso era inviável, muitos o chamavam de louco, inclusive o próprio governador que era contra, achavam desnecessário, mas era para dar à população mais carente acesso a uma rede de saúde para que as pessoas, as mais humildes tivessem chance de ao menos ter uma saúde de qualidade. Hoje o governador Flávio Dino recebe este selo e recebe esta melhora no IDH colhendo os frutos da outra gestão”, concluiu.

Foto: Nestor Bezerra

sem comentário »

Bilhete Único atinge 5 milhões de integrações

2comentários
Implantado pela Prefeitura, Bilhete Único contabiliza 5 milhões de integrações

Implantado pela Prefeitura de São Luís, Bilhete Único contabiliza 5 milhões de integrações

Prestes a completar um ano de funcionamento, o sistema Bilhete Único implantado pela Prefeitura de São Luís atingiu a marca de cinco milhões de integrações. A estatística é da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT). O Bilhete Único possibilita ganho de tempo, economia para o usuário e contribui para equilibra o fluxo nos terminais de integração de São Luís.

“As melhorias no sistema de transporte de São Luís são compromissos assumidos pela nossa gestão e cumpridos com a população de São Luís. A licitação dos transportes e a implantação de benefícios como a Recarga Embarcada, o Cartão Criança e o Bilhete Único, além da renovação de mais da metade da frota, são ações que hoje proporcionam mais qualidade no serviço, beneficiando diretamente o usuário do transporte coletivo”, disse o prefeito Edivaldo.

O prefeito destacou ainda as intervenções geométricas em vários pontos da cidade, com o objetivo de desafogar o trânsito nos principais corredores urbanos, com impactos positivos para a mobilidade urbana na capital maranhense. Na última semana, as melhorias no sistema de transporte de São Luís, entre as quais se destaca a implantação do Bilhete Único, foram apresentadas também em um painel no encontro de prefeitos e prefeitas “Governando Juntos”, realizado pelo Governo do Estado. O painel teve por objetivo destacar experiências exitosas realizadas em municípios brasileiros.

O secretário de Trânsito e Transportes, Canindé Barros, também destacou a eficiência do sistema. “Considerarmos que o Bilhete Único obteve êxito em São Luís porque as pessoas que antes se deslocavam até um dos cinco Terminais de Integração agora tem outras opções. Elas poddem descer em um ponto de sua escolha para pegar outro ônibus, chegando ao seu destino final economizando tempo e dinheiro. Como consequência, com o Bilhete Único, é possível também desafogar o fluxo nos terminais de integração”, explicou o secretário.

Diariamente, mais de 15 mil pessoas usam o Bilhete Único em uma das 150 linhas integradas ao sistema. O bilhete é utilizado dentro do sistema urbano integrado nas linhas troncais, com origem em bairros e passagem por terminais e circulares, aquelas que trafegam pelos principais corredores da cidade.

2 comentários »

STF afasta Renan da presidência do Senado

0comentário
RenanCalheiros

Senador Renan Calheiros (PMDB-AL) ainda pode recorrer ao plenário do Supremo

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello concedeu liminar (decisão provisória) nesta segunda-feira (5) para afastar Renan Calheiros (PMDB-AL) da presidência do Senado. Ele, porém, mantém o mandato de senador.

O ministro atendeu a pedido do partido Rede Sustentabilidade e entendeu que, como Renan Calheiros virou réu no Supremo, não pode continuar no cargo em razão de estar na linha sucessória da Presidência da República.

“Defiro a liminar pleiteada. Faço-o para afastar não do exercício do mandato de Senador, outorgado pelo povo alagoano, mas do cargo de Presidente do Senado o senador Renan Calheiros. Com a urgência que o caso requer, deem cumprimento, por mandado, sob as penas da Lei, a esta decisão”, afirma o ministro no despacho (leia outros trechos da decisão mais abaixo).

O G1 procurou a assessoria de Renan Calheiros e aguardava posicionamento até a última atualização desta reportagem.

Renan Calheiros ainda pode recorrer ao plenário do Supremo. Além disso, a ação ainda terá que ser analisada pelo plenário da Corte mesmo sem o recurso do peemedebista, mas isso ainda não tem data para ocorrer.

