Sousa Neto cobra resposta de Flávio Dino

2comentários

Sousa Neto cobra posicionamento da SSP sobre a morte de criança vítima de bala perdida

O deputado estadual Sousa Neto (Pros) lamentou nas redes sociais a morte do menino Thauã Vyctor Cardoso Silva, de 6 anos, vítima de bala perdida no último domingo, no Coroadinho. Ele disse esperar que o caso não seja mais um apenas a fazer parte das estatísticas.

“Até quando vamos assistir a cenas como essa, Flávio Dino? Não podemos aceitar que a morte do menino Thauã Vyctor Cardoso Silva, de 6 anos, na noite de domingo (22), em uma chacina, no Coroadinho, seja ‘apenas’ mais um caso da violência urbana a entrar para as estatísticas do Maranhão”, afirmou.

“Aos pais, que agora choram a dor da perda do filho e buscam justiça, nossa solidariedade. Thauã é mais uma vítima desse Governo omisso, que, passados dois anos, ainda não mostrou a que veio, perdido, afundado em promessas e que abandonou as classes e os maranhenses”, acrescentou.

Sousa Neto disse ainda que é necessário que o governador Flávio Dino olhe para a Polícia como prioridade.

“Flávio Dino, olhe para as nossas polícias, olhe para as nossas famílias! É responsabilidade de Estado garantir segurança ao cidadão! A realidade é que, com um Governo Comunista não consegue gerenciar o Sistema Estadual de Segurança Pública, estamos renegados à sorte! O Maranhão precisa de paz!”, finalizou.

2 comentários para "Sousa Neto cobra resposta de Flávio Dino"


  1. LUIS HENRIQUE

    O problema não é totalmente do governador e sim de todos. Já pensou se o legislativo fizesse a sua parte, propondo a mudança na CF/88, através de uma Emenda Constitucional que modificasse o código penal, estabelecendo no mínimo a prisão perpétua ou prisão de 40 anos para estes tipos de crimes, assim como tráfico de drogas, crimes contra a administração pública (aqueles mais graves), crimes hediondos, entre outros, ai sim haveria uma mudança nesta atual conjuntura negativa que assola a nossa sociedade.
    É importante não culpar só os nossos governantes, pois existem outros atores envolvidos diretamente com o problema, a exemplo do legislativo federal, principalmente este, pois se cumprisse o seu papel como previsto na Constituição Federal: legislar para o bem estar de toda a sociedade brasileira, certamente o rumo seria outro..
    Sugestão nobre deputado: em vez de criticar passe a trabalhar para minimizar esta situação caótica pela qual encontra-se a nossa segurança pública!

  2. Luis Henrique

    O problema não é totalmente do governador e,sim envolve toda a sociedade.
    Já pensou se o legislativo fizesse a sua parte, propondo a mudança na CF/88 com uma Emenda Constitucional que modificasse o código penal, estabelecendo no mínimo a prisão perpétua ou prisão de 40 anos para estes tipos de crimes, assim como tráfico de drogas, crimes contra a administração pública (aqueles mais graves), crimes hediondos, entre outros ai sim haveria uma mudança nesta atual conjuntura negativa que assola a nossa sociedade.
    É importante não culpar só os nossos governantes, pois existes outros atores com o problema, a exemplo do legislativo federal, principalmente este cumprindo o seu papel que está previsto na Constituição Federal: legislar para o bem estar de toda a sociedade brasileira.
    Sugestão nobre deputado: em vez de criticar passe a trabalhar para minimizar esta situação caótica em que se encontra a nossa segurança pública!

deixe seu comentário