Famem debate com DNIT melhoria nas BRs

1comentário

A partir de segunda-feira (3), o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes, DNIT, dará continuidade às obras de duplicação da BR-135 no trecho entre Miranda e Caxuxa. Parte das obras será realizado pelo Batalhão de Engenharia de Construção do Exército.

A informou foi repassado ao prefeito Miltinho Aragão durante audiência da bancada federal do Maranhão com o diretor-geral do DNI, general Santos Filho, da qual o prefeito participou como representante da entidade municipalista maranhense. O encontro faz parte do Ciclo de Planejamento Conjunto com os Parlamentes no qual o órgão federal busca debater assuntos prioritários na área de infraestrutura de cada Estado. O coordenador da bancada, deputado Juscelino Filho, e o senador Weverton Rocha foram os interlocutores do estado com o diretor-geral do órgão.

“A Famem está acompanhando toda as discussões e projetos de melhoria, pois dizem respeito ao interesse dos nossos Municípios. Como também estamos pleiteamos que as empresas recolham os tributos de ISS em favor de cada município por onde passa a rodovia”, afirmou Miltinho Aragão. A solicitação ganhou aprovação imediata do general Santos Filho.

A equipe de planejamento do DNIT apresentou diagnóstico das rodovias maranhenses e as providências em curso. Segundo acentou o diretor-geral do DNIT, o Maranhão é o estado que apresenta as rodovias em piores condições no país.

Vários estudos estão sendo feitos para investimentos futuros nas rodovias que cortam o estado a partir de 2020, com a bancada federal se comprometendo em alocar recursos. A duplicação dos dois trechos da BR 135, estão pendentes em razão de problemas com empresas e TCU. Esforços da Bancada e DNIT se esforçando para urgente resolução. O Exército deverá assumir pelo menos parte, com rescisão de contrato com uma das empresas.

No encontro foram tratados diversos assuntos, como a duplicação da BR-135/MA, a pavimentação e o contorno de Timon, na BR-226/MA e na BR-316/MA, a adequação de travessia urbana em Imperatriz (BR-010/MA), além da manutenção do IP4 de Tiriaçú, da execução de serviços de dragagem no Rio Mearim e a desobstrução do leito da Hidrovia do Parnaíba.

Coordenador da bancada maranhense, o deputado federal Juscelino Filho (DEM/MA) enalteceu essa aproximação do DNIT com os parlamentares. “A bancada está à disposição para ajudar e vamos fazer o que estiver ao nosso alcance para a construção do orçamento de 2020. Peço para mantermos essa relação próxima com o DNIT e, com essa transparência, quem ganha é o Estado do Maranhão”, elogiou o deputado federal.

Foto: Magno Romero

1 comentário »

Hildo busca soluções no Dnit para problemas em BRs

0comentário

O deputado federal Hildo Rocha (MDB) tem consciência de que a luta em defesa da duplicação da BR-135 e o trabalho em busca de soluções para os inúmeros problemas das demais rodovias federais que cortam o território maranhense são tarefas difíceis. Mas o parlamentar não desiste. (Clique aqui e veja o vídeo).

Corajoso E insistente, Rocha faz uso de todos os meios possíveis para solucionar os problemas: cobra na tribuna da câmara; vai ao canteiro de obras; discute soluções com diretores do Dnit e busca entendimentos entre Fundação Palmares, Ministério Público Federal, Defensoria Pública da União, entre outras instituições envolvidas nas questões.

BR-135

Durante o período em que coordenou interinamente a bancada federal, Hildo Rocha articulou com a bancada e conseguiu convencer o Ministro Tarcísio Freitas, da Infraestrutura, e o diretor-geral do Dnit, General Santos Filho, a visitarem o Maranhão para constatar in loco os graves problemas da BR-135.

