Francisco Diá ganha opções para estreia do Sampaio

4comentários

O Sampaio poderá ter novidades para a estreia contra o Coritiba, no Campeonato Brasileiro Série B.

Com os reforços que recebeu esta semana, o técnico Francisco Diá ganha várias opções.

No coletivo realizado ontem à tarde, no estádio Castelão, a novidade na equipe foram o meia Danielzinho. O lateral Kaique subistituiu a Allysson que se recupera de contusão.

O time que treino foi Andrey; Bruno Moura, Maracás, Joecio e Kaique; William Oliveira, Silva, Fernando Sobral e Marlon; Danielzinho e Uillian Barros.

Além de Danielzinho, a expectativa é que o lateral-direito Marcelo, o volante Diego Silva, o meia Rodriguinho e atacante Bruninho sejam regularizados e fiquem à disposição do técnico Diá.

Dos novos, apenas o atacante Alvinho que esperado hoje não deve ficar como opção.

Sampaio e Coritiba se enfrentam neste sábado, às 19h, no Estádio Castelão, em São Luís, com portões fechados.

Foto: Reprodução/ TV Mirante

4 comentários »

Pimentinha pode jogar na Coréia do Sul

2comentários

Pimentinha

O destino do atacante Pimentinha pode ser o futebol sul-coreano.

O jogador teria recebido uma proposta para se transferir para o exterior. Pimentinha nega, mas a assessoria do clube confirmou ao Globoesporte.com que o Sampaio tem uma proposta do exterior para Pimentinha.

“Pimenta recebeu uma proposta do exterior. O presidente Sérgio Frota está conversando com o empresário (do jogador) para definir a situação”, afirmou a assessoria do clube.

O jogador tem contrato com o Sampaio até março de 2018.

O Sampaio quer aproveitar a proposta para negociar o jogador que já está com 28 anos. Além disso, desde o ano passado, Pimentinha chegou a perder a condição de titular por conta das contusões.

Desde a semana passada, por exemplo, Pimentinha não treina por conta de um desconforto muscular.

A situação sobre a sua saída para o exterior deve ser definida nos próximos dias.

Foto: Biaman Prado/ O Estado

2 comentários »

Pimentinha é dúvida

2comentários

Pimentinha

No treino desta quarta-feira, no Castelão, o técnico Léo Condé começou a definir o time que entrará em campo para enfrentar o Paysandu, na 13ª rodada da Série B.Com a ausência de Willian Simões, que está lesionado, a principal novidade foi a entrada de Renan Oliveira na lateral-esquerda do time.

Caso confirme Renan Oliveira no time titular, a escalação do Sampaio deverá contar com Ruan; Daniel Damião, Luiz Otávio, Plínio e Renan Oliveira; Moisés, Diones, Nadson e Válber; Pimentinha e Douglas. Vale lembrar que o goleiro Rodrigo também está lesionado e por isso Ruan retornou ao time titular.

Além da novidade, no treino desta quarta, Condé fez um trabalho com apenas nove jogadores na linha. Um dos objetivos do técnico é aprimorar a marcação do Tricolor no campo defensivo. Quando treinou com os 11 em campo, Condé testou uma formação com Alex Maranhão no lugar de Valber.

O atacante Pimentinha pode ficar de fora da partida, deste sábado, contra o Paysandu. Já na parte final do treino, desta quarta-feira, o atacante recebeu uma pancada no tornozelo em uma disputa de bola com o zagueiro Mímica.

Pimenta deixou o treino carregado e desde então faz tratamento intensivo com gelo. Nesta quinta, o jogador será avaliado para saber se embarca com a delegação para Belém-PA

Com 21 pontos, o Sampaio é o sétimo colocado na Série B. O Tricolor volta a campo no próximo sábado quando encara o Paysandu, às 16h30 no Mangueirão.

Foto: Biné Morais/ O Estado

Leia mais

2 comentários »

Estratégia errada

23comentários

flavioaraujo

A derrota ou vitória (digo a classificação) do Sampaio diante do Palmeiras seria mesmo creditada ao técnico Flávio Araújo. O treinador viu o time aceitar a estratégia do Palmeiras, no segundo tempo ao atrair o Sampaio para depois fazer os gols que precisava numa estratégia prá lá de manjada, mas que o time maranhense aceitou e o Palmeiras acabou fazendo três gols, o que ao meu ver foi até demais…

Flávio planejou uma estratégia de jogo que deu errado no final, mas nem por isso deve ser massacrado pelos críticos, embora necessite assimilar as críticas. Pensou que repetindo as alterações do primeiro jogo seria suficiente para surpreender, de novo o Palmeiras.

