Lava Pratos reúne mais de 100 mil em Ribamar

1comentário

Mais de 100 pessoas se despediram oficialmente do carnaval 2018, durante este final de semana no tradicional Lava Pratos, festa realizada no município de São José de Ribamar, que chegou a sua 72ª edição.

Durante os dois dias do evento, os foliões puderam dançar, cantar e se esbaldar ao som de diversas atrações locais e nacionais. Porém quem deu o tom do Lava Pratos deste ano, foi a bicampeã do carnaval de São Paulo, Acadêmicos do Tatuapé. A escola, que conquistou seu segundo título consecutivo, mostrou o carisma da escola que cantou em pleno Sambódromo, as belezas e religiosidade do estado que tem como padroeiro, São José de Ribamar.

O público presente, não decepcionou e com um gigantesco coral de vozes também fez ecoar no Parque Folclórico, Teresinha Jansen, o samba-enredo que rendeu o título a escola. Na avenida Gonçalves Dias, entre blocos e escolas de samba, mais de 20 agremiação desfilaram no circuito da Sede, instalado ainda no Carnaval Tradicional.

Frederico Costa e Renata Antunes, turistas de Salvador que passaram o carnaval no Maranhão, falaram da dupla emoção em poder participar da festa e ainda com a presença da escola campeã. “Nossa, que emoção! Vamos levar para Salvador só lembranças e imagens de uma festa muito bem organizada e claro que com a presença de uma escola vencedora, se torna ainda mais mágico”, disse a visitante.

Bastante emocionado, o presidente da Acadêmicos do Tatuapé agradeceu a energia dos ribamarenses além é claro da intercessão e bênção especial que recebeu do santo padroeiro.

“Prometi que voltaríamos aqui se conquistássemos o título, e assim estamos fazendo. Estamos muito felizes com o título, com o apoio e carinho que recebemos dos ribamarenses além é claro da valorosa intercessão e bênçãos de São José de Ribamar que rendeu a conquista do bicampeonato da escola”, agradeceu o presidente durante celebração religiosa realizada no Santuário de São José de Ribamar.

Além do orgulho e satisfação pela homenagem feita ao terceiro maior município em população do Maranhão, o prefeito Luis Fernando destacou o incremento turístico que o destino recebeu.

“Além da homenagem, que rendeu título a escola, nossa emoção é ainda maior em saber que agora, São José de Ribamar, também é destaque em mais de 170 países e isso sem dúvida nos coloca na prateleira de oportunidades internacionais”, pontuou o gestor que também participou da celebração no santuário acompanhado de diversas autoridades, entre elas, o vice-governador, Carlos Brandão, os deputados estaduais Bira do Pindaré e Neto Evangelista, vereadores e o vice-prefeito Eudes Sampaio.

Lava Pratos

Sem nenhum registro de ocorrência grave, a 72ª edição do Lava Pratos contou com um forte esquema de segurança colocando mais de 700 homens da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal além de segurança privada. Barreiras foram montadas ao longo das principais entradas de acesso para a cidade, com orientação para os condutores além de do bafômetro e verificação de documentação.

Na área da saúde, durante os dois dias, um forte esquema foi montado com oferta de atendimento médico que contou também com três ambulâncias, equipes médicas e de enfermeiros e auxiliares, além de distribuição de preservativos e orientação sobre doenças sexualmente transmissíveis.

Fotos: Wanderson Silva

1 comentário »

Ribamar é destaque no sambódromo de SP

0comentário

Já na madrugada deste sábado (10), a escola de samba Acadêmicos do Tatuapé, quinta a desfilar no Sambódromo do Anhembi, levantou milhares de expectadores com o enredo “Maranhão, os Tambores vão ecoar na Terra da Encantaria”. A campeã do Carnaval de São Paulo em 2017, falou da história, belezas e religiosidade da cidade que leva o nome do santo padroeiro, São José de Ribamar.

O público que lotou as arquibancadas não poderia reagir diferente e em um verdadeiro coral de vozes ecoou na avenida o “Viva São José, Venha Me Valer” que agora foi anunciado e será conhecido para mais de 170 países. A escola que já é apontada como provável vencedora do desfile deste ano, não poupou esforços para fazer bonito na avenida.

O presidente da Acadêmicos do Tatuapé, Eduardo Santos, disse inclusive que os últimos dias foram de muito trabalho e concentração para que o resultado fosse esse, um grande desfile na avenida
“Estamos felizes com o resultado e temos certeza que as bênçãos que recebemos de São José de Ribamar foi de grande importância para uma feliz passagem da escola no Sambódromo”, disse confiante o presidente.

O prefeito Luís Fernando disse que a cidade que completou 65 anos de história “agora entra pra história com tão grande homenagem”.

“Muito feliz com tão grande e importante homenagem que ganhamos de presente. Uma cidade tão rica em belezas e religiosidade agora sendo apresentada para o mundo”, disse o prefeito.
Com 26 alas, cinco alegorias e 3.200 integrantes, a Acadêmicos do Tatuapé teve um desfile sem contratempos. O grande destaque foi a bateria, comandada por Higor Oswaldo da Silva, o Mestre Higor, que conseguiu introduzir a base do Reggae, outra característica do Maranhão, um dos mais tocados no Estado.

Outro destaque que chamou a atenção no desfile foram os suntuosos carros alegóricos, trazendo o pórtico de entrada da cidade além da figura do santo padroeiro. A Acadêmicos do Tatuapé conseguiu cruzar o sambódromo dentro do tempo, não interferindo na evolução da escola.

Carnaval Ribamarense

A folia momesca também invade a partir deste sábado (10) as ruas da cidade. Com vasta programação cultural, organizada pela Prefeitura de São José de Ribamar, o carnaval ribamarense começa oficialmente na noite deste sábado (10), no circuito da Avenida Gonçalves Dias, Sede da cidade.

Com o tema “São José na Passarela do Mundo”, a edição deste ano, pega carona na grande homenagem da escola paulista, Acadêmicos do Tatuapé. A partir das 21h, no palco montado em frente à Câmara Municipal, se apresentam grupos carnavalescos, dentre eles blocos organizados e tradicionais, grupos afro e tambor-de-crioula. A noite de diversão será encerrada com o show da banda As Rupinéias.

Foto: Ardilhes Moreira/G1

sem comentário »