Deodoro e Rua Grande ganham cara nova

4comentários

O público do centro comercial de São Luís acompanha e aprova o avanço de cada etapa das obras de reforma da Rua Grande e do Complexo Deodoro, que compreende as praças Deodoro, Pantheon e as alamedas Silva Maia e Gomes de Castro. A obra – realizada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em parceria com a Prefeitura de São Luís – caminha conforme cronograma, e o resultado dos serviços já podem ser observados, especialmente na Praça Pantheon e na primeira quadra da Rua Grande, onde os serviços estruturais já foram concluídos.

“O avanço da obra conta com a importante avaliação da população, que acompanha de perto os serviços que vêm sendo executados na área. Sem dúvidas, são melhorias que beneficiam tanto quem trabalha no centro comercial, quanto o público consumidor. Estou muito feliz em observar que os reflexos positivos desse trabalho, executado pelo Iphan em parceria com  a Prefeitura,  já começam a ser notados pela população”, ressalta o prefeito Edivaldo, que com a presidente do Iphan, Kátia Bogéa e com o superintendente do instituto, Mauricio Itapary, tem feito constantes visitas ao local para vistoriar e ver perto o andamento dos serviços.

Na Rua Grande, os serviços estruturais, já finalizados na primeira quadra, estão em andamento em outras quatro quadras da via. Até a quarta quadra, estão sendo realizadas as instalações dos sistemas de esgoto, água, drenagem pluvial e elétrica. A segunda quadra, que já conta com calçada e instalações concluídas, recebe também os serviços de pavimentação, com instalação de bloco intertravado na área central. Na terceira quadra começam os serviços de concretagem das calçadas. Já na quinta quadra, avançam os serviços de demolição para que sejam iniciadas as instalações.

O superintendente do Iphan no Maranhão, Maurício Itapary, ressalta que o trabalho segue um planejamento e conta com a parceria do poder público municipal. “Os investimentos vão recuperar um importante conjunto histórico e de grande valor arquitetônico para a cidade, e também uma área comercial que contribui com a economia local e gera emprego e renda para muitas pessoas”, enfatizou o superintendente.

Foto: A. Baeta

4 comentários »