Felipe Camarão debate Novo Ensino Médio

0comentário

Felipe Camarão participa  de discussão sobre novo Ensino Médio, em evento em São Paulo

O secretários de Estado da Educação, Felipe Camarão (MA) e Idilvan Alencar (CE) participaram de uma mesa de discussão da Feira Bett Educar, na tarde de quarta-feira (10), em São Paulo, sobre o Novo Ensino Médio e a implementação nos estados. Com mediação de Gustavo Heidrich, editor da Nova Escola, o evento contou com a expressiva participação de gestores e professores de escolas da rede pública e privada.

O secretário Felipe Camarão destacou o momento como oportuno para a discussão do tema que desde o princípio levantou questionamentos. “A proposta do novo ensino médio traz mudanças que necessitam ser analisadas sob os olhares de todos, como educadores, alunos e entidades que compõem nossa educação. Ter essa discussão com a expressiva participação de educadores só engrandece o processo de mudança que todos teremos que passar”, enfatizou.

Sobre a Bett

Educação, inovação e tecnologia. Estes são os principais pilares adotados pela Bett Educar para a edição de 2017, que iniciou nesta quarta-feira (10) e prossegue até o próximo sábado (13), no São Paulo Expo Exhibition & Convention Center (antigo Imigrantes Expo), na capital paulista.3

Com o intuito de contribuir para a qualidade da educação, o Congresso Bett Educar está organizado de forma a propiciar aos educadores que dele participam, mais do que uma oportunidade de informação, uma real possibilidade de formação. “Na Bett, acreditamos que podemos contribuir para um futuro melhor, como agentes transformadores da mudança na educação. Para isso, reunimos pessoas, práticas, conceitos, tendências, inovação e tecnologias para oportunizar o desenvolvimento dos educadores, maximizando a aprendizagem dos alunos”, diz Vera Cabral, curadora do evento.

Foto: Divulgação/ Consed

sem comentário »

Reunião em Brasília

0comentário

O secretário de Estado da Educação, Pedro Fernandes participou na quinta-feira (31), em Brasília, da reunião do Conselho Nacional de Secretários de Educação – Consed, que contou com a presença do Ministro da Educação, Aloízio Mercadante.

pedrofernandes

Na ocasião o ministro falou das ações já estabelecidas pelo MEC, como o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência – Pibid e Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica – Parfor. Outro assunto em pauta foi o Exame Nacional do Ensino Médio.

“O Enem teve mais de 7,1 milhões de inscritos, com quase universalização da participação dos concluintes do ensino médio em todo o Brasil”, comemorou o ministro.

Mercadante falou, ainda, do lançamento de um novo programa que irá beneficiar os professores e alunos do ensino médio, cujo anúncio oficial ainda será feito.

“A reunião foi muito produtiva. Os temas discutidos foram de grande relevância. Foram passados os programas para o ano que vem, quando o ministério quer trabalhar fortemente, com as secretarias de estado, o ensino médio. O entrave ainda é o financiamento da educação, mas os royalties do petróleo vão dar um importante gás na entrada de recursos”, resumiu Pedro Fernandes.

sem comentário »

Encontro reúne secretários de Educação do país

2comentários

pedrofernandesSerá realizada nesta quinta (14) e sexta-feira (16), a 1ª Reunião Ordinária do Fórum do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed). Um dos temas a serem debatidos na Reunião, que acontecerá no hotel Praia Mar, é o reajuste do piso salarial dos professores. O encontro reunirá os 27 secretários de Estado para discutirem, além do reajuste do piso, a reformulação do ensino médio e estratégias de ações que visam melhorias da educação pública para a nova gestão que foi eleita em fevereiro e comandará o conselho em 2013 e 2014. A abertura solene será feita pelo secretário de Estado de Educação, Pedro Fernandes Ribeiro, e pela presidente do Consed, Maria Nilene Badeca da Costa.

O reajuste de 7,97% no piso salarial nacional dos professores da educação básica anunciado em janeiro é calculado com base no aumento do gasto por aluno no Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica) nos últimos dois anos, como prevê a lei nacional do piso.

Entre as propostas a serem avaliadas pelo fórum está a da União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), juntamente com a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), que se baseia na reposição da inflação pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) e mais 50% equivalente ao crescimento das receitas do Fundeb.

Também participam da Reunião os deputados Reginaldo Lopes (PT-MG), Dorinha Seabra Rezende (DEM-TO) e Wilson Filho (PMDB-PB), membros da comissão de reformulação do ensino médio da câmaras dos  deputados, também estarão presentes no evento para debater sobre a reforma com os secretários.

Foto: Biné Morais

2 comentários »