Detran-MA inicia implantação da placa Mercosul

0comentário

O Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran-MA) inicia, na próxima segunda-feira (3), em todo o Estado, a implantação das novas Placas de Identificação Veicular (PIVs) no padrão Mercosul. Todos os veículos zero quilômetro que forem emplacados a partir desta data, receberão as placas no novo modelo. 

O prazo máximo de adesão, determinado para o dia 31 de janeiro, pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), exige a implantação da nova placa por todos os órgãos e entidades executivas de trânsito em todo o País. 

As novas placas serão obrigatórias apenas nos casos de primeiro emplacamento; em mudança de município ou unidade federativa; roubo, furto, dano ou extravio da placa; ou em situação de necessidade de instalação da segunda placa traseira. 

Nos demais casos, os proprietários de automóveis têm até cinco anos para efetivar a mudança da placa antiga para o modelo Mercosul. Porém, aquele que desejar realizar a mudança de imediato, basta buscar uma unidade do Detran-MA. 

A nova placa não possui lacre e tem validade em todo território nacional, por isso não precisa de troca em caso de mudança de município ou unidade da federação. Além disso, ela possui um código de barras, “Quick Response Code” (QR Code), contendo o número de série e informações do banco de dados dos fabricantes e estampadores das placas, evitando possíveis fraudes.

Padrão

A nova PIV apresenta o padrão com quatro letras e três números, o inverso do modelo, atualmente, adotado no país com três letras e quatro números. A cor de fundo também sofrerá mudança e passará a ser totalmente branca. A mudança também ocorrerá na cor da fonte para diferenciar o tipo de veículo: preta para veículos de passeio, vermelha para veículos comerciais, azul para carros oficiais, verde para veículos em teste, dourado para os automóveis diplomáticos e prateado para os veículos de colecionadores.

Foto: Divulgação

Sem comentário para "Detran-MA inicia implantação da placa Mercosul"


deixe seu comentário