Não gosto dos dois atacantes que entraram jogando. Para mim, Edgar, Pimentinha e até Válber são melhores que a dupla Valdir e Willian Paulista. E Válber é mais atacante do que meia. Mas longe de mim de querer escalar time de futebol.

Flávio não viu que Arlindo Maracanã estava mal em campo. Perdia lances bobos e errava passes demais. Para piorar a situação, cansado foi deslocado para a lateral-direita e foi pior. Por lá, o Palmeiras arrancou para fazer 3 a 0.

Costumo achar que no futebol a melhor defesa é o ataque. E o Sampaio no primeiro tempo embora tenha tido maior domínio de bola criou apenas uma oportunidade com Willian Correa. Para vencer precisaria ter criado muito mais.

Além disso, a defesa que é modificada a cada partida continua sendo o ponto mais vulnerável. Assim como as duas laterais que nunca acertam. Flávio deveria ter visto tudo isso.

O certo é que o Sampaio fez dois tempos distintos e caiu muito no segundo. E as alterações efetuadas, ao contrário do que pensava o treinador não surtiram qualquer efeito. Flávio mudou tarde e deixou que o Palmeiras fizesse a vantagem mínima que já significava a classificação.

O que aconteceu nos acréscimos foi consequência da postura errada do time que abidicou de jogar futebol no segundo tempo e perdeu para um time que não tem nada demais.

Foto: Marcos Ribolli/ Globoesporte.com

23 comentários »

Na galera…

18comentários

4bd507ff408c1ef806d572fb64c40787

b9633bb7af6782f064b14076c341a7f0

7e3dda5e053dec92ff30c15d78ab9c34

Não foi nenhuma surpresa e muito menos a primeira vez que o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PTC) esteve no Estádio Castelão para prestigiar o Sampaio no Campeonato Brasileiro Série C.

Edivaldo é um dos muitos motenses que deixaram a rivalidade de lado e foram torcer pelo sucesso do futebol maranhense. E fez isto não apenas contra o Vila Nova, mas em muitos jogos do Sampaio, no Brasileirão.

O prefeito assistiu a vitória do Sampaio no setor 1 – o setor mais popular do Castelão. E caiu literalmente nos braços da galera…

E como todo bom torcedor de estádio de futebol fez questão de ouvir o jogo num radinho de pilha.

Tão importante quanto a presença de Edivaldo Holanda Júnior nos jogos do Sampaio é o recado que fica do torcedor.

A presença do prefeito e sempre muito bem-vinda. Melhor ainda quando ele, na condição de torcedor consegue perceber a importância que o futebol tem e procura investir para que as nossas equipes possam brilhar no cenário nacional.

Que o prefeito continue indo ao Castelão e que continue dando a sua colaboração para a evolução do futebol maranhense.

Assim, todos ganham: o Sampaio, São Luís e o Maranhão.

18 comentários »

Imperatriz pega o MAC, Sampaio recebe Balsas

2comentários

Quatro jogos serão realizados nesta quinta-feira pela 6ª rodada do primeiro turno do Campeonato Maranhense.

O destaque fica por conta de Imperatriz e Maranhão que se enfrentam às 20h15, no Frei Epifânio, em Imperatriz. O jogo é decisivo e vale a 2ª colocação. O técnico Meinha terá os retornos de Marcelo, Tica, Luís Jorge e Casagrande. O meia Jackson está fora. O Imperatriz aposta na excelente fase de Lindoval.

Para defender a liderança isolada, o Sampaio enfrenta o Balsas, às 10h15, no Nhozinho Santos com três desfalques: Robinho, Deca e Célio Codó. Os substitutos serão. respectivamente Germano, Jeferson e Júnior Chicão. Mesmo com os desfalques, o Sampaio não deve encontrar dificuldade para garantir mais três pontinhos.

No mesmo horário, no Correão, o Bacabal enfrenta o Americano. O novo técnico do BEC, Erasmo Forte, que comandou o Maracanã no Campeonato Cearense faz a sua estreia. Ele assume o lugar de Mael Reis que agora fica como auxiliar técnico. A missão de Forte será levar o Leão às semifinais do turno.

A rodada será aberta à tarde, com o jogo entre Santa Quitéria e Cordino, às 15h45, no Rodrigão.

2 comentários »