Premiações encerram JEMs 2018 no infanto

0comentário

Após 17 dias de competições, etapa infantil e infanto, os Jogos Escolares Maranhenses (JEMs) 2018 foram encerrados nesta segunda-feira (27) premiando e reconhecendo o trabalho de cada escola participante das categorias coletivas. Promovidos pela Secretaria de Esporte e Lazer (Sedel), os JEMs contaram com a participação de 112 municípios e 75 mil alunos envolvidos, em média, em sua 46ª edição.

Voleibol

As disputas realizadas no Ginásio Manoel Trajano consagraram a equipe do ADONAI COC de Açailândia como campeã do vôlei feminino. A equipe venceu a escola Santa Luzia de Imperatriz por 3 sets a 0.

A vice-campeã Santa Luzia foi seguida pelo Centro Educacional Montessoriano – Reino Infantil de São Luís que ficou em 3º lugar após vencer o Liceu Maranhense por 2 sets a 0.

Pelo vôlei masculino, o IFMA de Imperatriz superou o Colégio Batista de São Luís e ficou em 3º lugar, após placar de 2 sets a 0. Em partida com participação enérgica das torcidas, a escola Augusto Batista de Timon ficou em 1º lugar ao vencer o Divino Mestre de Açailândia pelo placar de 3 sets a 1.

Futsal

Na quadra do Ginásio Costa Rodrigues, o Magnólia de São Luís venceu o C. Millenium de São José de Ribamar por 4 a 1 e ficou em 3º lugar no masculino do futsal. A grande final foi disputada pelo Getúlio Vargas de Cantanhede que faturou o campeonato por 4 a 2 em cima do Instituto Bom Pastor.

O Instituto Bom Pastor ficou em 1º lugar no feminino ao derrotar o Olympus de Codó. O placar final apontou 1 a 0 para o Instituto Bom Pastor. O 3º lugar ficou com o Isaac Martins de Tuntum que venceu o João Teixeira de B.V. Gurupi por 5 a 3.

Basquetebol

No ginásio Costa Rodrigues, o título de campeã do basquete feminino foi para o Educallis que marcou 70 a 16 contra o Bernardo Serra de Chapadinha. O 3º lugar foi para o Nascimento Moraes de Imperatriz que venceu Barjonas Lobão, também de Imperatriz, por 32 a 31.

O 1º lugar no masculino foi para o colégio Upaon-Açu de São Luís por ter superado o Reino Infantil por 46 a 41. O Educallis de São Luís garantiu lugar no pódio com o 3º lugar ao marcar 59 a 43 contra o Renê Bayma de Codó.

Handebol

Com partidas realizadas no Ginásio Castelinho, o 1º lugar no masculino pelo handebol foi para o Barbosa de Godóis de São Luís por ter vencido o Batista de Codó por 36 a 12. O Liceu Maranhense venceu o Colégio Militar Tiradentes por 35 a 27 e ficou em tereiro.

O Barbosa de Godóis não conseguiu repetir o feito no feminino e perdeu para o Santo Expedito. O placar apontou 19 a 18 para o Santo Expedito que garantiu o 1º lugar.

Completando o pódio o CEBAMA de Imperatriz marcou 30 contra 14 do Ester Flora de Urbano Santos e garantiu a 3º colocação.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Atletas do Maranhão tem decepção nos JEBs

3comentários

Eles fizeram bonito e garantiram ao Maranhão a medalha de prata nos Jogos Escolares da Juventude, em Curitiba, mas o final da história é lamentável e vai ficar marcado para o resto da vida desses atletas.

Os garotos do Adonai, de Açailândia decidiram ontem à tarde, a medalha de ouro, mas foram derrotados pelo Paraná, por 3 a 1. Mas a conquista da prata seria motivo de orgulho aos garotos do interior não fosse a decepção vivida ontem à noite.

Eles tiveram que deixar às pressas o ginásio onde disputaram a final por conta da viagem de retorno ao Maranhão que aconteceria ontem à noite e sequer receberam a premiação pela medalha conquistada com muito suor e treinamento.

Ir ao jogos, conquistar uma medalha tão difícil e voltar para casa sem ela é uma decepção sem tamanho…

O blog apurou que a passagem de volta dos meninos foi marcada para a noite da quarta-feira (20), mas o time foi muito bem e se classificou para a final que foi disputada ontem e teve que ser remarcada às pressas. Tudo isso para não pagar uma diária e permanecer em Curitiba até hoje.

Hoje cedo, as atletas campeãs pelo Reino Infantil tiveram que ir para o aeroporto de táxi, pois o ônibus que levaria a delegação ao aeroporto atrasou. Antes, na quarta-feira, a delegação do Maranhão teve que trocar de hotel faltando um dia para o término da competição.

Ainda em tempo quero registrar que antes do embarque para Curitiba, ainda no sábado, várias delegações foram receber, no aeroporto Hugo da Cunha Machado, o uniforme da delegação do Maranhão e foi aquele corre-corre nos banheiros.

Atletas maranhenses premiados em modalidades individuais chegaram a subir ao pódium inclusive sem a nossa bandeira.

Por tudo isso, vale o registro e o pedido àqueles que podem fazer alguma coisa que repensem a forma como estamos fazendo esporte no Maranhão. O mínimo que os nossos atletas merecem é respeito.

… Mas tudo o que aconteceu não tira o brilho dos nossos atletas em Curitiba. Parabéns, Adonai pela grande conquista!!!!

Fica o espaço para quem quiser esclarecer o que aconteceu….

Foto: Divulgação/ Sedel

3 comentários »