Desdobramentos da visita

Na última quinta-feira, Hildo Rocha  se reuniu com o diretor administrativo e financeiro do Dnit, Márcio Lima Medeiros, que está respondendo pela direção geral do órgão, com a finalidade de obter informações atualizadas acerca das providências adotadas após a vinda do Ministro da Infraestrutura e do Diretor Geral do Dnit ao Maranhão.

“Tem um mês que o ministro Tarcísio e o diretor geral do Dnit, General Santos Filho visitaram o Maranhão e puderam constatar a situação em que se encontra a BR 135. Agora, volto ao Dnit para saber quais foram as providências tomadas em relação à recuperação dos trechos mais danificados da BR-135”, explicou o deputado.

Nova construtora contratada

De acordo com informações fornecidas ao parlamentar, pelo diretor administrativo e financeiro do Dnit, já existe outra construtora autorizada pelo Dnit para fazer todo o trabalho necessário para restauração do pavimento da primeira etapa da duplicação.

“Quanto à duplicação do segundo trecho, de Bacabeira a Entroncamento, e da etapa seguinte, de Entroncamento a Miranda do Norte. existem duas situações, dois entraves que ocasionaram a paralisação das obras. Os dois entraves foram resolvidos. Agora, caminha-se para o retorno das obras da duplicação, assim que diminuir as chuvas. Fiquei feliz com as informações, pois pude constatar que após a vistoria realizada pelo Ministro Tarcísio e pelo Diretor Geral do Dnit, General Santos Filho, foram adotadas soluções” comentou o deputado.

BR-222

Outra informação animadora obtida pelo deputado Hildo Rocha é referente às obras de recuperação da BR 222. “O trecho da BR-222, de entroncamento até a cidade de Chapadinha está precário, está cheio de buracos, de crateras. Passei por lá recentemente e constatei essa triste realidade. Mas, Dr. Márcio me garantiu que os recursos já estão assegurados e a obra de restauração da BR-222 já foi autorizada, inclusive  já foi feito o reempenho dos recursos”, destacou Hildo Rocha.

BR-226

Acerca da BR-226, Dr. Márcio informou que ainda este ano o Dnit irá fazer o contorno da cidade de Timon, para tirar de dentro da cidade o trânsito pesado que ocasiona muitos transtornos para a população daquela cidade. “Sobre a pavimentação dos 75 km da BR-226, de Timon até Presidente Dutra, a obra será concluída até início de 2021, segundo fui informado pelo diretor do órgão”, destacou Hildo Rocha.

BR-010/ Passagem Urbana em Imperatriz

Hildo Rocha lamentou que a obra de duplicação da BR 010 no trecho urbano da cidade de Imperatriz ainda não tenha os recursos totalmente assegurados. “É uma obra importantíssima para a região Tocantina. É um trecho de apenas 11 km, mas é uma obra de custo elevado porque inclui muitas indenizações e intervenções complexas. A obra está orçada em mais de R$ 200 milhões de reais, entretanto até o momento estão assegurados para esse ano somente R$ 30 milhões que foram conseguidos por mim e pelo Senador Roberto Rocha, por meio de emenda coletiva de nossa iniciativa. Em relação ao total necessário é pouco, mas dá para ir tocando a obra até que possamos conseguir os recursos suficientes para a execução do projeto na sua plenitude”, argumentou Hildo Rocha.

Incansável, dedicado e perseverante, Hildo Rocha tem demonstrado incomum dedicação às causas que defende, mesmo sabendo que algumas são demasiadamente difíceis.

Há um ditado simplório que diz: “Água mole em pedra dura tanto bate até que fura”. Hildo Rocha demonstra acreditar nessa premissa popular. Que assim seja pois dessa perseverança poderão sair as soluções de problemas que há décadas muito se fala e pouco se faz. Agora tem sido diferente.

