Cutrim rebate Portela e reafirma críticas

0comentário

O deputado Raimundo Cutrim (PCDoB) utilizou a Tribuna da Assembleia Legislativa, na sessão desta quinta-feira (1º) para rebate as críticas feitas pelo secretário Jefferson Portela que o classificou de “covarde ” e “demônio”.

Segundo Cutrim, o secretário mais uma vez demonstrou falta de preparo e desequilíbrio para o cargo que ocupa.

“Achei estranho de ver tamanho desequilíbrio do secretário. É o que mostra que ele não está preparado para o cargo. Primeiro, eu não entrei em um aspecto de mérito, falei no aspecto formal. O que eu disse? Eu não entrei no lado pessoal, da vida pessoal do Secretário e ele, com o desequilíbrio que todo mundo conhece, entrou até no aspecto de polícia partidária, que isso é crime eleitoral. Ele não pode estar influenciando A, B ou C, votar em A, B, ou C, então isso é crime e que o Ministério Público Eleitoral tem que tomar providências. O desequilíbrio foi tão grande que ele veio me atingindo pessoalmente”, disse.

Raimundo Cutrim reafirmou as críticas que tem feito ao secretário na Assembleia e mais uma vez mencionou a falência da Segurança Pública no Maranhão.

“Nós aqui deputados, nós temos que ter cuidados, porque do jeito que está indo, nós vamos ficar impedidos de falar, nós vamos ficar proibidos de falar aqui, a nossa imunidade parlamentar vai acabar. Vem um secretário do grupo do governo, da nossa base, e chegar a agredir um parlamentar do nada, com fatos meramente pessoais, e aí nós não podemos ficar agachados para um ‘secretariozinho’ desses. Ele tem é que trabalhar, ele tem que mostrar trabalho porque a segurança acabou no estado, só ele que não sabe. A segurança do estado não existe, não existe a segurança no estado, não tem credibilidade, não tem profissionalismo, não existe, o índice de criminalidade está lá em cima”, finalizou Cutrim.

Clique aqui e veja na íntegra o discurso de Cutrim

Sem comentário para "Cutrim rebate Portela e reafirma críticas"


deixe seu comentário