Com o afastamento do peemedebista da presidência, o senador oposicionista Jorge Vianna (PT-AC), primeiro-vice-presidente do Senado, assumirá o comando da Casa.

Leia mais

sem comentário »

Glalbert pede viaturas para interior do MA

0comentário
Glalbert Cutrim pede viaturas policiais para os municípios de Arari e Apicum-Açu

Deputado Glalbert Cutrim pede viaturas policiais para os municípios de Arari e Apicum-Açu

O deputado Glalbert Cutrim (PDT) apresentou indicação pedindo ao Governo do Estado a disponibilização de viaturas policiais para os municípios de Arari e Apicum-Açu.

Segundo o parlamentar, as viaturas devem oferecer mais segurança à população, potencializando a ação policial de maneira ostensiva.

Glalbert afirmou que os municípios de Arari e Apicum-Açu têm registrado, atualmente, um aumento no índice de criminalidade, causando insegurança à população.

Por isso, a viatura policial é necessária para o combate da violência nas ruas e para o policiamento nas zonas rural e urbana, sendo essenciais para a organização e mobilidade da polícia.

Foto: Agência Assembleia

sem comentário »

Bárbara apresenta ‘moção’ a jornalistas

5comentários
BarbaraSoeiro

‘Se torna deveras difícil expressar o sentimento de tristeza que abala a todos’, diz vereadora

A vereadora Barbara Soeiro (PSC) apresentou nesta segunda-feira (5) uma Moção de pesar direcionada à Associação Brasileira de Cronistas esportivos (Abrace), em nome do seu presidente, jornalista Aderson Nogueira Maia, em razão do trágico acidente aéreo com o vôo que levaria a equipe da Chapecoense à cidade de Medellín na Colômbia.

A vereadora Barbara Soeira ressalta: “Se torna deveras difícil expressar o sentimento de tristeza que abala a todos. Vimos com muita aflição à forma como foram ceifadas vidas de pais de famílias e jovens sonhadores, que morreram em busca da realização de um sonho, um sonho de vitória, que com certeza, não foi alcançada da forma que imaginamos, mas que se evidenciou com a união de nações vivendo o mesmo luto e o mesmo sentido de solidariedade.”

E ainda manda uma mensagem de pesar para as famílias dos jogadores e dos cronistas esportivos. “Torcemos para que a Associação Chapecoense de Futebol e todos os membros da Associação Brasileira de Cronistas esportivos se recuperem logo de tamanha perda, para que se possa dar continuação ao brilho do nosso futebol que, com certeza, ganhou mais 75 estrelas.”

5 comentários »

Jogadores ‘viajam’ e pedem altos salários

7comentários
Moto

Meia Marcos Paullo foi um dos jogadores que o Moto não renovou por conta do salário

Não está nada fácil a renovação de contratos de jogadores com Sampaio e Moto, bem como o acerto com atletas de fora.

É claro que é direito dos jogadores buscares melhores salários, mas daí não significa que os clubes devem viajar em loucuras.

è que, de repente, os atletas estão fazendo propostas completamente fora da realidade dos nossos clubes e se valorizando mais do que devem.

Não vou citar nomes para não prejudicar este ou aquele, mas muitos jogadores aqui mesmo da casa estão pedindo valores que os clubes não terão condições de pagar. E na sua maioria são jogadores comuns que só atuam por aqui mesmo.

No caso do Moto, mesmo o clube tendo chegado a uma Série C, a nova diretoria parece não estar disposta a fazer loucuras. O presidente Célio Sérgio e o diretor Waldemir Rosa que estão negociando diretamente com os jogadores definiram um teto e até adimitem perder jogadores considerados importantes, mas não vão comprometer o clube oferecendo aquilo que não vão pagar.

No Sampaio, o presidente Sérgio Frota após o rebaixamento para a Série C adota nova política de salários. Depois de pagar altas quantias em salários, totalmente fora da realidade do clube, o Sampaio agora reduz salários e tenta manter jogadores do atual elenco. Só vai ficar quem aceitar a nova política financeira.

E tem que ser assim mesmo, de uma hora para outra, os jogadores que sequer tem propostas de outras equipes de fora jogam alto para tentar receber salários maiores. Mas do que vbai adiantar você fechar um salário mais alto e não receber?

