Mil dias sem tratamento de esgotos em SL

0comentário

Por Andrea Murad

As estações de tratamento do Jaracati e do Bacanga estão em total abandono, e assim como a do Vinhais, também sem os ozonizadores. É importante entender que o sistema de ozônio em uma Estação de Tratamento é responsável pela desinfecção do esgoto e redução do mau cheiro. Sem o ozônio o efluente continua contaminado por vermes, coliformes fecais, bactérias, como a Escherichia Coli, e todo tipo de patógenos que provocam danos à saúde e ao meio ambiente.

Infelizmente, todas as três estações de tratamento em São Luís – Vinhais, Jaracati e Bacanga – estão com as estações de ozônio sem funcionar. A do Vinhais, inaugurada pelo governador Flávio Dino com festa, muita propaganda paga com dinheiro dos contribuintes, como se estivesse funcionando em sua plenitude, nunca desinfectou um litro do esgoto que sai da estação direto para o meio ambiente. E as outras duas, desde que o governador assumiu em janeiro de 2015, também estão sem ozonizadores, abandonadas e despejando esgoto sem tratamento nos manguezais, rios e nas praias de São Luís.

Desafio o governador Flávio Dino desmentir o que estou afirmando. Ele é um criminoso contumaz, dissimulado e mentiroso que coloca toda uma população em risco com suas propagandas mentirosas e aproveito para solicitar ao promotor Fernando Barreto medidas punitivas e corretivas já que pela Assembleia Legislativa nada mais podemos fazer.

Assistam ao vídeo e vejam como estão as ETES do Bacanga e Jaracati, completamente destruídas.

*Andrea Murad é deputada estadual

sem comentário »