Foto: Divulgação

sem comentário »

César Pires cobra solução de problemas em rodovias

0comentário

O deputado César Pires (PV) cobrou solução para a precária situação das rodovias estaduais do Maranhão ao enfatizar, na tribuna da Assembleia Legislativa, que os parlamentares estaduais estão mais preocupados em cobrar a recuperação das estradas federais. “A reclamação aqui é constante com relação às BRs, mas não devemos esquecer que nossa obrigação é fiscalizar o estado das MAs e defender a segurança dos maranhenses que circulam perigosamente por essas vias”, enfatizou ele.

“Não ouvi reclamações das MAs, que estão tão precárias quanto as BRs. Parece que só trafegamos por BR, quando direcionamos nossas cobranças ao presidente Bolsonaro e ao do ministro do Transporte. Sobre a situação das nossas rodovias, há no plenário um silêncio franciscano como se estivéssemos num mosteiro”, ironizou o deputado.

César Pires citou como exemplos a MA-201 (estrada de Ribamar), a MA-026, em Vargem Grande, e as rodovias que levam à Baixada, passando pelos municípios de São Bento, Cajapió e São Vicente de Ferrer. “São estradas em péssimas condições. Nós podemos silenciar, como deputados estaduais, ou a nós compete fazermos os trabalhos dos deputados federais, tratando só das BRs?”, questionou ele.

O deputado ressaltou que todos os demais parlamentares estaduais, que costumam viajar de carro pelas várias regiões do Maranhão, sabem que há muitas rodovias estaduais tão precárias quanto as BRs.

“Sofremos prejuízos com nossos carros e toda a população tem a sua segurança ameaçada ao trafegar por essas estradas. Então, como deputados estaduais, não podemos silenciar diante da nossa responsabilidade de lutar pela recuperação das MAs”, ressaltou César Pires.

Ele concluiu lembrando que foi um dos primeiros a cobrar a duplicação da BR-135, e que se recusou a participar da inauguração às pressas “de uma obra mal feita”, referindo-se à entrega do primeiro trecho da duplicação da rodovia que dá acesso a São Luís. “Essa situação merece nossas críticas e reivindicações, mas sem ficarmos míopes com relação às MAs. Devemos unir esforços, pois vivemos no mesmo Maranhão e trafegamos nas mesmas estradas”, finalizou.

Foto: Agência Assembleia

sem comentário »

Jota Pinto pede que DNIT faça melhorias em BR’s

0comentário

O deputado Jota Pinto (PEN) ocupou a tribuna, na manhã desta terça-feira (17), para alertar que estão precários muitos trechos das rodovias federais que cortam o Maranhão. Ele frisou que irá formular um pedido de informação ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), para saber quais são as providências que estão sendo tomadas para a melhoria da malha federal no Estado.

“Evidentemente, temos que lutar para que nós, que moramos neste estado, as pessoas que vêm de outros estados, que entram em nosso estado tenham uma segurança maior ao trafegar nas BR’s do estado do Maranhão”, afirmou Jota Pinto.

Ele disse que, no último fim de semana, realizou uma viagem à região de Santa Filomena e lá percebeu o quanto está deteriorada a BR-135. “Esta BR, até Miranda do Norte, está perfeita, sem buracos e bem sinalizada. De Miranda do Norte para frente, é buraco em cima de buraco, sem nenhuma sinalização. Nesse período chuvoso, a gente vê muito buraco e nenhuma sinalização, o que representa risco e perigo para as pessoas que trafegam na BR-135”.

Jota Pinto afirmou ainda que o DNIT precisa ser questionado porque qualquer pessoa, saindo do Maranhão, percebe que as estradas federais dos outros estados apresentam boa qualidade e um bom estado de conservação.

“Eu acredito que, se os outros estados têm uma boa estrada, por que aqui no Maranhão não se pode ter? Se são tão bem sinalizadas em outros estados, por que no Maranhão não podem ser? Então fica esse registro da nossa preocupação com as nossas BR’s que estão com muitos buracos e com falta de sinalização”, afirmou Jota Pinto, ao encerrar seu pronunciamento.

Foto: Kristiano Simas/ Agência Assembleia

sem comentário »