Vai restar ao final do contrati brigas na Justiça o que é pior para todos os lados, principalmente para o clubes que acabam pagando um preço muito alto.

Sampaio e Moto devem formar um time com as condições financeiras que possuem, sem exageros ou loucuras. Essas loucuras que sempre vemos não resolvem absolutamente nada.

7 comentários »

Governo revitalizará escolas indígenas

0comentário
18 escolas de educação integral entrarão em funcionamento no próximo ano

Governo do Estado iniciará processo de revitalização de escolas indígenas do Maranhão

O Governo do Estado iniciará o processo de revitalização de escolas indígenas do Maranhão. Logo em fevereiro de 2017, serão revitalizadas 10 escolas indígenas, localizadas em 10 aldeias dos municípios de Bom Jardim, Santa Luzia do Paruá, Amarante, Bom Jesus das Selvas, Grajaú, Itaipava do Grajaú e Jenipapo dos Vieiras, beneficiando aproximadamente 2 mil alunos indígenas.

As escolas foram definidas após levantamento feito por equipe técnica da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), que apurou a situação das escolas indígenas no Maranhão. De acordo com o secretário da Educação, Felipe Camarão, a revitalização das escolas indígenas é determinação do governador Flávio Dino que, ao longo de dois anos, tem desempenhado um importante papel de recuperação da rede física escolar em todo o Estado.

“Primeiramente os serviços serão executados nestas 10 escolas, por serem as que necessitam de reparos mais imediatos, conforme o levantamento nos apontou”, ressaltou Felipe Camarão. O secretário também destacou que, posteriormente, será possível estender o trabalho para outras aldeias, pois o investimento na infraestrutura dos espaços escolares também irá refletir na melhoria da aprendizagem e na autoestima de toda comunidade escolar. Camarão observou que o governador Flávio Dino está focado em transformar a educação maranhense e, dia após dia,  avança, conforme seu direcionamento.

O secretário Adjunto de Suporte ao Sistema Educacional da Seduc, Anderson Lindoso, destaca que a ampliação do diálogo com as comunidades indígenas, tem possibilitado à Seduc conhecer melhor a realidade de cada aldeia. “Seguindo as diretrizes do governador Flávio Dino, a Seduc desenvolve um trabalho amplo de valorização e recuperação do ambiente escolar. Com as comunidades indígenas não poderia ser diferente”, disse.

Lindoso destacou ainda que, com a ampliação do diálogo, foi possível conhecer mais de perto a realidade de cada aldeia e atender da melhor forma as demandas dos povos indígenas. “Assim como na alimentação escolar, que em 2016 foi completamente realizada, em 2017 trabalharemos com a infraestrutura das escolas garantindo uma escola digna para o processo de ensino aprendizagem”, observou.

“A melhoria da infraestrutura das escolas indígenas faz parte do conjunto de ações para que todas as etapas e modalidades da Educação Básica alcancem a qualidade e transforme a vida dos maranhenses, respeitando as diversidades e considerando as especificidades de cada comunidade escolar. Esse é o caminho para garantirmos a melhor atuação dos docentes e desempenho satisfatório do(as) estudantes”, afirmou a secretária Adjunta de Ensino da Seduc, Nádya Dutra.

Confira as Escolas indígenas que serão revitalizadas no início de 2017

Bom Jardim
EI ZEMUE E HAW TAKWAR TYW (Aldeia Tabocal)

Santa Luzia do Paruá
CEI YWYTUHU (Aldeia Ximborenda)

Amarante
CEI GIANNI SARTORI (Aldeia Juçaral)
EI TAWINE (Aldeia Guaruhu)
EI CAPITAO SUPRIANO (Aldeia Canudal)

Bom Jesus das Selvas
EI BOM JESUS (Aldeia Barreiro)

Grajaú
CEI YRIKARAMIRI (Aldeia Bananal)
EI COCAL GRANDE (Aldeia Cocal Grande)

Itaipava Grajaú
EI GUAJAJARA (Aldeia Urucu)

Jenipapo dos Vieiras
EI TENENA GURUPI GUAJAJARA (Aldeia Lagoa Comprida II)

Foto: Lauro Vasconcelos

sem comentário »

Assembleia aprova projetos de Adriano Sarney

2comentários
Assembleia Legislativa aprova por unanimidade seis projetos de lei de Adriano Sarney

Assembleia Legislativa aprova por unanimidade seis projetos de lei de Adriano Sarney (PV)

O deputado estadual Adriano Sarney (PV) conseguiu aprovação de seis projetos de lei de sua autoria, por unanimidade do plenário, nas últimas sessões da Assembleia Legislativa. As proposições, agora, seguirão para sanção governamental. Os projetos tratam, em linhas gerais, de questões variadas como incentivo ao esporte, orientação profissional para estudantes do ensino médio, cuidados com a saúde mental, normas de segurança para o setor de serviços mecânicos, manutenção preventiva de veículos automotores e a criação do Dia Estadual da Poesia.

Neste ano, o parlamentar, que integra a ala de oposição, foi responsável por 95 proposições, sendo 24 indicações, 20 projetos de lei ordinárias (PLO), um projeto de resolução legislativa (PRL), uma proposta de emenda constitucional (PEC) e 49 requerimentos, demonstrando boa articulação política, transitando democraticamente pelas variadas tendências políticas da Casa.

Esporte – Por meio do PL número 134/2016, Adriano Sarney propõe estabelecer diretrizes para a construção da Política Estadual de Incentivo ao Esporte. O PL tem onze artigos e visa, em linhas gerais, a gestão participativa da sociedade civil na política pública do esporte; acesso universal a atividades esportivas e de lazer, respeitadas as diferenças socioeconômica, religiosa, de gênero, de idade e as necessidades especiais de qualquer natureza. O projeto trata da política do esporte no âmbito da rede pública de ensino e também versa a respeito de federações, ligas, clubes e associações sediados no Estado.

Educação – O PL número 133/2016 estabelece as diretrizes para a orientação profissional dos alunos do ensino médio, no âmbito das escolas públicas do Estado do Maranhão. O objetivo é difundir ideias e divulgar informações entre os alunos sobre as profissões existentes no mercado de trabalho; as atribuições e oportunidades de emprego em cada área profissional; e as áreas de atuação dos profissionais formados pelas escolas públicas nos cursos superiores oferecidos.

Poesia – O objetivo do PL número 174/2016 é instituir o Dia Estadual da Poesia, a ser comemorado anualmente, no dia 10 de agosto, nascimento do conceituado poeta Gonçalves Dias e fundação da Academia Maranhense de Letras. Caso sancionado o projeto, as comemorações alusivas à esta data compreenderão a realização de seminários, debates, concursos, campanhas e outras atividades que visem a estimular uma maior participação da população no estudo, na difusão, na criação e no desenvolvimento da literatura, principalmente, a maranhense.

Saúde mental – De acordo com o PL número 182/2016, será instituída no Maranhão a Semana Estadual de Conscientização sobre as patologias psiquiátricas (transtornos depressivos e ansiosos, transtornos mentais graves e persistentes e transtornos mentais decorrentes do uso de álcool e outras drogas), a ser celebrada, anualmente, na semana do dia 10 de outubro, Dia Mundial da Saúde Mental.

Ainda segundo o projeto, no período estabelecido, serão promovidos debates, palestras e outros eventos que esclareçam sobre os tipos de patologias psiquiátricas (transtornos depressivos e ansiosos, transtornos mentais graves e persistentes e transtornos mentais decorrentes do uso de álcool e outras drogas) existentes e catalogados, diagnósticos e formas de prevenção e tratamentos existentes.

Oficinas – Uma das proposições é o Projeto de Lei número 50/2016, que regulamenta normas básicas aplicáveis às oficinas mecânicas (serviços de manutenção, conserto ou substituição de peças em veículos automotores leves, novos ou usados). O objetivo principal é proporcionar maior segurança aos trabalhadores do setor, bem como aos usuários (clientes), fazendo-se observar com o devido rigor as diretrizes e normas propostas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

Na oportunidade, em sintonia com o PL nº 50, o deputado propôs o PL nº 49/2016, que cria a Semana Estadual de Conscientização da Manutenção Preventiva de Veículos Automotores e da Responsabilidade no Trânsito.

Foto: Assembleia Legislativa

2 comentários »